A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

RAIZ FILOSÓFICA DA PSICOLOGIA (1) RAIZ FILOSÓFICA DA PSICOLOGIA (1) Empirismo Prof. Dr. André Luiz Moraes Ramos.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "RAIZ FILOSÓFICA DA PSICOLOGIA (1) RAIZ FILOSÓFICA DA PSICOLOGIA (1) Empirismo Prof. Dr. André Luiz Moraes Ramos."— Transcrição da apresentação:

1 RAIZ FILOSÓFICA DA PSICOLOGIA (1) RAIZ FILOSÓFICA DA PSICOLOGIA (1) Empirismo Prof. Dr. André Luiz Moraes Ramos

2 RAIZ FILOSÓFICA Empirismo crítico :Empirismo crítico : –Escola francesa –Escola britânica –Escola alemã AssociacionismoAssociacionismo (britânico) Materialismo científicoMaterialismo científico : –Escola francesa –Escola britânica –Escola alemã Tendências isoladas :Tendências isoladas : –Psicologia do ato –Psicologia fenomenológica –Escola romântica e naturalista

3 Empirismo crítico : Preocupações centrais: –Do que era feito o mundo? Resposta dada pela Química, Física e Biologia. –Como se adquire o conhecimento? Há idéias inatas (Platão)? As idéias são adquiridas através da experiência (Aristóteles)? –Seguindo a linha aristotélica, os empiristas afirmam que nada há na inteligência que não tenha passado pelos sentidos (visão, audição, olfato, paladar e tato).

4 Empirismo: Exemplo de São Tomé Tomé, um dos doze, chamado Dídimo, não estava com os apóstolos quando Jesus apareceu para eles. Os outros lhe disseram: Vimos o Senhor. Tomé disse se não vir nas mãos os sinais dos cravos e não puser o dedo no lugar dos cravos e minha mão no lado, não acreditarei. Oito dias depois, estavam os discípulos outra vez no mesmo lugar e Tomé com eles, entrou Jesus com as portas fechadas e, pondo-se no meio deles, disse A paz esteja convosco. Depois disse para Tomé: Põe aqui o dedo e olha minhas mãos, estende a mão e põe no meu lado e não sejas incrédulo mas homem de fé. Respondendo disse Tomé: Meu Senhor e Meu Deus. Jesus lhe disse: Porque me viste, acreditaste. Felizes os que não viram e creram. ( Jo 20, )

5 Empirismo: Exemplo de Fernando Pessoa Sou um guardador de rebanhos. O rebanho é os meus pensamentos E os meus pensamentos são todos sensações. Penso com os olhos e com os ouvidos E com as mãos e os pés E com o nariz e a boca. Pensar uma flor é vê-la e cheirá-la E comer um fruto é saber-lhe o sentido. Por isso quando num dia de calor Me sinto triste de gozá-lo tanto. E me deito ao comprido na erva, E fecho os olhos quentes, Sinto todo o meu corpo deitado na realidade, Sei a verdade e sou feliz. Alberto Caieiro (O guardador de rebanhos: IX)

6 Empirismo crítico : Pressuposto filosófico: –Oposição ao Nativismo: Não há conhecimento inato Todo conhecimento é adquirido Prescrição metodológica: –Oposição ao Racionalismo: O conhecimento fidedigno está alicerçado na observação, na experimentação e na medida. Cuidado: –O empirismo é metodologicamente teórico.

7 Empirismo: Escola francesa René Descartes: –Dúvida metódica: Emancipação do dogmatismo medieval: –Para se aceitar qualquer verdade, esta deve ser questionada. Duvidou até da própria existência. –O seu pensamento comprovava a sua existência: –Penso, logo existo. Duvidou da existência de Deus. –Dualismo mente x corpo: interacionista: Corpo: massa, extensão e movimento. Mente: sensações, emoções e imaginação, influenciando o corpo. –As idéias matemáticas e religiosas são inatas (nativista).

8 Empirismo: Escola britânica Thomas Hobbes: –O conhecimento é resultado das sensações e se fundamenta na experiência sensível. –Determinismo natural: O homem se resume ao corpo, de modo que o entendimento, a razão e a alma se resumem ao físico. Por achar que o homem não é livre, ele era antiliberal, antidemocrata e a favor da Monarquia Absolutista. Pacto social era a base do Estado Totalitário: modo de governo autoritário que controlava as tendências anti-sociais do homem. –Influenciou a Psicanálise; Natureza egoísta e interesseira do homem.

9 Empirismo: Escola britânica John Locke: –Um dos principais representantes do Empirismo. –A mente ao nascer é uma tábula rasa: Todo o conhecimento é adquirido através da experiência. –Sensações e percepções: Os conteúdos da mente são adquiridos das impressões sensoriais do mundo externo e interno. –Memória e os princípios associação de idéias: Similaridade (lembranças análogas e semelhantes). Contigüidade (proximidade no tempo e no espaço). –Influenciou o Estruturalismo no séc. XX.

10 Empirismo: Escola britânica George Berkeley: –Todo o conhecimento vem através dos sentidos. –Ser consiste em ser percebido. –Uma idéia é representada pela imagem (atributos: cor, forma, movimento). –Pode haver pensamento se imagem? David Hume: –Ceticismo: duvidou de tudo. –Só se pode conhecer aquilo que é passível de observação e experimentação. –Psicologia do senso comum: aceitar o mundo externo tal e qual como ele é percebido (observação ingênua).

11 Empirismo: Escola alemã Gottfried Wilhelm Leibniz: –Mônadas : O mundo (homem) é constituído de elementos simples ou átomos imateriais que representam cada um o universo inteiro. –O nível perceptivo mais alto é o da apercepção: Apercepção: sem reflexão, sem consciência, como vestígios ou formas subliminares de gostos, imagens e impressões. Formulou a doutrina do inconsciente, que foi depois retomada pela Psicanálise. –Posição intermediária: empirismo x nativismo: A mente seria como um mármore com nervura (nasce-se com tendências, pré-disposições, inclinações) que serão desenvolvidas através do processo de aprendizagem.

12 Empirismo: Escola alemã Emanuel Kant: –A capacidade de perceber é inata. –Fenomenologia: A natureza jamais será conhecida em si mesma como realmente é, mas apenas como o fenômeno aparece na experiência. –Finalismo: princípio de causa e efeito: O conhecimento só poderá vir através de suas manifestações. –Psicologia empírica: Nem o mundo, nem o eu, podem ser conhecidos pela mente humana em sua verdadeira natureza, pois o seu conteúdo não pode ser reduzido a termos quantitativos.

13 Empirismo: Escola alemã e pensamento crítico Johann Friedrich Herbart: –Teoria da Inibição das Idéias: As idéias mais fortes, devido à carga emocional, tendem a se conservar em nível consciente. As idéias mais fracas (massa aperceptiva) ficam no subconsciente aguardando uma oportunidade para ascender ao nível consciente. Retomada pela Psicanálise. –Psicologia aplicada à educação (a aula). Crítica de Christian Wolff: –Idealista e racionalista (oposição a Kant): O conhecimento da alma é possível através do exercício da razão pura. –Retarda a evolução da Psicologia como ciência.


Carregar ppt "RAIZ FILOSÓFICA DA PSICOLOGIA (1) RAIZ FILOSÓFICA DA PSICOLOGIA (1) Empirismo Prof. Dr. André Luiz Moraes Ramos."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google