A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS FACULDADE DE NUTRIÇÃO Circunferência da cintura e índice de massa corporal como preditores da hipertensão arterial Maria.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS FACULDADE DE NUTRIÇÃO Circunferência da cintura e índice de massa corporal como preditores da hipertensão arterial Maria."— Transcrição da apresentação:

1 UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS FACULDADE DE NUTRIÇÃO Circunferência da cintura e índice de massa corporal como preditores da hipertensão arterial Maria do Rosário Gondim Peixoto/UFG Maria Helena DAquino Benício/USP Maria do Rosário Dias de Oliveira Latorre/USP Paulo César B. Veiga jardim/UFG

2 Obesidade... excesso de gordura corporal que implica em prejuízos para a saúde... Obesidade IMC Obesidade abdominal CC

3 Classificação da circunferência da cintura por sexo de acordo com o risco de complicações metabólicas LEAN et al. 1995;

4 Objetivos Avaliar a associação entre os índices antropométricos, IMC e CC, e a hipertensão arterial; Avaliar a associação entre os índices antropométricos, IMC e CC, e a hipertensão arterial; Avaliar a capacidade preditiva dos pontos de corte recomendados para estes índices antropométricos na identificação da hipertensão arterial. Avaliar a capacidade preditiva dos pontos de corte recomendados para estes índices antropométricos na identificação da hipertensão arterial.

5 Delineamento do estudo Estudo da prevalência e do conhecimento da hipertensão arterial e alguns fatores de risco em uma região do Brasil Estudo da prevalência e do conhecimento da hipertensão arterial e alguns fatores de risco em uma região do Brasil Amostragem por conglomerados da população adulta da zona urbana do município de Goiânia. Amostragem por conglomerados da população adulta da zona urbana do município de Goiânia ( %) 1994 ( %) 1454 indivíduos (>18 anos) 1252 indivíduos (20-64 anos: 433 H e 819 M) (exclusões: 2 H e 13 M) 1237 indivíduos (431 H e 806 M) 1237 indivíduos (431 H e 806 M) AMOSTRA

6 Coleta dos dados junho a dezembro de 2001 Coleta dos dados junho a dezembro de 2001

7 Variável dependente Hipertensão arterial Hipertensão arterial Variáveis independentes IMC IMC Circunferência da cintura Circunferência da cintura Variáveis de controle Idade Idade Paridade Paridade Escolaridade Escolaridade Renda familiar per capita Renda familiar per capita Tabagismo Tabagismo Consumo de bebidas alcoólicas Consumo de bebidas alcoólicas Atividade física nos momentos de lazer Atividade física nos momentos de lazer

8 Análise Estatística correção pelo delineamento complexo da amostra análises em separado para homens e mulheres; distribuição de freqüência; regressão logística múltipla; curvas ROC para avaliar a capacidade da CC e do IMC em predizer o risco de HA; sensibilidade e especificidade do nível 2 da CC e do IMC 30 kg/m 2 na identificação da HA; foram determinados os pontos de corte da CC e do IMC com melhor capacidade preditiva do risco de HA. Aspectos Éticos

9 Figura 1 - Prevalência da hipertensão arterial segundo a classificação do IMC em homens e mulheres. Goiânia, 2001 % IMC

10 Figura 2 - Prevalência da hipertensão arterial segundo a classificação da CC em homens e mulheres. Goiânia, 2001 % CC

11 Tabela 1 – Odds ratio (OR) ajustado para HA segundo classificação do IMC e CC em homens e mulheres. Goiânia, 2001 Variáveis HOMENS HOMENS OR ajustado MULHERES IMC (kg/m 2 ) <25 < , , ,000,661,78P*=0,53- [0,33 ; 1,32] [0,89 ; 3,58] 1,002,514,67P*<0,01- [1,61 ; 3,90] [3,21 ; 6,78] CC (cm) <80 < ,002,001,87P*=0,02- [1,04 ; 3,87] [1,00 ; 3,62] 1,002,473,02P*<0,01- [1,39 ; 4,80] [1,87 ; 4,87] ajustado por idade, renda, escolaridade, tabagismo, álcool, atividade física no lazer e paridade (mulheres). * P de tendência.

12 Indicador NSensibilidadeEspecificidade CC Homens Mulheres IMC Homens Mulheres ,5 (7,8 - 18,2) 33,6 (28,0- 40,2) 15,6 (10,7- 22,1) 27,2 (21,8- 33,6) 92,8 (88,8 - 95,5) 86,2 (83,2 - 89,0) 92,7 (88,8- 95,5) 91,9 (89,4- 94,0) Tabela 2 – Sensibilidade e especificidade do nível 2 da CC e do IMC 30 kg/m2 para a detecção do risco de hipertensão, segundo sexo. Goiânia- GO, Brasil, 2001.

13 Indicadores antropométricos de obesidade Obesidade total: IMC 30kgm 2 Obesidade abdominal: CC nível 2: 88 cm (M) 102 cm (H) 102 cm (H) Apresentaram baixa capacidade em identificar os indivíduos com hipertensão arterial

14 IMC=24,6 kg/m 2 Figura 3 – Ponto de corte do IMC onde a S=E na predição do risco de HA em homens. Goiânia, 2001

15 IMC = 25kg/m 2 Figura 4 – Ponto de corte do IMC onde a S=E na predição do risco de HA em mulheres. Goiânia, 2001

16 Figura 5 – Ponto de corte da CC onde a S=E na predição do risco de HA em homens. Goiânia, 2001 CC=86 cm

17 CC= 80 cm Figura 6 – Ponto de corte da CC onde a S=E na predição do risco de HA em mulheres. Goiânia, 2001

18 Conclusões Para os homens, a obesidade abdominal apresentou maior impacto sobre a HA; Para os homens, a obesidade abdominal apresentou maior impacto sobre a HA; Para as mulheres, tanto a obesidade abdominal quanto a obesidade total associaram-se com a HA; Para as mulheres, tanto a obesidade abdominal quanto a obesidade total associaram-se com a HA; O nível 2 da CC e o IMC 30 kg/m 2 apresentaram baixa sensibilidade para detecção do risco de HA; O nível 2 da CC e o IMC 30 kg/m 2 apresentaram baixa sensibilidade para detecção do risco de HA; Para os homens, os pontos de corte mais adequados para a detecção da HA foram inferiores aos valores recomendados para o nível 1 da CC e para o sobrepeso; Para os homens, os pontos de corte mais adequados para a detecção da HA foram inferiores aos valores recomendados para o nível 1 da CC e para o sobrepeso; Para as mulheres, os pontos de corte atualmente recomendados para o nível 1 e para o sobrepeso foram os que apresentaram maior sensibilidade e especificidade. Para as mulheres, os pontos de corte atualmente recomendados para o nível 1 e para o sobrepeso foram os que apresentaram maior sensibilidade e especificidade.

19 Obrigada pela atenção!


Carregar ppt "UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS FACULDADE DE NUTRIÇÃO Circunferência da cintura e índice de massa corporal como preditores da hipertensão arterial Maria."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google