A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Gêneros e formatos radiofônicos PROGRAMA NAS ONDAS DO RÁDIO OUTUBRO - 2010.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Gêneros e formatos radiofônicos PROGRAMA NAS ONDAS DO RÁDIO OUTUBRO - 2010."— Transcrição da apresentação:

1 Gêneros e formatos radiofônicos PROGRAMA NAS ONDAS DO RÁDIO OUTUBRO

2 Nesta aula: Distinção entre gêneros e formatos radiofônicos Classificação dos gêneros Tipos de formatos Dicas importantes

3 Gênero x Formato Podemos dizer que o gênero radiofônico define as características "gerais" do programa, ou seja, aquilo que o programa é. O formato é o contorno do programa, a estrutura na qual os conteúdos são encaixados. Em outras palavras, a forma como o gênero é apresentado. Os GÊNEROS são os "modelos abstratos". E os FORMATOS são os "moldes concretos" de realização.

4 Podemos ordenar os GÊNEROS a partir de 3 perspectivas: 1) SEGUNDO O MODO DE PRODUÇÃO DAS MENSAGENS Aqui aparecem os três grandes gêneros da radiodifusão, a classificação mais antiga dos programas de rádio: O GÊNERO DRAMÁTICO, o GÊNERO JORNALíSTICO e o GÊNERO MUSICAL.

5 2) SEGUNDO A INTENCÃO DO EMISSOR Partindo dos objetivos de quem produz o programa, podemos identificar os seguintes gêneros: INFORMATIVO - EDUCATIVO - ENTRETENIMENTO - PARTICIPATIVO - CULTURAL - RELIGIOSO - MOBILIZAÇÃO SOCIAL - PUBLICITARIO - ETC E sses gêneros não são excludentes. Um mesmo programa possa ter finalidade educativa e de entretenimento ao mesmo tempo.

6 3) SEGUNDO A SEGMENTAÇÃO DOS DESTINATÁRIOS (RECEPTORES) Levando-se em conta o público ao qual um programa é dirigido, podemos denominar o gênero de: INFANTIL - JUVENIL - FEMININO - TERCEIRA IDADE - CAMPONÊS - URBANO - SINDICAL - ETC Aqui o que determina a diversidade de gêneros é a diversidade de públicos que se pode atingir, levando-se em conta a idade, o grupo ou classe social, o sexo, a escolaridade, os hábitos e costumes, etc.

7 3) SEGUNDO A SEGMENTAÇÃO DOS DESTINATÁRIOS (RECEPTORES) Levando-se em conta o público ao qual um programa é dirigido, podemos denominar o gênero de: INFANTIL - JUVENIL - FEMININO - TERCEIRA IDADE - CAMPONÊS - URBANO - SINDICAL - ETC Aqui o que determina a diversidade de gêneros é a diversidade de públicos que se pode atingir, levando-se em conta a idade, o grupo ou classe social, o sexo, a escolaridade, os hábitos e costumes, etc.

8 EXERCÍCIO DE CLASSIFICAÇÃO JINGLE BOLETIM RADIONOVELA

9 FORMATOS Para pensar em formatos, vamos partir dos três gêneros que fundaram a linguagem radiofônica: 1)o DRAMÁTICO ou ficcional. Inspira-se em fatos reais, mas trabalha com "o que poderia ser. 2)o JORNALÍSTICO ou documental. O objetivo é mostrar o que aconteceu. 3)o MUSICAL, entretenimento e/ou cultural. Relaciona-se com a estética e com a expressão de sentimentos.

10 Quanto aos FORMATOS, o gênero dramático pode se apresentar: 1)Na FORMA TEATRAL (radioteatros, radionovelas, seriados, sociodramas, diálogos e monólogos de personagens) 2)Na FORMA NARRATIVA (contos, lendas, mitos, fábulas, parábolas, relatos históricos, piadas) 3)Nas FORMAS COMBINADAS, ou seja, quando cruza com outros gêneros (notícias dramatizadas, cartas dramatizadas, poemas vivos, histórias de canções e radioclips, testemunhos com reconstrução de fatos)

11 O gênero musical pode ser dividido em diferentes SUBGÊNEROS: música popular, clássica, moderna, dance music, folclórica, instrumental, infantil, religiosa etc. Quanto aos FORMATOS do gênero musical podemos encontrar: 1) programas de VARIEDADES musicais e programas de UM SÓ RITMO; 2) FESTIVAIS e programas de UM SÓ INTÉRPRETE; 3) RECITAIS, ESTRÉIAS, FLASH BACK E RANKINGS.

12 DICAS IMPORTANTES Existem muitos formatos no ar e outros para serem criados! O melhor FORMATO ser á sempre: - O QUE COMUNICA MAIS, isto é, aquele que consegue atingir o maior número de pessoas; - O MAIS ADEQUADO, isto é, o mais coerente com os objetivos do programa; - O QUE ROMPE, isto é, o que inventa e inova.

13 Fonte:

14 Realização Secretaria Municipal de Educação da Cidade São Paulo Programa Nas Ondas do Rádio – DOT/SME Coordenação do Programa Nas Ondas do Rádio Carlos Alberto Mendes de Lima Equipe de Assessoria Alda Ribeiro Carlos Eduardo Fernandez Carmen Gattás Eveline Araujo Izabel Leão Marciel Consani Mauro Cordeiro Paola Prandini Salete Soares Silene Lourenço Programa Nas Ondas do Rádio


Carregar ppt "Gêneros e formatos radiofônicos PROGRAMA NAS ONDAS DO RÁDIO OUTUBRO - 2010."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google