A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Escola Secundária Anselmo de Andrade Assegurar o Futuro Para ser grande, sê inteiro: nada teu exagera ou exclui. Sê todo em cada coisa. Põe quanto és no.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Escola Secundária Anselmo de Andrade Assegurar o Futuro Para ser grande, sê inteiro: nada teu exagera ou exclui. Sê todo em cada coisa. Põe quanto és no."— Transcrição da apresentação:

1 Escola Secundária Anselmo de Andrade Assegurar o Futuro Para ser grande, sê inteiro: nada teu exagera ou exclui. Sê todo em cada coisa. Põe quanto és no mínimo que fazes. Assim em cada lago a lua toda brilha, porque alta vive. Para ser grande, sê inteiro: nada teu exagera ou exclui. Sê todo em cada coisa. Põe quanto és no mínimo que fazes. Assim em cada lago a lua toda brilha, porque alta vive. Ricardo Reis

2 Localização Concelho de Almada Concelho de Almada Freguesia de Pombal Freguesia de Pombal ALMADA, com uma área de 70,0 km2, habitantes e, é um dos 13 municípios distrito de Setúbal. ALMADA, com uma área de 70,0 km2, habitantes e 11 freguesias, é um dos 13 municípios distrito de Setúbal.

3 A Escola História As origens da escola remontam o ano de As origens da escola remontam o ano de Três anos mais tarde desdobrou-se em Escola Preparatória D. António da Costa e Escola Industrial e Comercial Emídio Navarro. Três anos mais tarde desdobrou-se em Escola Preparatória D. António da Costa e Escola Industrial e Comercial Emídio Navarro. Em 1971, pelo dec. - lei 457/71 de 28 de Outubro, nasceu a Escola Técnica Comercial Anselmo de Andrade. Em 1971, pelo dec. - lei 457/71 de 28 de Outubro, nasceu a Escola Técnica Comercial Anselmo de Andrade. Em 1980 foram ampliadas as suas instalações. Em 1980 foram ampliadas as suas instalações. Na altura da sua criação a escola contava com a participação de 50 professores e 7 funcionários, hoje a escola conta com 160 professores. Na altura da sua criação a escola contava com a participação de 50 professores e 7 funcionários, hoje a escola conta com 160 professores. Os cursos iniciais eram direccionados para a área Comercial. Os cursos iniciais eram direccionados para a área Comercial.

4 A Escola Quem foi Anselmo de Andrade?

5 Anselmo de Andrade Anselmo José Assis de Andrade ( ) Escritor, economista e político. Escritor, economista e político. Formado em Direito na Universidade de Coimbra. Formado em Direito na Universidade de Coimbra. Membro da Geração de 70. Membro da Geração de 70. Em 1908 é convidado para preceptor do jovem rei D. Manuel. Em 1908 é convidado para preceptor do jovem rei D. Manuel. A sua obra económica teve enorme influência. A sua obra económica teve enorme influência.

6 A Escola Possui 6 blocos: Biblioteca com vídeos; Biblioteca com vídeos; Pavilhão e balneários; Pavilhão e balneários; Campos de jogos; Campos de jogos; Laboratórios (Física, Química e Biologia) ; Laboratórios (Física, Química e Biologia) ; Salas de Informática; Salas de Informática; Rádio da escola; Rádio da escola; Sala de têxteis e olaria; Sala de têxteis e olaria; Sala de teatro; Sala de teatro; Oficina Pedagógica; Oficina Pedagógica; Reprografia; Reprografia; Papelaria; Papelaria; Bar ; Bar ; Gabinete SPO. Gabinete SPO.

7 Agrupamento ? Não pertence Motivo Escola secundária, com muitos alunos. Independente gestão de recursos.

8 Oferta Escolar Ensinos Ensino diurnoEnsino nocturno

9 Oferta Escolar Ensino Diurno 3º ciclo e novo ensino secundário – 10º e 11º anos 3º ciclo e novo ensino secundário – 10º e 11º anos Cursos: Cursos: Científico – Humanísticos de Ciências e Tecnologia ; Científico – Humanísticos de Ciências e Tecnologia ; Ciências Sócio – Económicas; Ciências Sócio – Económicas; Ciências Sociais e Humanas; Ciências Sociais e Humanas; Artes Visuais; Artes Visuais; Cursos Tecnológicos de Administração e Acção Social Cursos Tecnológicos de Administração e Acção Social Ensino secundário – 12º ano ( agrupamentos 1, 2, 3 e 4 ) Ensino secundário – 12º ano ( agrupamentos 1, 2, 3 e 4 )

10 Oferta Escolar Ensino nocturno Ensino nocturno Ensino Recorrente por Unidades Capitalizáveis ( 3º ciclo e secundário) Ensino Recorrente por Unidades Capitalizáveis ( 3º ciclo e secundário) Ensino Recorrente por Blocos Capitalizáveis ( 3º ciclo e secundário ) Ensino Recorrente por Blocos Capitalizáveis ( 3º ciclo e secundário ) Ensino Recorrente por Módulos Capitalizáveis ( novo ensino secundário) Ensino Recorrente por Módulos Capitalizáveis ( novo ensino secundário)

11 Os alunos Dados estatísticos 2005/2006: 7º ano alunos; 8º ano – 147 alunos; 9º ano alunos; 10º ano – 152 alunos; 11º ano alunos; 12º ano – 199 alunos; Total de ensino básico alunos; Total de ensino secundário alunos; Total no ensino diurno – 979 alunos Total no ensino nocturno: 520 alunos Total de alunos da escola: 1492 alunos

12 Balanço da Avaliação do 3º ciclo 2003/2004 Anos Nº de alunos Retidos/ não aprovados Aprovados 7º (11%) 116 (89%) 8º (7%) 150 (93%) 9º (6%) 163 (94%)

13 Balanço da avaliação do ensino secundário 2004/2005 Percentagem de Insucesso (%) Percentagem de Insucesso (%) Anos Cursos Científico - Humanísticos Cursos Tecnológicos 10º15%18% 11º2%12% 12º13%21%

14 Dados relativos aos exames nacionais 2005 Referente ao 9º ano de escolaridade Português: Em 144 alunos há 15 negativas (10%); Português: Em 144 alunos há 15 negativas (10%); Matemática: Em 144 alunos há 97 negativas (67%). Matemática: Em 144 alunos há 97 negativas (67%).

15 Órgãos de Gestão e Administração Assembleia Presidente (Maria do Rosário Marques) Composição (17 membros) - 8 docentes; - 2 representantes do Pessoal não docente; - 2 representantes dos Pais e Encarregados de Educação; - 3 representantes dos alunos do ensino secundário e ensino recorrente; - 1 representante da Autarquia local; - Presidente do Conselho Executivo (Presidente Conselho Pedagógico).

16 Órgãos de Gestão e Administração Conselho Executivo Conselho Executivo Composição (6 membros) - Presidente (Maria Margarida Lucena) - 2 Vice-Presidentes (António Resende e Élia Martins) - Apoio: 2 assessores técnico-pedagógicos; 1 assessor ensino recorrente. 1 assessor ensino recorrente.

17 Órgãos de Gestão e Administração Conselho Administrativo Composição (3 membros) - Presidente do Conselho Executivo; - Chefe dos Serviços de Administração Escolar; - 1 Vice-Presidente do Conselho Executivo.

18 Órgãos de Gestão e Administração Conselho Pedagógico Composição - - Presidente (Presidente Conselho Executivo) - - Coordenadores dos Departamentos Curriculares - - Coordenadores representantes dos Directores de Turma - - Representante do Serviço Psicologia Orientação Escolar - - Representante do pessoal não docente

19 Orgãos de Gestão e Administração Composição (continuação) - Representante do Centro de Recursos Educativos - Representante dos Pais e Encarregados de Educação - Representantes dos núcleos de Estágio - Representantes dos Serviços Especializados de Apoio - Educativo - Representante dos Projectos de Desenvolvimento Educativo - Representante dos alunos Conselho Pedagógico

20 Projecto Educativo Objectivos – –Contribuir para a transmissão de valores de cidadania através do desenvolvimento cultural, pessoal e técnico. – –Estimular a relação de pertença dos vários actores educativos para uma identidade de escola. – –Promover a participação em projectos inovadores. – –Estimular a auto e hetero reflexão como práticas para a melhoria e para a mudança. – –Promover de forma harmoniosa a integração de novos alunos e a transição de alunos entre ciclos de escolaridade. – –Implementar projectos de investigação e parcerias de âmbito internacional.

21 Projecto Educativo Organização dos contactos com o mundo exterior Objectivo: criar laços estreitos com toda a comunidade educativa a) A escola e a família - criar um espaço de qualidade de atendimento aos E.E.; - promover a semana dos pais : informação sobre currículos, avaliação, projecto educativo, regulamento interno, orientação escolar, actividades culturais, etc.

22 Projecto Educativo Organização dos contactos com o mundo exterior b) A escola e o Mundo de Trabalho Objectivo: contribuir para a inserção profissional dos alunos - - Cursos orientados para a vida activa Ex: Curso de Especialização Tecnológica - Estabelecimento de protocolos com empresas de região

23 Projecto Educativo Organização dos contactos com o mundo exterior c) A escola e a comunidade Objectivos: desenvolver novas competências prolongar formação recebida na sala de aula prolongar formação recebida na sala de aula - Criação de uma página de Internet de divulgação de acções - Manter as actividades em curso: Oficina de Teatro da Anselmo, Jornal JÁ, Coro da Anselmo, Projecto Tinteiro, etc. - Promover o intercâmbio de experiências com escolas da região

24 Plano anual de actividades 2005/2006 1) Plano de Formação para Pessoal Docente - Ciclo de debates - Melhorar as práticas: Área de Projecto, Formação Cívica, Estudo Acompanhado. - Curso (Página Web) - Curso (Novos Programas do Ensino Secundário) - Curso (Necessidades Educativas Especiais)

25 2) Plano de Formação para Pessoal não Docente - Acção de Formação (Primeiros Socorros) - Acção de Formação (Higiéne e Segurança Alimentar) 3) Plano Actividades do Conselho Executivo 4) Plano de Actividades da Biblioteca-CRE 5) Projectos de ocupação tempos livres Plano anual de actividades 2005/2006

26 6) Plano Actividades para SPO - informação e orientação escolar e profissional 7) Plano Actividades do Núcleo de Apoio Educativo - contribuir para a igualdade de oportunidades de sucesso educativo - apoio alunos com necessidades educativas especiais Plano anual de actividades 2005/2006

27 8) Plano de Actividades de cada Departamento Curricular Exemplos -Visitas de estudo a Universidades -Visitas de estudo a Museus e Institutos -Exposição de trabalhos -Visitas a Parques Naturais -Colóquios/Conferências -Comemoração de eventos importantes -Participação no Festival de Teatro Interescolas -Educação Ambiental Plano anual de actividades 2005/2006

28 Projectos Educativos Projecto Comenius – –Projecto de 3 anos entre escolas da Áustria, Inglaterra, Finlândia, Letónia e Portugal. – –Comparar o dia a dia das diferentes escolas. – –Comparar a população, clima, paisagem e vida selvagem de cada zona. – –Descrever 1 ou 2 dos monumentos mais importantes da cidade de cada escola. – –Descrever a gastronomia, festas e tradições de cada pais.

29 Projectos Educativos 1.Oficina SER+ 5.Oficina de Teatro da Anselmo 5.Oficina de Teatro da Anselmo 2.Saber comer para melhor viver 2.Saber comer para melhor viver 6.Jornal Já 3.Janela Filosófica 3.Janela Filosófica 7.Coro do Anselmo 4.Oficina Pedagógica 8.Projecto Tinteiro

30 Projectos Educativos 9.Concurso literário, artístico, científico Anselmo de Andrade 13.Humanização do espaço físico da escola e sua valorização 13.Humanização do espaço físico da escola e sua valorização 10.Short Stories 14.Rádio Escolar 11.Atelier de Artes 15.Desporto Escolar 12.Clube Matemática 16.Clube Europeu

31 Autonomia Pedagógica e Cultural Existe um grande nível de iniciativa para desenvolver projectos e actividades Grande número de actividades e projectos em diferentes áreas que permitem ao aluno desenvolver diferentes vocações e capacidades Autonomia Activa

32 Prestígio vs Autonomia. A noção errada que certas medidas inovadoras e de autonomia vêem prejudicar o desempenho dos alunos. A nível do secundário há resistência relativamente à participação nos projectos, devido à preocupação com os exames nacionais. Autonomia excessiva – (não necessidade da criação de laços com autarquias ou outros órgãos externos à escola). Resistência de partes do corpo docente quanto as novas medidas previstas no DL 115-A/98, de 4 de Maio.

33 Autonomia Activa Bom relacionamento entre assembleia e conselhos (pedagógicos, executivo e administrativo). Bom relacionamento entre assembleia e conselhos (pedagógicos, executivo e administrativo). Bastante interesse dos encarregados de educação e participação quer na assembleia como para outras actividades. Bastante interesse dos encarregados de educação e participação quer na assembleia como para outras actividades. Autonomia Financeira Autonomia Financeira –Financeiramento dependentes do orçamento do M.E. com uma pequena fatia de receitas próprias. ( Bar, reprografia e papelaria)

34 Autores Elisabete Pereira nº João Mouro nº Magda Charrua nº Curso: Lic. Ensino Ciências da Natureza Disciplina: Análise e Gestão Escolar Dezembro 2005


Carregar ppt "Escola Secundária Anselmo de Andrade Assegurar o Futuro Para ser grande, sê inteiro: nada teu exagera ou exclui. Sê todo em cada coisa. Põe quanto és no."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google