A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Bolsa pré-sináptica NEURÔNIOS Transmissão do impulso nervoso em neurônios mielínicos.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Bolsa pré-sináptica NEURÔNIOS Transmissão do impulso nervoso em neurônios mielínicos."— Transcrição da apresentação:

1 Bolsa pré-sináptica NEURÔNIOS Transmissão do impulso nervoso em neurônios mielínicos

2 SISTEMA NERVOSO -O Sistema Nervoso tem como função coordenar as atividades de vários órgãos, receber informações do meio externo e responder aos estímulos recebidos. -É constituído de neurônios ( células nervosas ) e de uma variedade de células de manutenção, sustentação e nutrição denominadas de neuróglias. - Os Neurônios são células altamente especializadas, alongadas, formadas pelos dendritos, corpo celular e axônio.

3 NEURÔNIO -Existem dois tipos de NEURÔNIOS: 1º) Neurônio Mielínico: possuem no axônio uma camada lipídica chamada de bainha de mielina. Essa camada funciona como isolante elétrico, dessa forma o impulso nervoso passa pulando e é transmitido mais rapidamente. 2º) Neurônio Amielínico: não apresentam no axônio a bainha de mielina, sendo assim, o impulso nervoso passa mais devagar do que no neurônio mielínico, pois passa caminhando por todo o axônio. -O impulso nervoso corre sempre no seguinte sentido: DENDRITOAXÔNIO CORPO CELULAR

4 NEURÔNIO -Não há contato físico entre um neurônio e outro. Nas ramificações do axônio, existem as bolsas pré-sinápticas que liberam as substâncias neurotransmisssoras formando uma ponte temporária para que o impulso nervoso se propague de um neurônio para outro. Se não houver a liberação de neurotrasmissores o impulso nervoso não se propaga. -A região de encontro entre dois neurônios onde ocorre a liberação das substâncias neurotransmissoras é chamada de SINAPSE. -As anestesias agem nas sinapses, inibindo temporariamente a liberação das substâncias neurotransmissoras e a passagem do estímulo de dor.

5 NEURÓGLIAS OU CÉLULAS DA GLIA -Entre os neurônios encontram-se as células chamadas de neuróglia ou células da glia. Essas células não conduzem impulsos nervosos. Elas atuam na sustentação e proteção dos neurônios. São muito mais numerosas que os neurônios e menores do que eles. Algumas realizam a fagocitose, englobando partículas inúteis ou estranhas ao sistema nervoso.

6 ENCÉFALO (SITUA-SE NO INTERIOR DA CAIXA CRANIANA) CRANIANOS (12 PARES DE NERVOS) (CONECTADOS AO ENCÉFALO) CÉREBRO PONTE BULBO CEREBELO MEDULA ESPINHAL (CORDÃO NERVOSO SITUADO NO INTERIOR DA COLUNA VERTEBRAL) SISTEMANERVOSOSISTEMANERVOSO SISTEMA NERVOSO CENTRAL (SNC) SISTEMA NERVOSO PERIFÉRICO (SNP) NERVOS RAQUIDIANOS (31 PARES DE NERVOS) CONECTADOS À MEDULA ESPINHAL)

7 SISTEMA NERVOSO CENTRAL ENCÉFALO - Localizado no interior da caixa craniana. - Compreende o cérebro, o cerebelo, o bulbo e a ponte.

8 SISTEMA NERVOSO CENTRAL 1. CÉREBRO - Maior parte do encéfalo. - Apresenta reentrâncias e saliências chamadas de circunvoluções cerebrais. As circunvoluções permitem que caibam milhões de neurônios no cérebro. - Funções: Recebe e processa todos os estímulos enviados pelo sistema sensorial. Responsável pelos sentimentos. Responsável pela memória. Responsável pela inteligência, aprendizado e linguagem. Controla todas as ações voluntárias.

9 SISTEMA NERVOSO CENTRAL 2. CEREBELO - Localiza-se abaixo do cérebro. - Funções: Responsável pelo tônus muscular. Responsável pelo equilíbrio do corpo e pelos movimentos finos e precisos do corpo. 3. BULBO - Localiza-se abaixo da ponte. - Funções: Responsável por atividades vitais e involuntárias (respiração, batimentos cardíacos, deglutição, movimentos peristálticos, vômito, tosse, espirro,piscar dos olhos).

10 SISTEMA NERVOSO CENTRAL 4. PONTE - Localiza-se abaixo do cérebro, diante do cerebelo e acima do bulbo. - Funções: Serve de passagem para os impulsos nervosos que vão ao cérebro.

11 SISTEMA NERVOSO CENTRAL MEDULA ESPINHAL - É um cordão nervoso com aproximadamente 40 cm situado no interior da coluna vertebral. - Responsável pela conexão entre o encéfalo e os nervos. - Responsável pelos reflexos.

12 NERVOS QUANTO À ORIGEM QUANTO À CONDUÇÃO DOS IMPULSOS NERVOSOS SENSITIVOS: conduzem os impulsos nervosos de um órgão receptor de estímulos até o sistema nervoso central. MOTORES: conduzem os impulsos nervosos do sistema nervoso central até um órgão efetor (músculos ou glândulas). MISTOS: realizam as duas funções. CRANIANOS: 12 pares de nervos que originam-se no encéfalo. RAQUIDIANOS: 31 pares de nervos que originam-se na medula espinhal.

13 NERVOS QUANTO À DIREÇÃO DO IMPULSO NERVOSO AFERENTE: levam os impulsos nervosos do meio para o S.N.C. EFERENTE: levam impulsos nervosos do S.N.C. para o órgão efetor.

14 OBSERVAÇÕES MENINGES - O encéfalo e a medula espinhal estão protegidos por estruturas ósseas, respectivamente, crânio e vértebras. Porém, nem o encéfalo e nem a medula entram em contato direto com os ossos. Envolvendo esses órgãos existem três membranas, chamadas de meninges. - Elas são: dura-máter : membrana externa que fica em contato com os ossos. pia-máter : membrana interna que envolve a medula e o encéfalo. aracnóide : membrana intermediária entre as outras duas. - Entre elas circula o líquido cérebroespinhal ou cefalorraquidiano ou líquor que nutre os órgãos nervosos centrais, além de proteger o encéfalo e a medula contra choques mecânicos (batidas na cabeça, por exemplo).

15 S.N.P.A. PARASSIMPÁTICO (Reestabelecem o funcionamento do corpo) S.N.P.A. SIMPÁTICO (Agem em situações de emergência) FORMADOS POR NERVOS QUE CONTROLAM AÇÕES VOLUNTÁRIAS REALIZADAS PELOS MÚSCULOS ESTRIADOS ESQUELÉTICOS. SISTEMANERVOSOPERIFÉRICOSISTEMANERVOSOPERIFÉRICO SISTEMA NERVOSO SOMÁTICO SISTEMA NERVOSO AUTÔNOMO FORMADOS POR NERVOS QUE CONTROLAM AÇÕES INVOLUNTÁRIAS.


Carregar ppt "Bolsa pré-sináptica NEURÔNIOS Transmissão do impulso nervoso em neurônios mielínicos."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google