A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Preços Óptimos em Monopólio Natural. Preços de “Peak-Load”:. Uma característica frequente nas empresas produtoras de bens e serviços de utilidade pública.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Preços Óptimos em Monopólio Natural. Preços de “Peak-Load”:. Uma característica frequente nas empresas produtoras de bens e serviços de utilidade pública."— Transcrição da apresentação:

1 Preços Óptimos em Monopólio Natural. Preços de “Peak-Load”:. Uma característica frequente nas empresas produtoras de bens e serviços de utilidade pública (“public utilities”) é a de que a procura não é constante mas variável.. Verificam-se normalmente dois tipos de características, no que à capacidade produtiva diz respeito, que implicam que não é possível ajustar essa capacidade à procura, aumentando-a nos períodos de maior procura (períodos de pico) e diminuindo-a nos períodos de menor procura (“off-peak”). 1

2 Preços Óptimos em Monopólio Natural. Essas características são a intensidade de capital e a sua especificidade.. Intensidade de capital: aumentos eficientes da capacidade produtiva exigem tempo;. Especificidade: a sua natureza específica (“sunk”) significa que os custos apenas podem ser recuperados através da sua utilização e não pelo abandono da actividade. 2

3 Preços Óptimos em Monopólio Natural. Em ambos os casos as implicações são que os ajustamentos em termos de capacidade produtiva demorarão mais tempo a realizar do que as correspondentes flutuações da procura.. É assim que surge o chamado problema do “peak-load”.. Mais precisamente aquele problema surge nas seguintes condições (Braeutigam, 1989, p. 1316): 3

4 Preços Óptimos em Monopólio Natural. A empresa produz num dado número de períodos temporais. A procura durante esses períodos é cíclica. A procura embora flutuando de período para período tem um padrão de variação previsível;. Existe uma restrição da capacidade produtiva da empresa durante aqueles períodos;. O produto não é estocável. 4

5 Preços Óptimos em Monopólio Natural. Exemplos de mercados com estas características são o gás natural, electricidade, água, telefonia…. O problema que surge nestas circunstâncias é o seguinte dilema:. No sentido de poder responder à procura nos períodos de pico a empresa necessita instalar a necessária capacidade, que, no entanto, não será utilizada nos períodos mortos. 5

6 Preços Óptimos em Monopólio Natural. Assim nos períodos mortos o excesso de capacidade implica custos adicionais para a empresa não existindo receitas compensatórias.. Por outro lado, reduções na capacidade, se bem significando reduções nos custos de operação do serviço, resultam em problemas de congestionamento nos períodos de pico, ou seja, o consumo de alguns utilizadores terá que ser racionado o que implicará custos na forma de perda de excedente. 6

7 Preços Óptimos em Monopólio Natural. O problema do “peak-load” é, desta forma, constituído pelo “trade-off” entre capacidade produtiva e custos de racionamento.. Duas questões se levantam:. Dada a capacidade disponível, quais são os preços óptimos em cada período?. Qual o nível de capacidade que deve ser instalada? 7


Carregar ppt "Preços Óptimos em Monopólio Natural. Preços de “Peak-Load”:. Uma característica frequente nas empresas produtoras de bens e serviços de utilidade pública."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google