A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Logística na PETROBRAS AMERICA. Agenda  Logística atual na PETROBRAS AMERICA ;  Infraestrutura existente e marcos regulatórios no Golfo do México. 

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Logística na PETROBRAS AMERICA. Agenda  Logística atual na PETROBRAS AMERICA ;  Infraestrutura existente e marcos regulatórios no Golfo do México. "— Transcrição da apresentação:

1 Logística na PETROBRAS AMERICA

2 Agenda  Logística atual na PETROBRAS AMERICA ;  Infraestrutura existente e marcos regulatórios no Golfo do México.  Papéis dos diversos atores presentes nas operações do Golfo do México;  Visão generalista dos tipos de contrato de transporte para óleo em dutos e gás;

3 DUTOVIAS  As dutovias (óleodutos e gasodutos) dominam o Golfo do México no escoamento das produções de óleo e gás;  Desenvolveu-se a partir das produções em terra nos estados do Texas, Louisiana, etc.., migrando para offshore (águas rasas);  Dada a grande concentração de refinarias no entorno do Golfo do México, região produtora, a infraestrutura terrestre de dutovias exerce papel importante no escoamento de derivados (principalmente gasolina e diesel);  Ademais, devido alta demanda por gasolina no mercado americano, o suprimento de gasolina é complementado por importações oriundas do Caribe, e Europa;  A utilização do modal marítimo na cabotagem ainda é pequena, primeiro: –porque a infraestrutura de dutos mostrou-se eficiente e mais competitiva; –segundo, a legislação obriga o transporte de cabotagem ser exclusivo de bandeira americana (JONES ACT).

4 Infraestrutura offshore (1) Cascade Chinook St Malo

5 Infraestrutura Offshore (2) - Óleo

6 Dutovia (refinados) Destacam-se os movimentos de produtos acabados do Golfo para os PADD 1 & 2(Costa Leste e Meio-Oeste); ● Colonial ● Plantation ● Explorer (Meio-Oeste)

7 Drilled Wells in Gulf of Mexico up 2005 Already produced GOM (2004) 164 tcf of gas 15,3 bn bbl of oil Remaining Potential GOM (2004) 244 tcf of gas 37 bn bbl of oil

8 Batelada Típica batelada típica há mistura na interface do primeiro com o segundo produto, não há reprocessamen to de produtos, pois estes devem atender especificação do pipeline; “Transmix” exige reprocessamen to dos produtos;

9 Balanço de óleo entre os PADDs

10 Os Atores (1)  O Golfo do México tem características que lhe são peculiares, em ambiente regulado, mas com a participação de diversos atores, dividindo riscos e lucros, através interação entre os elos da cadeia de valor do petróleo e gás; –São eles: Para óleo: –Operador do campo; –Parceiros não-operadores; –Órgão regulador MMS; Interagindo com as entidades: –Operador da Unidade de produção; –Malha de óleoduto, se existente ou por construir; –Terminais recebedores; –Clientes;

11 Os Atores (2)  Para o Gás Natural: –Operador do campo; –Parceiros não-operadores; –Órgãos governamentais MMS,FERC, USCG; Interagindo com as entidades: –Operador da Unidade de produção; –Malha de gasoduto, se existente ou por construir; –Plantas de Processamento de Gas; –Mercado;

12 A regulação - FERC  A regulação quanto aspectos de acesso a mercado e tarifa: –É de responsabilidade da FERC (Federal Energy Regulatory Commission) entre outras atribuições : »Regula a venda e transferência do gás natural para revenda no mercado interestadual; »Regula a venda e transferência do óleo por dutovia no comércio interestadual; »Regula a transmissão e as vendas de atacado de energia elétrica interestadual;

13 Contratos de Transporte(dutovias)  Para Gás Natural: –ITS (Interruptible Transportation Service) –FT1 (transporte firme do tipo “take or pay”) –FT2 (transporte firme do tipo “take or pay”, com dedicação de reserva pela vida do “lease”).  Para Óleo: –“Common Carrier”; –“Buy/Sale agreement”;

14 A cabotagem e o Jones Act  Jones Act: Legislação federal que regulamenta o transporte de cabotagem no EUA (entre portos americanos), tendo como alicerce: Utilização exclusiva de embarcações construídas nos EUA, em estaleiros americanos; Sob controle de empresas americanas; Tripulada por americanos; Registrada como bandeira americana;  A frota Jones Act tem caráter estratégico como ferramenta de logística de suprimento para o País, e bases militares em tempos de guerra;

15 Futura Logistíca FASE 1 – Cascade & Chinook

16 GB 244 Cottonwood UNITED STATES MEXICO Houston New Orleans Coulomb North X Petrobras operated X Produção Atual MC 613 (33.33% - Op:Shell) EB 910 (60%-Op: W&T) SMI 280 (50% - op: Apache) VR 379 (25%- Op: Chevron) EI 162 (40%- 0p: Apache) GB 200/201 (25% - Op:Hess)


Carregar ppt "Logística na PETROBRAS AMERICA. Agenda  Logística atual na PETROBRAS AMERICA ;  Infraestrutura existente e marcos regulatórios no Golfo do México. "

Apresentações semelhantes


Anúncios Google