A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Armas Químicas A Química da Destruição. Introdução Qualquer guerra é um espetáculo sangrento e abominável. Mas até para matar há limites: as armas não.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Armas Químicas A Química da Destruição. Introdução Qualquer guerra é um espetáculo sangrento e abominável. Mas até para matar há limites: as armas não."— Transcrição da apresentação:

1 Armas Químicas A Química da Destruição

2

3 Introdução Qualquer guerra é um espetáculo sangrento e abominável. Mas até para matar há limites: as armas não devem causar ferimentos supérfluos, cruéis, desumanos ou degradantes. Isso em teoria. Pois o homem inventa, produz, armazena e está pronto para usar um arsenal tão perverso que até a tênue ética da mortandade fica manchada. São as armas químicas chamadas bom atômica dos pobres, pois podem ser preparadas em qualquer país que disponha de uma indústria de fertilizantes químicos ou pesticidas medianamente desenvolvida Super Interessante – Armas Químicas e Biológicas – Junho de 1989

4

5 Armas Químicas Arma química é um tipo de arma não convencional, baseada no uso de propriedades tóxicas de substâncias químicas para fins de destruição em massa - seja com finalidades táticas, seja com fins estratégicos.

6 Gás lacrimogêneo Gás lacrimogêneo (gás-lágrima) é o nome dado a vários tipos de substâncias irritantes da pele, dos olhos e das vias respiratórias, tais como o brometo de benzila, ou o gás CS (clorobenzilideno malononitrilo). Ao estimular os nervos da córnea, esses gases causam lacrimação, dor e mesmo cegueira temporária.

7 Gás Mostarda Gás Mostarda é um agente químico considerado vesicante pelas lesões que causa na pele. Foi produzido pela primeira vez em 1822, na Inglaterra por Despretz. Provoca irritação nos olhos e feridas na pele. Se for inalado, pode matar por asfixia. À temperatura ambiente (25°C), pode ser utilizado de maneira perigosa sob a forma de vapor, aerosol ou gotículas líquidas.

8 O Napalm Napalm é um conjunto de líquidos inflamáveis à base de gasolina gelificada, utilizados como armamento militar. O Napalm é na realidade o agente espessante de tais líquidos, que quando misturado com gasolina a transforma num gel pegajoso e incendiário.

9 Spray de Pimenta Spray de pimenta, gás pimenta é um gás lacrimogêneo que irrita os olhos e causa lacrimejo, dor e mesmo cegueira temporária, geralmente usado por forças de segurança para controlo de distúrbios civis ou, em alguns países, para defesa pessoal. Geralmente é obtida com o extrato de pimenta natural e acondicionada em spray ou bombas de efeito moral.

10 Integrantes Gabriel Pedro - 2 Giuseppe Tornatore – 3 Série: 3º E.M. Professora: Carolina Braz


Carregar ppt "Armas Químicas A Química da Destruição. Introdução Qualquer guerra é um espetáculo sangrento e abominável. Mas até para matar há limites: as armas não."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google