A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Condições e motivações da Expansão Marítima Portuguesa Condições e Motivações da Expansão Portuguesa Séculos XV e XVI.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Condições e motivações da Expansão Marítima Portuguesa Condições e Motivações da Expansão Portuguesa Séculos XV e XVI."— Transcrição da apresentação:

1 Condições e motivações da Expansão Marítima Portuguesa Condições e Motivações da Expansão Portuguesa Séculos XV e XVI

2 Curiosidade pelo mundo desconhecido. Os marinheiros portugueses já conheciam a bússola ou agulha de marear. Obter produtos mais baratos. Desejo de espalhar a fé Cristã. Condições Geográficas: Extensa linha de costa. Elevado número de portos marítimos.

3 A conquista das praças do norte de África Porquê estas conquistas? Eram ricas em cereais. Por lá passavam as rotas comerciais dos Árabes Comercializavam-se produtos como escravos, ouro e especiarias. Espalhar a fé cristã. Resultados esperados? Não foram muito bons. Os Árabes desviaram as rotas e não eram muito ricas em cereais.

4 Este Cabo era muito perigoso devido a um grande rochedo. Gil Eanes consegue passá-lo em 1434 Assim abre o caminho da Costa Ocidental Africana O Infante D. Henrique vai organizar grandes expedições

5 A descoberta da Costa Africana A exploração do oceano Atlântico e da Costa Ocidental Africana A descoberta dos arquipélagos da Madeira e dos Açores A descoberta dos arquipélagos de Cabo Verde e de S. Tomé e Príncipe Descoberta da Guiné Descoberta de Angola A criação de feitorias para organização do comércio. Feitoria de ARGUIM

6 «O monstro, o lá o que era, tinha o rosto sombrio, os olhos encovados, a boca negra, os cabelos cheios de terra e os dentes amarelados…» Bartolomeu Dias dobrou o Cabo das Tormentas, em 1488, que passou a chamar-se Cabo da Boa Esperança, porque já havia a esperança de chegar à Índia

7 A grande ambição! Partida e objectivo da viagem. Na era de1497, mandou El-Rei D. Manuel, o primeiro deste nome em Portugal, a descobrir, com quatro navios, os quais iam em busca de especiarias, dos quais navios iam o Capitão-Mor Vasco da Gama Álvaro Velho Vasco da Gama

8 A notícia do achamento Senhor e assim fomos seguindo por este mar até terça – feira de oitavas de Páscoa, que foram 21 e um dias de Abril... À quarta - feira seguinte houvemos visto um grande monte alto ao qual o capitão deu o nome de Pascoal. Pêro Vaz de Caminha Pedro Álvares Cabral descobre o Brasil em 1500 O Brasil foi grande fonte de riqueza para Portugal: Pau - Brasil Diamantes Cana - do - açúcar Pedro Alvares Cabral

9 O Tratado de Tordesilhas Em 1494 é assinado o TRATADO de TORDESILHAS entre Portugal e Espanha. O mundo foi dividido em duas partes, por uma linha Imaginária chamada MERIDIANO As terras descobertas ou a descobrir a Ocidente desse meridiano, pertenciam a Espanha As terras a descobertas ou a descobrir a Oriente pertenciam a Portugal : Tratado de Tordesilhas

10 NAU: Embarcação com grande capacidade de carga no porão

11 Rotas Comerciais dos territórios portugueses no mundo


Carregar ppt "Condições e motivações da Expansão Marítima Portuguesa Condições e Motivações da Expansão Portuguesa Séculos XV e XVI."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google