A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Bolsa Join GRUPO 8 Leandro Zacarias Ricardo Kubota Bruno Santos Jézer Portilho Isaías.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Bolsa Join GRUPO 8 Leandro Zacarias Ricardo Kubota Bruno Santos Jézer Portilho Isaías."— Transcrição da apresentação:

1 Bolsa Join GRUPO 8 Leandro Zacarias Ricardo Kubota Bruno Santos Jézer Portilho Isaías

2 1.Introdução 2.Objetivos 3.Base Teórica 4.Metodologia 5.Descrição do Projeto 6.Documentação do Sistema 7.Conclusão 8.Recomendações Sumário

3 Tema Geral do Projeto Gerenciar e planejar as despesas e lucros provindos de investimento(s). Delimitação do Projeto Esse projeto de forma alguma abrangerá a complexidade envolvida na análise determinística para compra ou venda de ações. Sem suporte para outros mercados de investimento fora o mercado a vista de ações. Título do Projeto Sistema de acompanhamento do seu investimento em ações, codinome: “Bolsa” Join. 1. Introdução

4 Descrição Sucinta do Projeto Demonstrar de forma clara e concisa, os lucros e despesas, bem como as projeções de lucros e despesas para um conjunto ou unidades de transações emitidas no mercado vista de ações. Justificativa / Importância da escolha. A necessidade vem de uma alta inicialização de investidores na bolsa no Brasil, além da perspectiva histórica de ganho de longo prazo. Qualquer pessoa iniciante ou iniciado em investimento será beneficiado com esse projeto. A maior oportunidade explorada será em razão de não existir um sistema pessoal e com portabilidade ideais iguais à desse escopo, ou seja, o foco principal dos sistemas avaliados é sempre o de auxiliar o investidor a encontrar o melhor papel de investimento não o de saber qual é realmente o lucro ou despesa provindo deste investimento. 1. Introdução

5 O software deverá auxiliar o investidor iniciante ou iniciado no gerenciamento e planejamento de despesas e lucros provindos de investimento(s). 2. Objetivos 2.1. Objetivo Geral

6 A.Projetar uma compra de ação, prevendo os custos numa venda “daytrade” ou venda normal da ação. B.Registrar a compra, solicitando dados da compra e auxiliando no cálculo dos custos reais gerado pela transação. C.Projetar a venda, demonstrando assim os reais ganhos em diversas situações, como uma situação de “StopLoss” ou situação de“StopGain”. D.Registrar a venda, demonstrando a realidade monetária total, com demonstrativo de ganho em determinados períodos. 2. Objetivos 2.1. Objetivo Detalhado

7 3.1. Segurança 3.2. Internet 3.3. Business Intelligence 3.4. Mercado de Capitais 3. Base Teórica

8 3.1. Segurança

9 3. Base Teórica 3.2. Internet

10 3. Base Teórica 3.3. Business Intelligence Renda Fixa: quando se conhece previamente a forma do rendimento que será conferida ao título. Renda Variável: será definida de acordo com os resultados obtidos pela empresa ou instituição emissora do respectivo título. Risco Ações INVESTIMENTOS Poupança CDB Fundos de investimentos Risco: probabilidade de algo indesejável ocorra e o objetivo não seja atingido Ações Poupança CDB Fundos de investimentos Lucro

11 3. Base Teórica 3.4. Mercado de Capitais BOLSA DE VALOR As Bolsas de Valores são associações civis, sem fins lucrativos, que realizam atividades de interesse público. (1141) - Criada a Bourse de Paris por Luiz XII. (1698) - Criada a Bolsa de Fundos Públicos de Londres. (1792) - Criada a Bolsa de Nova Iorque. (1850) - Criada a primeira Bolsa de Valores em Genebra. (1845) -Bolsa de Valores do Rio de Janeiro. (23 /8/1890)-Bolsa de Valores de São Paulo (24/10/1929)-Crash da bolsa (1999)-Integração das bolsas no Brasil (2000)- Bolha da Internet Fonte: Bovespa Histórico

12 3. Base Teórica 3.4. Mercado de Capitais ABERTURA DE CAPITAL Companhia Aberta é aquela que, através de registro apropriado junto à CVM, está autorizada a ter seus valores mobiliários negociados junto ao público CMN:Conselho Monetário Nacional CVM:Comissão de Valores Mobiliários CBLC : Companhia Brasileira de Liquidação e Custódia Corretoras:Instituições autorizadas pelo banco central e pela CVM a executar operações de compra e venda de ações Fonte: Programa educacional Bovespa Vol Procura uma corretora da bovespa Faz cadastro Depósito em conta corrente Decide sobre investimentos Autoriza a compra ou venda Liquida Operações Extratos enviaddos pela CBLC Avisos de negociação remetidos pela BOVESPA ESCRITÓRIO TELEFONE INTERNET INFORMAÇÕES PESSOAIS E DOCUEMENTOS TRANSFERÊNCIA DE RECURSOS POR TELEFONE OU INTERNET VALOR DA COMRA É DEBITADO EM CONTA CORRENTE

13 3. Base Teórica 3.4. Mercado de Capitais VALOR MOBILIÁRIO Tipos de ações Ação Ordinária –ON (3) Confere ao acionista direito de voto na empresa. Ação Preferencial -PN (4) Confere ao acionista o direito de receber um percentual fixo dos lucros. Bônus de subscrição : conferem ao seu proprietário o direito de subscrever ações do capital social da companhia emissora Debêntures: representativos de dívida de médio/ longo prazos contraída pela companhia Ações : representam, para quem as possui, uma fração do capital social de uma empresa. Lotes de ações Redondo Lote-padrão negociados em múltiplos. Fracionário Quantidade inferior ao lote padrão. EX: PETR4F

14 3. Base Teórica 3.4. Mercado de Capitais MERCADOS Mercado a termo: este contrato estabelece prazos, preços e outros detalhes do negócio a ser feito. Operações com prazos de liquidação, em geral de trinta, sessenta ou noventa dias. Mercado de opções: direito de uma parte comprar ou vender a outra parte, dentro de um prazo pré-estabelecido, certa quantidade de ações, por preço acertado. Mercado à vista É a compra ou venda de uma determinada quantidade de ações, a um preço estabelecido em pregão. Ativo-objeto ou papéis negociáveis Todas as ações de emissão de empresas admitidas à negociação na Bolsa Preço Os preços são formados em pregão, pela dinâmica das forças de oferta e demanda de cada papel.

15 3. Base Teórica 3.4. Mercado de Capitais MERCADO À VISTA Formas de negociação Pregão Viva-voz Fonte: bovespa Pregão Eletrônico Fonte: bovespa Home Broker : ordens de compra e venda de ações e de opções pela Internet. After Market : negociação que acontece fora do horário de pregão

16 3. Base Teórica 3.4. Mercado de Capitais MERCADO À VISTA Tipos de compra e venda Ordem a Mercado: o investidor especifica somente a quantidade e as características dos valores mobiliários ou direitos que deseja comprar ou vender Ordem Discricionária : pessoa física ou jurídica que administra carteira de títulos e valores mobiliários Ordem Casada: a operação será executada por um preço igual ou melhor que o indicado pelo investidor Ordem On-Stop : especifica o nível de preço a partir do qual a ordem deve ser executada.

17 3. Base Teórica 3.4. Mercado de Capitais MERCADO À VISTA Tipos de compra e venda

18 4. Metodologia 4.1. MSF Foco no negócio; Comunicação; Visão de projeto compartilhado; Esclarecer as responsabilidades compartilhadas; Mais poderes aos membros do time; Agilidade; Aprender com todas as experiências.

19 4. Metodologia 4.1. MSF

20 4. Metodologia 4.2. Microsoft SQL Server 2005 O SQL Server 2005 é uma plataforma de base de dados, para gestão dos dados empresarial com diversas integrações: • Visual Studio; • Microsoft Office; • Dynamics ; • Business Intelligence.

21 4. Metodologia 4.3. Visual Studio 2005

22 4. Metodologia 4.4. Flex Builder 2.0

23 4. Metodologia 4.5. Análise (MSF) Regras de Negócio

24 4. Metodologia 4.5. Análise (MSF) Princípios Aplicados

25 4. Metodologia 4.5. Análise (MSF) Análise de Requisitos Técnicos


Carregar ppt "Bolsa Join GRUPO 8 Leandro Zacarias Ricardo Kubota Bruno Santos Jézer Portilho Isaías."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google