A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Semiologia Pediátrica. PEDIATRIA É a medicina do ser humano em seu período de desenvolvimento: da fecundação à puberdade.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Semiologia Pediátrica. PEDIATRIA É a medicina do ser humano em seu período de desenvolvimento: da fecundação à puberdade."— Transcrição da apresentação:

1 Semiologia Pediátrica

2 PEDIATRIA É a medicina do ser humano em seu período de desenvolvimento: da fecundação à puberdade

3 Semiologia Pediátrica É o estudo dos sinais e sintomas que vão constituir as síndromes, com finalidade diagnóstica

4 CONSULTA PEDIÁTRICA 1) Anamnese 2) Exame Físico 3) Exames Complementares

5 ANAMNESE Deve ser o mais completa e detalhada possível; Representar a evolução da criança até o momento da consulta; Linguagem acessível; Demonstrar respeito e interesse

6 ANAMNESE:- a)Identificação; b)Queixa Principal (QP) c)História da Moléstia Atual(HMA) d)Antecedentes Gineco-obstétricos(AGO) e)História Mórbida Pregressa(HMP) f)Antecedentes Alimentares(AA) g)Desenvolvimento Psico-motor(DPM) h)Antecedentes Imunológicos(AI) i)História Mórbida Familiar(HMF) j)Revisão de sistemas(RS) k)Condições e Hábitos de Vida (CHV)

7 A) Identificação - Nome; - Data de nascimento; - Sexo; - Cor; - Naturalidade; - Procedência; - Tipo de residência; - Ocupação (estudante?)

8 B) Queixa Principal É o motivo pelo qual a família levou a criança ao médico; Deve ser escrito c/ as próprias palavras do informante;

9 C) História Mórbida Atual: Início e evolução da doença; Sintomas associados; Medicamentos utilizados (se houve melhora ou não); Escrever em ordem cronológica e linguagem técnica; Intervir e investigar - quando necessário;

10 D) História Mórbida Pregressa Coletar dados sobre as doenças e internações ocorridas anteriormente: - infecções; - doenças próprias da infância; - procedimentos cirúrgicos; - alergias; - uso de medicamentos;

11 E) Antecedentes Gineco-obstétricos Estado de saúde da mãe durante a gestação; Idade da mãe; Grupo sanguíneo e Rh; Intercorrências no parto; Se fez pré-natal (número de consultas); Tipo de parto e local; Condições de nascimento ;

12 F) Antecedentes Alimentares Se foi amamentado exclusivo ao seio materno e quanto tempo; Idade do desmame e condições; Qualidade e quantidade dos alimentos ofertados; Número de refeições; Pesquisar intolerância ou alergia alimentar;

13 G) Desenvolvimento Psico-motor:- -assinalar c/ que idade:-sorriu,sustentou a cabeça,sentou,engatinhou,andou; -quantidade e qualidade do sono; -controle esfíncteres; -sociabilidade; -escolaridade e aproveitamento escolar;

14 H)Antecedentes Imunológicos: -verificar carteira de vacinas; -verificar sinal de BCG; -obter informações sobre reações vacinais;

15 I)História Mórbida Familiar:- -pesquisar doenças na família; -idade,sexo e estado de saúde dos irmãos; -idade e estado de saúde dos pais;

16 j)Revisão de Sistemas:- -diurese e aspecto da urina; -hábito intestinal;

17 K)Condições e Hábitos de Vida:- -condições da habitação:número de cômodos,banheiro,água encanada,rede de esgoto,luz elétrica; -escolaridade dos pais; -quem mora na casa; -uso de cigarros,álcool e drogas pela criança ou parente;

18 Exame Físico:- A)Aspecto geral e dados vitais B)Medidas antropometricas C)Avaliação de órgãos e sistemas

19 Aspecto geral:- -- Observa-se o aspecto geral da criança ao chegar:- -nível de consciência; -condições de higiene; -ativo ou hipoativo; -atitude; -marcha; -biotipo; -fala; -psiquismo;

20 Atitudes:- -Ortopnéica; -Genupeitoral; -Cócoras; -Antálgicas; -Contraturais(opistótono/ortótono)

21 Marchas:- -Atáxica; -Escarvante; -Em foice; -Anserina; -Claudicante;

22 Biotipo:- -longilíneo; -brevilíneo; -normolíneo;

23 Fala:- -Disfonia; -Afonia; -Disfasia; -Dislalia; -Dislexia;

24 Dados Vitais:- -Temperatura em graus Celsius- axilar,auricular e retal; -Freqüência cardíaca; -Pulso; -Freqüência respiratória;

25 Medidas Antropométricas:- os dados aqui obtidos devem ser colocados em gráficos específicos. -Peso -Estatura -Perímetro cefálico -Perímetro torácico -Perímetro abdominal

26 Medidas Antropométricas:- Peso:- -em balanças próprias; -até 16 kg –balança p/ recém nascidos; -acima de 16 kg-balança para adultos;

27 Fórmula p/ Cálculo aproximado de Peso médio:- IDADE PESO (kg) 03 a 12 meses idade(m) ano a 6 anos idade(a)x2+8 07anos a 12 anos idade(a)x7-5 2

28 Ganho de Peso:- -Primeiros 4 ou 5 dias –ocorre perda fisiológica de 3 a 10% do peso; -o peso se recupera em torno do décimo dia de vida; -primeiro trimestre-em média-30g/dia; -segundo trimestre-20g/dia; -terceiro trimestre-10g/dia;

29 Ganho de Peso:- -dobra o peso de nasc. entre 5 e 6 meses; -triplica o peso de nasc. em torno os 12 meses; -aos 5 anos-dobra o peso em relação aos 12 meses; -aos 10 anos -triplica o peso em relação aos 12 meses; -aos 14 anos -quadruplica o peso em relação aos 12 meses;

30 Medidas Antropométricas:- Estatura:- -crianças menores de 2 anos:- -deitada c/antropômetro de Harpender; -crianças maiores de 2 anos:- -em pé; -c/escala métrica ou em balança antropométrica;

31 Estatura estimada Estatura estimada (cm)=idade(anos)x6+77

32 Estatura estimada quando Adulto:- Masculino - est.pai(cm)+est.mãe(cm)+13 2 Feminino – est.pai(cm)+est.mãe(cm)-13 2

33 Aumento de estatura:- -primeiro ano de vida- 25 cm; -segundo ano de vida- 12,5 cm; -terceiro ano de vida- 9 cm; -6cm/ano até a puberdade;

34 Aumento da Estatura:- -entre 4 e 5 anos - duplica a estatura em relação ao nascimento; -entre 12 e 13 anos - triplica a estatura em relação ao nascimento;

35 Gráfico de Peso e Altura Meninos:-

36 Gráfico de Peso e Altura Meninas:-

37 Medidas Antropométricas:- Perímetro cefálico:- -fita métrica; -deve passar pela glabela e pelo occipício. -sem abranger as orelhas;

38 Gráfico P.Cefálico e Peso Meninos:-

39 Gráfico P.Cefálico e Peso Meninas:-

40 Aumento do Perímetro Cefálico: -primeiro ano de vida em torno de 12 cm; -primeiro semestre 1cm /mês; -segundo semestre ½ cm /mês;

41 Avaliação de Órgãos e Sistemas:- Exame das cadeias ganglionares:- -localização -tamanho -consistência -mobilidade -coalescência -sensibilidade dolorosa

42 Cadeia ganglionar:-.

43 Exame da Cabeça e Pescoço: a)observação de fácies; b)inspeção de crânio:- -simetria -formato -proporção craniofacial -presença de abaulamentos -implantação de cabelos

44 c)Palpação de crânio:- -consistência óssea -junção das suturas -abaulamentos -palpam-se fontanelas:- -anterior-bregmática(18m) -posterior-lambdóide(1m)

45 d)Orelhas:- -implantação(normal-borda sup.do pavilhão se encontra na mesma altura dos cantos internos dos olhos) -formato -presença de conduto auditivo -alterações peri auriculares

46 e)Olhos:- -forma -distância entre eles -simetria -movimentos -capacidade de acompanhar luz ou objeto -cor de conjuntivas e escleras -tamanho e cor das pupilas -brilho e transparência das córneas -aspecto das pálpebras -presença de secreções

47 f)Nariz:- Crianças menores: -forma -permeabilidade das narinas -presença de secreções Crianças maiores: -rinoscopia anterior-cor e brilho da mucosa -presença e aspecto das secreções

48 G)Boca:- -aspecto e coloração dos lábios e região peri-oral; -o exame do interior da boca se faz ao final do exame;

49 h)Pescoço:- -inspeção -palpação -mobilidade(ativa/passiva) -palpação da tireóide

50 Exame de Tórax e Aparelho Respiratório: a)Inspeção:- -Padrão respiratório: -freqüência -ritmo -amplitude

51 Freqüência respiratória:- -0 a 2 meses - até 60mpm -2meses a 11 meses - até 50mpm -1ano a 4 anos - até 40mpm -Adolescente-20mpm

52 b)Palpação:- -aquecer as mãos -pesquisar:- -pontos dolorosos -tumorações -nódulos -frêmito tóraco vocal – choro/gemido -expansibilidade - simetria

53 c)Ausculta:- -toda a região torácica -pesquisa de murmurio vesicular -presença de ruídos adventícios -pode ser um dos primeiros passos do exame físico,dependendo do psiquismo da criança

54 d)Percussão:- -toda a região torácica (anterior e posterior) -maneira suave

55 Exame do Aparelho Cardiovascular:- a)Palpação:- -com dedo indicador-pesquisa-se o Ictus cordis (extensão,intensidade,ritmo dos batimentos cardíacos) -mão espalmada-verificar presença de frêmitos

56 Localização do ictus:- -até 3 meses - entre 3 e 4 espaço intercostal E para fora da linha hemiclavicular E; -3 meses- 4 EICE para fora da linha hemiclavicular E; -9 meses- 5 EICE para fora de linha hemiclavicular E; -7 anos- 5 EICE na linha hemiclavicular E;

57 b)Ausculta:- -inicia-se pelo ictus-que corresponde a área mitral (AM); -ainda no 4 EICE mais próximo ao esterno-área tricúspide (AT); -no 2 EICE,próximo ao esterno-área pulmonar (AP); -no 2 EICD,próximo ao esterno-área aórtica(AA);

58 b)Ausculta:- -deve-se determinar:- -freqüência cardíaca; -ritmo das bulhas cardíacas; -intensidade das bulhas cardíacas; -presença de outros ruídos (atrito ou sopros(sistólico,diastólico e contínuos)

59 Freqüência cardíaca:- -0 a 1 mês –70 a 190 bpm -1m a 11 meses-80 a 160 bpm -2 anos-80 a 130 bpm -6 anos-75 a 115 bpm -10 anos-70 a 110 bpm -14 anos-60 a 105 bpm -18 anos-50 a 95 bpm

60 c)Palpação de pulsos:- -2 e 3 dedos -forma comparativa -avalia-se:- -intensidade -ritmo -simetria -mais verificados:- -radiais -femorais -pediosos

61 d)Aferição de Pressão arterial:- -o manguito deve ser adequado ao tamanho da criança; -só tem valor quando medido com a criança tranqüila;

62 Exame do Abdome:- a)Inspeção:- -forma -simetria -cicatriz umbilical(hérnias/secreções) -presença de movimentos peristálticos -abaulamentos -circulação colateral

63 b)Ausculta:- -deve preceder a palpação e a percussão -inicia-se pela fossa ilíaca esquerda -pesquisar ruídos hidro aéreos:- -aumentados -diarréia,fase inicial da peritonite -redução ou abolidos-íleo paralítico e peritonite

64 c)Palpação:- -evitar manobras bruscas; -mãos aquecidas e a mão espalmada sobre o abdome (utiliza as popas digitais); -aproveitar a inspiração – maior relaxamento muscular; -inicia-se c/ palpação superficial - deslizando a mão sobre o abdome,observando se há dor;

65 c)Palpação:- -pesquisa-se presença de massas ou visceromegalias; -no lactente –fígado é palpado a 2/3 cm abaixo do RCD; -em 14 % dos lactentes palpa-se ponta de baço e em 7% das crianças entre 2 e 7 anos;

66 c)Palpação :- -palpação de loja renal-c/ a mão esquerda apoiada sob o ângulo costovertebral e palpa-se c/ a mão direita,normalmente os rins não são palpáveis;

67 d)Percussão:- -todo abdome; -som timpânico devido a presença de víscera ocas(intensidade variável); -hepatimetria; -pesquisa de esplenomegalia;

68 Exame da Região Inguinal:- -pesquisa-se a presença de linfonomegalias, hérnias e pulso femoral;

69 Exame Genitália: -Meninos:- -aspecto e tamanho de pênis e bolsa escrotal; -exposição da glande: -localização do orifício uretral (normal,epispádia,hipospádia),presença de aderências -palpa-se testículos : -tópicos,retráteis,presença de tumorações ou líquidos;

70 Exame de Genitália:- -Meninas:- -simetria de grandes lábios; -presença de pilificação ou tumoraçao; -coloração de mucosa da vulva e intróito vaginal; -características de clitóris,pequenos lábios e hímem; -presença de secreções;

71 Exame de Região Anal:- -pregueamento de esfíncter; -presença de:- -mal formações; -fissuras -outras lesões;

72 Exame do Aparelho Osteoarticular:- -posição; -proporcionalidade entre os segmentos; -relevo muscular; -aspecto das articulações; -amplitude dos movimentos;

73 -palpa-se músculo esternocleidomastoideo,clavículas,gradil costal,coluna vertebral; -observa-se na região sacrococcígea se há presença de fosseta,seio pilonidal,tumorações; -avalia-se mobilidade (ativa /passiva ) das articulações;

74 Avaliação da Pele:- -pesquisa-se:- -discromias; -tumorações; -descamações; -lesões eritematovesiculares; -sinais de infecção;

75 Otoscopia :- -utiliza-se Otoscópio c/ espéculo de tamanho apropriado p/ cada idade; -a criança deve estar imobilizada; -inicia-se por observação do conduto auditivo externo(secreções,cerúmen, traumatismos,corpo estranho); -visualização de membrana timpânica (deve-se tracionar o pavilhão orelha para retificar o conduto);

76 Exame da boca:- -realizado c/ auxílio de luz e espátula; -aspecto e cor da mucosa; -condição dos dentes; -exame da língua:- -papilas,manchas,lesões -visualização de palato mole,úvula e amígdalas e presença de secreções;

77 BIBLIOGRAFIA


Carregar ppt "Semiologia Pediátrica. PEDIATRIA É a medicina do ser humano em seu período de desenvolvimento: da fecundação à puberdade."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google