A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

FUNDAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR 2010.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "FUNDAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR 2010."— Transcrição da apresentação:

1 FUNDAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR 2010

2 30 anos de Desenvolvimento Científico no Brasil Jorge A. Guimarães

3 Austrália Canadá Espanha Coréia do Sul Itália Reino Unido Holanda Alemanha França Índia México Japão Nigéria Paquistão Bangladesh Indonésia Rússia EUA Brasil China Área > 4 milhões km 2 População > 100 milhões PIB* > US$ 400 bilhões Fonte: Investe Brasil *PIB nominal Brasil - Território, população, economia R. Dauscha (ANPEI) 3ª CNCTI

4

5 Brasil 2,281 Institutions 249 Public 106 Federal 82 State 61 County 2,032 Private 1,594 Profit oriented 438 Phylantropic Higher Education Institutions

6 Brasil 317, ,828 Public 59,156 Federal 41,709 State 7,963 County 208,213 Private 127,410 Profit oriented 80,803 P hylantropic Higher Education Teachers and Professors

7 Brasil 4,880,381 1,240,968 Public 615,542 Federal 482,814 State 142,612 County 3,639,413 Private 2,257,321 Profit 1,382,092 P hylantropic Higher Education: Students

8 Diretoria de Relações Internacionais Diretoria De Gestão Diretoria de Ed. Básica Presencial CTC-ES Diretoria de Programas e Bolsas no País CTC-EB CONSELHO SUPERIOR Presidência da CAPES Diretoria de Avaliação Nova Capes Diretoria de EAD

9 Docentes com Formação Específica em Exercício na Educação Básica e Demanda Fonte: INEP

10 Docentes com Formação Específica em Exercício na Educação Básica e Demanda Hipotética por Disciplina Fonte: INEP

11 Sistema Nacional de Posgrado March Programas Cursos: Maestria (~ 60%), Doctorado (~ 34%), Maestria Professional (~ 6%) 2010

12 Estudiantes: MSc M Prof Doctorado diplomados (egresos): MSc M Prof Doctorado March Sistema Nacional de Posgrado

13 Sistema Nacional de Posgrado 2009 March 07

14 CICLO VIRTUOSO DA CIÊNCIA BRASILEIRA INICIAÇÃO CIENTÍFICA PÓS-GRADUAÇÃO FORMAÇÃO DOS GRUPOS DE PESQUISA COOPERAÇÃO INTERNACIONAL ACESSO AO PORTAL DE PERIÓDICOS Todos esses componentes do ciclo são financiados O Modelo Brasileiro de Capacitação para C&T&I

15 Principais dimensões do sistema:

16 Distribuição regional dos cursos Fonte: Programas Recomendados e Reconhecidos. Disponível em: Data Atualização: 16/03/2010http://www.capes.gov.br/cursos-recomendados

17 Evolução recente do número de Alunos Matriculados Mestrado:Doutorado: Fonte: Geocapes

18 Evolução do número de Alunos Titulados Mestrado:Doutorado: Fonte: Geocapes

19 Biblioteca virtual: PORTAL DE PERIÓDICOS - CAPES

20 Portal Conteúdo títulos 130 bases referenciais disponíveis Público Utilização em 2008: 23 milhões de textos completos baixados 41 milhões de acessos a bases referenciais Mais de acessos/dia 311 Instituições de Ensino Superior

21 Cooperação Internacional

22 Evitar a endogenia; Facilitar o acesso à comunidade científica internacional; Melhorar a visibilidade dos grupos de pesquisa brasileiros no exterior; Estabelecer novas parcerias de pesquisa; Promover a mobilidade acadêmica. Objetivos

23 Bolsas de estudo no exterior; Colégios-Doutorais Bi-Nacionais; Projetos Conjuntos de Pesquisa e Parcerias Universitárias; Professor Visitante; Professor Visitante Estrangeiro; Programa Geral de Cooperação Internacional. Programas da Cooperação Internacional

24 Bolsas no exterior Fonte: Capes/MEC

25 25 Priorities for International Cooperation Highest priorities from 47 CAPES Areas: Engineering and Computer Sciences Biotechnology Oceanography Health Sciences: Medicine Biomedical Sciences Agriculture & Veterinary Sciences Bioenergy & Biofuels Nanobiotechnology Material Sciences Social Sciences

26 Títulos de Periódicos – Fonte: Capes.

27 Dados PG na Área Médica

28 Evolução do número de Programas da área de Medicina a 2009 Fonte: Geocapes. Capes/MEC.

29 Distribuição do número de Programas da área de Medicina por conceito Fonte: Geocapes. Capes/MEC.

30 Evolução do número de docentes nos programas da área de Medicina a 2009 Fonte: Capes/MEC.

31 Evolução do número de discentes matriculados em Medicina a 2009 Fonte: Geocapes. Capes/MEC.

32 Evolução do número de discentes titulados nos programas em Medicina a 2009 Fonte: Geocapes. Capes/MEC.

33 Evolução do número de bolsas Capes no país na área de Medicina a 2009 Fonte: Geocapes. Capes/MEC.

34 Evolução do número de bolsistas no exterior na área de Medicina – 1998 a 2009 Fonte: Geocapes. Capes/MEC.

35 Evolução do número de discentes nos programas de mestrado em Medicina a 2009 Fonte: Capes/MEC. * Discentes de mestrado e mestrado profissional

36 Evolução do número de discentes nos programas de doutorado em Medicina a 2009 Fonte: Capes/MEC.

37 Evolução do número de concessão de bolsas capes na área de Medicina no Brasil – 1998 a 2009 Fonte: Capes/MEC.

38 Medicina: Razão dissertações/teses a 2009 Fonte: Capes/MEC.

39 Evolução do número de bolsistas no exterior – 1999 a 2009 Fonte: Capes/MEC.

40 Evolução do número de bolsistas por modalidade no exterior – 1999 a 2009 *Mestrado e Mestrado Sanduíche. Fonte: Capes/MEC.

41 Dados PG segundo Subárea da Medicina

42 Evolução do número de programas segundo subáreas* da Medicina a 2009 Fonte: Capes/MEC. *MEDICINA I – Medicina, Angiologia, Cancerologia, Clínica Medica, Cardiologia, Dermatologia, Endocrinologia, Gastroenterologia, Nefrologia, Pneumologia; MEDICINA II - Doenças Infecciosas E Parasitárias, Hematologia, Reumatologia, Alergologia e Imunologia Clínica, Neurologia, Saúde Materno-infanti, Nutrição, Bioquímica da Nutrição, Dietética, Análise Nutricional de População, Desnutrição e Desenvolvimento Fisiológico, Pediatria, Psiquiatria, Anatomia Patológica e Patologia Clínica, Radiologia Médica, Medicina Legal e Deontologia; MEDICINA III - Ginecologia E Obstetrícia, Oftalmologia, Ortopedia, Cirurgia, Cirurgia Plástica E Restauradora, Cirurgia Otorrinolaringológica, Cirurgia Oftalmológica, Cirurgia Cardiovascular, Cirurgia Toráxica, Cirurgia Gastroenterologia, Cirurgia Pediátrica,neurocirurgia, Cirurgia Urológica, Cirurgia Proctológica, Cirurgia Ortopédica, Cirurgia Traumatológica, Anestesiologia, Cirurgia Experimental, Fonoaudiologia, Fisiatria.

43 Evolução do número de docentes nos programas das subárea* da Medicina a 2009 Fonte: Capes/MEC. *MEDICINA I – Medicina, Angiologia, Cancerologia, Clínica Medica, Cardiologia, Dermatologia, Endocrinologia, Gastroenterologia, Nefrologia, Pneumologia; MEDICINA II - Doenças Infecciosas E Parasitárias, Hematologia, Reumatologia, Alergologia e Imunologia Clínica, Neurologia, Saúde Materno-infanti, Nutrição, Bioquímica da Nutrição, Dietética, Análise Nutricional de População, Desnutrição e Desenvolvimento Fisiológico, Pediatria, Psiquiatria, Anatomia Patológica e Patologia Clínica, Radiologia Médica, Medicina Legal e Deontologia; MEDICINA III - Ginecologia E Obstetrícia, Oftalmologia, Ortopedia, Cirurgia, Cirurgia Plástica E Restauradora, Cirurgia Otorrinolaringológica, Cirurgia Oftalmológica, Cirurgia Cardiovascular, Cirurgia Toráxica, Cirurgia Gastroenterologia, Cirurgia Pediátrica,neurocirurgia, Cirurgia Urológica, Cirurgia Proctológica, Cirurgia Ortopédica, Cirurgia Traumatológica, Anestesiologia, Cirurgia Experimental, Fonoaudiologia, Fisiatria.

44 Discentes Mestrado Medicina I:1996 a 2009 Fonte: Capes/MEC.

45 Discentes Mestrado Medicina II: Fonte: Capes/MEC.

46 Discentes Mestrado Medicina III: Fonte: Capes/MEC.

47 Bolsas CAPES no Brasil – 1998 a 2009 Fonte: CAPES/Mec.

48 Razão Di/Te: Fonte: Capes/MEC.

49 Indicadores de Produção Científica das áreas de Medicina Mundo e Brasil Disponível em: Making History- the Campaing for Penn Endereço eletrônico: Acesso em: 27/01/2009 Disponível em: professoravero.zip.net/images/meioambiente.gif Acesso em 06/02/2009

50 Comparação índice de crescimento da produção científica Brasil x Mundo (1981 a Base Scopus) Fonte: SCOPUS. Disponível em:

51

52

53

54

55

56 Strong Research and Productive Fields Agriculture (orange, soy bean, cereals) Animal Production (beef, poultry, pork) Automation: Banking: since 15 years ago through Internet National elections: results in hours Industrial plants Aircraft and Space Science Tropical Diseases and Public Health Dentistry BioFuels (ethanol and biodiesel) Petroleum (deep water extraction) Biological control of insects Cellulose production and paper industry

57 Taxa de Crescimento: Titulados doutores x artigos publicados (Scopus) Fonte: SCOPUS. Disponível em: Acesso em: 7 jul. de 2009.http://www.scopus.com/search/form.url

58 Produção científica brasileira na área de clínica médica: 1981 a Fonte: ISI - Institute for Scientific Information. CD-Rom: National Science Indicators - Base Standard – ESI 2009, USA.

59 Rank da Produção Científica em Clínica Médica no quinquênio Fonte: ISI - Institute for Scientific Information. CD-Rom: National Science Indicators - Base Standard – ESI 2009, USA.

60 Produção científica brasileira em clínica médica por quinquênio Fonte: ISI - Institute for Scientific Information. CD-Rom: National Science Indicators - Base Standard – ESI 2009, USA.

61 Ranking da Produção Científica do Brasil nas 48 subáreas da medicina no quinquênio (1º a 16º) Fonte: ISI - Institute for Scientific Information. CD-Rom: National Science Indicators - Base Deluxe – SCI 2009, USA. Continua...

62 Ranking da Produção Científica do Brasil nas 48 subáreas da medicina no quinquênio (17º a 32º). Continuação... Fonte: ISI - Institute for Scientific Information. CD-Rom: National Science Indicators - Base Deluxe – SCI 2009, USA.

63 Ranking da Produção Científica do Brasil nas 48 subáreas da medicina no quinquênio (33º a 48º). Continuação... Fonte: ISI - Institute for Scientific Information. CD-Rom: National Science Indicators - Base Deluxe – SCI 2009, USA.

64 Dotação orçamentária real em milhões (atualizada pelo IGP-DI, base agosto de 2009) Variação percentual entre 2004 e 2010 = 334% Fonte: CAPES/MEC.

65 Só sei que: Estamos apenas começando, devemos continuar e nunca terminaremos (Fernando Sabino)


Carregar ppt "FUNDAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR 2010."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google