A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Avaliação econômico-financeiro Projetos de Geração de Energia Comercialização de Energia ATIVIDADES.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Avaliação econômico-financeiro Projetos de Geração de Energia Comercialização de Energia ATIVIDADES."— Transcrição da apresentação:

1

2 Avaliação econômico-financeiro Projetos de Geração de Energia Comercialização de Energia ATIVIDADES

3 Projeção de preços (PLD) e tarifas; Comercialização de Energia (convencional e incentivada); Gestão de contratos de compra e venda de energia; Avaliação técnico-regulatória e econômica para acesso à rede básica; Estruturação de projetos para produção de biomassa; Avaliação econômico financeira de projetos de geração; Elaboração de estratégia para participação em leilões.

4 Oportunidades de contratação (biomassa); Desafios e oportunidades da biomassa; Proposta: Inclusão da Biomassa no MRE. AGENDA

5 OPORTUNIDADES DE CONTRATAÇÃO

6 MERCADO REGULADO: Contratos de15 anos com as Distribuidoras; Leilão de Reserva: ~ R$157,00/MWh; Leilão A-3: R$ 128,42/MWh; (8 óleo / 2 GNL) Benefício: Garantia para financiamento junto ao BNDES; Flexibilidade de entrega / risco de exposição a PLD.

7 OPORTUNIDADES DE CONTRATAÇÃO MERCADO LIVRE Contratos com prazos diversos; Contraparte: Consumidores Livres, Gerador ou Comercializador; Preço: Referenciado à tarifa dos Consumidores Cativos; Benefício: Contratos flexíveis e negociados bilateralmente; Preços competitivos; Contrapartes sólidas (baixo risco de crédito).

8 OPORTUNIDADES DE CONTRATAÇÃO DEMANDA POTENCIAL DO MERCADO LIVRE: Demanda estimada de ~8.000 MW; Consumidores da classe de tensão A4; Redes de varejo, shopping e indústrias de médio porte; Contratos de curto, médio e longo prazo; Oportunidades de arbitragem;

9 CUSTO DE OPORTUNIDADE Modulação:

10 DESAFIOS E OPORTUNIDADES DA INDÚSTRIA DE AGROENERGIA

11 OPORTUNIDADESDESAFIOS Disponibilidade do bagaço. Nova cultura. Licenciamento ambiental. Custo dos equipamentos. Crédito de carbono. Restrição na transmissão. Proximidade da carga. Burocracia para conexão. Atratividade econômica Profissionalização das Usinas Incentivo para comercialização. DESAFIOS E OPORTUNIDADES

12 COMERCIALIZAÇÃO DE ENERGIA SAZONAL NO MERCADO LIVRE

13 EXPOSIÇÃO A PLD Janeiro Dezembro MW Geração de Energia Safra Contrato de Venda Mercado Livre Compra Venda Exposição à PLD Venda de energia para Consumidores Livres Risco elevado

14 Complementaridade Energia Sazonalizada no MRE Energia Sazonal Geração na Safra + PCH BIOMASSA Venda de energia para Geradores / Comercializadores

15 COMPLEMENTARIEDADE Janeiro Dezembro MW Energia Assegurada Contrato de Compra Biomassa - Safra Energia Hidráulica Sazonalizada Aumento do lastro para venda de energia incentivada Venda de energia para Geradores / Comercializadores

16 MRE: MECANISMO DE REALOCAÇÃO DE ENERGIA CONCEITO BÁSICO DO Redução de risco hidrológico Redução de risco de exposição ao PLD

17 Submercado 1Submercado 2 Usina 1 Usina 2 Usina 3 Usina 4 ASS_1 MRE MRE Usina 3 Usina 4 Transações liquidadas à TEO MRE - MECANISMO DE REALOCAÇÃO DE ENERGIA

18 Submercado 1 Submercado 2 Usina 1 Usina 2 Usina 3 Usina 4 ASS_1 ASS_ajustada Em decorrência do processo de modulação da energia assegurada que prioriza o patamar de carga pesado, historicamente, a geração deste patamar não atinge os níveis da assegurada. Neste caso o MRE ajusta as asseguradas ao nível da geração realizada MRE: AJUSTE DA ASSEGURADA

19 PROPOSTA: INCLUSÃO DA BIOMASSA NO MRE

20 GERAÇÃO TÉRMICA NO MRE Combustível: Gás Óleo Carvão Resíduo Asfáltico Fonte: CCEE

21 HISTÓRICO DE ENA

22 PERFIL DE GERAÇÃO DO MRE

23 COMPLEMENTARIEDADE

24 GERAÇÃO DAS PCH NO MRE MW médio Fonte: CCEE

25 GERAÇÃO DAS PCH NO MRE Dezembro a Abril Maio a Novembro Fonte: CCEE

26 EXPOSIÇÃO NEGATIVA DO MRE Dezembro a AbrilMaio a Novembro Fonte: CCEE

27 EXPOSIÇÃO NEGATIVA DO MRE Dezembro a Abril Maio a Novembro R$ 114 milhões Fonte: CCEE

28 EXPOSIÇÃO NEGATIVA DO MRE Diferença de PLD SE/CO vs. outros Submercados Safra:- 529,00/ MWh Fora da Safra:- 43,00/ MWh Fonte: CCEE

29 REDUÇÃO DE RISCO DE DÉFICIT Acréscimo de geração de energia na safra

30 BENEFÍCIOS Geração na safra complementa o regime hidrológico SE/CO A Biomassa gera em períodos de natural elevação do CMO (seco). Inflexibilidade aumenta os níveis dos reservatórios - SE/CO; Aumenta a segurança na operação do SIN; Redução da expectativa do risco de déficit; Redução da exposição negativa do MRE; Reduz a necessidade de intercambio para o Sudeste no período seco; Reduz volatilidade do PLD.

31 (11)


Carregar ppt "Avaliação econômico-financeiro Projetos de Geração de Energia Comercialização de Energia ATIVIDADES."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google