A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Visão do Brasil sobre a Importância da Cooperação Técnica Brasil - Holanda Bruna Denise Lemes de Arruda Agosto/20101Ministério.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Visão do Brasil sobre a Importância da Cooperação Técnica Brasil - Holanda Bruna Denise Lemes de Arruda Agosto/20101Ministério."— Transcrição da apresentação:

1 Visão do Brasil sobre a Importância da Cooperação Técnica Brasil - Holanda Bruna Denise Lemes de Arruda Agosto/20101Ministério dos Transportes

2 Em, em 11 de abril de 2008, foi assinado em Haia o Termo de Cooperação entre Brasil e Holanda; Protocolo de Cooperação assinado em 5 de março de 2009, em Brasília; Plano de Trabalho assinado em 6 de abril de 2010 com o seguinte escopo:  Acompanhamento do PHE  Curso de Capacitação em Navegação Interior na Holanda  Rios do Mundo Agosto/2010Ministério dos Transportes2

3 Agosto/2010Ministério dos Transportes3 Hidroviário Ferroviário Rodoviário Dutoviário Divisão Modal Nacionalidade dos Navios

4 AmPorts Agosto/2010Ministério dos Transportes4 Amsterdam Ports Association fundada em Instituição de mercado que promove a região e as atividades de seus membros. Conhecer a estrutura do Porto de Amsterdam Fortalecimento da navegação fluvial e usando o modelo da harmonia Apresentação EDINNA

5 Nea Zoetermeer Instituição criada em 1986 Membro do Panteia desde 2005 Instituto independente que oferece análises e pareceres sobre assuntos econômicos, jurídicos, aspectos organizacionais e institucionais de tráfego, transporte, infraestrutura e logística Agosto/2010Ministério dos Transportes5

6 Maritieme Academies e STC Programa sobre os tipos de navio Prevenção de catástrofes Transporte de mercadorias perigosas Manipulação de gestão de resíduos Requisitos legais para navegação Tripulação e as condições de trabalho Construção naval e fiscalização Simuladores, barcos escolas Gestão operacional de uma empresa de transportes Dragagem – equipamentos e projetos Segurança Workshop no centro de treinamento Agosto/2010Ministério dos Transportes6

7 Maritieme Academie Ijmuiden Agosto/2010Ministério dos Transportes7

8 Maritieme Academie Harlingen Agosto/2010Ministério dos Transportes8

9 STC Rotterdam Agosto/2010Ministério dos Transportes9

10 ShipLock NoordzeeKanaal Agosto/2010Ministério dos Transportes10

11 Porto de Amsterdam – Water Terminal Terminal multiuso em funcionamento desde Terminal coberto adequado para a carga e descarga de navios de até cerca de 7500 toneladas Agosto/2010Ministério dos Transportes11

12 HITT Desenvolvimento de tecnologia para:  Monitoramento do tráfego marítimo e interior  Melhorar a segurança do tráfego  Melhorar a eficiência do tráfego  Proteção ambiental  Vigilância, identificação e monitoramento dos navios  Fornecimento de informações para os navios  Monitoramento e análise de riscos Agosto/2010Ministério dos Transportes12

13 Marin Prestador de serviço independente e inovador para o setor marítimo em matéria de investigação hidrodinâmica e náutica. Missões:  Proporcionar à indústria soluções de design inovador.  Realizar a pesquisa avançada para o benefício do setor do transporte marítimo como um todo Agosto/2010Ministério dos Transportes13

14 Seacon Logistic Gerenciador de cadeia de fornecimento com uma orientação marítima Estabelecida em Venlo desde 1985 Outras localidades:  Born (Holanda)  Nuth (Holanda)  Maastricht (Holanda)  Duisburg (Alemanha)  Moscou (Rússia) Agosto/2010Ministério dos Transportes14

15 Venlo Trade Port Agosto/2010Ministério dos Transportes15 Maior Parceira - Heineken

16 BCTN Agosto/2010Ministério dos Transportes16

17 Pintsch Aben Fundada em 1994 Outra localidade: Dinslaken (Alemanha) Produtos:  Tecnologia de tráfego ferroviário  Tecnologia de tráfego Marítimo: faróis, faroletes, bóias, sinais naval, sistemas de controle e telemetrical solar- /wind. Agosto/2010Ministério dos Transportes17

18 Oosterschelde Works Agosto/2010Ministério dos Transportes18 Em 1959 – aprovada a Lei de Delta Em 1976, construção de uma série de comportas que só seria fechada durante as tempestades Custo aproximado € 2,5 bilhões. Em 04 de outubro de 1986, a rainha holandesa Beatrix inaugurou oficialmente a parte leste do Delta. Outros benefícios:  Melhora no fornecimento de água doce  Melhora no balanço hídrico  Incentivo no tráfego entre as muitas ilhas e penínsulas de Zeeland  Apoio ao transporte fluvial  Desenvolvimento nos domínios ambientais e de lazer

19 Ministério dos Transportes, Obras Públicas e Gestão das Águas Fundado em 1798 Administra e desenvolve as principais infra-estruturas nacionais Assuntos abordados:  Introdução ao Ministério dos Transportes  Gestão e manutenção das hidrovias  Gestão de tráfego – RIS  Política de navegação interior  Política de inspeção e monitoramento na navegação interior  Fomento a navegação Agosto/2010Ministério dos Transportes19

20 Arcadis Empresa internacional de prestação de design, consultoria, serviços de engenharia e gestão Temas abordados:  Cadeia Logística  Gestão de rios  Modos de Transportes  Estruturação dos rios  Inovações nos navios hidroviários  Inovações eletrônica marítimas  Exemplos de projetos Agosto/2010Ministério dos Transportes20

21 Vereenigde Tankrederij - VT Especializada em transporte de produtos petroquímicos, biocombustíveis e produtos químicos. Maior barco: Agosto/2010Ministério dos Transportes21 Fundada em 1932 com a fusão de cinco empresas de navegação SituaçãoOperandoEm construção NomeVlissingenVorstenbosh Comprimento (m)134,6148 Largura (m)21,822,8 Capacidade (ton.)

22 Autoridade Portuária de Rotterdam Agosto/2010Ministério dos Transportes22 Apresentação sobre o Porto de Rotterdam:  Área do Porto - 10,556 ha  Nº de navios maritimos por ano  Nº de barcaças por ano Vista ao Centro de Coordenação do Porto

23 Bakker Sliedrecht Agosto/2010Ministério dos Transportes23 Apresentação de equipamentos da indústria do transporte fluvial:  Bakker Sliedrecht  Van der Velden Marine Systems  IHC Metalix Vista pelo Bakker Sliedrecht

24 Veth Propulsion Papendrecht Desde 1951 atua na indústria naval Produtos:  Hélice de leme até1800 kW  Propulsores de proa até1500kW  Propulsores de túnel até1500 kW  Veth Compact Jet  Grade de direção  Veth Spud's  Conjunto de geradores  Motores a diesel Agosto/2010Ministério dos Transportes24

25 Centro de Controle de Tráfego em Dordrecht Passam cerca de 140 mil embarcações de navegação interior, 6 mil de navegação de costa e outros 22 mil embarcações de passeio por ano. Verkeerspost regula o tráfego em um total de 350km de hidrovias de Stellendam até Hagestein. Além disso, a torre de controle possui o controle da operação de diversas pontes, no qual há a necessidade de um operador de ponte no local Agosto/2010Ministério dos Transportes25

26 Agosto/2010Ministério dos Transportes26

27 Agosto/2010Ministério dos Transportes27

28 Obrigada por sua atenção! Agosto/2010Ministério dos Transportes28 Bruna Denise Lemes de Arruda - Karênina Martins Teixeira –


Carregar ppt "Visão do Brasil sobre a Importância da Cooperação Técnica Brasil - Holanda Bruna Denise Lemes de Arruda Agosto/20101Ministério."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google