A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

4000 a.C a 30 a.C.  A civilização egípcia começa a se formar por volta de 4.000 a.C e permaneceu relativamente estável durante 35 séculos.  Sua população.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "4000 a.C a 30 a.C.  A civilização egípcia começa a se formar por volta de 4.000 a.C e permaneceu relativamente estável durante 35 séculos.  Sua população."— Transcrição da apresentação:

1 4000 a.C a 30 a.C

2  A civilização egípcia começa a se formar por volta de a.C e permaneceu relativamente estável durante 35 séculos.  Sua população era de 7 milhões de habitantes formado por uma mescla de grupos étnicos, pois o Egito é um ponto de confluência entre os mundos mediterrâneo, asiático e africano.  Por volta de 3300 a.C eles se estabelecem as margens do Nilo, aonde vão desenvolver a agricultura e consolidar uma sociedade bem estruturada, cujo chefe de estado é o faraó.

3  O faraó era considerado um ser divino que exercia completo domínio sobre seu povo e que voltava, quando morria, para junto dos deuses dos quais viera.  As pirâmides, erguendo-se em direção ao céu, ajudavam o faraó a realizar essa ascensão.  Elas preservariam seu corpo sagrado da decomposição, pois os egípcios acreditavam que o corpo tinha que ser preservado a fim de que a alma pudesse continuar vivendo no além (imortalidade).

4  A arte egípcia tinha finalidade religiosa e funerária.  As maiores manifestações artísticas se concentram na arquitetura: as pirâmides, com sua solidez e gigantescas proporções, difundiam a idéia necessária aos faraós de perpetuidade, poder e força.  Era uma arte anônima e padronizada. Seguiam regras rigorosas da representação.

5  Se uma imagem fiel do rei fosse preservada, ele continuaria vivendo para sempre  Escultor = aquele que mantém vivo  Cabeça esculpida em granito e colocada na tumba, onde ninguém a via, a fim de exercer sua magia e ajudar a alma a manter-se viva.  Cabeça, a. C (encontrada em Gizé, 27,8 cm)

6  O ideal de beleza egípcia era a representação do homem com a pele escura e a mulher com a pele clara.

7  As estátuas de pé tinham uma perna mais à frente que a outra e os braços colados ao corpo.  Figuras de pé ou sentadas constituem o repertório fundamental da escultura egípcia.

8  Está relacionada a espaços arquitetônicos especialmente naqueles relacionados ao culto dos mortos.  Aparece principalmente nas paredes de túmulos ou, tumbas.Os mais ricos possuíam murais em casa,elaborados em estilos de alta textura.  Retratam costumes e crenças da época. O principal tema é a vida e a morte dos faraós, já que a principal crença religiosa do povo egípcio é a imortalidade de seu governante.  O ritual da mumificação era um tema bastante importante.  Assim como a escultura, a pintura seguia regras rigorosas como a lei da frontalidade: cabeça, pernas e pés eram representados de perfil; e os olhos e o tronco de frente.

9  Segue padrões rígidos.  Lei da frontalidade: tronco e olhos para frente, cabeça e membros de lado.  Ausência de profundidade  Cores chapadas, ou seja, são uniformes, não apresentando variações de tonalidade, luz e sombra.  Hierarquia da pintura: eram representadas maiores, as pessoas com maior importância no reino,ou seja,nesta ordem de grandeza:o rei,a mulher do rei,o sacerdote, os soldados e o povo.

10  A pintura retratava a vida egípcia em sua plenitude.  O estilo egípcio incorporou uma série de leis rigorosas e todo artista tinha que aprende-las desde muito jovem.  Não havia criatividade e a arte permaneceu a mesma durante muitos séculos.

11

12  Existem pinturas encontradas em papiros e juntamente com hieróglifos.  Os rolos de papiros têm como peça fundamental os Livros dos Mortos, ricamente decorados,onde continham instruções para se guiarem depois da morte e eram colocados junto ao defunto,no interior da tumba.  O Livro dos Mortos é um rolo enorme de pergaminho. Mostrava o cotidiano do povo, o tribunal de Osiris (no qual o morto tinha o coração pesado enquanto falavam a Osiris tudo o que fez em vida), os rituais de mumificação, ou seja, basicamente as anotações de todo um povo.

13  Era uma escrita sagrada. Apenas pessoas que tinham o poder sobre a população, como sacerdotes, membros da realeza e escribas, sabiam ler e escrever.  É provavelmente a escrita organizada mais antiga do mundo, e era basicamente usada em túmulos e templos.  O maior uso dessa forma de escrita aconteceu com o povo egípcio, que usou a escrita hieroglífica durante um período de 3500 anos para escrever sua língua. Durante todo esse tempo em que foi utilizado, os hieróglifos continham cerca 6900 sinais (que seriam o alfabeto hoje em dia), e essa quantidade de sinais foi o que fez este tipo de escrita desaparecer, pois se torna quase impossível decifrar tantos códigos. Um dos textos escritos em hieróglifos foi a Pedra de Roseta.

14

15  Uma estela é uma coluna monolítica ou pedra destinada a inscrições, que poderiam ser governamentais ou religiosas, e era muito utilizada no antigo Egito.  A Pedra de Roseta é um fragmento de uma estela. Pesando cerca de ¾ de tonelada, mede 118 cm de altura, com 77 cm de largura e 30 cm de espessura, sendo sua composição de granito negro. Seu nome é uma homenagem a cidade de Roseta, na província egípcia de Al-Buhaira, onde foi descoberta pelo exército de Napoleão, em  É uma mensagem escrita em três línguas distintas: grego, hieróglifos e demótico. Hieróglifos são escritos egípcios antigos, de difícil tradução e demótico é uma versão mais simples, popular dos hieróglifos.hieróglifospopular  A importância da mensagem da Pedra de Roseta se firma mais nas línguas em que foi escrita, do que no seu conteúdo, que nada mais é do que um decreto elaborado por padres egípcios, declarando o faraó como um ótimo governante e seguidor dos deuses egípcios e, logo abaixo, ordens sobre como a mensagem deveria ser compartilhada. Por isso, ela foi escrita em três línguas diferentes e entalhada na pedra. A data da Pedra é de 27 de março de 196 a.C.ótimo

16

17

18  GOMBRICH. E.H. A História da Arte. Rio de Janeiro: LTC,  PEDRO, Antônio. História Geral. São Paulo:FTD,  


Carregar ppt "4000 a.C a 30 a.C.  A civilização egípcia começa a se formar por volta de 4.000 a.C e permaneceu relativamente estável durante 35 séculos.  Sua população."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google