A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Por que o LSD causa alucinações nas pessoas? Augusto Guimarães, Gabriel Almeida, Miguel Matarazzo, Tomaz Seincman, Ricardo Romano.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Por que o LSD causa alucinações nas pessoas? Augusto Guimarães, Gabriel Almeida, Miguel Matarazzo, Tomaz Seincman, Ricardo Romano."— Transcrição da apresentação:

1 Por que o LSD causa alucinações nas pessoas? Augusto Guimarães, Gabriel Almeida, Miguel Matarazzo, Tomaz Seincman, Ricardo Romano

2 Perturbadores do sistema nervoso central O que são? Perturbadores são substancias sintéticas (produzidas em laboratório) capazes de produzir efeitos alucinógenos nos usuários, ou seja, elas sao capazes de alterar a percepção de mundo dos usuários os tornando completamente alienados a realidade. O LSD-25 (abreviação de dietilamina do ácido lisérgico) é, talvez, a mais potente droga alucinógena existente. a ingestão de apenas algumas micro gramas já e o suficientes para produzir alucinações no ser humano.

3 LSD: história e definição LSD foi sintetizado pela primeira vez em 7 de abril de 1938 pelo químico suíço Dr. Albert Hofmann nos Laboratórios Sandoz em Basel, Suíça, como parte de um grande programa de pesquisa de derivados úteis para a medicina. O químico foi o primeiro a experimentar os efeitos alucinógenos da droga: Inicialmente, foi utilizado como recurso psicoterapêutico e para tratamento de alcoolismo e disfunções sexuais. Com o movimento hippie começa a ser utilizado de forma recreativa e provoca grande agitação nos Estados Unidos. O consumo do LSD difunde- se nos meios universitários norte-americanos, grupos de música pop, ambientes literários, etc. Nos dias de hoje ele e principalmente usado em festas raves e movimentos desse tipo

4 Efeitos Psicológicos Os efeitos do LSD variam de acordo com: Personalidade do usuário Contexto (ambiente e sentimentos) Qualidade da droga O Uso da droga pode levar a provocar ilusões, alucinações (auditivas e visuais), grande sensibilidade sensorial, flashbacks, paranóia, alteração da noção temporal e espacial, confusão, pensamento desordenado, pânico, ansiedade, depressão, psicose por "má viagem etc.

5 Efeitos no Organismo O LSD-25 tem poucos efeitos no resto do corpo. Logo de início, 10 a 20 minutos após tomá-lo, acontecem algumas alterações: Pulso Pupilas Sudoração Excitação Intoxicações/convulsões e danos ao organismo

6 Como age no Cérebro O LSD provavelmente afeta os receptores 2A de serotonina no cérebro. A serotonina é um neurotransmissor com um papel na comunicação do humor e da consciência. Esses receptores aparecem em muitos locais do cérebro, incluindo várias áreas do córtex (responsável pela percepção sensorial), e o tálamo (região interior responsável por suprir o córtex com mensagens, assim como pela regulação do estado de alerta e atenção). Neurônios Piramidais da coluna V são as células mais afetadas. Esses neurônios fazem a ponte entre o córtex cerebral, que comanda a consciência e regiões que coordenam percepções e movimentos. Basicamente a droga faz com que o usuário perca qualquer tipo de percepção de mundo, liberando o inconsciente e causando alucinações.

7 Efeitos tóxicos O uso do LSD não apresenta nenhum efeito tóxico para o organismo. Por outro lado, ele pode acarretar perturbação psíquica, como por exemplo a perda da habilidade de perceber e avaliar situações comuns de perigo. Isto ocorre, por exemplo, quando a pessoa se julga capaz de realizar ações impossíveis como voar ou andar sobre a água. E ainda ha o risco de que essas alterações na psique sejam irreversíveis ou voltem, com os chamados flashbacks, quando semanas ou até meses após uma experiência com LSD, a pessoa repentinamente passa a ter todos os sintomas psíquicos daquela experiência anterior e isto sem ter tomado de novo a droga

8 Causa dependência? O LSD não leva, geralmente, a estados de dependência física e não há descrição de caso de síndrome de abstinência se um usuário crônico para de usar a droga. Por outro lado, o LSD, assim como outras drogas alucinógenas, pode provocar dependência psíquica ou psicológica, uma vez que a pessoa que habitualmente faz uso destas substâncias como um meio de se alienar dos problemas da vida e se refugiar no paraíso da droga.

9 Conclusão O LSD e uma droga alucinógena que age em diferentes receptores e transmissores cerebrais fazendo com que o usuário perca totalmente a noção de tempo e espaço e passe a enxergar o mundo por meio do seu inconsciente. A droga funciona como uma espécie de inibidor do consciente e libertador do inconsciente levando, em alguns casos, a transformar o usuário em psicótico.


Carregar ppt "Por que o LSD causa alucinações nas pessoas? Augusto Guimarães, Gabriel Almeida, Miguel Matarazzo, Tomaz Seincman, Ricardo Romano."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google