A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

FACULDADE CAMPO REAL Engenharia de Produção 7º not. Ética como ciência e como vida: as escolas éticas Aula 3 Prof. Ms. luigi chiaro 01.03.2013.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "FACULDADE CAMPO REAL Engenharia de Produção 7º not. Ética como ciência e como vida: as escolas éticas Aula 3 Prof. Ms. luigi chiaro 01.03.2013."— Transcrição da apresentação:

1 FACULDADE CAMPO REAL Engenharia de Produção 7º not. Ética como ciência e como vida: as escolas éticas Aula 3 Prof. Ms. luigi chiaro

2 Ética É a construção do sentido da vida humana desde o encontro com o outro.

3 Arte e Ciência Arte de viver bem Arte = habilidade que não é redutível a regras nem é totalmente transmissível por ensino Sui generis: fazer bem para si mesmo. Ciência do saber sobre o comportamento Para...

4 respeitar à pessoa humana ? Ensinar a morrer para apreender a viver. (inspirado em Shakespeare) A ética como ciência deve Ensinar a buscar a perfeição no Belo e no Bom (até a morte... eu tanásia) Dilema ético... O que posso O que devo o que queiro

5 Diferentes escolas Ética da felicidade/sabedoria (Grécia) Teleológica (Cristianismo) Responsabilidade (Protestante) Do dever (deontológica) (Kant) Transvalorização dos valores (Nietzsche) Utilitarismo (Bentham) Pragmatismo (Dewen) Do discurso ( intersubjetividade ) (Habermas) Da solidariedadeDussel e outros teól Do cuidado Boff IgualdadeSinger

6 Grécia (séc.Vº) Ética: dimensão pessoal da Política Busca-se o BEM Individual comum esforço de compreender e dominar o mundo, o destino com base nos princípios.

7 Grécia Busca da ética: Virtudes Fonte: CONHECIMENTO Interprete: Daimon Moral: positiva (seja feliz) Felicidade sabedoria, justiça, prudência...

8 fim último do homem? FELICIDADE = realização consciente e racional do bem (= uso da razão) ! VIRTUDE = Não é para todos é = conquista VIS = homem forte em dominar as paixões (=extremos) pela razão Controlar a paixão pela razão É superar opostos (como?) meio termo equilíbrio eudeimonia

9 Cristianismo ética da salvação (teleológica) não mais a felicidade sim a santidade Base da ética: Fé Fonte: Deus-Bíblia (teônoma) Interprete: Igreja Moral: negativa (não faça) mandamentos. Liberdade: ir ou não até Deus Virtuoso: homem temente à Deus

10 Ética protestante aparece também a ética protestante de Calvino … revisitada por Weber como ética da responsabilidade.

11 IDADE MODERNA a moral passou a ser considerada a partir de um ponto de vista laico, não religioso. ser moral e ser religioso deixaram de ser as mesmas coisas, tornando-se perfeitamente possível admitir que um homem ateu seja moral. o fundamento dos valores morais não se encontra em Deus, mas no próprio ser humano.

12 Maquiavel divisão da moral: pública privada tudo é lícito (se o fim for nobre) O homem não é bom. Descartes a ética deve ser racional as paixões são boas para autopreservação até o uso da razão

13 Espinoza: Paixões nem boas nem ruins sim naturais vício: fraqueza de quem segue paixões virtude: força, autodomínio.

14 Kant ( ) a ação moral tem caráter autônomo, pois o homem é o único ser capaz de se determinar por meio de leis que a própria razão estabelece Homem: sempre fim nunca meio Deontologia + esclarecimento

15 DEVER ! = faz o homem livre Lei + Razão Moral é universal e só do homem: Imperativo categórico Agir como se a ação fosse uma lei universal

16 Hegel ética subjetiva (pessoal) consciência de dever objetiva (social) costumes, leis e normas de uma sociedade. MARX Moral = produção social – regula relações sociais. Verdadeira moral: só na igualdade Ética coletiva: decorre da política o modo de produção da vida material condiciona o desenvolvimento da vida social, política, intelectual.

17 Nietzsche Quebra as tabuas da moral clássica Não à moral do escravo ( piedade, bondade ) Sim à do senhor ( baseada no sim à vida ) superar o bem e o mal Homem = de fera domesticado para super – homem TRANVALORAÇÃO dos valores. TRANSMUTAÇÃO O que é bom? O que leva à Potência mal? O que leva à fraqueza

18 Utilitarismo Mill Princípio da maior felicidade + prazer - dor Bentham valor: o que é digno de ser escolhido valor Máx. felicidade princípio : utilidade

19 Pragmatismo Dewen e James Utilitarista e subjetiva Promove o mercantilismo das atividades Bom é o que vale...

20 Russel Ética subjetiva : relacionada ao grupo social (fechada) para bem ou para mal. Bergeson Moral: fechada o que é imposta aberta do amor,da liberdade

21 Nossa época relativismo moral, individualismo exagerado, narcisismo hedonista, recusa simultânea da religião e da razão. Superar a crise: razão – paixão ( emoções )

22 Habermas Superar a razão instrumental a subjetividade com o agir comunicativo Método:discurso intersubjetivo Verdade: só consensual

23 Da solidariedade e do cuidado Dussel; Boff Cuidar do universo e planeta (ecológica) Singer (da igualdade) Todo ser vivo é igual por ser tal Não se alimentar de animais.

24 Rawls Teoria da justiça justiça = equidade direitos iguais distribuição de todos os bens que a desigualdade seja vantajosa para todos.

25 respeito à pessoa humana Ensinar a morrer para apreender a viver. (inspirado em Shakespeare) A ética como ciência deve Ensinar a buscar a perfeição no Belo e no Bom (até a morte... eu tanásia) Dilema ético... Entre o obedecer a e brincar a ser Deus... (crescei... dominai a terra) Observar ou manipular a vida, a natureza...

26 Para refletir A ética ao longo do tempo, mudou ao sabor das correntes filosófico-religiosas. Qual das leituras aprece ser mais equilibrada? Ponto central da ética é a liberdade unida à vontade e à responsabilidade. Hoje, as últimas duas são desviadas em nome de uma suposta liberdade mais ampla. Qual a sua reflexão a respeito da asseverativa?

27 Atividade Com base texto´: ética, apostila escreva uma breve reflexão elucidando os seguintes pontos: Muitas escolas e leitura uma única realidade: a ética nos ajudam a compreender a transitoriedade da mesma. A seu ver, qual ou quais as causas de tantas leituras? É possível viver em uma sociedade anómica (sem reconhecimento das leis). Justifique sua reposta.

28 Informações sobre trabalho Digitado Em forma de artigo/comentário tendo como base o material apresentado. Entrega no dia Antes da entrega será solicitada a leitura de alguns (sorteio).


Carregar ppt "FACULDADE CAMPO REAL Engenharia de Produção 7º not. Ética como ciência e como vida: as escolas éticas Aula 3 Prof. Ms. luigi chiaro 01.03.2013."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google