A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

MACROECONOMIA: ESTADO DAS ARTES Fernando de Holanda Barbosa.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "MACROECONOMIA: ESTADO DAS ARTES Fernando de Holanda Barbosa."— Transcrição da apresentação:

1 MACROECONOMIA: ESTADO DAS ARTES Fernando de Holanda Barbosa

2 ROTEIRO: 1) Agenda Keynes 2) Agenda Lucas 3) Estrutura Matemática dos Modelos Macro 4) Preços Rígidos: Economia Fechada 5) Preços Rígidos: Economia Aberta 6) Economia Aberta: Agente Representativo x Gerações Superpostas

3 1) Agenda Keynes (1936/1978) - Formalização: Hicks/ Modigliani/ Patinkin - Consumo: Friedman/ Modigliani - Demanda de Moeda: Baumol/ Tobin/ Friedman - Investimento: Tobin (q)/ Eisner/ Jorgenson/ Hayashi - Preços e Salários: Modigliani/ Phillips/ Solow/ Samuelson/ Friedman/ Phelps/ Lucas/ Fischer/ Taylor - Expectativas: Friedman (adaptativa)/ Lucas (racional) - Economia Aberta: Mundell/ Fleming/ Dornbusch - Crescimento Econômico: Harrod/ Domar/ Solow

4 Modelo Keynesiano (Hicks/ Phillips/ Friedman): IS/CM/CP (economia fechada); IS/ LM/ CP/ PJ (economia aberta): Livros Textos de Graduação

5 2) Agenda Lucas (1980 – 2xxx) - Expectativas Racionais ´Lucas Critique´ Reconstrução de Macro Fora de Microfundamentos Não Há Salvação - Modelos de Equilíbrio Geral: a)Agente Representativo (Ramsey/ Cass/ Koopmans) b) Gerações Superpostas (Samuelson/ Diamond) - Inconsistência Dinâmica: Regras x Casuísmo (Kydland/ Prescott/ Calvo/ Barro e Gordon) - Regra de Política Monetária: Taylor (1993 )

6 Modelo de Agente Representativo: a) Preços Flexíveis: Ciclos Reais (Kydland/ Prescott) b) Preços Rígidos: Novo-Keynesiano ou Nova Síntese Neoclássica (Clarida/ Galí/ Gertler/ Woodford/ Svensson)

7 Estrutura Matemática dos Modelos Macro a) Modelos Lineares Estocásticos (Slutsky) : propagação : impulsos (choques) b) Modelos Não Lineares (vetor): impulso F ( ): propagação

8 Agregação : Restrição Orçamentária: Dispêndio: Demanda: 4) Modelo Novo-Keynesiano: Preços Rígidos. Economia Fechada A) Consumidores Objetivo:

9 c/c: Condições de Primeira Ordem (CPO):

10 Funções Utilidade C.P.O.:

11 B) Empresas Preço: Função de Produção :

12 Determinação do Preço : c/c: NKPC (Curva de Phillips Novo-Keynesiana):

13 C) Equilíbrio Agregação: Equilíbrio:

14 Curva IS: Taxa de Juros Natural:

15 Modelo Novo-Keynesiano: (economia fechada) CP: IS: TJ Natural:

16 5. Modelo Novo-Keynesiano: Preços Rígidos, Economia Aberta = elasticidade de substituição entre H e F

17

18

19 Agente Representativo e Economia Aberta Arbitragem de Juros Equação de Euler:

20 C) Mercados Completos:

21 Curva IS: Economia Aberta

22

23

24

25

26 6)Economia Aberta: Agente RepresentativoxGerações Superpostas

27

28

29

30

31

32 Figure 1:

33 Figure 2

34


Carregar ppt "MACROECONOMIA: ESTADO DAS ARTES Fernando de Holanda Barbosa."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google