A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

CURSO DE LINUX EDUCACIONAL INTRODUÇÃO A INFORMÁTICA.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "CURSO DE LINUX EDUCACIONAL INTRODUÇÃO A INFORMÁTICA."— Transcrição da apresentação:

1 CURSO DE LINUX EDUCACIONAL INTRODUÇÃO A INFORMÁTICA

2 CURSO DE LINUX EDUCACIONAL 1.AGENDA: O que é um computador Componentes de um computador Como ligar / desligar o computador Unidade de Processamento Hardware e Software Dispositivos de Entrada e Saída Conhecendo a Informática Linux

3 CURSO DE LINUX EDUCACIONAL O que é um computador O computador é uma espécie de máquina pensante. Ele trabalha com informações. Muitas máquinas têm um computador embutido. O computador processa dados para resolver problemas. O computador é capaz de memorizar dados. Ele tem memória. Quanto mais memória, mais dados ele consegue armazenar e processar. O computador pode fazer coisas que as pessoas fazem, mas muito mais rápido. O computador trabalha com dados.

4 CURSO DE LINUX EDUCACIONAL O que é um computador Os dados que são oferecidos pelo usuário é chamado de entrada (input). Tudo começa com a entrada de dados. A entrada de dados é em forma de números, palavras e figuras. O trabalho de pensar do computador é chamado de processamento. O que o computador fornece quando termina o processamento é chamado de saída (output). A saída também é em forma de dados. A saída é a resposta que o computador dá ao usuário, que é em forma de palavras, números ou figuras.

5 CURSO DE LINUX EDUCACIONAL Componentes de um computador Monitor: é uma espécie de televisão em que você visualiza a saída dos dados oferecidos pelo computador.

6 CURSO DE LINUX EDUCACIONAL Componentes de um computador Estabilizador: é um aparelho que fornece energia para o computador.

7 CURSO DE LINUX EDUCACIONAL Componentes de um computador CPU: é a parte principal do computador. É o local onde processa, trabalha os dados que são oferecidos pelo usuário.

8 CURSO DE LINUX EDUCACIONAL Componentes de um computador Mouse: é o rato do computador. Ele ajuda na visualização dos arquivos e navegação pelo computador.

9 CURSO DE LINUX EDUCACIONAL Componentes de um computador Teclado: é o dispositivo que fornece entrada de dados. Ajuda na visualização dos arquivos, navegação pelo computador e digitação de texto.

10 CURSO DE LINUX EDUCACIONAL Componentes de um computador Caixa de som: é o dispositivo que fornece a saída de dados na forma de áudio.

11 CURSO DE LINUX EDUCACIONAL Componentes de um computador Impressora: é o dispositivo que fornece a saída de dados impressos em folha de papel.

12 CURSO DE LINUX EDUCACIONAL Como ligar / desligar um computador Para ligar o computador, primeiramente você liga o estabilizador. Para ligar o estabilizador aperte o botão ligar / desligar. O ligar está representado por I e o desligar por 0.

13 CURSO DE LINUX EDUCACIONAL Como ligar / desligar um computador Depois que ligar o estabilizador, você liga a CPU e o Monitor. Para ligar a CPU e também o Monitor aperte o botão POWER.

14 CURSO DE LINUX EDUCACIONAL Como ligar / desligar um computador Depois que ligar a CPU e o Monitor, deixe carregar o sistema operacional do computador e digite o usuário e a senha.

15 CURSO DE LINUX EDUCACIONAL Como ligar / desligar um computador Depois que fizer todo o trabalho no computador, desligue o sistema operacional no botão Deligar.

16 CURSO DE LINUX EDUCACIONAL Como ligar / desligar um computador Depois que desligar o sistema operacional, você desliga o Monitor, pois a CPU desliga automaticamente. Para desligar o Monitor aperte o botão POWER.

17 CURSO DE LINUX EDUCACIONAL Como ligar / desligar um computador Para desligar o computador, você desliga o estabilizador aperte o botão ligar / desligar. O ligar está representado por I e o desligar por 0.

18 CURSO DE LINUX EDUCACIONAL Unidade de processamento A unidade de processamento é nada mais, nada menos do que a CPU (Central Processing Unit ou UCP (Unidade Central de Processamento). É na unidade de processamento em que o computador realiza todos os trabalhados mandados pelo usuário.

19 CURSO DE LINUX EDUCACIONAL Hardware e Software Hardware é tudo você quebra e chuta do computador. Software é tudo que você xinga do computador.

20 CURSO DE LINUX EDUCACIONAL Hardware e Software Hardware são todos os componentes do computador que você consegue tocar, ou seja, a parte física do computador. Ex.: teclado, monitor, impressora, CPU, estabilizador. Software são todos os componentes do computador que você não consegue tocar, ou seja, a parte lógica (os dados, os programas). Ex.: uma figura, um documento de texto, uma planilha, WORD, EXCEL, WRITER, CALC, WINDOWS, LINUX.

21 CURSO DE LINUX EDUCACIONAL Hardware e Software Existe dois tipos de software: os software básicos (sistemas operacionais, por exemplo, WINDOWS e LINUX) e os software aplicativos (ferramentas que ajudam ao usuário na elaboração de algum trabalho, ou seja, são programas que fazem todas as tarefas).

22 CURSO DE LINUX EDUCACIONAL Dispositivos de Entrada e Saída Dispositivos de Entrada: são os componentes do computador que permite a entrada de dados. Ex.: mouse, teclado, impressora multi-funcional, microfone, webcam, scanner. Dispositivos de Saída: são os componentes do computador que permite a saída de dados. Ex.: monitor, impressora multifuncional, caixa de som.

23 CURSO DE LINUX EDUCACIONAL Conhecendo a Informática O sistema operacional é o software que controla e opera todas as tarefas executadas pelo usuário. Para cada tarefa existe um software e esse software é controlado e coordenado pelo sistema operacional. O sistema operacional coordena e supervisiona as ações do hardware, sendo assim o auxiliando e permitindo a comunicação de todas as partes do computador.

24 CURSO DE LINUX EDUCACIONAL Conhecendo a Informática Conceitos Básicos da Informática: * WINCHESTER: é o local onde fica guardados todos os arquivos e programas do computador. Conhecido também como HD (Hard Disk, ou seja, Disco Rígido).

25 CURSO DE LINUX EDUCACIONAL Conhecendo a Informática Conceitos Básicos da Informática: * DISQUETE: é uma unidade de armazenamento. Serve para armazenar arquivos e programas. Disco plástico recoberto por uma camada ferro-magnética, protegido por uma "jaqueta".

26 CURSO DE LINUX EDUCACIONAL Conhecendo a Informática Conceitos Básicos da Informática: * MEMÓRIA : é a parte ativa do armazenamento, quando algo é executado. É na memória que é armazenado todas as informações inseridas no computador.

27 CURSO DE LINUX EDUCACIONAL Conhecendo a Informática Conceitos Básicos da Informática: * UNIDADE DE DISCO: É um dispositivo que aciona, controla, realiza leitura/gravação de um disco magnético. Os drives que utilizam disquetes são normalmente conhecidos por drive A ou drive B, e o HD (winchester) é normalmente identificado como drive C.

28 CURSO DE LINUX EDUCACIONAL Conhecendo a Informática Conceitos Básicos da Informática: * DEFAULT : É a informação ou comando assumido automaticamente quando não se especifica previamente esta determinada informação. * CARACTER: Uma letra, número ou símbolo digitado no teclado ou exibido na tela do monitor. * MOUSE: O botão da esquerda é o que executa a maioria das funções, o botão da direita, possui atribuições específicas.

29 CURSO DE LINUX EDUCACIONAL Conhecendo a Informática Conceitos Básicos da Informática: * MOUSE: As funções do MOUSE são ativadas pelo ponteiro que aparece no monitor executando a função sobre a qual está a extremidade de sua ponta, e que, geralmente possui a forma de seta, mudando de acordo com algumas situações. Veja abaixo alguns termos utilizados nas referências ao MOUSE: # Apontar - Colocar o MOUSE sobre o objeto, botão ou ícone que desejamos ativar; # Clicar - Pressionar uma vez o botão esquerdo; # Duplo Clique - Pressionar rapidamente duas vezes o botão esquerdo; # Arrastar Manter o botão esquerdo do Mouse pressionado e mover o objeto até o local desejado.

30 CURSO DE LINUX EDUCACIONAL Conhecendo a Informática DIGITAÇÃO : * A posição das teclas no teclado pode variar conforme o modelo do mesmo. As principais diferenças se referem principalmente quanto a disposição dos símbolos, acentos e da tecla do Ç (cedilha). Algumas teclas possuem mais de um caractere, por exemplo: a tecla 7 pode também representar o símbolo &; nesse caso, o pressionamento simples da tecla envia para o computador o caractere 7 (caractere abaixo da tecla) e o pressionamento da mesma tecla juntamente da tecla shift envia para o computador o caractere &(caractere acima da tecla). Isso vale para as demais teclas do teclado. Para digitar caracteres acentuados primeiramente deve-se digitar o acento (o acento digitado não será visto neste momento pois o computador estará esperando a digitação da próxima tecla) e em seguida a tecla da letra correspondente. Para aqueles teclados que não possuem o Ç (cedilha) deve-se primeiramente digitar o acento agudo (´) e depois pressionar a tecla c do teclado.

31 CURSO DE LINUX EDUCACIONAL Conhecendo a Informática DIGITAÇÃO : * TECLADO PADRÃO ABNT2

32 CURSO DE LINUX EDUCACIONAL Conhecendo a Informática DIGITAÇÃO : * TECLADO PADRÃO AMERICANO

33 CURSO DE LINUX EDUCACIONAL Conhecendo a Informática DIGITAÇÃO : * Para digitar caracteres em maiúsculo deve-se manter pressionada a tecla shift e digitar a tecla desejada. Para digitar uma seqüência de caracteres em maiúsculo aconselha-se o uso da tecla Caps Lock. Ao digitar um texto devem-se tomar alguns cuidados básicos: # A posição das teclas no teclado pode variar conforme o modelo do mesmo. As principais diferenças se referem principalmente quanto a disposição dos acentos e das teclas. # Evitar utilizar entre as palavras mais que um espaço, caso contrário algumas formatações/alinhamentos podem não sair como o esperado. # Nunca utilizar espaços para iniciar o recuo esquerdo de parágrafo. Utilizar sempre a tecla TAB ou as opções de recuos do parágrafo.

34 CURSO DE LINUX EDUCACIONAL Conhecendo a Informática DIGITAÇÃO : * TECLAS ESPECIAIS: : Após digitar um comando, pressiona-se a tecla ENTER para executá-lo. : Esta tecla é utilizada para corrigir os erros de digitação na linha de comando. Ela move o cursor para a esquerda, removendo os caracteres. : Pressionando esta tecla e mantendo-a pressionada é possível digitar os caracteres que estão na parte superior da tecla ou então as letras em maiúsculo, como em uma máquina de escrever. É utilizada juntamente com outra tecla. Isoladamente não tem qualquer função.

35 CURSO DE LINUX EDUCACIONAL Conhecendo a Informática DIGITAÇÃO : * TECLAS ESPECIAIS: (ativa maiúscula): Pressionando esta tecla, utilizam-se as letras em maiúsculas. Pressionando-se novamente, a função será desativada. (ativa numérico): Pressionando esta tecla serão ativadas os caracteres numéricos, à direita do teclado. Pressionando-se novamente, a função será desativada e ficarão disponíveis os comandos que estão na parte inferior da tecla. (alternate key): Executa funções que dependem do software utilizado. É usada em conjunto com outra tecla. Isoladamente não tem qualquer função. (escape key): Normalmente utilizada para abandonar uma operação, mas pode variar de função de acordo com o programa ou aplicativo que estiver em uso.

36 CURSO DE LINUX EDUCACIONAL Linux HISTÓRICO: * O Linux foi criado em 1991 por um estudante Finlandês chamado Linus Torvalds. Na época, o mesmo só funcionava em sistemas i386, e era essencialmente um clone do kernel do UNIX criado independentemente, que pretendia tirar vantagem da recém-criada arquitetura i386. * Hoje em dia, gracas a uma quantidade substancial de esforço de desenvolvimento de pessoas de todo o mundo, o Linux roda em praticamente qualquer arquitetura moderna. * O kernel do Linux ganhou uma importância ideológica alem da tecnológica. Existe toda uma comunidade de pessoas que acreditam no ideal de software livre e passam seu tempo ajudando a fazer a tecnologia de código aberto tao boa quanto possível.

37 CURSO DE LINUX EDUCACIONAL Linux HISTÓRICO : * Pessoas desta comunidade deram suas ajudas a iniciativas como o Ubuntu, comitês de padronização que modelam o desenvolvimento da internet, organizações como a Fundação Mozilla, responsável pela criação do Mozilla Firefox, e diversos outros projetos de software dos quais você certamente já se beneficiou no passado. * O espirito do código aberto, normalmente atribuído ao Linux, esta influenciando desenvolvedores e usuários de software em todo o mundo a criar comunidades com objetivos comuns.

38 CURSO DE LINUX EDUCACIONAL Linux CÓDIGO ABERTO E SOFTWARE LIVRE : * Software livre significa mais do que somente estar disponível a custo zero. A filosofia do software livre e de que as pessoas devem ser livres para usar o software em todas as maneiras que são "socialmente uteis". "Software Livre" não quer somente dizer que você não precisa pagar pelo mesmo, também significa que você deve poder usar o software de qualquer maneira que desejar: o código que faz o software livre e disponível para qualquer pessoa fazer download, modificar, consertar, e usar de qualquer maneira. Então, alem do fato de que o software livre normalmente e disponibilizado sem nenhum custo, esta liberdade também tem suas vantagens técnicas: quando programas são desenvolvidos, o trabalho de outras pessoas pode ser reutilizado. Com softwares não-livres, isto não pode acontecer e quando programas são desenvolvidos, eles devem ser começados do zero. Por este motivo, o desenvolvimento de software livre e rápido, eficiente e animador! Da multidão dos que creram, uma era a mente e um o coração. Ninguém considerava unicamente sua coisa alguma que possuísse, mas compartilhavam tudo o que tinham.


Carregar ppt "CURSO DE LINUX EDUCACIONAL INTRODUÇÃO A INFORMÁTICA."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google