A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

O VALOR DAS QUEIXAS CLÍNICAS NO BRONCOESPASMO INDUZIDO PELO EXERCÍCIO Maria Ângela Fontoura Moreira Ricardo Thadeu Menezes Pauline Zanin Renata Heck Sérgio.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "O VALOR DAS QUEIXAS CLÍNICAS NO BRONCOESPASMO INDUZIDO PELO EXERCÍCIO Maria Ângela Fontoura Moreira Ricardo Thadeu Menezes Pauline Zanin Renata Heck Sérgio."— Transcrição da apresentação:

1 O VALOR DAS QUEIXAS CLÍNICAS NO BRONCOESPASMO INDUZIDO PELO EXERCÍCIO Maria Ângela Fontoura Moreira Ricardo Thadeu Menezes Pauline Zanin Renata Heck Sérgio Menna Barreto UNIDADE DE FISIOLOGIA PULMONAR HOSPITAL DE CLÍNICAS DE PORTO ALEGRE

2 O broncoespasmo induzido pelo exercício é um fenômeno transitório que geralmente ocorre após a cessação do exercício. Atinge 40 a 90% dos pacientes com asma. A presença de queixas clínicas relativas ao exercício nem sempre indica que o indivíduo faz broncoespasmo com exercício. INTRODUÇÃO OCORRE EM 12-15% DA POPULAÇÃO ( 9% SEM HISTÓRIA DE ASMA OU ALERGIA) OCORRE EM 3-11% DOS ATLETAS

3 ESTÍMULO GRANDES VOLUMES DE AR PARA AQUECIMENTO E UMIDIFICAÇÃO PERDA DE CALOR PELA MUCOSA ALTERAÇÃO DA OSMOLARIDADE EPITELIAL LIBERAÇÃO DE MEDIADORES PRÓ-INFLAMATÓRIOS PELOS MASTÓCITOS E CÉLULAS EPITELIAIS CONTRAÇÃO DOS VASOS DA MUCOSA SEGUIDOS POR HIPEREMIA REATIVA COM CONGESTÃO BRÔNQUICA BRONCOESPASMO AO EXERCÍCIO EVENTOS FISIOPATOLOGICOS Weiler et al, J Allergy Clin Immunol, 2007

4 Avaliar se, baseando-se em dados clínicos, pode-se inferir o resultado de um teste de provocação brônquica com exercício. OBJETIVOS

5 Crianças com asma entre 6 a 18 anos Espirometria normal Estáveis clinicamente utilizando CI ou não Esteira ergométrica Ecafix Espirometro Jaeger Oxímetro digital Nonin MÉTODOS

6 TESTE Registro da temperatura e umidade ambiental Avaliação inicial do paciente SpO2, FC, ausculta pulmonar, espirometria ( avaliar VEF1) Aplicação de um questionário sobre atividades físicas Exercício na esteira por 6 minutos em FC sub-máxima Avaliação após término do exercício: imediata, em 5,10,15 e 20 minutos Teste positivo: queda de 10% no VEF1

7 QUESTIONÁRIO Perguntas sobre atividades físicas diárias Atribuir pontuação às atividades listadas Graus: 0-não cansa 1-cansa pouco 2-cansa moderadamente 3-cansa muito Atividades: Caminhar, estar apressado, subir lomba/escada, correr, dançar, nadar, carregar peso, jogar futebol, rir, andar de bicicleta, brincar com animais, dormir A soma dos pontos é dividida pelo número de atividades. O escore pode ir de zero a 3.

8 RESULTADOS 58 Crianças ( 24 meninas 34 meninos) Média de idade: 10 anos ( 6 – 18 anos) IMC médio: 18,9 Kg/m 2 ( ± 2,8 ) Corticóide inalatório em uso: 33 Não 25 Sim VEF1 inicial médio: 2,09L ( ± 0,70) 98%( ± 14) FC sub-máxima média: 167 ( ± 2,05) Temperatura média da sala: 22ºC Umidade média da sala: 60%

9 RESULTADOS ESCORE MÉDIO: 0,90 ( ± 0,43) 58 CRIANÇAS ESCORE: 1,09 ESCORE: 0,79

10 RESULTADOS 58 CRIANÇAS

11 RESULTADOS 28 TESTES POSITIVOS CORRELÃÇÃO ENTRE QUEDA DO VEF1 E ESCORE: 0,154 p>0,05

12 RESULTADOS 33 CRIANÇAS 25 CRIANÇAS

13 RESULTADOS

14 CONCLUSÃO Na amostra estudada, observamos que não é possível só pelas queixas clínicas, inferir o resultado do teste de broncoprovocação por exercício. O uso do corticóide inalatório não interferiu no resultado do teste.

15 PORTO ALEGRE


Carregar ppt "O VALOR DAS QUEIXAS CLÍNICAS NO BRONCOESPASMO INDUZIDO PELO EXERCÍCIO Maria Ângela Fontoura Moreira Ricardo Thadeu Menezes Pauline Zanin Renata Heck Sérgio."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google