A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Encontro de Organismos de Avaliação da Conformidade ENOAC JOÃO CARLOS ANTUNES DE SOUZA Chefe da Divisão de Acreditação de Laboratórios 10 de junho de 2009.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Encontro de Organismos de Avaliação da Conformidade ENOAC JOÃO CARLOS ANTUNES DE SOUZA Chefe da Divisão de Acreditação de Laboratórios 10 de junho de 2009."— Transcrição da apresentação:

1 Encontro de Organismos de Avaliação da Conformidade ENOAC JOÃO CARLOS ANTUNES DE SOUZA Chefe da Divisão de Acreditação de Laboratórios 10 de junho de 2009 Local: HOTEL MAKSOUD PLAZA – SP

2 AÇÕES EMPREENDIDAS NO BIÊNIO )Otimização das Atividades da Acreditação a)Modificações no Fluxo Operacional da Acreditação → restrições à realização da visita de pré-avaliação → acompanhamento das ações corretivas relativas à análise da documentação na visita de avaliação → realização da avaliação inicial em até 60 dias a partir da solicitação do laboratório para sua realização → realização da auditoria de medição paralelamente à análise da documentação e à visita de avaliação

3 AÇÕES EMPREENDIDAS NO BIÊNIO )Otimização das Atividades da Acreditação a)Modificações no Fluxo Operacional da Acreditação → eliminação de 01 etapa no processo de decisão → eliminação do contrato de acreditação

4 AÇÕES EMPREENDIDAS NO BIÊNIO )Otimização das Atividades da Acreditação RESULTADOS → redução do tempo médio da acreditação para 10 meses → 80 % das concessões da acreditação em até 12 meses → aumento considerável na concessão de acredita- ção (93 em 2007 e 89 em 2008)

5 AÇÕES EMPREENDIDAS NO BIÊNIO )Otimização das Atividades da Acreditação b) Mudança da Sistemática de Manutenção da Acreditação → substituição de visitas anuais (03 supervisões e uma reavaliação) para reavaliações a cada 02 anos

6 AÇÕES EMPREENDIDAS NO BIÊNIO )Otimização das da Acreditação c) Mudança da Sistemática de Aprovação e Controle de Signatários Autorizados → eliminação da necessidade de aprovação prévia da Cgcre/Inmetro d) Revisão da Política de Preços da Acreditação de Laboratórios → revisão dos preços e sistemáticas empregadas Atividades

7 AÇÕES EMPREENDIDAS NO BIÊNIO )Otimização das Atividades da Acreditação e) Mudança na Forma de Concessão da Acreditação de Laboratórios de Calibração → acreditação por sistema de gestão e não por grupos de serviços de calibração f) Estabelecimento do Sistema “Orquestra” → Melhor gerenciamento dos processos de acredita- ção; → Acesso dos laboratórios às informações do seu processo.

8 AÇÕES EMPREENDIDAS NO BIÊNIO ) Mudança na Política de Subcontratação de Serviços Acreditados → possibilidade na subcontratação de laboratórios não acreditados 3) Maior Estreitamento com Regulamentadores → ANVISA → MAPA → IBAMA

9 PERSPECTIVAS PARA O BIÊNIO )Otimização das Atividades de Acreditação a)Modificações no Fluxo da Acreditação → eliminação da pré-avaliação → mudança do enfoque da análise da documentação

10 PERSPECTIVAS PARA O BIÊNIO )Otimização das Atividades de Acreditação b) Estabelecimento de Sistemática para Acredita- ção de Laboratórios Multilocal → atendimento à demanda de laboratórios que têm mais de 01 (uma) instalação permanente submeti- dos a um sistema de gestão único

11 PERSPECTIVAS PARA O BIÊNIO )Otimização das Atividades de Acreditação c) Estabelecimento de Escopo Flexível na Acreditação de Laboratórios → critérios a serem estabelecidos na avaliação de laboratórios que solicitem autorização para mudan- ça de escopo sem necessidade de aprovação da Cgcre/Inmetro

12 PERSPECTIVAS PARA O BIÊNIO ) Reestruturação da Atividade de Monitoramento de Laboratório, segundo as BPL → revisão de toda documentação, adequando –a às práticas internacionais com vistas à obtenção do reconhecimento internacional da atividade 3) Reconhecimento Internacional como Autorida- de Monitoramento em BPL

13 PERSPECTIVAS PARA O BIÊNIO ) Mudança dos Requisitos da Acreditação de Labo- ratórios de Análises Clínicas → adoção da norma ABNT NBR NM ISO 15189:2008 5) Implantação de Novas Modalidades da Acredi- tação a)acreditação de provedores de ensaios de pro- ficiência b) acreditação de produtores de materiais de re- ferência

14 OBRIGADO /2857


Carregar ppt "Encontro de Organismos de Avaliação da Conformidade ENOAC JOÃO CARLOS ANTUNES DE SOUZA Chefe da Divisão de Acreditação de Laboratórios 10 de junho de 2009."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google