A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Pele e Anexos Vera Vargas, 2011. Cobre toda a superfície do corpo Proteção contra a perda de água (evaporação, dessecamento) Resposta imunológica linfócitos.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Pele e Anexos Vera Vargas, 2011. Cobre toda a superfície do corpo Proteção contra a perda de água (evaporação, dessecamento) Resposta imunológica linfócitos."— Transcrição da apresentação:

1 Pele e Anexos Vera Vargas, 2011

2 Cobre toda a superfície do corpo Proteção contra a perda de água (evaporação, dessecamento) Resposta imunológica linfócitos e células apresentadoras de antígeno Proteção contra atrito Termo- regulação Excreção Proteção aos raios ultravioleta Melanina Funções

3 Epiderme Tecido epitelial escamoso (pavimentoso) estratificado queratinizado Origem Ectoderma embrionário Derme Tecido conjuntivo colágeno não modelado (frouxo e denso) Origem Mesoderma Hipoderme Tecido conjuntivo frouxo e tecido adiposo Origem Mesoderma É um dos maiores órgãos (16% do peso corporal).

4 Fotomicrografia de corte de pele fina (abdome), corada com hematoxilina-eosina, Junqueira e Carneiro. Fotomicrografia de corte de pele fina (abdome), laboratório de histologia URI.

5 EPIDERME Tecido epitelial pavimentoso (escamoso) estratificado queratinizado Tecido epitelial pavimentoso (escamoso) estratificado queratinizado Possui cinco camadas Possui cinco camadas –ESTRATO BASAL –ESTRATO ESPINHOSO –ESTRATO GRANULOSO –ESTRATO LÚCIDO –ESTRATO CÓRNEO

6 ESTRATO BASAL Células germinativas (1camada) ESTRATO ESPINHOSO Células poliédricas a pavimentosas (várias camadas células) ESTRATO GRANULOSO Células achatados (3-5 camadas) é a camada mais superficial onde ainda tem núcleos –Citoplasma grânulos de querato hialina + tonofibrilas = queratina ESTRATO LÚCIDO Células eosinófilas queratinizadas (camada fina), pele espessa como palma da mão e planta dos pés ESTRATO CÓRNEO Células não possuem núcleo e nem organelas, citoplasma cheio queratina (camada superficial da pele)

7 Membrana basal Estrato basal ou Camada basal Estrato Espinhoso Estrato Granuloso Estrato lúcido Estrato córneo

8 EPIDERME Células

9 CÉLULAS DA EPIDERME QUERATINÓCITOS: Células epiteliais que se tornam queratinizadas impermeável à água.

10 CÉLULAS DA EPIDERME MELANÓCITO : Células com prolongamentos dendríticos longos, localizadas no estrato basal. Origina-se das cristas neurais do embrião que invadem a pele. –Melanina célula-à-célula, secreção citócrina. –A melanina é um pigmento de cor marrom-escuro que se encontra geralmente nas camadas basais e espinhosas da epiderme. –Os grânulos localizam-se sobre o núcleo pois o bronzeamento após a exposição ao sol é um processo de proteção do DNA.

11

12 Células de Langerhans Células ramificadas com citoplasma pálido, papel importante na resposta imunológica apresentação dos antígenos aos linfócitos. Origem da medula óssea.

13 Células de Merkel Células epidérmicas modificadas e localizadas na camada basal, funciona como neurorreceptor.

14 Derme Tecido conjuntivo, a junção entre derme e epiderme é irregular, apresenta reentrâncias chamadas de papilas dérmicas. A derme possui duas camadas: –Camada papilar – Tecido conjuntivo frouxo, mais delgado é superficial e penetra nas papilas. –Camada reticular – Tecido conjuntivo denso, mais espesso é profunda.

15 DERME Impressões digitais (Dermatoglifos) –São elevações lineares de tecido conjuntivo que se projetam na superfície inferior da epiderme, disposição paralela Impressões digitais.

16 HIPODERME É formada por tecido conjuntivo frouxo, é responsável pelo deslizamento da pele sobre as estruturas na qual se apóia. Dependendo da região e da nutrição, a hipoderme poderá ter uma camada de tecido adiposo que se bem desenvolvida constitui o panículo adiposo que protege contra o frio.

17

18 PÊLOS

19 Estruturas alongadas e queratinizadas –Sua cor, tamanho e disposição variam de acordo com a raça e localização no corpo. Estrutura –Formado da invaginação da epiderme. –Apresenta uma dilatação terminal bulbo piloso, no centro papila dérmica, invaginação do tecido conjuntivo. –Células que recobrem a papila dérmica formam a raiz do pêlo. As células da raiz do pêlo multiplicam-se e diferenciam-se para formar o pêlo.

20

21

22 Pêlos

23 INERVAÇÃO DA PELE

24 Terminações nervosas livres –Epiderme até o estrato granuloso, derme NOCICEPTORES (dor). Terminações nervosas encapsuladas –São envolvidas por uma cápsula.

25 TERMINAÇÕES NERVOSAS ENCAPSULADAS CORPÚSCULOS DE PACINI tato e pressão, fibra nervosa mielinizada no tecido conjuntivo da pele ponta dos dedos. Células de Schwann em camadas, parecem folhas de cebola

26 TERMINAÇÕES NERVOSAS ENCAPSULADAS CORPÚSCULOS DE MEISSNER na derme, dedos das mãos e pés, células de Schwann modificadas e terminações mielinizadas de fibras aferentes. A fibra e as células de Schwann ziguezagueiam pelo corpúsculo tato e pressão.

27 TERMINAÇÕES NERVOSAS ENCAPSULADAS CORPÚSCULOS DE RUFFINI, arredondadas e fusiformes pele e articulações. Fibra mielinizada, entra na cápsula e se ramifica.

28 GLÂNDULAS

29 GLÂNDULAS SEBÁCEAS São glândulas alveolares. Secretam uma substância oleosa chamada de sebo que recobre o pêlo e a superfície da pele; sua secreção é holócrina; O acúmulo excessivo de sebo dá origem a condição conhecida como acne.

30 Glândula Sebáceas

31 GLÂNDULAS SUDORÍPARAS Glândula simples tubulosa enovelada, localizada na derme. Não está associada ao folículo piloso, são numerosas em pele espessa. Produzem uma solução aquosa, pobre em proteínas e rica em cloreto de sódio, uréia, ácido úrico e amônias em grande quantidade. Funcionam em parte como órgão excretores. Desempenham papel importante na regulação da temperatura.

32 GLÂNDULAS SUDORÍPARAS Glândulas sudoríparas écrinas, em toda a superfície do corpo, exceto lábios e genitália externa. Glândulas sudoríparas apócrinas, distribuição limitada: na axila, aréola e mamilo da glândula mamária, região peri- anal, associado à genitália externa, glândulas ceruminosas do canal auditivo, glândulas de Moll das pálpebras.

33 UNHAS São placas queratinizadas que recobrem a superfície dorsal das porções terminais dos dedos das mãos e dos pés. A unha é constituída de escamas córneas compacta, elas crescem deslizando sobre o leito ungueal. As células situadas na raiz constituem a matriz, proliferam- se, queratinizam-se e formam a placa córnea.


Carregar ppt "Pele e Anexos Vera Vargas, 2011. Cobre toda a superfície do corpo Proteção contra a perda de água (evaporação, dessecamento) Resposta imunológica linfócitos."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google