A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

1 CONFERÊNCIA NACIONAL RVA – Artigos: 26 - 27 e 28 Subsídio PPT - 025 Encontro - 25.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "1 CONFERÊNCIA NACIONAL RVA – Artigos: 26 - 27 e 28 Subsídio PPT - 025 Encontro - 25."— Transcrição da apresentação:

1 1 CONFERÊNCIA NACIONAL RVA – Artigos: e 28 Subsídio PPT Encontro - 25

2 2 Introdução ao Capítulo IV O Espírito salesiano

3 3 O que aprendestes, recebestes, ouvistes e vistes em mim, praticai-o E o Deus da paz estará convosco ( Fl 4, 9 )

4 4 Artigo 26 Preciosa herança

5 5 Guiado pelo Espírito santo, Dom Bosco viveu e transmitiu aos membros da sua Família um estilo original de vida e de ação: o Espírito Salesiano;

6 6 é uma típica experiência evangélica, que caracteriza e dá um tom concreto presença e à ação no mundo, às relações com os irmãos e com Deus;

7 7 tem sua fonte no próprio coração de Cristo, alimenta-se no empenho apostólico e na oração, e impregna toda a vida, tornando-a um testemunho de amor;

8 8 o Salesiano Cooperador acolhe este espírito como dom do senhor à Igreja e o faz frutificar segundo à condição secular que lhe é própria.

9 9 Artigo 27 Experiência de Fé comprometida

10 10 §1 – O Salesiano Cooperador participa da experiência espiritual de Dom Bosco, vivida com particular intensidade entre os jovens do primeiro Oratório de Valdoco.

11 11 §2 – Sente Deus como Pai e Amor que salva. Encontra em Jesus Cristo o Unigênito Filho e Apóstolo perfeito do Pai, Bom Pastor, cheio de solicitude pelos pequenos e pelos necessitados, o Ressuscitado que está conosco todos os dias como o Senhor da história.

12 12 Vive em intimidade com o Espírito Santo,o Animador do Povo de Deus no mundo.

13 13 Em Maria venera Aquela que cooperou de maneira absolutamente única na Obra do Salvador e não cessa de cooperar como Mãe e Auxiliadora do povo cristão.

14 14 Sente-se parte viva da Igreja, Corpo de Cristo, centro de comunhão de todas as forças que trabalham pela salvação.

15 15 §3 – descobre, desta maneira, o aspecto profundo da sua vocação: ser verdadeiro Cooperador de Deus na realização do seu Plano de Salvação. Entre as coisas divinas, a a mais divina é cooperar com Deus para salvar as almas

16 16 Artigo 28 Centralidade do Amor Apostólico

17 17 §1 – Centro e síntese do espírito salesiano é a Caridade Pastoral que Dom Bosco viveu plenamente, tornando presente entre os jovens o amor misericordioso de Deus Pai, a caridade salvífica de Cristo Pastor e o fogo do Espírito que renova a terra.

18 18 Ele a expressou no mote: Da mihi animas, cetera tolle ( dá-me almas e fica com o resto).

19 19 Manifestou-a no nome de Salesianos, escolhendo com patrono São Francisco de Sales, modelo de amabilidade, zelo apostólico e verdadeiro humanismo

20 20 §2 – A caridade é, no salesiano Cooperador, um dom que o une ao mesmo tempo a Deus, a quem quer servir com humildade e alegria, e aos jovens, a serem salvos com amor de predileção.

21 21 É também imitação da solicitude maternal de Maria, que intercede pelo Salesiano Cooperador e o ajuda quotidianamente no seu testemunho.

22 22 Partilhando questões:

23 23 Questão 01 O que entendemos por espírito salesiano?

24 24 Questão 02 Como o (a) Cooperador (a) descobre o aspecto profundo da sua vocação?

25 25 Questão 03 Onde está centralizado o amor apostólico que Dom Bosco viveu entre os jovens?

26 26 Partilhando respostas:

27 27 Resposta 01 O Espírito Salesiano é um estilo original de vida e de ação; é uma típica experiência evangélica, que caracteriza e dá um tom concreto à presença e à ação no mundo, às relações com os irmãos e com Deus;

28 28 Resposta 02 O (a) Salesiano (a) Cooperador (a) sente-se parte viva da Igreja, Corpo de Cristo, centro de comunhão de todas as forças que trabalham pela salvação.

29 29 descobre, desta maneira, o aspecto profundo da sua vocação: ser verdadeiro Cooperador de Deus na realização do seu Plano de Salvação. Entre as coisas divinas, a a mais divina é cooperar com Deus para salvar as almas

30 30 Resposta 03 A centralidade do Amor Apostólico reside na Caridade Pastoral que Dom Bosco viveu plenamente, tornando presente entre os jovens o amor misericordioso de Deus Pai, a caridade salvífica de Cristo Pastor e o fogo do Espírito que renova a terra.

31 31 A caridade é, no salesiano Cooperador, um dom que o une ao mesmo tempo a Deus, a quem quer servir com humildade e alegria, e aos jovens, a serem salvos com amor de predileção.

32 32 Providências pós Encontro 1 – Recomendar o estudo do RVA, artigos 26 – 27 e 28, paginas: 51 a – Comunicar próximo Encontro: São Domingos Sávio, Subsídio PPT – 026 e texto 026 – T

33 33 Na caridade, sirvamos a Deus com humildade e alegria. Sc Antonio Rodrigues da Silva Pasta da Formação


Carregar ppt "1 CONFERÊNCIA NACIONAL RVA – Artigos: 26 - 27 e 28 Subsídio PPT - 025 Encontro - 25."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google