A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Adverbiais Comparativas, Conformativas, Causais, Consecutivas, Concessivas, Condicionais, Finais, Temporais e Proporcionais.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Adverbiais Comparativas, Conformativas, Causais, Consecutivas, Concessivas, Condicionais, Finais, Temporais e Proporcionais."— Transcrição da apresentação:

1 Adverbiais Comparativas, Conformativas, Causais, Consecutivas, Concessivas, Condicionais, Finais, Temporais e Proporcionais.

2 Definição F São as orações que têm valor de advérbio ou de locução adverbial e funcionam como adjunto adverbial do verbo da oração principal.

3 Lembrete - Adjunto Adverbial F Adjunto adverbial - termos que se ligam a verbos e indicam uma circunstância, ou ainda intensificam um verbo, adjetivo ou advérbio. F Tempo - quando F Lugar - onde F Modo - como F Negação - não F Adjunto adverbial - termos que se ligam a verbos e indicam uma circunstância, ou ainda intensificam um verbo, adjetivo ou advérbio. F Tempo - quando F Lugar - onde F Modo - como F Negação - não

4 Lembrete - Locução Adverbial F Do rio de janeiro - locução adverbial de lugar

5 1. Comparativa: F Exprimem uma comparação em relação à oração principal: F A lua era /como um círculo de luz. (é) F Os policiais estavam mais tensos /do que os moradores. (estavam) F Exprimem uma comparação em relação à oração principal: F A lua era /como um círculo de luz. (é) F Os policiais estavam mais tensos /do que os moradores. (estavam)

6 Conjunções subordinativas comparativas: F Como, assim como, que, (mais) do que, (menos) do que, (tanto) quanto, etc. F Nessas orações, é comum não aparecer explicitamente o verbo quando ele se repete. F Como, assim como, que, (mais) do que, (menos) do que, (tanto) quanto, etc. F Nessas orações, é comum não aparecer explicitamente o verbo quando ele se repete.

7 2. Conformativas: F Apresentam uma noção de conformidade ou de concordância em relação ao fato expresso na oração principal: F Mateus já estava no aeroporto, /conforme havia combinado. F Os relatórios ficam prontos amanhã,/ como o diretor exigiu. F Apresentam uma noção de conformidade ou de concordância em relação ao fato expresso na oração principal: F Mateus já estava no aeroporto, /conforme havia combinado. F Os relatórios ficam prontos amanhã,/ como o diretor exigiu.

8 Conjunções subordinativas conformativas: F Conforme, como, segundo, consoante, segundo, etc.

9 Causais: F Exprimem a causa do fato mencionado na oração principal. F O tráfego na rodovia estava congestionado, /porque era feriado. F Como já tinha certa idade/, o jogador deixou a profissão. F Exprimem a causa do fato mencionado na oração principal. F O tráfego na rodovia estava congestionado, /porque era feriado. F Como já tinha certa idade/, o jogador deixou a profissão.

10 Conjunções subordinativas causais: F Porque, já que, visto que, como, posto que, uma vez, etc.

11 Orações coordenadas explicativas X Orações subordinadas adverbiais causais F Tanto as orações coordenadas explicativas quanto as subordinadas adverbiais causais podem ser iniciadas pelas conjunções porque, pois, porquanto, que. F O que, às vezes, exige a aplicação de certos recursos para distingui-las. F Tanto as orações coordenadas explicativas quanto as subordinadas adverbiais causais podem ser iniciadas pelas conjunções porque, pois, porquanto, que. F O que, às vezes, exige a aplicação de certos recursos para distingui-las.

12 Oração coordenada explicativa: F Introduz uma explicação em relação à oração anterior. É comum depois de orações com verbo no imperativo e de suposições. F O ensaio da peça deve ter acabado,/porque não encontrei nenhum ator no teatro. (O.C.Assindética +O.C.Sindética explicativa) F Deve (suposição) F OBS. Não se pode justificar uma suposição antes de enunciá-la. Exemplo: F Vamos para casa porque o dia está raiando F Porque o dia está raiando, vamos para casa* F Introduz uma explicação em relação à oração anterior. É comum depois de orações com verbo no imperativo e de suposições. F O ensaio da peça deve ter acabado,/porque não encontrei nenhum ator no teatro. (O.C.Assindética +O.C.Sindética explicativa) F Deve (suposição) F OBS. Não se pode justificar uma suposição antes de enunciá-la. Exemplo: F Vamos para casa porque o dia está raiando F Porque o dia está raiando, vamos para casa*

13 Atenção: F A confusão entre a oração coordenada sindética explicativa e a oração subordinada adverbial causal só aparece quando a oração em questão está no fim do período, pois se ela estiver no início do período será sempre uma oração subordinada adverbial causal.

14 Dica: F Uma maneira prática de fazer a distinção é tentar transpor a oração em questão para o início do período. Se a transposição for possível, a oração será subordinada adverbial causal, se não for possível, será uma oração coordenada sindética explicativa.

15 Exemplo da dica: F A colheita será péssima, pois choveu muito pouco. F Como choveu muito pouco, a colheita será péssima. F Substituição possível: oração subordinada adverbial causal. F A colheita será péssima, pois choveu muito pouco. F Como choveu muito pouco, a colheita será péssima. F Substituição possível: oração subordinada adverbial causal.

16 Consecutivas F Expressam uma consequência do fato ocorrido na oração principal: F A fila do banco estava tão longa que desisti do pagamento. Júlia fez um curso de especializaç ão nas férias, de modo que não viajou. F Expressam uma consequência do fato ocorrido na oração principal: F A fila do banco estava tão longa que desisti do pagamento. Júlia fez um curso de especializaç ão nas férias, de modo que não viajou.

17 Conjunções subordinativas consecutivas: F Tão, tal, tanto, tamanho (que), de modo que, de sorte que, etc.

18 Concessivas: F Estabelecem uma concessão, ou seja, o fato contrário ao outro, na oração subordinada, não impede a realização do fato expresso na oração principal. F O maratonista continuou a corrida, embora fosse prejudicado. F Ainda que estivessem atrasados, foi feita a entrega da mudança. F Estabelecem uma concessão, ou seja, o fato contrário ao outro, na oração subordinada, não impede a realização do fato expresso na oração principal. F O maratonista continuou a corrida, embora fosse prejudicado. F Ainda que estivessem atrasados, foi feita a entrega da mudança.

19 Conjunções subordinativas concessivas: F Embora, ainda que, mesmo que, apesar de que, conquanto, que, por mais que, se bem que, etc.

20 Condicionais F Expressam condição ou hipótese para que ocorra o fato mencionado na oração principal. F Se houver verba, a obra do metrô terminará este mês. F O imóvel não será leiloado, contanto que se pague a dívida. F Expressam condição ou hipótese para que ocorra o fato mencionado na oração principal. F Se houver verba, a obra do metrô terminará este mês. F O imóvel não será leiloado, contanto que se pague a dívida.

21 Conjunções subordinativas condicionais: F Se, caso, contanto que, desde que, a menos que, sem que, salvo se, etc.

22 Finais F Estabelecem uma finalidade para o fato expresso na oração principal. F As pessoas devem economizar água, para que não falte no futuro. F A fim de que o público participe dos debates, o encontro será realizado no auditório. F Estabelecem uma finalidade para o fato expresso na oração principal. F As pessoas devem economizar água, para que não falte no futuro. F A fim de que o público participe dos debates, o encontro será realizado no auditório.

23 Conjunções subordinativas finais: F Para que, a fim de que, que.

24 Temporais F Indicam o tempo ou o momento em que o fato expresso na oração principal acontece: F Havia crianças no parque, quando passávamos pela manhã. F O motor do carro pegou, assim que o mecânico girou a chave. F Indicam o tempo ou o momento em que o fato expresso na oração principal acontece: F Havia crianças no parque, quando passávamos pela manhã. F O motor do carro pegou, assim que o mecânico girou a chave.

25 Conjunções subordinativas temporais: F Quando, logo que, assim que, desde que, mal, enquanto, etc.

26 Proporcionais F Exprimem uma proporção em relação ao fato mencionado na oração. F A tecnologia evolui, à proporção que se descobrem novos recursos. F Quanto mais o tempo passa, mais adquirimos experiências. F Exprimem uma proporção em relação ao fato mencionado na oração. F A tecnologia evolui, à proporção que se descobrem novos recursos. F Quanto mais o tempo passa, mais adquirimos experiências.

27 Conjunções subordinativas proporcionais: F À medida que, á proporção que, quanto mais...mais, etc.


Carregar ppt "Adverbiais Comparativas, Conformativas, Causais, Consecutivas, Concessivas, Condicionais, Finais, Temporais e Proporcionais."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google