A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

A IMPORTÂNCIA DO LÚDICO NA INCLUSÃO Autoras: Ariane Peretto Beatriz Lorenzi.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "A IMPORTÂNCIA DO LÚDICO NA INCLUSÃO Autoras: Ariane Peretto Beatriz Lorenzi."— Transcrição da apresentação:

1 A IMPORTÂNCIA DO LÚDICO NA INCLUSÃO Autoras: Ariane Peretto Beatriz Lorenzi

2 JUSTIFICATIVA O Brasil tem apresentado avanços em termos de uma educação voltada para todos e para a inclusão social plena e efetiva de pessoas com necessidades especiais. Uma das principais mudanças ocorridas diz respeito à ampliação da forma de abordar a deficiência, que passa a ser encarada, também, sob uma perspectiva social. Nesse sentido, procura- se mostrar que a sociedade, em suas diferentes organizações, em muitos casos, cria barreiras à participação dos indivíduos, por não estarem estruturadas para atender às necessidades das pessoas com deficiência. Assim, a pesquisa justifica-se, pois sabe-se que as atividades lúdicas como estratégia pedagógica para as crianças portadoras de necessidades especiais promove situações que favorecem a interação entre crianças portadoras e não de deficiências e possibilitam o desenvolvimento educacional/escolar das mesmas

3 OBJETIVOS Evidenciar a importância do lúdico como ferramenta auxiliar para a aprendizagem dos alunos portadores de necessidades especiais, contribuindo com sugestões de metodologias que venham a facilitar a inclusão de crianças portadoras de necessidades especiais com outras consideradas normais no meio social, principalmente nas escolas

4 FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA Oliveira (1989) nos diz que, em cada brinquedo, se esconde uma relação educativa. Quando a criança brinca, aprende a se expressar no mundo, criando ou recriando novos brinquedos e, com eles, participando de novas experiências e aquisições. Com outras crianças, trava contato com a sociabilidade espontânea, ensaia movimentos do corpo, experimenta novas sensações.

5 FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA Segundo Vygotsky apud Bomtempo (1985, p. 57) “é enorme a influência do brinquedo no desenvolvimento da criança, pois ele preenche necessidades da criança, entendidas em seu sentido mais amplo como tudo aquilo que é motivo de ação”. Para ele, o mundo dos brinquedos envolve uma situação imaginária, onde desejos irrealizáveis são realizados. Além disso, qualquer forma de brinquedo imaginativo contém regras a priori, embora não seja uma situação de jogo com regras formas estabelecidas. Por exemplo, ao se brincar de mãe e filha são obedecidas regras do comportamento maternal.

6 FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA Há uma grande diversidade de jogos e brincadeiras que podem ser realizadas com as crianças portadoras de necessidades especiais. Basta o professor estar atento para esta necessidade e ainda, possuir sensibilidade suficiente para buscar uma maior integração do grupo, fazendo com que a hostilidade dê lugar à afetividade, a competitividade ao companheirismo e o autoritarismo à democracia. Nada melhor do que fazer isso brincando.

7 METODOLOGIA A presente pesquisa foi de cunho bibliográfico e de campo. Após a leitura de diferentes autores, organizou-se a fundamentação teórica. Em seguida, partiu-se para a pesquisa de campo, a qual foi fundamental para a compreensão mais apurada da realidade. A pesquisa de campo foi feita na APAE – Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais, a qual é uma Associação de Pais e Amigos de Excepcionais, de assistência social e educacional, sem fins lucrativos, beneficiada com Utilidade Pública Municipal, Estadual e Federal. A APAE de Dois Vizinhos, está situada à Rua Nereu Ramos, 650 – Bairro da Luz, na cidade de Dois Vizinhos, Estado do Paraná. Os entrevistados foram a Direção e a Coordenação da APAE, a fim de entrevistá-las com o objetivo de diagnosticar a importância do lúdico no processo de inclusão das crianças portadores de necessidades especiais.

8 ENTREVISTA COM A DIREÇÃO Na visão da direção o processo de inclusão é muito mais amplo do que a realização de atividades recreativas. O processo de inclusão exige que toda sociedade modifique sua forma de pensar a pessoa com diferença, ou seja, aquela que foge do padrão imposto para que seja aceita como “um igual”. Assim, a APAE, na medida do possível busca sensibilizar a comunidade para a valorização de toda e qualquer diversidade social, por meio de palestras e do trabalho que realiza com seus alunos. A Direção salientou ainda que, o trabalho desenvolvido pela APAE de Dois Vizinhos com os alunos portadores de necessidades especiais demonstram claramente que as atividades que despertam o lúdico são bem aceitas pelos alunos e facilitam o aprendizado. Observou-se ainda, que as atividades desenvolvidas por meio do lúdico, tornam os alunos felizes, eficazes e capazes de aprender e de produzir, levando suas experiências para a vida cotidiana, fora do âmbito escolar.

9 ENTREVISTA COM A COORDENADORA PEDAGÓGICA Para Coordenação a ludicidade está presente nas ações pedagógicas mais enfaticamente na educação das crianças, pois procura-se ao mesmo tempo em que se desenvolve os conteúdos formais, tornar a aprendizagem um ato interessante, divertido e desafiador, sempre levando em conta os aspectos funcionais da vida do aluno. Com os adolescentes, jovens e adultos a ludicidade assume um caráter de maior funcionalidade, ou seja, trabalhamos no enfoque do currículo funcional natural, ou seja, fazer com que o aluno torne parte de conhecimentos de sua vida diária, que os conteúdos explorados façam a diferença para profissionalização da pessoa com deficiência.

10 CONSIDERAÇÕES FINAIS Através da pesquisa, ficou evidenciado que pode-se, sim, ensinar de uma maneira mais divertida, basta ter a vontade de fazê- lo bem. Porém, sabe-se que não existe fórmula pronta de como obter sucesso com a ludicidade. Deve-se, pois, pesquisar cada vez mais sobre este rico instrumento auxiliar para a aprendizagem. Não apenas os alunos estão no aprendizado constante, os professores, também. O professor é a peça-chave para a realização de tudo isso. Só depende de dele o aprendizado feito com carinho e dedicação, pois se utilizar as atividades lúdicas como um recurso pedagógico nas aulas poderá colher frutos maravilhosos. Enfim, cabe a cada um de nós encontrar a melhor maneira para entrar no mundo da criança, para chegar perto do seu coração e suprir suas necessidades. E não há maneira melhor de fazê-lo do que utilizar o lúdico como chave para abrir as portas deste mundo.


Carregar ppt "A IMPORTÂNCIA DO LÚDICO NA INCLUSÃO Autoras: Ariane Peretto Beatriz Lorenzi."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google