A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

“...eu sou Deus, e não há outro Deus, não há outro semelhante a mim; Que anuncio o fim desde o princípio, e desde a antiguidade as coisas que ainda.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "“...eu sou Deus, e não há outro Deus, não há outro semelhante a mim; Que anuncio o fim desde o princípio, e desde a antiguidade as coisas que ainda."— Transcrição da apresentação:

1

2

3 “...eu sou Deus, e não há outro Deus, não há outro semelhante a mim; Que anuncio o fim desde o princípio, e desde a antiguidade as coisas que ainda não sucederam...” Isaías 46:9, 10

4 Um antigo sonho de um rei

5

6

7 “No segundo ano do reinado de Nabucodonosor, teve este um sonho; e o seu espírito se perturbou, e passou-se- lhe o seu sono...

8 ...e o rei mandou chamar os magos, e os astrólogos, e os encantadores, e os caldeus, para que declarassem ao rei qual tinha sido o seu sonho; e eles vieram e as apresentaram diante do rei.” Daniel 2:1, 2

9 Os homens de confiança do Rei

10 Os homens de confiança do Rei

11 Os homens de confiança do Rei

12 Os homens de confiança do Rei

13

14 “E o rei lhes disse: Tive um sonho; e para saber o sonho está perturbado o meu espírito.” Daniel 2:3

15 “Porquanto a coisa que o rei requer é difícil, e ninguém há que a possa declarar diante do rei, senão os deuses, cuja morada não é com a carne.” Daniel 2:11

16 “Então o rei muito se irou e enfureceu; e ordenou que matassem a todos os sábios da Babilônia.” Daniel 2:12

17 Aqui está um problema sem solução aparente, uma terrível complicação impossível de ser resolvida; uma crise em que a vida de Daniel está em jogo.

18 “Respondeu, e disse a Arioch, prefeito do rei: Por que se apressa tanto o mandado da parte do rei? Então Arioch explicou o caso a Daniel.” Daniel 2:15

19 “...Então Daniel foi para a sua casa, e fez saber o caso a Hananias, Misael e Azarias, seus companheiros para que pedissem misericórdia ao Deus do céu sobre este segredo...” Daniel 2:16-18

20 “Então foi revelado o segredo a Daniel, numa visão de noite: então Daniel louvou o Deus do céu.” Daniel 2:19

21 A oração faz a diferença

22 “Mas há um Deus nos céus, o qual revela os segredos; ele, pois, fez saber ao rei Nabucodonosor o que há de ser no fim dos dias...

23 O sonho de Nabucodonosor aplica-se aos “Últimos Dias”

24 ...o teu sonho e as visões da tua cabeça na tua cama são estas: Estando tu, ó rei, na tua cama, subiram os teus pensamentos ao que há de ser depois disto. Aquele, pois, que revela os segredos, te fez saber o que há de ser.” Daniel 2:28, 29

25

26 A cabeça era de fino ouro,

27 o peito e os braços, de prata,

28 o ventre e os quadris, de bronze;

29 as pernas, de ferro,

30 os pés, em parte, de ferro, em parte, de barro.

31 “Estavas vendo isto, quando uma pedra foi cortada, sem mão, a qual feriu a estátua nos pés de ferro e de barro, e a esmiuçou. Então foi juntamente esmiuçado o ferro, o barro, o cobre, a prata e o ouro, os quais se fizeram...

32 ...como a pragana das eiras no estio, e o vento os levou, e não se achou lugar algum para eles; mas a pedra, que feriu a estátua, se fez um grande monte, e encheu toda a terra.” Daniel 2:31-35

33

34 Como iremos entender esta profecia?

35 Quem deu esta profecia a Nabucodonosor?

36 “Mas há um Deus”

37 Onde?

38 Onde? “Nos céus”

39 Que faz Ele?

40 “Revela segredos”

41 “Este é o sonho; também a interpretação dele diremos na presença do rei.” Daniel 2:36

42 “...(nós) diremos ao rei.”

43 Quem são “nós”?

44 Deus e Daniel Quem são “nós”?

45 “Tu, ó rei, és rei de reis: pois o Deus do céu te tem dado o reino, o poder, e a força, e a majestade. E onde quer que habitem filhos de homens, animais do campo, e aves do céu, Ele tos entregou na tua mão, e fez que dominasses sobre todos eles; tu és a cabeça de ouro.” Daniel 2:37,38

46 “E depois de ti se levantará outro reino, inferior ao teu; e um terceiro reino, de metal, o qual terá domínio sobre toda a terra...

47 ...e o quarto reino será forte como ferro; pois, como o ferro esmiúça e quebra tudo, como o ferro quebra todas as coisas, ele esmiuçará e quebrantará...

48 ...e, quanto ao que viste dos pés e dos dedos, em parte de barro de oleiro, e em parte de ferro, isso será um reino dividido...” Daniel 2:37-41

49 QUATRO METAIS

50 Ouro

51 QUATRO METAIS Ouro Prata

52 QUATRO METAIS Ouro Prata Bronze

53 QUATRO METAIS Ouro Prata Bronze Ferro

54 QUATRO METAIS Ouro Prata Bronze Ferro

55

56 Qual é a nação que vem após A Babilônia?

57 “Esta é a interpretação daquilo: MENE: Contou Deus o teu reino, e o acabou. TEQUEL: Pesado foste na balança, e foste achado em falta. PERES: Dividido foi o teu reino, e deu- se aos medos e aos persas.” Daniel 5:26-28

58

59 Qual é o nome do império que veio depois da Medo-Pérsia?

60 “Aquele carneiro que viste, com duas pontas, são os reis da Média e da Pérsia; mas o bode peludo é o rei da Grécia...” Daniel 8:20

61

62 Que nação veio depois da Grécia na sucessão de grandes impérios Mundiais?

63 Que nação veio depois da Grécia na sucessão de grandes impérios Mundiais? ROMA

64

65 BABILÔNIA A.C.

66

67

68

69 BABILÔNIA

70 MEDO-PÉRSIA A.C.

71

72

73 O nome de Ciro foi profetizado 150 anos antes do seu nascimento.

74 “Quem diz à profundeza: Seca-te, e eu secarei os teus rios; Quem diz de Ciro: É meu pastor, e cumprirá tudo o que me apraz: dizendo, também, a Jerusalém: Sê edificada; e ao templo: Funda-te.” Isaías 47:27, 28

75 “Assim diz o Senhor ao seu ungido, a Ciro, a quem tomo pela sua mão direita, para abater as nações diante de sua face; eu soltarei os lombos dos reis, para abrir diante dele as portas, e as portas não se fecharão.” Isaías 45:1

76 O Cilindro de Ciro

77

78

79 BABILÔNIA A.C. MEDO–PÉRSIA 539 – 331 A.C

80 As profecias não fazem jogos de adivinhação; Elas afirmam.

81 GRÉCIA 331 – 168 A.C.

82 Alexandre Magno

83

84 BABILÔNIA A.C. MEDO–PÉRSIA 539 – 331 A.C GRÉCIA 331 – 168 A.C.

85 ROMA 168 A.C. – 351 D.C

86

87

88 BABILÔNIA A.C. MEDO–PÉRSIA 539 – 331 A.C GRÉCIA 331 – 168 A.C. ROMA 168 A.C. – 351 D.C

89

90 “E, quanto ao que viste dos pés e dos dedos, em parte de barro de oleiro, e em parte de ferro, isso será um reino dividido; contudo, haverá nele alguma coisa da firmeza do ferro, pois que viste o ferro misturado com barro de lodo...

91 ...E como os dedos dos pés eram em parte de ferro e em parte de barro, assim, por uma parte, o reino será forte, e por outra será frágil.” Daniel 2:41, 42

92 Os dez dedos representam a fragmentação do império romano em dez reinos menores.

93 O processo de divisão do império romano aconteceu entre 351 e 476 d.C.

94

95

96 “Quanto ao que viste do ferro misturado com barro de lodo, misturar-se-ão com semente humana, mas não se ligarão um ao outro, assim como o ferro se não mistura com o barro.” Daniel 2:43

97

98

99 “Não se ligaram”

100

101

102

103 Batalha de Waterloo

104 “Não se ligaram”

105 Entre incessantes e quase intocáveis flutuações, os reinos da moderna Europa, desde o seu surgimento até ao presente, têm somado uma média de Dez.

106 Nunca mais, desde a subdivisão da velha Roma, se uniram eles num só Império; nunca formaram unidades, como os Estados Unidos da América.

107 Nenhuma fórmula de orgulhosa ambição que visasse e reunir os fragmentos dispersos, alcançou êxito; sempre que surgiram, foram invariavelmente reduzidos a pedaços.” H. Grattan Guiness, The Divine Program of the World’s History, pág. 321

108

109

110 “Quanto ao que viste do ferro misturado com barro de lodo, misturar-se-ão com semente humana, mas não se ligarão um ao outro, assim como o ferro se não mistura com o barro....

111 “...Mas, nos dias destes reis, o Deus do céu levantará um reino que não será jamais destruído; e este reino não passará a outro povo; esmiuçará e consumirá todos estes reinos, e será estabelecido para sempre.” Daniel 2:43, 44

112 “Da maneira como viste que do monte foi cortada uma pedra, sem mãos, e ela esmiuçou o ferro, o cobre, o barro, a prata e o ouro, o Deus grande fez saber ao rei o que há de ser depois disto; e certo é o sonho, e fiel a sua interpretação.” Daniel 2:45

113

114

115 A pedra... O reino eterno de Cristo

116 “...este reino não passará a outro povo; esmiuçará e consumirá todos estes reinos, e será estabelecido para sempre.” Daniel 2:44

117

118


Carregar ppt "“...eu sou Deus, e não há outro Deus, não há outro semelhante a mim; Que anuncio o fim desde o princípio, e desde a antiguidade as coisas que ainda."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google