A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

FALANDO UM POUCO SOBRE A DEFICIÊNCIA MENTAL... Deficiência Mental pela Associação Americana de Deficiência Mental...é o funcionamento intelectual significativamente.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "FALANDO UM POUCO SOBRE A DEFICIÊNCIA MENTAL... Deficiência Mental pela Associação Americana de Deficiência Mental...é o funcionamento intelectual significativamente."— Transcrição da apresentação:

1

2 FALANDO UM POUCO SOBRE A DEFICIÊNCIA MENTAL...

3 Deficiência Mental pela Associação Americana de Deficiência Mental...é o funcionamento intelectual significativamente abaixo da média, oriundo do período de desenvolvimento, concomitante com limitações associadas a duas ou mais áreas da conduta adaptativa ou da capacidade do indivíduo em responder adequadamente às demandas da sociedade, nos seguintes aspectos: comunicação, cuidados pessoais, habilidades sociais, desempenho na família e comunidade, independência na locomoção, saúde e segurança, desempenho escolar, lazer e trabalho.

4 Causas e Fatores de Risco Pré-natais: desnutrição materna, má assistência à gestante; doenças infecciosas, uso de tóxicos, causas genéticas; Periantos: (início do trabalho de parto até 30º dia de vida): má assistência e traumas de parto; oxigenação cerebral insuficiente; prematuridade, icterícia grave; Pós-natais:(do 30º dia até a adolescência): desnutrição; desidratação grave; infecções; intoxicações por remédios,inseticidas, produtos químicos; acidentes de trânsito, afogamentos, choques, quedas;infestações, larvas,etc...

5 Diagnóstico Sempre que possível deve ser feito por uma equipe multiprofissional; Questões como diagnóstico familiar (dinâmica das relações, aspectos de aceitação ou não), exame físico (avaliações laboratoriais e anamnese, observação e aplicação de testes; Questões como diagnóstico familiar (dinâmica das relações, aspectos de aceitação ou não), exame físico (avaliações laboratoriais e anamnese, observação e aplicação de testes; Relatório Pedagógico: Deve contemplar todos os itens da avaliação global: memória, percepção, raciocínio lógico, orientação espaço-temporal, coordenação motora, linguagem e comunicação. Relatório Pedagógico: Deve contemplar todos os itens da avaliação global: memória, percepção, raciocínio lógico, orientação espaço-temporal, coordenação motora, linguagem e comunicação.

6 Sugestão para Relatório Pedagógico Histórico do aluno: Descrição das características do aluno (sociabilidade e afetividade); relacionamento com a família e grupos; expectativa da família; antecedentes de atendimento em outra escola; antecedentes de outra natureza(clinicos, terapeuticos, medicamentos) Histórico do aluno: Descrição das características do aluno (sociabilidade e afetividade); relacionamento com a família e grupos; expectativa da família; antecedentes de atendimento em outra escola; antecedentes de outra natureza(clinicos, terapeuticos, medicamentos) Relacionamento do aluno na escola; Relacionamento do aluno na escola; Relacionamento com seu grupo social Relacionamento com seu grupo social Avaliação Professores: Interesse, atenção, concentração, execução das atividades, retenção da aprendizagem, resistência à fadiga, pontualidade, compreensão e atendimento às ordens, desenvolvimento de habilidades da vida diária, para a vida autônoma;organização do material pessoal; Avaliação Professores: Interesse, atenção, concentração, execução das atividades, retenção da aprendizagem, resistência à fadiga, pontualidade, compreensão e atendimento às ordens, desenvolvimento de habilidades da vida diária, para a vida autônoma;organização do material pessoal;

7 linguagem e comunicação oral, escrita, raciocínio lógico-matemático; e Habilidade sensório-motora: a) Percepção e memória visual; b) Percepção e memória auditiva; c) Percepção de diferenças e semelhanças; d) Orientação temporal; e) Orientação espacial;

8 Documentos necessários para o expediente : Ofício da Direção da Unidade Escolar; Ofício da Direção da Unidade Escolar; Listagem com nomes, nº da matrícula, data de nascimento, idade, escola (pode ser outra da rede) e série; Listagem com nomes, nº da matrícula, data de nascimento, idade, escola (pode ser outra da rede) e série; Relatórios Pedagógicos Individuais (anexando atestados, declarações, receituários, etc.) Relatórios Pedagógicos Individuais (anexando atestados, declarações, receituários, etc.) Croqui do espaço destinada ao funcionamento da sala não segregado Croqui do espaço destinada ao funcionamento da sala não segregado

9 OBJETIVOS DA S.A.P.E Primar por ações pedagógicas em que as potencialidades das pessoas com Necessidades Educacionais Especiais sejam elementos fundamentais no desenvolvimento de suas habilidades, promovendo assim sua inclusão escolar, com qualidade de ensino. Primar por ações pedagógicas em que as potencialidades das pessoas com Necessidades Educacionais Especiais sejam elementos fundamentais no desenvolvimento de suas habilidades, promovendo assim sua inclusão escolar, com qualidade de ensino.

10 Favorecer o processo de inclusão do aluno com necessidades especiais na rede regular de ensino, com qualidade e eqüidade, este processo será apoiado em ações pedagógicas complementares, suplementares ou exclusivas a esta demanda. Favorecer o processo de inclusão do aluno com necessidades especiais na rede regular de ensino, com qualidade e eqüidade, este processo será apoiado em ações pedagógicas complementares, suplementares ou exclusivas a esta demanda.

11 Elaborar adaptações curriculares: pequeno e grande porte. Elaborar adaptações curriculares: pequeno e grande porte. Atuar de forma colaborativa junto ao professor regente da classe comum. Atuar de forma colaborativa junto ao professor regente da classe comum. Organizar ações que envolvam toda a comunidade educativa, visando à eliminação de barreiras, preconceitos e discriminação favorecendo assim a participação dos alunos na vida social. Organizar ações que envolvam toda a comunidade educativa, visando à eliminação de barreiras, preconceitos e discriminação favorecendo assim a participação dos alunos na vida social.

12 Implementar plano de trabalho que contemple as especificidades da demanda existente. Implementar plano de trabalho que contemple as especificidades da demanda existente. Orientar os responsáveis pelos alunos atendidos pela Ed. Especial. Orientar os responsáveis pelos alunos atendidos pela Ed. Especial. Subsidiar e respaldar a equipe escolar quanto à elaboração de avaliação pedagógica dos alunos que necessitam de atendimento educacional especializado. Subsidiar e respaldar a equipe escolar quanto à elaboração de avaliação pedagógica dos alunos que necessitam de atendimento educacional especializado.

13 ORAÇÃO ORAÇÃO Senhor, tua criação é perfeita. Todos os dias podemos contemplar o milagre da vida se renovando. Tudo acontece de novo e tudo é absolutamente novo.

14 Tua criação é perfeita, e nessa perfeição, convivemos com aqueles que têm diferenças. São pessoas que ouvem menos ou nada ouvem, que enxergam pouco ou não enxergam, que não falam ou falam de tantas outras maneiras, que nascem ou desenvolvem um tipo de limitação que atinge alguns de seus órgãos, isso não o que fazem menores ou menos belos, são apenas diferentes.E diferentes são todos aqueles que se aventuram nessa jornada da existência humana, alguns escolhem ser chamados de pessoas com necessidades especiais, e eles têm, sim, necessidades especiais, e que todos nós temos que precisam ser supridas de alguma maneira e somos carentes. Tua criação é perfeita, e nessa perfeição, convivemos com aqueles que têm diferenças. São pessoas que ouvem menos ou nada ouvem, que enxergam pouco ou não enxergam, que não falam ou falam de tantas outras maneiras, que nascem ou desenvolvem um tipo de limitação que atinge alguns de seus órgãos, isso não o que fazem menores ou menos belos, são apenas diferentes.E diferentes são todos aqueles que se aventuram nessa jornada da existência humana, alguns escolhem ser chamados de pessoas com necessidades especiais, e eles têm, sim, necessidades especiais, e que todos nós temos que precisam ser supridas de alguma maneira e somos carentes.

15 Todos nós carecemos de atenção, ternura e afeto, Todos nós carecemos de atenção, ternura e afeto, carecemos que outros humanos enxerguem em nós possibilidades, muitas vezes pessoas que nos confundem com patinhos feios, mas convido a mirar nossa imagem no lago onde somos cisnes.Não somos feios ou esquisitos, somos diferentes grupos que não podiam perceber nossa diferença e nossa beleza. Somos belos todos nós... Cada um a seu modo, porém belos... Não carecem de pena aqueles que são limitados por algum motivo, não carecem de sentimentos mesquinhos, mas carecem de dignidade, aceitação e respeito, de espaço para que se sintam utéis e possam estudar e trabalhar e viver a sua intensidade da vida.

16 Cada ser que habita o universo surge com suas características próprias. Não há no mundo duas criaturas idênticas, e quanto mais se desenvolve e convive com outras pessoas, vão ganhando um novo jeito de ser e de existir.

17 SENHOR CONCEDA O PRIVILÉGIO DE NOSSA EVOLUÇÃO COM O CONVIVIO JUNTO A SUA PERFEITA CRIAÇÃO A DIFERENÇA AMÉM


Carregar ppt "FALANDO UM POUCO SOBRE A DEFICIÊNCIA MENTAL... Deficiência Mental pela Associação Americana de Deficiência Mental...é o funcionamento intelectual significativamente."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google