A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Quem faz as regras? Uma introdução à hermenêutica.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Quem faz as regras? Uma introdução à hermenêutica."— Transcrição da apresentação:

1 Quem faz as regras? Uma introdução à hermenêutica

2 Qual destes componentes determina o significado?

3 Autonomia semântica Autonomia semântica O texto é completamente independente do autor O texto é completamente independente do autor O autor perdeu controle do significado do texto quando escreveu e o texto passou a ter seu próprio significado O autor perdeu controle do significado do texto quando escreveu e o texto passou a ter seu próprio significado OBS:O texto pode transmitir significado, mas não pode produzir significado. OBS:O texto pode transmitir significado, mas não pode produzir significado.

4 O leitor cria o significado O leitor cria o significado A teoria de resposta do leitor: leitores distintas encontram significados diferentes no texto A teoria de resposta do leitor: leitores distintas encontram significados diferentes no texto Permite uma multiplicidade de significados Permite uma multiplicidade de significados

5 O significado é o que o próprio autor quis dizer O significado é o que o próprio autor quis dizer A hermenêutica tradicional A hermenêutica tradicional Visa descobrir o que o autor conscientemente escreveu Visa descobrir o que o autor conscientemente escreveu Negar o autor como determinante é uma espécie de plágio porque rouba do autor o que era seu Negar o autor como determinante é uma espécie de plágio porque rouba do autor o que era seu

6 A falácia intencional: A falácia intencional: É impossível reviver as experiências do autor É impossível reviver as experiências do autor O autor é incapaz de comunicar seu significado O autor é incapaz de comunicar seu significado As experiências do autor são únicas As experiências do autor são únicas O leitor moderno não compreende o significado de um autor antigo O leitor moderno não compreende o significado de um autor antigo Como pode o ateu entender um texto escrito do ponto de vista da fé? Como pode o ateu entender um texto escrito do ponto de vista da fé?

7 O objetivo não é reviver as experiências do autor, mas, compreender o que escreveu O objetivo não é reviver as experiências do autor, mas, compreender o que escreveu A maioria dos autores são competentes A maioria dos autores são competentes As diferenças de cultura, tempo e história podem ser diminuídas As diferenças de cultura, tempo e história podem ser diminuídas O ateu pode entender mas não compreender ou crer. O ateu pode entender mas não compreender ou crer.

8 Escrever o texto dentro de um horizonte específico Escrever o texto dentro de um horizonte específico A particularidade histórica do autor A particularidade histórica do autor Implica em coisas de que não tinha consciência Implica em coisas de que não tinha consciência Estabelecer as verdadeiras implicações Estabelecer as verdadeiras implicações O propósito não é apenas compreender especificamente o que o autor quis dizer, mas, também, o princípio que pretendia passar O propósito não é apenas compreender especificamente o que o autor quis dizer, mas, também, o princípio que pretendia passar As implicações verdadeiras pertencem ao autor As implicações verdadeiras pertencem ao autor

9 Comunicar Comunicar O autor, ao escrever, criou um texto que podia ser compartilhado e compreendido. O autor, ao escrever, criou um texto que podia ser compartilhado e compreendido. A necessidade de comunicar seu significado levou o autor a usar as normas lingüísticas do público alvo A necessidade de comunicar seu significado levou o autor a usar as normas lingüísticas do público alvo Estabelecer o contexto Estabelecer o contexto O contexto determina como o autor usou as suas palavras e frases O contexto determina como o autor usou as suas palavras e frases

10 Entender os símbolos verbais do autor Entender os símbolos verbais do autor Como o autor usou as suas palavras e frases O círculo hermenêutico LEITORTEXTO LEITORTEXTO

11 Ler no contexto de outros escritos pelo mesmo autor Ler no contexto de outros escritos pelo mesmo autor Compreender a forma literária Compreender a forma literária Procurar as implicações Procurar as implicações

12 O TEXTO PRETENDE APENAS UM ÚNICO SIGNIFICADO !!!! O TEXTO PRETENDE APENAS UM ÚNICO SIGNIFICADO !!!!


Carregar ppt "Quem faz as regras? Uma introdução à hermenêutica."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google