A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

OS MISTÉRIOS DO REINO 4º MISTÉRIO A RESSURREIÇÃO.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "OS MISTÉRIOS DO REINO 4º MISTÉRIO A RESSURREIÇÃO."— Transcrição da apresentação:

1 OS MISTÉRIOS DO REINO 4º MISTÉRIO A RESSURREIÇÃO

2 Colossenses 1: o mistério que estivera oculto dos séculos e das gerações; agora, todavia, se manifestou aos seus santos; 27 aos quais Deus quis dar a conhecer qual seja a riqueza da glória deste mistério entre os gentios, isto é, Cristo em vós, a esperança da glória;

3 Jo 2:22 Quando, pois, Jesus ressuscitou dentre os mortos, lembraram-se os seus discípulos de que ele dissera isto; e creram na Escritura e na palavra de Jesus. At 2:24 ao qual, porém, Deus ressuscitou, rompendo os grilhões da morte; porquanto não era possível fosse ele retido por ela.

4 O mistério foi revelado aos seus servos, povo de Deus, morada do seu Espírito. O reino de Deus se revelou a nós. E o quarto mistério do reino de Deus é A Ressurreição. O diabo veio para matar, roubar e destruir, mas no reino de Deus há ressurreição, há vida. O poder de ressurreição foi entregue a igreja para que hoje vivamos esta unção, poder e milagre.

5 Rm 8:11 – Se habita em vós o Espírito daquele que ressuscitou a Jesus dentre os mortos, esse mesmo que ressuscitou a Cristo Jesus dentre os mortos vivificará também o vosso corpo mortal, por meio do seu Espírito, que em vós habita.

6 O MISTÉRIO DA RESSURREIÇÃO É REVELADO À IGREJA DE CRISTO. Quando o Mistério da Ressurreição é revelado, passamos a viver milagres do Senhor, o milagre da Ressurreição: 1º MILAGRE - Ver a ressurreição de valores fundamentais da nossa vida e receber a restituição de alegria

7 Ver a ressurreição de valores fundamentais da nossa vida e receber a restituição de alegria Lucas 7:11-16 – Em dia subseqüente, dirigia-se Jesus a uma cidade chamada Naim, e iam com ele os seus discípulos e numerosa multidão.12 Como se aproximasse da porta da cidade, eis que saía o enterro do filho único de uma viúva; e grande multidão da cidade ia com ela.13 Vendo-a, o Senhor se compadeceu dela e lhe disse: Não chores!14 Chegando-se, tocou o esquife e, parando os que o conduziam, disse: Jovem, eu te mando: levanta-te! 15 Sentou-se o que estivera morto e passou a falar; e Jesus o restituiu a sua mãe.16 Todos ficaram possuídos de temor e glorificavam a Deus, dizendo: Grande profeta se levantou entre nós; e: Deus visitou o seu povo.

8 Ver a ressurreição de valores fundamentais da nossa vida e receber a restituição de alegria A condição daquela mulher que já era difícil, agora estava ainda pior. Além de ser viúva agora perdia seu único filho. Podemos imaginar quão importante era aquele jovem para sua mãe, como companhia e até mesmo como arrimo daquela família. Que dor terrível aquela mulher estava vivendo! Ao olhar para o seu filho ali morto, certamente muitas lembranças deviam vir a sua mente. Os momentos alegres, as travessuras, o crescimento, enfim, tudo o que viveram juntos.

9 Ver a ressurreição de valores fundamentais da nossa vida e receber a restituição de alegria Também nas nossas vidas temos valores fundamentais que morreram, que hoje olhamos com saudades e que talvez tragam muita dor ao nosso coração.(família, profissão, ministério,vida espiritual) Vemos que Jesus parou aquela procissão fúnebre, e é isso que Ele fará hoje em cada um de nós. O Senhor está dizendo para as áreas das nossas vidas que morreram: Parem o enterro!, aleluia!!! Jesus também disse para a mulher não chorar. Só mesmo Ele tinha autoridade para mandar uma viúva que acabou de perder o filho único parar de chorar. Ele nos diz o mesmo hoje.

10 Pare de chorar, porque os valores que morreram Ele tem poder de ressuscitar, como levantou aquele jovem, e haverá restituição da sua alegria, como houve para aquela mãe. (drácma perdida – dentro de casa, ovelha perdida - se perdeu lá fora e o filho pródigo- decidiu-se perder por conta própria) Ver a ressurreição de valores fundamentais da nossa vida e receber a restituição de alegria

11 Isaías 54:4 – Não temas, porque não serás envergonhada; não te envergonhes, porque não sofrerás humilhação; pois te esquecerás da vergonha da tua mocidade e não mais te lembrarás do opróbrio da tua viuvez. 5 Porque o teu Criador é o teu marido; o SENHOR dos Exércitos é o seu nome; e o Santo de Israel é o teu Redentor; ele é chamado o Deus de toda a terra. Ver a ressurreição de valores fundamentais da nossa vida e receber a restituição de alegria

12 O MISTÉRIO DA RESSURREIÇÃO É REVELADO À IGREJA DE CRISTO. 2º MILAGRE – Ver a ressurreição em áreas importantes da nossa vida, ainda que aparentemente o tempo para isso já tenha se esgotado

13 Ver a ressurreição em áreas importantes da nossa vida, ainda que aparentemente o tempo para isso já tenha se esgotado Lucas 8:40-42 e – Ao regressar Jesus, a multidão o recebeu com alegria, porque todos o estavam esperando. 41 Eis que veio um homem chamado Jairo, que era chefe da sinagoga, e, prostrando-se aos pés de Jesus, lhe suplicou que chegasse até a sua casa. 42 Pois tinha uma filha única de uns doze anos, que estava à morte. Enquanto ele ia, as multidões o apertavam. (...) 49 Falava ele ainda, quando veio uma pessoa da casa do chefe da sinagoga, dizendo: Tua filha já está morta, não incomodes mais o Mestre. 50 Mas Jesus, ouvindo isto, lhe disse: Não temas, crê somente, e ela será salva.

14 51 Tendo chegado à casa, a ninguém permitiu que entrasse com ele, senão Pedro, João, Tiago e bem assim o pai e a mãe da menina. 52 E todos choravam e a pranteavam. Mas ele disse: Não choreis; ela não está morta, mas dorme. 53 E riam-se dele, porque sabiam que ela estava morta. 54 Entretanto, ele, tomando-a pela mão, disse-lhe, em voz alta: Menina, levanta-te! 55 Voltou-lhe o espírito, ela imediatamente se levantou, e ele mandou que lhe dessem de comer. 56 Seus pais ficaram maravilhados, mas ele lhes advertiu que a ninguém contassem o que havia acontecido. Ver a ressurreição em áreas importantes da nossa vida, ainda que aparentemente o tempo para isso já tenha se esgotado

15 Jairo havia procurado Jesus não para a ressurreição de sua filha, mas a cura da enfermidade desta. Só que nesse ínterim sua filha faleceu. Vemos então que vem ao seu encontro um mensageiro para lhe dar a notícia, mas não somente isso, mas também para dizer- lhe que o tempo havia se esgotado. Não adiantava mais falar com Jesus.

16 Do mesmo modo o diabo também vem nos dizer: - não incomodes mais o mestre... - não adianta mais orar, nem jejuar, já era... -tanto esforço à toa, não adianta mais insistir, pode parar e se lamentar... -Mas Jesus tinha uma outra realidade para Jairo. Viver o poder da ressurreição, ainda que aparentemente o tempo houvesse se esgotado. O mundo pode até rir do nosso posicionamento por um tempo, mas no fim terão que reconhecer o poder de Deus em nossas vidas. Ver a ressurreição em áreas importantes da nossa vida, ainda que aparentemente o tempo para isso já tenha se esgotado

17 Muitas áreas da sua vida na verdade não morreram, mas estão apenas dormindo, e o Senhor as despertará. Logo em seguida ao milagre deram de comer àquela menina. Viveremos hoje esse milagre, e tudo aquilo que morreu em nossa vida não só vai ressuscitar, mas também será alimentado e fortalecido poderosamente pelo Senhor. Ver a ressurreição em áreas importantes da nossa vida, ainda que aparentemente o tempo para isso já tenha se esgotado

18 I Co 15:54 e 55 – E, quando este corpo corruptível se revestir de incorruptibilidade, e o que é mortal se revestir de imortalidade, então, se cumprirá a palavra que está escrita: Tragada foi a morte pela vitória. 55 Onde está, ó morte, a tua vitória? Onde está, ó morte, o teu aguilhão? Ver a ressurreição em áreas importantes da nossa vida, ainda que aparentemente o tempo para isso já tenha se esgotado

19 3º MILAGRE – Ver a ressurreição daquilo que o Senhor deixou morrer para tratamento nosso e dos nossos amados O MISTÉRIO DA RESSURREIÇÃO É REVELADO À IGREJA DE CRISTO.

20 Ver a ressurreição daquilo que o Senhor deixou morrer para tratamento nosso e dos nossos amados Jo 11:1-6, 21-35, – Estava enfermo Lázaro, de Betânia, da aldeia de Maria e de sua irmã Marta. 2 Esta Maria, cujo irmão Lázaro estava enfermo, era a mesma que ungiu com bálsamo o Senhor e lhe enxugou os pés com os seus cabelos. 3 Mandaram, pois, as irmãs de Lázaro dizer a Jesus: Senhor, está enfermo aquele a quem amas. 4 Ao receber a notícia, disse Jesus: Esta enfermidade não é para morte, e sim para a glória de Deus, a fim de que o Filho de Deus seja por ela glorificado. 5 Ora, amava Jesus a Marta, e a sua irmã, e a Lázaro.6 Quando, pois, soube que Lázaro estava doente, ainda se demorou dois dias no lugar onde estava.

21 21 Disse, pois, Marta a Jesus: Senhor, se estiveras aqui, não teria morrido meu irmão. 22 Mas também sei que, mesmo agora, tudo quanto pedires a Deus, Deus to concederá. 23 Declarou-lhe Jesus: Teu irmão há de ressurgir. 24 Eu sei, replicou Marta, que ele há de ressurgir na ressurreição, no último dia. 25 Disse-lhe Jesus: Eu sou a ressurreição e a vida. Quem crê em mim, ainda que morra, viverá; 34 E perguntou: Onde o sepultastes? Eles lhe responderam: Senhor, vem e vê! 35 Jesus chorou. 39 Então, ordenou Jesus: Tirai a pedra. Disse-lhe Marta, irmã do morto: Senhor, já cheira mal, porque já é de quatro dias. Ver a ressurreição daquilo que o Senhor deixou morrer para tratamento nosso e dos nossos amados

22 40 Respondeu-lhe Jesus: Não te disse eu que, se creres, verás a glória de Deus? 41 Tiraram, então, a pedra. E Jesus, levantando os olhos para o céu, disse: Pai, graças te dou porque me ouviste. 42 Aliás, eu sabia que sempre me ouves, mas assim falei por causa da multidão presente, para que creiam que tu me enviaste. 43 E, tendo dito isto, clamou em alta voz: Lázaro, vem para fora! 44 Saiu aquele que estivera morto, tendo os pés e as mãos ligados com ataduras e o rosto envolto num lenço. Então, lhes ordenou Jesus: Desatai-o e deixai-o ir. Ver a ressurreição daquilo que o Senhor deixou morrer para tratamento nosso e dos nossos amados

23 Vemos que Jesus ainda se demorou dois no lugar onde estava antes de ir a casa de Lázaro. Por quê? Para que se manifestasse a glória de Deus na vida de Lázaro e de sua família. Do mesmo modo existem situações em que Deus permite que algumas áreas das nossas vidas morram, mas não para perda, mas para ganho, crescimento e aperfeiçoamento. Precisamos entender que Jesus verdadeiramente nunca chega atrasado. Ver a ressurreição daquilo que o Senhor deixou morrer para tratamento nosso e dos nossos amados

24 Muitas vezes porque Deus permite um tempo de morte em nossas vidas, podemos achar que Ele não está se importando, ou que está indiferente ao nosso sofrimento. Mas a verdade que esse milagre nos traz é que Jesus se importa conosco, como se importava com seu amigo Lázaro, a ponto de chorar por ele. O tratamento não se restringe as nossas vidas, mas também atinge os nossos amados, aqueles que estão a nossa volta. Marta e Maria precisavam de uma experiência pessoal de fé. Com a situação que atingiu seu irmão elas também foram profundamente marcadas. Ver a ressurreição daquilo que o Senhor deixou morrer para tratamento nosso e dos nossos amados

25 Todas as ataduras cairão por terra hoje, para que possamos caminhar em liberdade e usufruir do melhor tempo de nossas vidas! Que as experiências sirvam para te levar para mais perto de Deus e testemunhar de sua glória. Tire a pedra da incredulidade e se desfaça de toda atadura de morte. Salmos 30:5 – Porque não passa de um momento a sua ira; o seu favor dura a vida inteira. Ao anoitecer, pode vir o choro, mas a alegria vem pela manhã. Ver a ressurreição daquilo que o Senhor deixou morrer para tratamento nosso e dos nossos amados

26 João 12:24 – Em verdade, em verdade vos digo: se o grão de trigo, caindo na terra, não morrer, fica ele só; mas, se morrer, produz muito fruto.

27

28 Há uma habilitação poderosa de ressurreição sobre as nossas vidas através do Senhor Jesus. Se não houvesse ressurreição a obra não estaria completa, e porque Ele se dispôs a ir até o fim, ou seja, até a morte de cruz, estamos habilitados a também vencer a morte.

29 Do mesmo modo somos hoje os discípulos que receberam o sopro de autoridade e poder, e a partir daí, como Igreja que segue os passos de Jesus Cristo, temos habilitação para vivermos o suprimento do poder pleno de ressurreição.

30 Não acho que seja uma coincidência o fato de que Jesus escolheu um grão de trigo para exemplo. Cada grão de trigo produz uma planta com 1 a 3 talos. Cada talo produz uma espiga de trigo. Cada espiga contém grãos de trigo. Cada grão de trigo que atinge pleno crescimento tem capacidade de produzir de 30 a 225 grãos, dependendo do tipo de trigo e das condições de cultivo. Isso certamente significa "muito trigo".

31


Carregar ppt "OS MISTÉRIOS DO REINO 4º MISTÉRIO A RESSURREIÇÃO."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google