A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Aos Espíritas Federação Espírita do Paraná. Que dias são esses? Estais encarnados na Terra em momento crucial da evolução humana... Joanna de Ângelis.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Aos Espíritas Federação Espírita do Paraná. Que dias são esses? Estais encarnados na Terra em momento crucial da evolução humana... Joanna de Ângelis."— Transcrição da apresentação:

1 Aos Espíritas Federação Espírita do Paraná

2 Que dias são esses? Estais encarnados na Terra em momento crucial da evolução humana... Joanna de Ângelis Dilatam-se as oportunidades de serviço que nos não compete adiar. Lins de Vasconcellos

3 Que dias são esses? O homem moderno, enriquecido pelo conhecimento e detentor de inúmeros títulos de enobrecimento, encontra-se sob os camartelos das dificuldades morais que o assaltam todos os dias. Vianna de Carvalho A horizontal nas realizações científicas promoveu a cultura e a civilização, mas a vertical do amor não arrancou o ser do báratro no qual se debate em agonia. Joanna de Ângelis

4 Que dias são esses? Vivemos os dias tormentosos anunciados pelas Escrituras. Experimentamos as glórias da ciência e da tecnologia, do pensamento, da arte. No entanto, caminhamos pela senda de espinhos que assinalam sofrimentos, reduzindo a criatura humana à violência, ao despautério, à loucura. Bezerra de Menezes

5 Qual o papel do Espiritismo? Ao Espiritismo compete a tarefa indeclin á vel de espalhar nova luz sobre a humanidade inquieta e atormentada. À luz do Espiritismo Vianna de Carvalho / Divaldo Franco

6 Qual o papel do Espiritismo? Mais do que nunca se faz urgente a difusão dos postulados esp í ritas, que chamam o homem à responsabilidade, à valoriza ç ão da vida em toda a sua plenitude,... À conseq ü ência moral dos atos. Antologia espiritual Ivon Costa / Divaldo Franco

7 1. Consolidação doutrinária Quais os mecanismos para garantir e promover a consolidação (fidelidade) doutrinária em nossas casas? Estudo ?? Há problemas de fidelidade doutrinária em nossas casas? Qual a solução?

8 1. Consolidação doutrinária Quem deseje tornar-se versado numa ciência tem que a estudar metodicamente, começando pelo princípio e acompanhando o encadeamento e o desenvolvimento das idéias. O Livro dos Espíritos, introdução

9 1. Consolidação doutrinária A verdadeira Doutrina Espírita está no ensino que os Espíritos deram, e os conhecimentos que esse ensino comporta são por demais profundos e extensos para serem adquiridos de qualquer modo, que não por um estudo perseverante, feito no silêncio e no recolhimento. O Livro dos Espíritos, introdução

10 1. Consolidação doutrinária O conhecimento do Espiritismo de forma racional, quando aplicado ao cotidiano do indivíduo, transforma-o visceralmente, por ensejar-lhe uma visão filosófica de profundidade sobre a vida. Sob a Proteção de Deus Victor Hugo / Divaldo Franco

11 O Espiritismo a rasgar-nos nas mentes acanhadas e entorpecidas largos horizontes de ideal superior, nos impele para a frente, rumo aos cimos da perfectibilidade. O Espírito de Verdade Eurípedes Barsanulfo / Francisco Cândido Xavier 1. Consolidação doutrinária

12 Por onde iniciar? As reuniões de estudo são, além disso, de imensa utilidade para os médiuns de manifestações inteligentes, para aqueles, sobretudo, que seriamente desejam aperfeiçoar- se e que a elas não comparecem dominados por tola presunção de infalibilidade. O Livro dos Médiuns, cap. XXIX, item 329

13 Estudo e Espiritismo Estudar a doutrina, e especificamente a mediunidade [...] é dever inadiável a que se deve submeter todo adepto do Espiritismo e mais particularmente aqueles que se queiram dedicar ao exercício das faculdades mediúnicas. Atualidade do pensamento espírita, perg. 213 Vianna de Carvalho / Divaldo Franco

14 Estudo e mediunidade Torna-se importante frisar, diante de tanto descaso para com os estudos espíritas, que, para dar vazão a manifestações espirituais não é necessário, de fato, qualquer conhecimento. Aliás, a ignorância transforma-se no caldo cultural ideal para determinados desencarnados que desejam dominar consciências...

15 Estudo e mediunidade Para quem pretende qualificar positivamente a sua atuação mediúnica, dando-lhe lucidez e utilidade, para os objetivos do Cristo e Seus Prepostos, o estudo se torna fundamental. Desafios da Mediunidade, perg 53 Camilo / Raul Teixeira

16 Estudo ou prática? Seria mais útil, mais conveniente, que o companheiro da ação mediúnica que não pudesse comparecer ao Centro Espírita para o estudo da Doutrina e para a atividade prática se dedicasse pelos estudos.[...] Os médiuns espíritas necessitam de estudar. Desafios da Mediunidade, perg 58 Camilo / Raul Teixeira

17 Estudo e mediunidade Se a pessoa estiver com a mediunidade atormentada será encaminhada a tratamento através de 1. passes; 2. explicações doutrinárias; 3. da participação nas reuniões de estudos para que possa, gradualmente, ir assentando essas energias revoltas, equilibrando-se até que possa chegar a atividade propriamente mediúnica. Diretrizes de Segurança, p. 54-Raul Teixeira/Divaldo Franco

18 2. Divulgar o Espiritismo Biblioteca / livraria / feiras de livros Cuidado nas obras que são ofertadas em nossas bibliotecas e livrarias Palestras Treinamento / reuniões com os expositores; Escolha dos temas; Rádio / TV / internet Cuidado doutrinário; contaminar o mundo com o espiritismo e não o contrário, contaminando o Espiritismo com as coisas do mundo

19 3. Organizar o Movimento Espírita Qual a função de uma sociedade espírita? Escola Oficina Hospital Santuário Há muita angústia aguardando a contribuição espírita e muita loucura necessitando de socorro espírita. Vianna de Carvalho

20 4. Troca de experiências Organização do Movimento Espírita: FEB Federativas estaduais UREs/CREs Sociedades/Centros Espíritas Eventos internacionais, nacionais, estaduais, regionais, locais... Qual a finalidade disso tudo?

21 1-...consolidação/ fidelidade doutrinária Algumas pessoas parecem enganadas quanto ao verdadeiro objetivo e o caráter da Sociedade. Permiti-me recordá-los em poucas palavras. (...) Esse objetivo é, essencialmente e, pode dizer-se, com exclusividade, o estudo da ciência espírita. O que queremos, antes de tudo, não é nos convencer, pois já o estamos, mas instruir-nos e aprender o que não sabemos. Allan Kardec, Revista Espírita de abril de 1860

22 Em resumo, o que devemos buscar é remover todas as causas de perturbação e de interrupção; manter entre nós as boas relações, de que os espíritas sinceros, mais que outros, devem dar exemplo; opor-nos, por todos os meios possíveis, ao afastamento da Sociedade de seus objetivos, à abordagem de questões que não são de sua alçada, e que degenere em arena de controvérsias e de personalismo. Allan Kardec, Revista Espírita de abril de consolidação/ fidelidade doutrinária 1-...consolidação/ fidelidade doutrinária

23 2-...divulgação da Doutrina Espírita Há algo de mais pernicioso ao Espiritismo do que os ataques apaixonados dos seus adversários. É o que os pseudo-adeptos publicam em seu nome. Certas publicações são simplesmente lamentáveis, uma vez que oferecem da doutrina espírita uma idéia falsa e a expõem ao ridículo. É de se perguntar por que Deus permite essas coisas e não esclarece todos os homens da mesma forma. Haverá algum meio de se remediar esse inconveniente, que nos parece um dos maiores escolhos da doutrina? Allan Kardec,Viagem Espírita em 1862

24 3 -...organizar o Movimento Espírita Lembrai-vos, Senhores, da maneira pela qual se formou a Sociedade. Eu recebia em minha casa algumas pessoas em pequeno comitê. Com o crescimento do grupo, acharam que era preciso um local maior. Para consegui-lo, teríamos de pagar; tivemos, portanto, que nos cotizar. Disseram mais: é preciso ordem nas sessões; não se pode admitir o primeiro que chegar; é necessário, portanto, um regulamento. Allan Kardec, Revista Espírita de abril de 1860

25 4 -...troca de experiências Se, entre vós, há dissidências, causas de antagonismos, se os grupos que devem todos marchar para um objetivo comum, estiverem divididos, eu o lamento, sem me preocupar com as causas, sem examinar quem cometeu os primeiros erros e me coloco, sem hesitar, do lado daquele que tiver mais caridade, isto é, mais abnegação e verdadeira humildade, pois aquele a quem falta a caridade está sempre errado, assistido embora por qualquer espécie de razão, pois Deus maldiz quem diz a seu irmão: racca. Allan Kardec, Viagem Espírita em 1862

26 É chegada a hora em que deveis sacrificar à sua propagação os vossos hábitos, os vossos trabalhos, as vossas ocupações fúteis. Aproxima-se o tempo em que se cumprirão as coisas anunciadas para a transformação da Humanidade. O evangelho segundo o espiritismo, cap XX, itens 4 e 5

27 Ditosos serão os que houverem trabalhado no campo do Senhor, com desinteresse e sem outro móvel, senão a caridade! [...] Ditosos os que hajam dito a seus irmãos: "Trabalhemos juntos e unamos os nossos esforços, a fim de que o Senhor, ao chegar, encontre acabada a obra", porquanto o Senhor lhes dirá: "Vinde a mim, vós que sois bons servidores, vós que soubestes impor silêncio aos vossos ciúmes e às vossas discórdias, a fim de que daí não viesse dano para a obra! (...)

28 Mas, ai daqueles que, por efeito das suas dissensões, houverem retardado a hora da colheita, pois a tempestade virá e eles serão levados no turbilhão! Clamarão: "Graça! graça!" O Senhor, porém, lhes dirá: "Como implorais graças, vós que não tivestes piedade dos vossos irmãos e que vos negastes a estender-lhes as mãos, que [...] Nada mais vos cabe pedir; as recompensas celestes são para os que não tenham buscado as recompensas da Terra. O evangelho segundo o espiritismo, cap XX, item 5


Carregar ppt "Aos Espíritas Federação Espírita do Paraná. Que dias são esses? Estais encarnados na Terra em momento crucial da evolução humana... Joanna de Ângelis."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google