A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Avaliação do Impacto dos Centros de Informações Toxicológicas do Brasil Taís Galvão – CIT/AM.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Avaliação do Impacto dos Centros de Informações Toxicológicas do Brasil Taís Galvão – CIT/AM."— Transcrição da apresentação:

1 Avaliação do Impacto dos Centros de Informações Toxicológicas do Brasil Taís Galvão – CIT/AM

2 Introdução Serviço oferecido pelos CITs; Problemas de financiamento; Estudos internacionais comprovando efetividade dos CITs; Classificação padronizada da gravidade das intoxicações – PSS; Qual o custo dos CITs e das intoxicações?

3 Objetivos e Metas 1. Detectar as especificidades regionais que interferem ou potencializam o impacto dos Centros de Informações Toxicológicas 2. Avaliar o impacto dos Centros de Informações Toxicológicas na redução do tempo de internação hospitalar 3. Detectar se os Centros de Informações Toxicológicas diminuem a mortalidade de pacientes internados por intoxicação. 4. Verificar a factibilidade da Poisoning Severity Score como ferramenta de classificação da gravidade dos casos atendidos pelos Centros de Informações Toxicológicas.

4 Objetivos e Metas 5. Identificar os custos relacionados à internação hospitalar de um paciente intoxicado. 6. Identificar os custos relacionados à implantação e manutenção de um Centro de Informações Toxicológicas. 7. Mensurar a relação incremental de custo- efetividade da assistência prestada pelos Centros de Informações Toxicológicas. 8. Desenvolver recomendações ao Sistema Único de Saúde sobre a necessidade de políticas de assistência toxicológica no Brasil que reconheçam formalmente os Centros de Informações Toxicológicas.

5 Sub-projetos (1) avaliação da estrutura dos Centros de Informações Toxicológicas; (2) avaliação da efetividade dos Centros de Informação Toxicológica; (3) estudo do custo da internação hospitalar de pacientes intoxicados e dos Centros de Informações Toxicológicas; (4) avaliação econômica dos Centros de Informações Toxicológicas.

6 Subprojeto 1 – Avaliação da estrutura dos Centros de Informações Toxicológicas Objetivo: Descrever a estrutura organizacional dos Centros de Informações Toxicológicas do Brasil. Métodos Convite Obtenção dos dados estruturais dos CITs Análise estatística

7 Subprojeto 2 – Avaliação da efetividade dos Centros de Informações Toxicológicas Objetivo (1) avaliar o impacto dos Centros de Informações Toxicológicas na redução do tempo de internação hospitalar; (2) detectar se os Centros de Informações Toxicológicas diminuem a mortalidade de pacientes internados por intoxicação; (3) verificar a factibilidade da Poisoning Severity Score como ferramenta de classificação da gravidade dos casos atendidos pelos Centros de Informações Toxicológicas.

8 Subprojeto 2 – Avaliação da efetividade dos Centros de Informações Toxicológicas Métodos Identificação de PS mais representativos nas cidades dos CITs participantes; Coleta de dados dos pacientes internados; Análise da gravidade; Análises estatísticas.

9 Subprojeto 3 – Estudo do custo da internação hospitalar de pacientes intoxicados e dos CITs Objetivo Obter dados dos serviços de saúde assistidos pelos CITs para construção de um modelo econômico Método Registro da estrutura de funcionamento do CIT e posterior estimativa de custo para manutenção; Obtenção dos dados epidemiológicos das intoxicações hospitalares; Estimativa de custos destas intoxicações

10 Subprojeto 4 – Avaliação econômica dos Centros de Informações Toxicológicas Objetivo: Desenvolver, a dos subprojetos anteriores, uma análise de custo-efetividade dos CITs na perspectiva do SUS; Método Modelo de estados transicionais (Markov) Comparar os custos e a efetividade da assistência prestada pelos CITs e pela ausência desta assistência

11 Perspectivas Aprimorar/ adaptar o projeto inicial; Envolver os CITs no projeto; Colaborar no processo de construção de evidências nacionais sobre efetividade dos CITs; Spider - As teias de uma aranha são 5 vezes mais fortes do que o aço no mesmo diâmetro; podem se esticar 4 vezes mais que seu comprimento inicial; resistem a água e a temperaturas até -45°C sem se romperem.

12 Contato


Carregar ppt "Avaliação do Impacto dos Centros de Informações Toxicológicas do Brasil Taís Galvão – CIT/AM."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google