A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Gestão de Entidades de Previdência Renê Sanda Conselheiro de Administração da CPFL e FGC.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Gestão de Entidades de Previdência Renê Sanda Conselheiro de Administração da CPFL e FGC."— Transcrição da apresentação:

1 Gestão de Entidades de Previdência Renê Sanda Conselheiro de Administração da CPFL e FGC

2 Disclaimer

3 Pensionistas Aposentados Ativos participantes R$ 163,8 bilhõesR$ 4,5 bilhões PLANO 1 BD PREVI FUTURO CV Previ: quase 200 mil participantes

4 Com uma estratégia de diversificação e ênfase em renda variável, o Plano 1 tem apresentado sucessivos superávits. Renda Variável Renda Fixa Imóveis Emp. e Financ. Inv. Estruturados R$ 98,9 bi R$ 0,9 bi R$ 9 bi R$ 5,4 bi R$ 49,6 bi Investimentos R$ 163,8 bilhões Previ: alocação no plano BD

5 Previ: resultados do plano BD Renda Variável Previ Rentabilidade Previ Atuarial Previ Ibovespa

6 Previ: plano BD é superavitário R$ bilhões Reserva Especial Reserva de Contingência Reserva Matemática

7 Motivação  Suponha, por hipótese, que você precisa lidar com um RPPS deficitário … “lidar” = seja na condição de gestor, conselheiro, empregado ou participante

8 Motivação  Suponha, por hipótese, que você precisa lidar com um RPPS deficitário …

9 Tópicos  O que é o problema?  Quem é o responsável?  Por que você precisa “ajudar” a solucionar o problema?  Como você pode atuar?

10 Foco  O que é o problema?  Quem é o responsável?  Por que você precisa “ajudar” a solucionar o problema?  Como você pode atuar?

11 Tópicos  O que é o problema?  Quem é o responsável?  Por que você precisa “ajudar” a solucionar o problema?  Como você pode atuar?

12 O que é o problema?  RPPS deficitário (por hipótese) Investimentos Reservas Necessárias para cumprir obrigações futuras deficit

13 O que é o problema?  Faça um diagnóstico macro do problema.  Qual será a variação no deficit do plano considerando diferentes cenários de rentabilidade do ativo e eventuais aportes orçamentários extraordinários: Retorno do Investimento em 2014 Novos aportes5% aa10% aa15% aa Zero+10%+5%zero R$ 1 milhão+4%zero-4% R$ 10 milhõeszero+4%+8%

14 Tópicos  O que é o problema?  Quem é o responsável?  Por que você precisa “ajudar” a solucionar o problema?  Como você pode atuar?

15 Quem é o responsável?  Governo / Congresso  Regulador  Administração anterior  Gestor dos fundos de investimentos  Etc. etc.

16 Quem é o responsável? “Eu não criei esse problema e ele é tão grande que só o Estado pode resolvê-lo”

17 Quem é o responsável?  Para efeito dessa apresentação pouco ajuda identificar os culpados do passado  Não há dúvida que vocês são responsáveis em ajudar a resolver esse problema para o futuro….

18 Tópicos  O que é o problema?  Quem é o responsável?  Por que você precisa “ajudar” a solucionar o problema?  Como você pode atuar?

19 Por que você precisa “ajudar” a solucionar o problema? Por que eu vou dedicar tempo e dinheiro para um problema que só vai estourar depois que acabar o meu mandato?

20 Por que você precisa “ajudar” a solucionar o problema? Buscar Prazer Evitar Sofrimento

21 Como você se motiva?  Responsabilização, imputação de culpa ou dolo, nas esferas administrativa, cível ou criminal Buscar Prazer Evitar Sofrimento

22 Como você se motiva?  Ser parte da solução  Contribuir para que milhares de participantes tenham uma aposentadoria digna  Dividendos políticos futuros Buscar Prazer Evitar Sofrimento

23 Tópicos  O que é o problema?  Quem é o responsável?  Por que você precisa “ajudar” a solucionar o problema?  Como você pode atuar?

24 Como você pode atuar?  Melhorar a governança  Aprimorar a Política de Investimentos  Aprimorar o processo de seleção e acompanhamento dos gestores dos fundos  Investir na educação previdenciária

25 Como você pode atuar?  Melhorar a governança  Aprimorar a Política de Investimentos  Aprimorar o processo de seleção e acompanhamento dos gestores dos fundos  Investir na educação previdenciária

26 Melhorar a governança  Clarificar o objetivo do RPPS: Atuar no melhor interesse dos participantes, aposentados e seus dependentes Observe que não é objetivo do RPPS atuar no interesse da comunidade ou dos interesses do patrocinador

27 Melhorar a governança  O que funciona na Previ: Toda a decisão é baseada em Notas (e não em powerpoint) e a Nota é originada e assinada necessariamente no corpo técnico Conselho e Diretores Corpo Técnico Conselho e Diretores Corpo Técnico Altera a cada mandato Nota Técnica

28 Melhorar a governança  Os funcionários da Previ são participantes do Plano que eles ajudam a administrar. Isso cria uma forte sentimento de ”pertencimento” e reduz significativamente os maus investimentos.  Políticas salariais justas geram baixa rotatividade no quadro do Corpo Técnico Corpo Técnico

29 Melhorar a governança  Criar as estruturas de controle adequadas mas não descuidar do reconhecimento e qualificação de quem de fato “bota a mão na massa”…. Tribunal de Contas

30 Como você pode atuar?  Melhorar a governança  Aprimorar a Política de Investimentos  Aprimorar o processo de seleção e acompanhamento dos gestores dos fundos  Investir na educação previdenciária 

31 Aprimorar a Política de Investimentos 31 QUANTAS VEZES EU JÁ TE DISSE PARA NÃO COLOCAR TODAS AS CRIANÇAS NA MESMA CESTA?

32 Aprimorar a Política de Investimentos  Não “compre” políticas de investimentos pré formatadas de consultorias  Não utilize políticas de investimentos “doadas” por consultores de investimentos  Utilize cenários de consenso (Focus do Bacen ou outros veículos com credibilidade)  Se o cenário assim indicar, alongue o prazo dos títulos e invista mais em renda variável 32

33 Eles se aposentaram na década de 70: Receberam “bolada” e nunca mais trabalharam Não tiveram filhos

34 tempo Plano bem gerido: estabilidade e justiça no decorrer do tempo. $

35 100% em Títulos Públicos Federais Viveram com fartura até 2012

36 tempo $ Eles reduziram o seu padrão pois compraram em 2012 vários títulos que hoje rendem menos que a inflação

37 100% em Renda Fixa Privada Toda vez que a carteira não batia o atuarial aplicava em empresas mais arriscadas

38 tempo $ Atualmente só aplica em empresas de risco elevadíssimo...

39 100% em Renda Variável Comprava e vendia ações freneticamente….

40 tempo $ Faleceu jovem, vítima de ataque cardíaco...

41 100% Terceirizado Terceirizava até a elaboração da Política de Investimentos Só dava as metas Não participava da gestão

42 tempo $ Gestores tem cobrado muito e “performado” pouco…

43 ALM Casou todos os ativos com os passivos atuariais Relevou a necessidade de reservas pois segundo ela não corria nenhum risco

44 tempo $ Vive de favores pois acabou vivendo mais do que estimava a tábua atuarial

45 Diversificação Total Aplicou um pouco em centenas de investimentos (ações, imóveis, fidcs etc.)

46 tempo $ Hoje a sua renda mal cobre os custos fixos…

47 Aprimorar a Política de Investimentos  Não “compre” políticas de investimentos pré formatadas de consultorias  Não utilize políticas de investimentos “doadas” por consultores de investimentos  Utilize cenários de consenso (Focus do Bacen ou outros veículos com credibilidade)  Se o cenário assim indicar, alongue o prazo dos títulos e invista mais em renda variável 47

48 Como você pode atuar?  Melhorar a governança  Aprimorar a Política de Investimentos  Aprimorar o processo de seleção e acompanhamento dos gestores dos fundos  Investir na educação previdenciária 

49 Aprimorar o processo de seleção e acompanhamento dos gestores dos fundos

50

51  Oportunidade para investir em fundo multimercado com meta de 130% do CDI e rating (prestes a ser confirmado) A+  90% títulos públicos federais  10% em fundo no exterior  Esse fundo vai emprestar dinheiro e prover tecnologia de ponta para iniciantes na plantação de commodity mundialmente aceita. A garantia é a própria colheita da commodity. A rentabilidade é de 100% em três meses.  Para dar maior segurança à operação conforme a commodity for sendo colhida ela será armazenada em local apropriado de confiança do gestor do fundo

52 Aprimorar o processo de seleção e acompanhamento dos gestores dos fundos

53 Como você pode atuar?  Melhorar a governança  Aprimorar a Política de Investimentos  Aprimorar o processo de seleção e acompanhamento dos gestores dos fundos  Investir na educação previdenciária

54 Investir na educação previdenciária  Ministério da Previdência Social  Colaborar na divulgação do PEP – Programa de Educação Previdenciária  Objetivo: aumentar a cobertura previdenciária e assistencial  RPPS  Criar programas específicos de educação previdenciária e financeira para os participantes  Objetivo maior: dar condições para vivenciar uma aposentadoria boa e equilibrada  Criar programas para o Judiciário

55 Investir na educação previdenciária  Trocar experiências com outras entidades. Iniciativa das EFPCs pode ser vista no link: iraPrevidenciariaIniciativas.aspx iraPrevidenciariaIniciativas.aspx

56 Perguntas?


Carregar ppt "Gestão de Entidades de Previdência Renê Sanda Conselheiro de Administração da CPFL e FGC."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google