A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

A ESTRUTURA VERTICAL DA ATMOSFERA e COMPOSIÇÃO. L-2 A estrutura vertical da atmosfera   A atmosfera é a camada gasosa que envolve e protege a Terra,

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "A ESTRUTURA VERTICAL DA ATMOSFERA e COMPOSIÇÃO. L-2 A estrutura vertical da atmosfera   A atmosfera é a camada gasosa que envolve e protege a Terra,"— Transcrição da apresentação:

1 A ESTRUTURA VERTICAL DA ATMOSFERA e COMPOSIÇÃO

2 L-2 A estrutura vertical da atmosfera   A atmosfera é a camada gasosa que envolve e protege a Terra, evitando que uma parte significativa dos meteoritos e das radiações solares prejudiciais à vida atinjam a superfície terrestre.

3 L-3 A estrutura vertical da atmosfera   Atendendo à variação da temperatura do ar com a altitude, é possível distinguir quatro camadas na atmosfera   Troposfera   Estratosfera   Mesosfera   Termosfera. Troposfera Estratosfera Mesosfera Termosfera

4 L-4 A estrutura vertical da atmosfera   Indique como varia a temperatura do ar na troposfera   A temperatura diminui   Identifique as camadas da atmosfera em que ocorre um aumento da temperatura do ar   Na estratosfera e na termosfera.

5 L-5 A estrutura vertical da atmosfera   A troposfera   É a camada da atmosfera em contacto com a Terra, cuja espessura varia entre os 8 km, nos pólos, e os 18 km, no equador, onde ocorrem os fenómenos meteorológicos responsáveis pela formação de nuvens e pela queda de precipitação. 8 Km 18 Km 12 Km PN

6 L-6 A estrutura vertical da atmosfera   A troposfera   Na troposfera, a temperatura diminui com o aumento da altitude, segundo um valor médio de 6ºC por cada 1000 metros, o que constitui o gradiente térmico vertical

7 L-7 A estrutura vertical da atmosfera   A troposfera   No entanto, determinadas circunstâncias como, por exemplo, a existência de uma camada de ar poluído ou a presença de nuvens, podem originar uma inversão térmica em altitude, isto é, um acréscimo da temperatura do ar com o aumento de altitude na troposfera.

8 L-8 A estrutura vertical da atmosfera   A estratosfera   A estratosfera situa-se entre a tropopausa – limite superior da troposfera – e os 50 km de altitude.

9 L-9 A estrutura vertical da atmosfera   A estratosfera   Na estratosfera, a temperatura mantém-se constante até aos 25 km, aumentando depois até ao seu limite superior – a estratopausa   Este facto deve-se à absorção que a camada de ozono, localizada entre os 30 e os 40 km de altitude, faz da maior parte das radiações ultravioletas provenientes do Sol.

10 L-10 A estrutura vertical da atmosfera   A mesosfera   Na mesosfera, camada situada entre a estratopausa e os 80 km de altitude, a temperatura volta a descer devido à escassa absorção de radiação solar aí registada.

11 L-11 A estrutura vertical da atmosfera   A termosfera   Acima da mesopausa – limite superior da mesosfera – encontra-se a termosfera, onde ocorre um rápido aumento da temperatura porque esta camada absorve uma parte significativa da radiação solar.

12 A Terra: um planeta frágil ATMOSFERA E A BIOSFERA EM PERIGO A COMPOSIÇÃO DA ATMOSFERA

13 L-13 A composição da atmosfera   A composição da atmosfera é praticamente uniforme até à mesopausa, sendo o azoto e o oxigénio os gases predominantes   Outros componentes desempenham importantes funções na atmosfera, apesar de ocuparem um menor volume   dióxido de carbono   vapor de água   partículas sólidas   ozono.

14 L-14 A composição da atmosfera   O dióxido de carbono provém essencialmente:   da respiração dos seres vivos   da actividade vulcânica   da decomposição e combustão de substâncias que contêm carbono, como, por exemplo, o carvão e o petróleo   Na atmosfera, este gás absorve parte das radiações solares e terrestres, contribuindo para a moderação das temperaturas à superfície.

15 L-15 A composição da atmosfera   A mesma função de absorção é desempenhada pelo vapor de água, proveniente da evaporação a partir das superfícies líquidas e da respiração e transpiração dos seres vivos   Na atmosfera, o vapor de água está ainda na origem da ocorrência de precipitação.

16 L-16 A composição da atmosfera   As partículas sólidas incluem sobretudo:   Poeiras   Fumo   Sais minerais   São muito importantes para a condensação do vapor de água e, consequentemente, para a formação de nuvens   Por isso, estas partículas sólidas são geralmente consideradas núcleos de condensação.

17 L-17 A composição da atmosfera   Por sua vez, o ozono, mais abundante na estratosfera, absorve a maior parte das radiações ultravioletas prejudiciais à vida na Terra.

18 L-18 A composição da atmosfera   A distribuição da radiação solar   Os diferentes componentes da atmosfera são responsáveis pela reflexão e absorção de quase metade da radiação solar   A reflexão contribui para que parte da radiação solar seja reenviada para o espaço a partir da atmosfera e da superfície terrestre   A reflexão é particularmente acentuada no topo das nuvens e nas regiões cobertas de neve e gelo.

19 L-19 O AUMENTO DO EFEITO DE ESTUFA   A radiação solar que é absorvida pela superfície terrestre converte-se em energia calorífica   Porém, a Terra não pode acumular toda a energia calorífica que absorve diariamente, pois, se tal acontecesse, registar- se-ia um grande aumento das temperaturas

20 L-20 O AUMENTO DO EFEITO DE ESTUFA   Assim, a Terra absorve mas também emite energia calorífica através da radiação terrestre   Parte da radiação terrestre é enviada para o espaço, mas uma significativa proporção é absorvida pela atmosfera e reflectida para a superfície da Terra, constituindo a contra- radiação que origina o aquecimento da camada inferior da troposfera   A esta função da atmosfera atribui-se a designação de efeito de estufa

21 L-21 O AUMENTO DO EFEITO DE ESTUFA   A atmosfera assemelha-se a uma estufa, pois permite a absorção de radiações solares pela Terra e impede que a maior parte da radiação terrestre seja enviada para o espaço   É por isso que a superfície da Terra possui uma temperatura média de cerca de 15ºC

22 L-22 O AUMENTO DO EFEITO DE ESTUFA   No entanto, a progressiva concentração de gases do efeito de estufa na atmosfera, com destaque para o dióxido de carbono (CO2), essencialmente emitido pelo consumo de combustíveis fósseis na indústria e nos transportes e pelos grandes incêndios florestais, tem aumentado a contra-radiação e, consequentemente, originado um aumento da temperatura média da superfície terrestre.

23 L-23 O AUMENTO DO EFEITO DE ESTUFA   Identifique três países onde a emissão de dióxido de carbono por habitante é:   superior ou igual a 10 toneladas;   EUA e Canadá, Alemanha Noruega e Finlândia, Rússia e Casaquistão, Arábia Saudita e Eritreia e Austrália.

24 L-24 O AUMENTO DO EFEITO DE ESTUFA   Identifique três países onde a emissão de dióxido de carbono por habitante é:   inferior ou igual a 2,5 toneladas;   Brasil e Perú, Angola e Moçambique, Índia e Paquistão.

25 L-25 O AUMENTO DO EFEITO DE ESTUFA   Refira, com base no Doc. 3, o valor do aumento previsto para a temperatura média da superfície terrestre   de 1ºC a 3,5ºC até 2100.

26 L-26 O AUMENTO DO EFEITO DE ESTUFA   Com o aumento da temperatura média da Terra, verifica-se o degelo dos glaciares existentes nas montanhas e nas regiões polares, o que provoca a subida do nível médio das águas do mar.

27 L-27 OUTRAS CONSEQUÊNCIAS DO AUMENTO DO EFEITO DE ESTUFA   A subida do nível médio das águas do mar, uma das consequências do aumento do efeito de estufa, coloca deltas, ilhéus, ilhas e muitas áreas costeiras de baixa altitude sob a ameaça de inundação   O Bangladesh, a Holanda e as Maldivas serão alguns dos países mais afectados por este fenómeno, perdendo uma parte significativa da sua área terrestre, o que obrigará as populações atingidas a realizar movimentos migratórios.

28 L-28 OUTRAS CONSEQUÊNCIAS DO AUMENTO DO EFEITO DE ESTUFA   O aumento da temperatura média da Terra, outra das consequências do aumento do efeito de estufa, contribui ainda para:   a diminuição das reservas de água doce, pois intensifica a sua evaporação e facilita a salinização das águas subterrâneas devido à subida do nível médio das águas do mar;   a alteração na distribuição das precipitações a nível mundial, tornando uns locais ainda mais secos e outros ainda mais húmidos.


Carregar ppt "A ESTRUTURA VERTICAL DA ATMOSFERA e COMPOSIÇÃO. L-2 A estrutura vertical da atmosfera   A atmosfera é a camada gasosa que envolve e protege a Terra,"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google