A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Planejamento Anual 2015. Antecedentes (Planejamento de Médio Prazo) PDI 2009-2014 – 23 objetivos pouco articulados entre si – 697 metas pouco mensuráveis.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Planejamento Anual 2015. Antecedentes (Planejamento de Médio Prazo) PDI 2009-2014 – 23 objetivos pouco articulados entre si – 697 metas pouco mensuráveis."— Transcrição da apresentação:

1 Planejamento Anual 2015

2 Antecedentes (Planejamento de Médio Prazo) PDI – 23 objetivos pouco articulados entre si – 697 metas pouco mensuráveis - indicadores não válidos (relatório, projeto) – A comunidade acadêmica participava ativamente da elaboração e da revisão do PDI (Planejamento de Curto Prazo) A construção e avaliação do Plano de Ações Anual ficava, em geral, restrito à gestão (calendário) – o PDI acabava se transformando num ajuntamento de demandas (muitas ações eram inseridas como metas) (Avaliação) Grande parte das metas não era mensurável – o indicador estabelecido não permitia avaliação consistente ao longo do tempo – Existem metas que não têm ações em vários anos

3 A Gestão Estratégica no IFSul Reduzir significativamente o número de metas e objetivos e articulá-los no PDI Planejamento Estratégico de médio prazo Concentrar esforços de participação da comunidade no planejamento de curto prazo Planejamento Anual Realizar processo sistemático de avaliação coletiva (servidores e estudantes) do IFSul anualmente Avaliação Institucional Vincular o Planejamento Orçamentário ao Planejamento de Ações Anual (exequibilidade)

4 Planejamento de Médio Prazo Avaliação Construção

5 PDI : resultado do processo Com foco na Missão do IFSul – não na organização dos setores Estrutura: – 6 objetivos – 50 Metas Estruturados em torno dos Eixos do SINAES – Planejamento, Avaliação e Desenvolvimento Institucional – Políticas Acadêmicas – Políticas de Gestão – Infraestrutura

6 Avaliação Institucional Antecedentes Dificuldades de consolidação do Relatório 2012 Decisão do CODIR: gestão apoiar o trabalho CPA Meta: Utilizar efetivamente a avaliação institucional para o Planejamento Institucional Ação Reorganizar a Avaliação Institucional Participação de toda a Comunidade: todos os câmpus, todos os servidores e todos os estudantes

7 Etapas Avaliação Institucional como Processo Suporte efetivo da TI (DTIC) Recompor as CPAs existentes Compor CPAs nos novos câmpus Revisar o Regulamento da CPA Revisar os Instrumentos de Avaliação – de acordo com as orientações do INEP Aplicar avaliação 2014 Discutir indicadores com a comunidade – Construção/avaliação do Planejamento Anual

8 Estado Atual Institucionalização dos Instrumentos servidores e estudantes DTIC: aplicar e tabular dos Instrumentos CPAs Locais: qualificar os dados (análise no contexto local)

9 Estado Atual Reunião de organização dos trabalhos da CPA em SPS (23/09) Discussão da Avaliação Institucional 2014 Aplicação na terceira e quarta semanas de outubro Eleição da CPA Central Docentes: Maria Helena Bairros – Sapucaia do Sul Pablo Machado Mendes - Camaquã Técnico-administrativos: Anderson Correa – Sapucaia do Sul Emily da Costa Pinto – Charqueadas Discentes: Natali Cardoso – Pelotas Cristian de Souza – Sapucaia Nicolas Benetti – Sapucaia do Sul Rafael de Souza – Sapucaia do Sul

10 Questão Local Como está a CPA Local do Câmpus? Servidores e Estudantes participarão da Avaliação Institucional 2014!

11 Planejamento Anual Metas Estratégicas (PDI ) Ações específicas (planejamento de intervenção local) Identificação da situação problema O que se deseja mudar com esta intervenção? Como? Quais recursos necessários? Quais setores envolvidos? Quem coordena a Ação? Princípios Construído Coletivamente (participação, gestão democrática) Base para Planejamento Orçamentário (exequível) Aprovado na última reunião CONSUP do ano anterior

12 Planejamento Anual 2015 – Planejamento Anual por Câmpus e Reitoria – Processo conduzido pelas Comissões Locais Concluído até o final do Período Letivo 2014/2 – Valorização do Processo de Discussão Compartilhar soluções – Elemento de articulação Reitoria e Câmpus (somar esforços) A Reitoria indica os Câmpus envolvidos em suas Ações Os Câmpus indicam os Órgãos da Reitoria envolvidos em suas Ações

13 Etapas para construção do Planejamento Anual 2015 Constituição das Comissões Locais (CL) Apresentação da Metodologia no CODIR Disponibilização dos Formulários Apresentação aos Câmpus Operacionalização (DDI) Construção (Comunidade) Discussões Locais Apoio às CL (sob demanda) Envio de documentação à DDI pelas CL Compartilhamento da produção dos Câmpus e da Reitoria Avaliação das Comunidades Reunião de Consolidação do Planejamento Anual (representantes das CL)

14 Cronograma Inicial – Discussões Locais: Calendário Próprio (CL) Dialogar com Avaliação Institucional – Envio do Planejamento Preliminar à DDI: 03/11/2014 – Divulgação da Produção Coletiva (Câmpus e Reitoria) pela DDI: 10/11 – Reunião de Consolidação: última semana de novembro – Aprovação CONSUP (ultima reunião 2014)

15 Formulários da Formalização do Planejamento Apresentar Formulário do Câmpus


Carregar ppt "Planejamento Anual 2015. Antecedentes (Planejamento de Médio Prazo) PDI 2009-2014 – 23 objetivos pouco articulados entre si – 697 metas pouco mensuráveis."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google