A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

CONJUNÇÕES Profa. Luana Lemos. CONCEITO Por definição, a conjunção: Do ponto de vista sintático: estabelece relação entre duas orações; Do ponto de vista.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "CONJUNÇÕES Profa. Luana Lemos. CONCEITO Por definição, a conjunção: Do ponto de vista sintático: estabelece relação entre duas orações; Do ponto de vista."— Transcrição da apresentação:

1 CONJUNÇÕES Profa. Luana Lemos

2 CONCEITO Por definição, a conjunção: Do ponto de vista sintático: estabelece relação entre duas orações; Do ponto de vista mórfico: é invariável; Do ponto de vista semântico: estabelece relações de vários sentidos entre as orações que liga.

3 CONCEITO Conjunções são palavras invariáveis que conectam orações, estabelecendo entre elas uma relação de subordinação (dependência) ou de simples coordenação.

4

5 TIPOS DE CONJUNÇÕES Coordenativas – simplesmente coordenam orações, sem que entre elas se estabeleça uma relação sintática. Subordinadas – são conjunções que, ao ligarem duas orações, estabelecem uma relação de dependência sintática entre elas, de tal maneira que uma das orações determina ou completa o sentido da outra.

6 TIPOS DE CONJUNÇÕES - Coordenativas - aditivas (adição): e, nem, mas também, como também, bem como, mas ainda; adversativas (adversidade, oposição): mas, porém, todavia, contudo, antes (= pelo contrário), não obstante, apesar disso; alternativas (alternância, exclusão, escolha): ou, ou... ou, ora... ora, quer... quer; conclusivas (conclusão): logo, portanto, pois (depois do verbo), por conseguinte, por isso; explicativas (justificação): - pois (antes do verbo), porque, que, porquanto.

7 TIPOS DE CONJUNÇÕES - Subordinativas - causais: porque, visto que, já que, uma vez que, como, desde que; comparativas: como, (tal) qual, assim como, (tanto) quanto, (mais ou menos +) que; condicionais: se, caso, contanto que, desde que, salvo se, sem que (= se não), a menos que; consecutivas (consequência, resultado, efeito): que (precedido de tal, tanto, tão etc. - indicadores de intensidade), de modo que, de maneira que, de sorte que, de maneira que, sem que; conformativas (conformidade, adequação): conforme, segundo, consoante, como;

8 TIPOS DE CONJUNÇÕES - Subordinativas - concessiva: embora, conquanto, posto que, por muito que, se bem que, ainda que, mesmo que; temporais: quando, enquanto, logo que, desde que, assim que, mal (= logo que), até que; finais - a fim de que, para que, que; proporcionais: à medida que, à proporção que, ao passo que, quanto mais (+ tanto menos). Integrantes: (ligam à oração principal as orações subordinadas substantivas, que exercem a funções próprias dos substantivos - Sujeito, predicativo, objeto direto,indireto, complemento nominal, e aposto): que, se.

9 LOCUÇÕES CONJUNTIVAS Locuções conjuntivas que Locuções conjuntivas – são duas ou mais palavras que conectam orações, estabelecendo entre elas uma relação de subordinação (dependência) ou simples coordenação. São geralmente formadas por advérbios, preposições e particípios seguidos da conjunção que. EXEMPLOS: já que, desde que, visto que, uma vez que, ainda que, posto que, sem que, por mais que

10 Teste Alfabeto E - conjunção. Importantíssima. Sem o E, muitas frases ficariam ininteligíveis, dificultando ainda mais a comunicação entre as pessoas. Em compensação, não existiriam as duplas caipiras [...] VERISSIMO, Luis Fernando. O Estado de São Paulo

11 Teste 1) O adjetivo ininteligíveis significa: a) Incorretas b) ilegíveis c) incompreensíveis d) intermináveis 2) E é, normalmente, uma conjunção: a) adversativa b) alternativa c) consecutiva d) aditiva 3) O adjetivo importantíssima encontra-se no grau: a) normal b) superlativo relativo c) superlativo sintético d) comparativo

12 ( Enem) Leia o texto O mundo é grande O mundo é grande e cabe Nesta janela sobre o mar. O mar é grande e cabe Na cama e no colchão de amar. O amor é grande e cabe No breve espaço de beijar ANDRADE, Carlos Drummond de. Poesia e prosa. Rio de Janeiro. Nova Aguilar Neste poema, o poeta realizou uma opção estilística: a reiteração de determinadas construções e expressões linguísticas, como o uso da mesma conjunção para estabelecer a relação entre as frases. Essa conjunção estabelece, entre as ideias relacionadas, um sentido de a) oposição. b) comparação. c) conclusão. d) alternância. e) finalidade.

13 RESPOSTA A resposta é o item (a) Comentário: a conjunção e, tem sentido adversativo mas. No poema, contrapõe a ideia de grandeza do mundo à pequenez da janela, a grandeza do mar à pequenez da cama e do colchão, a grandeza do amor ao "breve espaço de beijar." peculiar

14 Comentários - Blog do Alvinho A MAIOR ALEGRIA DO CHICO ANYSIO ERA NOS que FAZER RIR R Chico Anysio soube como ninguém apresentar centenas de personagens de maneira tão peculiar que, às vezes, nos induzia a acreditar na existência física, moral e espiritual dos mesmos. (Poeta, professor e locutor Ivo Júnior) Subordinada consecutiva

15 Usos da conjunção para estabelecer a coesão sequencial Para que haja unidade de forma e sentido nos textos, devemos cuidar do estabelecimento de um sistema de referências e do correto encadeamento das ideias. Esse encadeamento, que permite que o texto avance, é chamado de coesão sequencial.

16 Usos da conjunção para estabelecer a coesão sequencial A coesão sequencial é estabelecida por elementos que fazem o texto progredir, a partir da conexão por eles operacionalizada. Esses elementos são os conectivos, termos que estabelecem uma relação semântica a partir do sentido que expressam.

17 Usos da conjunção para estabelecer a coesão sequencial contudo Israel possui um solo árido e pouco apropriado à agricultura, contudo chega a exportar muitos produtos agrícolas. No exemplo acima, faz sentido o uso de contudo, pois, entre as duas idéias, tomadas separadamente, existe uma (aparente) oposição. Por isso, seria incoerente usar, por exemplo, a conjunção porque (que serve para indicar causa), ou por isso (que indica conclusão), em vez da conjunção contudo.

18 Usos da conjunção para estabelecer a coesão sequencial Para cada tipo de relação que pretendemos estabelecer entre duas orações existe um conectivo que se adapta perfeitamente a ela. Por exemplo, a conjunção mas só deve ser usada para estabelecer uma relação de oposição entre dois enunciados. Porém, se houver uma relação de contradição ou ideia de concessão, a conjunção deverá ser outra: embora.

19 Questões – Livro do Enem novo acordo


Carregar ppt "CONJUNÇÕES Profa. Luana Lemos. CONCEITO Por definição, a conjunção: Do ponto de vista sintático: estabelece relação entre duas orações; Do ponto de vista."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google