A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

MELHORANDO A EFICIÊNCIA PRODUTIVA NA PECUÁRIA LEITEIRA Zinaldo Firmino da Silva CCAA/UFMA - Campus de Chapadinha.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "MELHORANDO A EFICIÊNCIA PRODUTIVA NA PECUÁRIA LEITEIRA Zinaldo Firmino da Silva CCAA/UFMA - Campus de Chapadinha."— Transcrição da apresentação:

1 MELHORANDO A EFICIÊNCIA PRODUTIVA NA PECUÁRIA LEITEIRA Zinaldo Firmino da Silva CCAA/UFMA - Campus de Chapadinha

2 Sumário Indicadores de zootécnicos Comparação entre rebanhos Aplicação prática dos controles Indicadores econômicos Simulação de desempenho econômico Resultados econômicos de fazendas com o levantamento dos custos de produção

3 Evolução do setor leiteiro nos EUA Fonte: EMBRAPA, CNPGL.

4 Evolução do setor leiteiro na Nova Zelândia * N° Fazendas Vacas/ Faz Tamanho fazendas (ha) Kg leite/vaca 1656 N° total vacas (milhões) N° Cooperativas Fonte: White, J. & Hodgson, J. (2000), New Zealand, Pasture and Crop Science. * Fonterra, The dairy Industry

5 Índices zootécnicos Período de serviço (PS) é o período decorrido do parto e a concepção. (ideal = 85 dias)

6 Intervalo entre partos (IP ou IEP) é o período decorrido entre um parto e outro de uma mesma vaca. Ou seja: (ideal = 12 meses) IP = PS (85) + PG (280) = 365 dias

7 Idade ao 1º parto (IPP) (ideal = 24/30 meses) Nº serviços/concepção (S/C) nº de vezes que uma vaca foi coberta/inseminada até obter a prenhez. (ideal = 1,5)

8 Taxa de Prenhez (TP %) é a relação entre o nº de vacas prenhes e o total de vacas cobertas/inseminadas. (ideal > 75%)

9 Taxa de natalidade (% natalidade) é a relação entre o nº de bezerros nascidos vivos e o total de vacas do rebanho. (ideal = 100%)

10 % Vacas em lactação (% VL) é a relação entre o nº de vacas em lactação e o total de vacas do rebanho. (ideal = 83,33%) Duração da lactação (DL) (ideal = 305 dias)

11 Efeito dos índices zootécnicos no desempenho do rebanho IP (Intervalo entre partos) - produção da vaca por dia de IP; - nº de vacas em lactação; - animais excedentes para a venda; - produção de leite do rebanho

12 DL (Duração da lactação) - produção na lactação - nº de vacas em lactação;

13 Redução do intervalo entre partos para 12 meses e aumento (%) aproximado na produção de leite IP (meses) Aumento na produção de leite DE PARA ( % )

14 Curto IP permite a troca de vacas secas por vacas em lactação Parto leite kg Meses Seca Troca Parto Parto Lactação leite kg Meses

15 Nº de vacas em lactação do rebanho A porcentagem de vacas em lactação (%VL) num rebanho é função da DL e do IP, ou seja: %VL = DL/IP x 100 EX.: a) 10/12 x 100 = 83,33% b) 10/18 x 100 = 55,55% c) 8/12 x 100 = 66,66% d) 8/18 x 100 = 44,44%

16 Produção do rebanho

17 Produção de leite de rebanhos com IP diferentes IEP 12 meses 18 meses Leite (kg) n° de bezerros Leite (kg) n° de bezerros 1 ANO 1 vaca ,66 30 vacas ANOS 1 vaca vacas

18 Desempenho bio-econômico de rebanhos com diferentes índices zootécnicos ESPECIFICAÇÃOREB. 01REB. 02REB. 03 N° TOTAL DE VACAS50 IP (meses) PS (dias) DURAÇÃO LACTAÇÃO (meses) % VL/ TV N° VACAS LACTANTES PRODUÇÃO/ VACA/ DIA (Kg)12,0 PRODUÇÃO/ REB./ DIA (Kg) PRODUÇÃO/ VACA/ DIA (Kg)10,07,04,0 PRODUÇÃO/ REB./ DIA (Kg)410,0210,088,0 PRODUÇÃO/ REB./ MÊS (Kg) R$/ LEITE/ MENSAL9.840, , ,00 N° BEZERROS/ ANO OBS: Preço do R$ 0,80/Litro

19 Indicadores econômicos

20 Renda Bruta (RB) = preço x quantidade produto (leite, animais, esterco, forragem, variação do inventário animal) Custos de produção = gastos, despesas totais. (gastos com insumos e serviços) Custo Operacional Efetivo (COE) (gastos de desembolso: mão-de-obra contratada, medicamentos, sementes, reparos, impostos, taxas, energia, combustível...)

21 Custo Operacional total (COT) (gastos com mão-de-obra familiar e depreciação de benfeitorias, máquinas e o COE) Custo Total (CT ) = todos os custos fixos e variáveis. CT = COT + juros sobre o capital empatado em benfeitorias, máquinas, forrageiras e animais..

22 Margem Bruta (MB) MB = RB - COE Margem líquida (ML) ML = RB – COT Lucro (L) L = RB – CT

23 Taxa de remuneração do capital (TRC) TRC = ML / estoque de capital x 100 TRC sem terra % a.a. TRC com terra % a.a.

24 SIMUL COMPARAÇÃO DE DESEMPENHO DE 4 FAZENDAS LEITEIRAS

25 Características médias de propriedades da Zona da Mata Mineira VariáveisSistema de produção Valor do inventário inicial da propriedade (R$)70.121,00 Nº de vacas (cabeças)18 Nº de vacas em lactação (cabeças)12 (66% VL) Produtividade animal (Litros/vaca/dia)7,9 Animais em crescimento (diversas categorias)21 Terras (ha)40 Característica racial do rebanhoMestiço H-Z Principal alimento fornecidoPastagem B. decumbens Estudo realizado em 55 propriedades da região de Juiz de Fora – MG. Fonte: BELLINE LEITE – EMBRAPA - CNPGL (2005).

26 QUAL É A QUESTÃO? Tamanho da propriedade Eficiência da produção de leite

27 PROPOSTA Maior eficiência econômica virá com: Aumento de produtividade da terra Aumento de produtiviadde dos animais Volume de leite produzido Melhorar a alocação de recursos

28 Simulação 1. Sistema de produção conforme Tabela 1. Simulação 2. Mesma simulação 1, com aumento da produtividade das vacas em lactação (de 7,9 para 10 L/dia. Simulação 3. Mesma simulação 1, reduzindo o intervalo entre partos de 18 para 15 meses. Simulação 4. Mesma simulação 1, permitindo variação do tamanho e na composição do rebanho. As variáveis da Tabela 1 foram usadas no modelo de simulação.

29 Resultados das Simulações VariáveisSimulação 1 Simulação 2 Simulação 3 Simulação 4 Inventário (R$)70.121, , , ,57 Vacas (cab.)18 33 Vacas em lactação (cab.) Produtividade animal (L/vaca/d)7,9010,127,90 Animais em recria (cab.)21 0 Terras (ha)40 Caract. racial do rebanhoHZ Principal alimentoPastagem Produção leite (L/ano) Produção de leite (L/dia) Custo de produção (R$/L)0,380,32 0,38 Renda líquida (R$/ano)1.910, , , ,89 Renda líquida (R$/mês)159,17435,24403,19879,24 Retorno sobre capital (%/ano)2,727,206,9012,41 Preço do leite ao produtor0,50

30 Possibilidades!!! Aumentar a produtividade (terras e animais) Reduzir o intervalo entre partos Aumentar a produção de leite

31 Resultados econômicos de fazendas com o controle de custos de produção

32 ML

33

34

35 ATUALALTERNATIVA Área da propriedade (ha)200 Área com pastagem (ha)10113 Raça50% corteGirolando, Gir Produção diária (L) Vacas totais (Rebanho 166 cab.)69 (40%)100 (60%) Vacas lactação (%)43> 80 Produção/vaca (L/lactação)1.156> Produção/vaca (L/dia)4,211 UA/ha0,710 (8 VL) Produção/área (L/ha/ano)445>

36 MUITO OBRIGADO! Zinaldo Firmino da Silva CCAA/UFMA (98) /


Carregar ppt "MELHORANDO A EFICIÊNCIA PRODUTIVA NA PECUÁRIA LEITEIRA Zinaldo Firmino da Silva CCAA/UFMA - Campus de Chapadinha."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google