A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

BOLAS SUIÇAS Profª. MSc. Lucia Gill Acad. Daniele Costa.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "BOLAS SUIÇAS Profª. MSc. Lucia Gill Acad. Daniele Costa."— Transcrição da apresentação:

1 BOLAS SUIÇAS Profª. MSc. Lucia Gill Acad. Daniele Costa

2 Condições da bola Condições da bola Superfície para os exercícios Superfície para os exercícios Quando um paciente tem medo de escorregar, ele ativa grupos musculares impróprios sobre o controle motor devido a influência límbica; perdendo a harmonia corporal. Pressão na bola Pressão na bola Para os exercícios de equilíbrio, as bolas precisam estar firmemente infladas. Tamanho da bola Tamanho da bola O tamanho do paciente determina o tamanho da bola a ser utilizada. Limpeza da bola Limpeza da bola

3 Condições de segurança Condições de segurança Ao usar a bola suíça a segurança do paciente deve ser a preocupação primária do terapeuta durante todo tempo! Ao usar a bola suíça a segurança do paciente deve ser a preocupação primária do terapeuta durante todo tempo! O terapeuta precisa estar ciente: O terapeuta precisa estar ciente: Da condição física do paciente; Da condição física do paciente; Perfil psicológico; Perfil psicológico; Equilíbrio do paciente. Equilíbrio do paciente. Importante: Importante: Não tente reparar uma bola estourada; livre-se dela! Não tente reparar uma bola estourada; livre-se dela!

4 Uso de cinta. Uso de cinta. Estabilizadores. Estabilizadores. Roupas, calçados e cabelos. Roupas, calçados e cabelos. Cuidado com o calor! Cuidado com o calor! Importante: o paciente não deve girar e quicar ao mesmo tempo. Importante: o paciente não deve girar e quicar ao mesmo tempo.

5 Equilíbrio Equilíbrio Em pacientes com problemas de equilíbrio, uma 2ª pessoa pode ser chamada para ficar de pé atrás ou próxima do paciente para dar-lhe assistência.A confiança do paciente aumenta quando ele percebe que não vai cair. Em pacientes com problemas de equilíbrio, uma 2ª pessoa pode ser chamada para ficar de pé atrás ou próxima do paciente para dar-lhe assistência.A confiança do paciente aumenta quando ele percebe que não vai cair.

6 Imagem corporal Imagem corporal Pacientes com sensação diminuída em um ou ambos os lados do corpo e diminuição na imagem corporal precisam ser observados de perto. Pacientes com sensação diminuída em um ou ambos os lados do corpo e diminuição na imagem corporal precisam ser observados de perto. Devem ser usados espelhos para aumentar a percepção possibilitando mais segurança durante os exercícios. Devem ser usados espelhos para aumentar a percepção possibilitando mais segurança durante os exercícios.

7 Contra-indicações & precauções Contra-indicações & precauções A melhor precaução é o bom senso Dor- A dor é uma contra-indicação. O terapeuta precisa considerar 2 causas de dor: Dor- A dor é uma contra-indicação. O terapeuta precisa considerar 2 causas de dor: O exercício está sendo usado incorretamente? O exercício está sendo usado incorretamente? O exercício está sendo usado corretamente porem não é apropriado naquele momento para o paciente. O exercício está sendo usado corretamente porem não é apropriado naquele momento para o paciente.

8 OBS: Se o exercício causa dor sendo feito corretamente ele precisa ser abandonado e substituído por outro, onde o paciente possa realiza sem sentir dor. OBS: Se o exercício causa dor sendo feito corretamente ele precisa ser abandonado e substituído por outro, onde o paciente possa realiza sem sentir dor. Diminuição no equilíbrio e na imagem corporal- Embora a diminuição no equilíbrio e na imagem corporal do paciente precisa ser considerada por questão de segurança tais fatores não são uma contra-indicação em geral. Diminuição no equilíbrio e na imagem corporal- Embora a diminuição no equilíbrio e na imagem corporal do paciente precisa ser considerada por questão de segurança tais fatores não são uma contra-indicação em geral.

9 EXERCÍCIOS Cowboy Objetivos: Objetivos: Treinar uma postura ereta; Treinar uma postura ereta; Fortalecer quadríceps e panturrilha; Fortalecer quadríceps e panturrilha; Preparar para marcha; Preparar para marcha; Praticar balanceio simétrico dos MMSS. Praticar balanceio simétrico dos MMSS.

10 Cowboy

11 ULA-ULA OBJETIVOS: OBJETIVOS: Mobilizar coluna lombar e quadris em flexão e extensão; Mobilizar coluna lombar e quadris em flexão e extensão; Promover o movimento típico de marcha da coluna lombar e quadris. Promover o movimento típico de marcha da coluna lombar e quadris.

12 ULA-ULA

13 ULA-ULA, de um lado para outro OBJETIVOS: OBJETIVOS: Facilitar a flexão lateral da coluna; Facilitar a flexão lateral da coluna; Facilitar reações de equilíbrio automáticas. Facilitar reações de equilíbrio automáticas.

14 ULA-ULA ULA-ULA

15 BALANÇA Objetivos: Objetivos: Mover o tronco alinhado para frente e para trás no espaço; Mover o tronco alinhado para frente e para trás no espaço; Treinar músculos abdominais e extensores da coluna ao estabilizar o tronco; Treinar músculos abdominais e extensores da coluna ao estabilizar o tronco; Encorajar o alinhamento dos MMII com a retirada correta de calcanhares e artelhos. Encorajar o alinhamento dos MMII com a retirada correta de calcanhares e artelhos.

16 Balança

17 FAQUIR FAQUIR Objetivos: Objetivos: Treinar a musculatura abdominal e extensores da coluna; Treinar a musculatura abdominal e extensores da coluna; Inclinação do tronco alinhado a partir da posição vertical até a posição horizontal e voltar. Inclinação do tronco alinhado a partir da posição vertical até a posição horizontal e voltar.

18 Faquir

19 Burrinho alongando você Burrinho alongando você Objetivos : Objetivos : Mobilizar a coluna em extensão, com ajuda da gravidade Mobilizar a coluna em extensão, com ajuda da gravidade Alongar a cadeia ventral do tronco; Alongar a cadeia ventral do tronco; Trabalhar a flexão da coluna contra a gravidade; Trabalhar a flexão da coluna contra a gravidade; Trabalhar a flexão e extensão de quadris e joelhos; Trabalhar a flexão e extensão de quadris e joelhos; Fortalecer os membros inferiores; Fortalecer os membros inferiores; Alongar os músculos peitorais. Alongar os músculos peitorais.

20 Burrinho alongando você

21 Alongando- me Alongando- me Objetivos: Objetivos: Alongamento peitoral bilateralmente Alongamento peitoral bilateralmente Alongamento diagonal unilateral de peitorais e tronco Alongamento diagonal unilateral de peitorais e tronco Obter mobilização de tecidos moles e tecido neural Obter mobilização de tecidos moles e tecido neural

22 Alongando-me

23 Pato Pato Objetivos: Objetivos: Conseguir mobilização e estabilização lombar/sacral; Estabilizar os membros superiores em cadeia cinética fechada; Estimular os movimentos pélvicos no plano sagital.

24 Pato

25 Peixinho Peixinho Objetivos: Objetivos: Praticar a extensão total de coluna, quadril e joelhos; Praticar a flexão anterior total dos ombros em cadeia cinética fechada; Fortalecer os músculos extensores de coluna e quadril; È indicado para testar o equilíbrio do tronco e força dos membros superiores do paciente.

26 Peixinho

27 Andando nas mãos Andando nas mãos Objetivos: Objetivos: Estabilizar tronco; Estabilizar tronco; Avaliar o equilíbrio do tronco; Avaliar o equilíbrio do tronco; Fortalecer os membros superiores, especialmente o tríceps braquial em cadeia cinética fechada. Fortalecer os membros superiores, especialmente o tríceps braquial em cadeia cinética fechada.

28 Andando nas mãos

29 Testa de ferro Testa de ferro Objetivo: Objetivo: Mobilizar ativamente a extensão da coluna contra a gravidade; Mobilizar ativamente a extensão da coluna contra a gravidade; Fortalecer os músculos trapézio médio e superior; Fortalecer os músculos trapézio médio e superior; Fortalecer quadríceps. Fortalecer quadríceps.

30 Testa de ferro

31 Movimento perpétuo Movimento perpétuo Objetivo: Objetivo: Praticar flexão e extensão de quadril e de joelho com bom alinhamento de coxa, perna e pé. Praticar flexão e extensão de quadril e de joelho com bom alinhamento de coxa, perna e pé. Treinar movimento alternado de pernas usado na marcha Treinar movimento alternado de pernas usado na marcha Testar equilíbrio, coordenação e habilidades para dissociar as pernas Testar equilíbrio, coordenação e habilidades para dissociar as pernas Fortalecer os músculos extensores de quadril Fortalecer os músculos extensores de quadril Mover as pernas alternadamente na velocidade da marcha Mover as pernas alternadamente na velocidade da marcha

32 Movimento perpétuo

33 Pêndulo Pêndulo Objetivo: Objetivo: Fortalecer os músculos abdutores e adutores do quadril; Fortalecer os músculos abdutores e adutores do quadril; Avaliar a força dos músculos abdutores e adutores do quadril; Avaliar a força dos músculos abdutores e adutores do quadril; Fortalecer os músculos abdominais; Fortalecer os músculos abdominais; Fortalecer os músculos extensores da coluna Fortalecer os músculos extensores da coluna

34 Pêndulo

35 TESOURA TESOURA OBJETIVOS: OBJETIVOS: Facilitar a rotação do tronco sob uma cintura escapular estável; Facilitar a rotação do tronco sob uma cintura escapular estável; Trabalhar com os músculos extensores e rotadores de tronco. Trabalhar com os músculos extensores e rotadores de tronco.

36 TESOURA

37 SEREIA SEREIA OBJETIVOS: OBJETIVOS: Praticar a flexão lateral do tronco contra a gravidade; Praticar a flexão lateral do tronco contra a gravidade; Fortalecer abdutores do quadril; Fortalecer abdutores do quadril;

38 SEREIA


Carregar ppt "BOLAS SUIÇAS Profª. MSc. Lucia Gill Acad. Daniele Costa."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google