A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

O PROCESSO DE PARTICIPAÇÃO SOCIAL PARTICIPAÇÃO SOCIAL.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "O PROCESSO DE PARTICIPAÇÃO SOCIAL PARTICIPAÇÃO SOCIAL."— Transcrição da apresentação:

1

2 O PROCESSO DE PARTICIPAÇÃO SOCIAL PARTICIPAÇÃO SOCIAL

3 ELEMENTOS DA PARTICIPAÇÃO 1. A CONSCIENTIZAÇÃO; 2. A ORGANIZAÇÃO E 3. A CAPACITAÇÃO. 1. A CONSCIENTIZAÇÃO; 2. A ORGANIZAÇÃO E 3. A CAPACITAÇÃO.

4 SOCIEDADE INTERESSES DA MAIORIA SOMENTE COM A PARTICIPAÇÃO NAS DECISÕES GRUPOS DOMINANTES (decidem) X GRUPOS DOMINADOS (obedecem)

5 PARTICIPAÇÃO SOCIAL Necessidade básica de todo o ser humano, pois a sociedade é uma constante troca de bens e serviços. Quem não participa deixa aos outros a decisão de seu futuro, acabando por ser dominado.

6 DESENVOLVIMENTO SÓ ACONTECE Quando se promover o processo educativo da PARTICIPAÇÃO, ATRAVÉS da Conscientização, Organização e Capacitação contínua e crescente da POPULAÇÃO Na sua realidade social concreta. SÓ ACONTECE Quando se promover o processo educativo da PARTICIPAÇÃO, ATRAVÉS da Conscientização, Organização e Capacitação contínua e crescente da POPULAÇÃO Na sua realidade social concreta.

7 CONSCIENTIZAÇÃO É A PASSAGEM DA CONSCIÊNCIA INDIVIDUAL PARA A CONSCIÊNCIA SOCIAL DOS PROBLEMAS COLETIVOS É A PASSAGEM DA CONSCIÊNCIA INDIVIDUAL PARA A CONSCIÊNCIA SOCIAL DOS PROBLEMAS COLETIVOS

8 VERDADEIRA CONSCIENTIZAÇÃO. NÃO FICA SÓ NO DISCURSO, MAS PARTE PARA A ORGANIZAÇÃO E PARA A CAPACITAÇÃO, A FIM DE VENCER OS PROBLEMAS DA COMUNIDADE. NÃO FICA SÓ NO DISCURSO, MAS PARTE PARA A ORGANIZAÇÃO E PARA A CAPACITAÇÃO, A FIM DE VENCER OS PROBLEMAS DA COMUNIDADE

9 ORGANIZAÇÃO SOCIAL Entende-se como uma articulação consciente, permanente, dinâmica, dos grupos de uma população, ao redor de interesses comuns, objetivos reais, mas percebidos coletivamente, que alimentam ações coordenadas e que buscam satisfazer a esses interesses coletivos

10 Entende-se como um processo em que a população passa a assumir gradativamente a sua própria conscientização e organização e se torna capaz de estender a sua experiência a toda a realidade local e global. Percebendo a essência da sua realidade social, tenta encontrar novos modos de agir que respondam mais diretamente aos seus problemas CAPACITAÇÃO

11 CINCO ETAPAS DA PARTICIPAÇÃO 1. Infra-estrutura para participar: não morar longe....ter tempo...ser capaz de falar Ter informações: como decidir sobre algo que não se conhece bem? 3. Dispor de espaços para debater as idéias; 4. Ter possibilidade de tomar decisões; 5. Compromisso. Envolvimento afetivo das pessoas. 1. Infra-estrutura para participar: não morar longe....ter tempo...ser capaz de falar Ter informações: como decidir sobre algo que não se conhece bem? 3. Dispor de espaços para debater as idéias; 4. Ter possibilidade de tomar decisões; 5. Compromisso. Envolvimento afetivo das pessoas.

12 A META DA PARTICIPAÇÃO Conquistar o controle social por parte da sociedade, ou seja a auto-gestão, a co-gestão da vida social. Nunca se pode perder de vista que o Estado é uma criatura da sociedade. A sociedade existiu antes do Estado e este foi criado por aquela. Conquistar o controle social por parte da sociedade, ou seja a auto-gestão, a co-gestão da vida social. Nunca se pode perder de vista que o Estado é uma criatura da sociedade. A sociedade existiu antes do Estado e este foi criado por aquela.

13 A PARTICIPAÇÃO Na verdade é uma conquista, ou uma construção que se realiza entre pessoas que não pensam nem fazem a mesma coisa, ou seja a tônica é respeitar as diferenças e fazer negociações para avançar. Na verdade é uma conquista, ou uma construção que se realiza entre pessoas que não pensam nem fazem a mesma coisa, ou seja a tônica é respeitar as diferenças e fazer negociações para avançar.

14 o democratismo : levar a participação a um exagero absurdo que inviabiliza avanços; o centralismo : o poder está concentrado em poucos e não vem da base como deveria ser. A solução também não é desconcentrar, jogando um pedaço do poder, (uma representação em cada localidade); o populismo, que procura apenas agradar, mesmo que não se tomem as soluções ideais; o assistencialismo que desmobiliza os movimentos populares. o democratismo : levar a participação a um exagero absurdo que inviabiliza avanços; o centralismo : o poder está concentrado em poucos e não vem da base como deveria ser. A solução também não é desconcentrar, jogando um pedaço do poder, (uma representação em cada localidade); o populismo, que procura apenas agradar, mesmo que não se tomem as soluções ideais; o assistencialismo que desmobiliza os movimentos populares. PERIGOS

15 Rafael Pinzón Rueda Não se constrói a participação Sem a prática da participação. Não se constrói a participação Sem a prática da participação.

16 Apresentação desenvolvida por: José Mesquita Júnior MJ Solutions - Design - Web - Tecnologia (65) Apresentação desenvolvida por: José Mesquita Júnior MJ Solutions - Design - Web - Tecnologia (65) c Copyright MJ Solutions Todos os direitos reservados.


Carregar ppt "O PROCESSO DE PARTICIPAÇÃO SOCIAL PARTICIPAÇÃO SOCIAL."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google