A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Introdução à Prática da Pesquisa I Créditos: 02 Carga Horária: 40 Professora: Maria Fátima Aucar Soler.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Introdução à Prática da Pesquisa I Créditos: 02 Carga Horária: 40 Professora: Maria Fátima Aucar Soler."— Transcrição da apresentação:

1 Introdução à Prática da Pesquisa I Créditos: 02 Carga Horária: 40 Professora: Maria Fátima Aucar Soler

2 1ª aula Do conhecimento ao saber científico

3 CERVO e BERVIAN (década 70) estabelecem os níveis de conhecimento para os sujeitos conhecerem os objetos em nosso cotidiano. Posteriormente muitos autores classificaram os níveis de conhecimento baseando-se na divisão feita por estes autores.

4 Níveis do conhecimento Empírico: é o conhecimento do povo, que é transmitido de geração a geração; Científico: é o conhecimento obtido através da ciência e a Pesquisa Científica, é metódico e sistemático;

5 Níveis do conhecimento Filosófico:é o conhecimento constituído de realidades mediatas e imperceptíveis aos sentidos, ultrapassam a experiência, estudam a essência do ser ou da realidade,é metódico e sistemático e utiliza o método racional; Teológico:é o conhecimento revelado das coisas divinas, ocorre quando há algo oculto ou um mistério, é obtido através do dogma de fé e do argumento da autoridade.

6 O conhecimento e seus níveis Empírico – é m metódico e assistemático Científico – é metódico e sistemático; utiliza o método científico Filosófico - é metódico e sistemático; utiliza o método racional Teológico – é das coisas de Deus; acontece através do -dogma da fé -argumento da autoridade HOMEM OBJETO conhece o Empírico Científico Filosófico Teológico Níves do conhecimento Sujeito que conhece Objeto conhecido

7 O conhecimento do mundo não é simples e portanto não é fácil viver nele Para sobreviver neste mundo, o homem teve necessidade de dispor do saber e até construí- -lo por si só. Para LAVILLE e DIONNE o principal objetivo da pesquisa do saber é:... conhecer o funcionamento das coisas, para melhor controlá-las, e fazer previsões a partir daí...

8 Para LAVILLE e DIONNE, o saber pode ser: Saber Espontâneo: é o saber que acontece no cotidiano, dia a dia, são eles: - Mito: o homem explica o mundo através dos mitos; -Tradição:O homem explica o mundo com base na tradição familiar, das coisa, etc; - Autoridade: O homem explica os fatos ou fenômenos através da opinião das autoridades

9 Para LAVILLE e DIONNE o saber pode ser: Saber racional: Filosofia: O homem explica o mundo através do conhecimento filosófico que é obtido pelo Método Racional; Ciência: O homem explica o mundo através do conhecimento científico que é obtido pelo Método Científico.

10 O Método Científico A ciência se estabeleceu no ocidente como conhecimento científico a apenas um século e sua origem é a filosofia. Hoje a ciência possui bases filosóficas que são a essência dos Métodos Científicos: Base filosófica Método de Pesquisa Positivismo Método Quantitativo Fenomenologia e Método Qualitativo Marxismo

11 2ª aula A construção do conhecimento no meio acadêmico

12 A universidade hoje : - possui atributos técnicos, científicos e filosóficos; - mantém a tradição e - prepara para o futuro.

13 Metodologia Científica na universidade Desenvolve importantes papeis: - visão instrumental: oferece apoio aos professores e alunos - fornece subsídios para professores e alunos na busca do conhecimento científico e na formação do espírito crítico nos estudantes.

14 Para BARROS e LEHFLD desenvolver o espírito científico nos estudantes permite que eles façam: Análise dos fatos sociais Reflexão de que faz parte participação O desenvolvimento do espírito crítico nos estudantes

15 A importância da Metodologia Científica na universidade É baseada na: Necessidade de instrumentalizar o universitário para a vida acadêmica; Colaborar para a formação do profissional do futuro; Instrumentalizar o futuro pesquisador em busca de novos conhecimentos.

16 Estudar é um ato que: Deve ser metódico, sistemático e objetivo; Visa buscar conhecimentos, ampliando o que se adquiriu em sala de aula; precisa de espaço ou lugar adequado para que se possa efetivar seu estudo; necessita da ampliação de leituras e pesquisas sobre o tema trabalhado em aula; Torna o aluno sujeito e o direcionador do seu processo de aprendizagem;

17 O estudante universitário precisa de: Desenvolver, gradualmente, seu espírito científico; Fazer uma leitura crítica de seu cotidiano; Utilizar, de forma sistemática, as técnicas de pesquisa e as documentações científicas ; Estabelecer, constantemente, a relação entre a teoria apreendida e a prática, numa visão dialética.

18 A iniciação científica na universidade 3ª aula

19 Métodos e estratégias de estudo e aprendizagem Para dar início à formação acadêmica o aluno precisa ter uma: - postura de estudo na universidade para desenvolver o espírito científico e dominar o saber acadêmico; - desempenhar seu papel de estudante com eficiência para que possa, no futuro, seu um profissional crítico, reflexivo e socialmente engajado.

20 O estudante precisa ter: Consciência de que o resultado deste processo depende dele; Autonomia na efetivação de sua aprendizagem; Maior independência em relação aos subsídios oferecidos para o ensino; Ter um projeto de trabalho individualizado, além das aulas na faculdade; Organizar sua vida de estudo em casa.

21 Para que ocorra o processo de aprendizagem o estudante precisa de: Dispor de material de trabalho específico à sua área ou carreira; Saber estudar utilizando diferentes fontes de consulta; Organizar uma biblioteca pessoal contendo livros (textos) fundamentais(básicos) para o desenvolvimento de seu estudo; Um bom dicionário da língua portuguesa, revistas especializadas e obras específicas de sua carreira.

22 A partir da leitura dos textos básicos o estudante precisa: Tomar seus apontamentos; Fazer as fichas de documentação para registro das informações essenciais do que assinalou como parte importante;

23 É importante para o estudante: Registrar as parte importantes de uma aula; Documentar, através das notas de aulas, as informações principais que seu professor transmitiu; Criar um local apropriado para realizar seu estudo em casa; Ter tempo disponível para fazer suas leitura, trabalhos e etc

24 É importante para o estudante: Dividir seu horário de estudo durante a semana Fazer trabalhos e leituras sugeridas pelos professores Revisar os conteúdos passados em sala de aula


Carregar ppt "Introdução à Prática da Pesquisa I Créditos: 02 Carga Horária: 40 Professora: Maria Fátima Aucar Soler."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google