A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão 1 Modelo de Gestão da Manutenção de ativos Orientação da Diretoria de Operação: Gestão da Manutenção da Transmissão.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão 1 Modelo de Gestão da Manutenção de ativos Orientação da Diretoria de Operação: Gestão da Manutenção da Transmissão."— Transcrição da apresentação:

1 Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão 1 Modelo de Gestão da Manutenção de ativos Orientação da Diretoria de Operação: Gestão da Manutenção da Transmissão com foco em Resultados obtidos a partir da adoção da TPM para assegurar a disponibilidade de ativos com confiabilidade.

2 Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão 2 A Eletronorte é responsável pelo O&M de um Sistema de longas linhas de Transmissão Radial, em região com baixa infra-estrutura de acesso às torres de transmissão com 40% das LTs não atendendo ao critério (n-1) e subestações de grande porte, com 50 % delas sem atender ao critério (n-1) para transformadores. Razões para implementação do processo metodológico TPM

3 Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão 3 A Eletronorte é responsável pelo O&M de ativos instalados em 58% do Território Brasileiro Mapa eletro geográfico Sistema de Transmissão de característica radial de característica radial

4 Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão 4 Diagrama simplificado da expansão Expansão em andamento Sistema de Transmissão na Região Amazônica em Plena Expansão Potência instalada total = MW Potência instalada sist. Interligado = MW Total de Km de Linhas de transmissão = Km

5 Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão 5 Novo ambiente Renovação de Concessões Redução significativa de receita nas renovações Disputa de leilões Transmissão e Geração prestação de serviços de O&M Análise do novo ambiente no setor elétrico Vence quem propor o menor valor de remuneração Expansão e ampliações e reforços sem aumento de equipes Expansão e ampliação e reforços sem aumento das equipes de manutenção

6 Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão 6 Obter reconhecimento como empresa classe mundial Aumentar a eficiência e eficácia operacional Desenvolver o portfólio de negócios Aumentar a eficiência e eficácia na gestão do crescimento Alcançar resultados sustentáveis Liderar a execução das estratégias Integrar e eficientizar a gestão dos programas sociais e ambientais Solucionar questões estruturais Financeira Clientes e mercado Mapa Estratégico 2010/2020 Resultado Ação Valores para os Clientes: Preço, Qualidade, Acesso, Continuidade, Prazo e Negócio Sustentável Valores para os Acionistas: Geração de Caixa e Rentabilidade Visão Esclarecida: 2020  Energia limpa e rentável Garantir conhecimentos, habilidades e atitudes para a execução dos negócios Disponibilizar tecnologias e infraestrutura para suportar os negócios Sustentabilidade Empresarial = equilíbrio econômico / financeiro, ambiental e social Valores: Foco em resultados, Empreendedorismo e inovação, Valorização e comprometimento das pessoas, Ética e transparência Processos Aprendizagem e crescimento

7 Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão 7 Estratégia implementada na gestão da manutenção de ativos: Potencializar as equipes para atuarem de forma sistêmica; Potencializar as equipes para atuarem de forma sistêmica; Melhorar o processo e adequar a estrutura para possibilitar a atuação de forma sistêmica; Melhorar o processo e adequar a estrutura para possibilitar a atuação de forma sistêmica; Firmar Contratos de Gestão com estabelecimento de metas para redução dos custos de O&M; Firmar Contratos de Gestão com estabelecimento de metas para redução dos custos de O&M; Direcionar os programas de P&D+I para desenvolvimento de novas tecnologias de monitoramento das condições dos equipamentos; Direcionar os programas de P&D+I para desenvolvimento de novas tecnologias de monitoramento das condições dos equipamentos; Desenvolver continuamente o processo metodológico TPM; Desenvolver continuamente o processo metodológico TPM; Acoplar o TPM com o Planejamento Estratégico e com o Modelo de Excelência de Gestão. Acoplar o TPM com o Planejamento Estratégico e com o Modelo de Excelência de Gestão.

8 Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão Estratégia Implementada: Primeira mudança na Estrutura organizacional visando equipes sistêmicas 8 Diretoria Executiva Presidência Diretoria de Engenharia Diretoria Econômica e Financeira Diretoria de Operação Diretoria de Gestão Regional de Produção do Amapá Regionais de Transmissão Maranhão Rondônia Mato Grosso Roraima Pará Tocantins Acre - OGH Produção Hidráulica Sistêmica: Superintendência de Produção Hidráulica - OGH UHE Tucuruí UHE Tucuruí UHE Samuel UHE Samuel UHE Curuá-Una UHE Curuá-Una Sup. de Engenharia Operação Sup. de Gestão da Inovação Tecnológica Sup. de Engenharia Manutenção Sup. de Engenharia Geração Transmissão Sup. de Gestão Antecipada

9 Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão Metodologia TPM T P M Total Productive Maintenance Productivity Management Performance Maintenance Manutenção Produtiva Total Gestão da Produção Total Gestão da Performance Total  Buscar a máxima eficiência do sistema de Produção;  Eliminar todas as perdas;  Maximizar o ciclo de vida útil dos equipamentos;  Abranger todos os departamentos da empresa;  Envolver todos os empregados.

10 Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão Manutenção Planejada - MP Manutenção Autônoma - MA Melhoria Específica - ME Gestão Antecipada - GA Educação e Treinamento - ET Processos Administrativos - PA Manutenção da Qualidade - MQ Segurança - SG, Saúde - SD e Meio Ambiente - MB Zero perda administrativa Zero perda administrativa Zero defeito Zero acidente Falha Zero Sustentabilidade - SU Capacitação Principais Objetivos dos pilares TPM

11 Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão TPM : GESTÃO DE ATIVOS DA MANUTENÇÃO Estruturação da Rotina da Manutenção Planejada Manutenção Especializada Manutenção Autônoma Falha Zero Transferência de atividades da MP para a MA Implementação de medidas contra falhas Ações para reparo de falhas (Manutenção corretiva) Utilização de tecnologias de diagnósticos (Inspeção funcional) Conduzir adequadamente a análise de falhas Prevenir recorrências Reduzindo as emergências (EM´s) Reduzindo as Falhas Reduzindo as pequenas paradas Reduzindo os defeitos Elaborar Melhorias ∡

12 Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão TPM : GESTÃO DE ATIVOS DA MANUTENÇÃO Inspecionando funções do equipamento Ação Preventiva RCM Melhorar a eficiência da MP Otimização dos métodos de manutenção Assegurando a Confiabilidade Otimizando os custos de Manutenção Otimização Desenvolvimento e Melhorias em tecnologias de diagnóstico Prevenção de falhas e defeitos Evolução da Manutenção Desenvolvimento de Melhorias e Inovações Evolução da Manutenção Desenvolvimento de Melhorias e Inovações Gestão da Árvore de Falhas

13 Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão 13 Estratégia Implementada: Sincronização do TPM com o Planejamento Estratégico

14 Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão TPM no Modelo em Rede

15 Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão 15 Auditoria 1: Nos Painéis de Atividades busca-se evidências do cumprimento dos Ciclos das Rotinas das Equipes Ciclos da Rotina = TPM nos Painéis de Atividades AdministraçãoManutençãoOperação Financeiro Pessoal Saúde Aquisição Meio Ambiente Segurança TPM no Modelo em Rede

16 Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão Centro de Planejamento Divisão CPD - DIVISÃO Planejamento e Execução da manutenção CENTRO DE PLANEJAMENTO REGIONAL CPR - REGIONAL Análise de desempenho do processo de execução da manutenção na Regional CENTRO DE PLANEJAMENTO CORPORATIVO CPC - SEDE Análise de desempenho do processo de manutenção na Eletronorte Gestão das Atividades da Manutenção dos Ativos na Eletronorte

17 Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão Gestão do Plano de Manutenção de Ativos na Eletronorte

18 Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão ESTRUTURA E TIPOS DE MANUTENÇÃO REALIZADOS NA ELETRONORTE Programada - PM Não Programada Preventiva Baseada no Tempo (periódica) TBM Baseada na condição (preditiva) CBM Corretiva Melhoria Manutenção Pós-Falha Manutenção de Emergência ou Urgência Inspeções e serviços periódico Supervisão e Diagnóstico Periódico

19 Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão CBM : novas tecnologias na operação e manutenção integradas a rotina Diagnóstico de Transformadores e Reatores através do ensaios de descargas parciais pelo método de emissão acústica.

20 Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão CBM : novas tecnologias na operação e manutenção integradas a rotina D escargas parciais (DP) - Diagnóstico de TPs e TCs (ELN – CEPEL). Combinação de técnicas de inspeção instrumental para LTs Inspeção de Efeito Corona (UV) Inspeção termográfica Defeito encontrado

21 Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão Plano de Contingências (LTs – SEs) O PLANO DE CONTINGÊNCIA É COMPOSTO DE: Rotina de acionamento e localização de falhas Plano de atendimento a emergência Mapa de acesso. Mapa de localização das estruturas Pátio de armazenamento de estruturas reservas Sobressalentes: kit de parafusos, acessórios e isoladores Banco de dados Transporte de material (baú de atendimento a emergência) Oficina móvel Torres de emergência de alumínio Grupo gerador Redução do tempo de reparo por estrutura de LT em 70% Bancada móveisContrato/ConvênioEquipe em AçãoTransporte de Material

22 Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão 22 AdministraçãoManutenção Operação Auditoria 2: Práticas que se evidenciam através dos Cases da ME TPM no Modelo em Rede - 1 º Zona de crescimento Redução de Perdas; Redução de Falhas; Eliminação do que não agrega Valor; Nova forma de fazer o Processo. CASES DE MELHORIAS ESPECÍFICAS ME - Melhorias Específicas

23 Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão MATRIZ DE CRITICIDADE ÁRVORE DE FALHAS ÁRVORE DE PERDAS LISTA E TIMES DE MELHORIAS Atividades ME : CICLO DE ELIMINAÇÃO DE PERDAS

24 Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão 24 AdministraçãoManutenção Operação Auditoria 3: Nos Indicadores dos Processos busca-se evidências da prática da MQ e seus efeitos sob os Indicadores de Resultados TPM no Modelo em Rede - 2 º Zona de crescimento Indicadores de Verificação (IV); Sistemática de monitoramento dos IV; Relação das causas e efeitos dos IV sob os Indicadores de Resultados; IVs contribuem para ações preventivas. INDICADORES & PREVENÇÃO MQ - Melhorias da Qualidade

25 Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão 25 AdministraçãoManutenção Operação Auditoria 3: Nos Indicadores dos Processos busca-se evidências da prática da MQ e seus efeitos sob os indicadores de resultados TPM no Modelo em Rede - 2 º Zona de crescimento MQ - Melhorias da Qualidade Falha no processo implica em revisitar os indicadores ou estabelecer novos monitoramentos que levem à prevenção da falha

26 Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão CBM : Monitoramento das Condições dos Equipamentos MONITORAMENTO DE BUCHAS DE AT

27 Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão 27 AdministraçãoManutenção Operação Auditoria 4: Implantação das melhores práticas, ações de prevenção utilizando falhas e perdas de equipamentos antigos nos mais jovens, Benchmarking, fazem parte da prática da GA TPM no Modelo em Rede - 3 º Zona de crescimento Implantação e replicação de melhores práticas; Análise comparativa e Benchmarking; Inovações e melhorias nos futuros projetos / especificações; Busca as perdas e falhas de equipamentos com mais idade de operação para executar ações de prevenção nos similares que são mais jovens. Ambiente Externo + Melhores Práticas + Plano Estratégico’ GA - Gestão Antecipada

28 Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão 28 Estrutura Base: Ciclos da Rotina AdministraçãoManutençãoOperação TPM no Modelo em Rede GA - Gestão Antecipada MQ - Melhorias da Qualidade ME - Melhorias Específicas

29 Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão APLICAÇÃO DA METODOLOGIA ÁRVORE DE F&D SISTÊMICA Análise de Criticidade Sistêmica Equipe Sistêmica (sede + Especialistas das Regionais) Análise dos Problemas (Ferramentas adequadas) Por que porqueAnálise PM RCM Indicadores Preventivos para acompanhamento do desempenho dos Disjuntores Revitalização do Revitalização do Equipamento Instruções Técnicas Instruções Técnicas Virtuais (ITVMs / ITVOs) Estabelecimento dos Pontos de Controle de Qualidade (Pontos “Qs”) Estabelecimento dos Pontos de Controle de Qualidade (Pontos “Qs”) Falhas & Defeitos Disponibilidade ÁRVORE DE F&D DE DISJ. SISTÊMICA Capacitação da EquipeCertificação da Equipe

30 Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão APLICAÇÃO DA METODOLOGIA Revitalização do Equipamento Revitalização de Disjuntores - Equipe Sistêmica (sede + Especialistas das Regionais)

31 Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão APLICAÇÃO DA METODOLOGIA Revitalização de Disjuntores - Equipe Sistêmica (sede + Especialistas das Regionais) Instruções Técnicas Virtuais (ITVMs / ITVOs)

32 Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão APLICAÇÃO DA METODOLOGIA Revitalização de Disjuntores - Equipe Sistêmica (sede + Especialistas das Regionais) Estabelecimento dos Pontos de Controle de Qualidade (Pontos “Qs”)

33 Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão CEPEL RESULTADOS: Diagnóstico e Análise dos equipamentos; Controle da condição dos equipamentos; Acompanhamento de ensaios elétricos; Monitoramento online dos equipamentos; Ferramentas de Gestão Utilizadas no Controle dos Ativos Manutenção Gerência Supervisão Engenharia Centro de Tecnologia DEFEITO / FALHAS / CAUSA AÇÕES MONITORAMENTO ONLINE DOS EQUIPAMENTOS Controle de Informação e de Dados Módulo PM SAP R3 Info-OPR SAGE/EMS +

34 Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão 34 Sistema da Gestão Estratégica Sistema Integrado Resultado Modelo de Rede + Hierarquia do Conhecimento + Objetivos Estratégicos Educação e Treinamento Socio Ambiental Saúde Segurança Inovação Dimensão Financeira Inovações Contínuas Dimensão Socio Ambiental Justo Viável Sustentabilidade Manutenção Autônoma Manutenção Planejada Administrativo, Fianaceiro e Engenharia Ação

35 Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão Resultados Indicadores de Disponibilidade de Equipamentos e Linhas de Transmissão MELHOR

36 Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão Resultados Indicador de Parcela Variável de Equipamentos e Linhas de Transmissão MELHOR

37 Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão 37 Engloba metas técnicas e de PMSO Contrato de Gestão – Instrumento iniciado pela Diretoria de Operação com todas Unidades da Diretoria de Operação Estratégia Implementada: Contrato de gestão com metas técnicas e de PMSO em todas as Unidades da DO

38 Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão 38 Obrigado!


Carregar ppt "Gestão da Manutenção de Ativos da Transmissão 1 Modelo de Gestão da Manutenção de ativos Orientação da Diretoria de Operação: Gestão da Manutenção da Transmissão."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google