A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

EDUCAÇÃO PROFISSIONAL TÉCNICA DE NÍVEL MÉDIO PARA A SAÚDE.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "EDUCAÇÃO PROFISSIONAL TÉCNICA DE NÍVEL MÉDIO PARA A SAÚDE."— Transcrição da apresentação:

1

2 EDUCAÇÃO PROFISSIONAL TÉCNICA DE NÍVEL MÉDIO PARA A SAÚDE

3 REDE FEDERAL DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL, CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA - BREVE HISTÓRICO escolas de aprendizes artífices - presidente Nilo Peçanha - Ministério da Agricultura, Indústria e Comércio Supervisão do Ministério da Educação e Saúde pública Transformação em liceus industriais

4 Ensino profissional é considerado de nível médio - Escolas técnicas industriais e técnicas Escolas técnicas federais (autarquias) - Ao longo desse tempo, constitui-se rede de escolas agrícolas vinculadas ao Ministério da Agricultura REDE FEDERAL DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL, CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA - BREVE HISTÓRICO -

5 três escolas federais são transformadas em centros federais de educação tecnológica (CEFET): - Rio de Janeiro - Minas Gerais - Paraná (década) – Formação de rede de CEFETs Instituição do Sistema Nacional de Educação Tecnológica REDE FEDERAL DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL, CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA - BREVE HISTÓRICO -

6 Governo proíbe a construção de novas escolas federais: Oferta predominante de cursos superiores e ensino médio regular; Cursos técnicos são deixados para iniciativa privada e Estados Reorientação das políticas federais para educação profissional e tecnológica; - Retomada da possibilidade da oferta de cursos técnicos integrados com o ensino médio. REDE FEDERAL DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL, CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA - BREVE HISTÓRICO -

7 Alteração da lei que vedava a expansão da rede federal - A rede conta com 144 unidades distribuídas em todo o país Lei de 29/12/2008: cria os Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia Lançamento do PRONATEC REDE FEDERAL DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL, CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA - BREVE HISTÓRICO -

8 CARACTERÍSTICAS INTERESSANTES DOS IFs Podem atuar em todos os níveis e modalidades da educação profissional Mínimo de 50 % das vagas – destinadas à educação profissional técnica de nível médio Mínimo de 20 % das vagas – destinadas a cursos de licenciatura

9 Cerca de 30 % das vagas – destinadas a cursos superiores de tecnologia, bacharelados, engenharias e cursos de pós-graduação stricto sensu (mestrado e doutorado) CARACTERÍSTICAS INTERESSANTES DOS IFs Instituições multicampi Autonomia

10 Certificadoras de competências profissionais CARACTERÍSTICAS INTERESSANTES DOS IFs Eleição paritária para reitores e diretores-gerais dos campi

11 178 cursos em 108 campi CURSOS TÉCNICOS NA ÁREA DE SAÚDE NOS INSTITUTOS FEDERAIS

12 Enfermagem Nutrição e Dietética Segurança do Trabalho Análises Clínicas Radiologia Biotecnologia Saúde Bucal Agente Comunitário de Saúde Gerência de Saúde Reabilitação de Dependentes Químicos CURSOS TÉCNICOS NA ÁREA DE SAÚDE NOS INSTITUTOS FEDERAIS

13 Biodiagnóstico/Histologia Microscopia Prótese Dentária Registros e Informações em Saúde Práticas Integrativas e Complementares em Saúde Vigilância em Saúde Massoterapia Farmácia Alimentação Equipamentos Biomédicos Cuidador de Idosos CURSOS TÉCNICOS NA ÁREA DE SAÚDE NOS INSTITUTOS FEDERAIS

14 DESAFIOS Consolidação do modelo dos IFs e não identificação com as universidades Desenvolvimento da pesquisa aplicada e inovação Desenvolvimento da extensão e vínculo com a sociedade Papel do sistemas na formação tecnológica Articulação com universidades e sistemas

15 Cláudio Ricardo Gomes de Lima (Presidente do CONIF) (61)


Carregar ppt "EDUCAÇÃO PROFISSIONAL TÉCNICA DE NÍVEL MÉDIO PARA A SAÚDE."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google