A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

A questão das mudanças nas organizações Prof. Dr. Arnaldo Nogueira Ciências Sociais II Poder e cultura nas organizações.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "A questão das mudanças nas organizações Prof. Dr. Arnaldo Nogueira Ciências Sociais II Poder e cultura nas organizações."— Transcrição da apresentação:

1 A questão das mudanças nas organizações Prof. Dr. Arnaldo Nogueira Ciências Sociais II Poder e cultura nas organizações

2 As mudanças sócio-históricas Ref. Mills, As transformações sócio- históricas. o tempo muda e nós mudamos com ele quanto mais o tempo muda, mais permanece o mesmo Contexto ocidental: Cronos – a expansão do tempo matematicamente divisível – Kairos – decisões fatais, momentos de clímax em contraste com a estabilidade

3 Sobre a mudança Pensadores – tratam do momento em que o homem enfrenta novas decisões e situações nas quais ocorre a bifurcação dos caminhos sem indicação dos meios e dos fins futuros. Para onde vai a humanidad? – em termos do espírito do mundo (Hegel), da vontade de poder do homem (Nietzche), dos instintos de vida e morte (Freud) ou das forças e relações produtivas (Marx)

4 Diagrama Indivíduo Organismo biológico e estrutura psíquica Percepções, emoções e impulsos Estrutura de caráter PESSOA SER TELEOLÓGICO = SER MOTIVADO DESEMPENHO DE PAPÉIS SOCIAIS Estrutura social - Instituições Política Econômica Religiosa Militar Familiar Estratificação social – ocupação e posição social Esferas simbólicas e objetivas (tecnologia e sistemas) Dinâmica = Mudança Transformações históricas Mudanças institucionais Liderança coletiva Tendências futuras Fonte: Elaborado pelo autor a partir de Gerth e Mills Caráter e estrutura social. Civilização Brasileira, 1973.

5 Seis questões Todo modelo de estrutura social compreende um modelo de mudança sócio-histórica A história consiste nas alterações sofridas pela estrutura social I O que muda? Que unidade deve ser observada na mudança? II Como esta unidade muda? Remete a psicologia e a ciências sociais

6 Cont. Pergunta II Psicologia – busca de mecanismos que permite à pessoa redefinir sua situação, perceber alternativas, escolher novas metas, descobrir novas necessidades, comunicar novas esperanças e temores em face de tarefas e obstáculos – aprender novas formas de ação com as mudanças

7 Cont. Pergunta II Ciências sociais – descobrir os mecanismos que permitem às novas atividades estabelecerem-se em ordens institucionais, ao lado de atividades e instituições existentes, deslocando algumas, forçando outras a um ajuste. Apropriação e difusão; invenção e imitação; integração e desintegração; expansão e contração; aculturação e desculturação; avanço e retrocesso; termos úteis para a análise social.

8 Cont. Pergunta III III Qual a direção da mudança? progresso e decadência; integração e desintegração; ascensão e queda. O que é novo e velho? Declínio de Roma e ascensão do feudalismo? Declínio do feudalismo e ascensão do capitalismo? Crise do capitalismo? Qual a direção da mudança?

9 Pergunta IV Qual é o ritmo da mudança? Movimentos lentos e velozes em diferentes setores da sociedade. Para as pessoas também há diferentes ritmos. Mudanças gradativas Reformas e revoluções Contra-revoluções Modernização conservadora

10 Pergunta V Por que tal mudança é possível? Indagar as causas necessárias e suficientes da mudança histórica.

11 Pergunta VI Como fatores objetivos e subjetivos se equilibram na mudança histórica – qual importância causal do indivíduo na história? Qual a função causal das idéias na história? Fator subjetivo – modelo de estrutura de caráter – crenças e valores Fator objetivo – modelo de estrutura social – atividades, instituições e ordens

12 O alcance da teoria As teorias da mudança sócio-histórica podem ser divididas em dois grupos I – Teorias do princípio monístico – todas as ordens institucionais se reduzem a uma só que é fator causal e determinante da mudança – ex. a ordem econômica II – Pluralismo dogmático e fundamentado – teorias nas ciências sociais que buscam causas possíveis das mudanças que podem ser alternadas e descontínuas e não acumulativas

13 A esfera tecnológica As tecnologias e as instituições – modernas teorias sobre a mudança acentuam o progresso tecnológico Níveis de especialização e mudança de atividades – a esfera tecnológica determina especializações necessárias para exercer as atividades A autonomia da tecnologia – exerce uma ação autônoma e causal na mudança / determinismo tecnológico ou determinação por outros fatores da mudança tecnológica

14 A mudança sócio-histórica Mudança social é tudo o que possa suceder no decorrer dos tempos às atividades, instituições e ordens que compõem uma estrutura social: seu aparecimento, crescimento e declínio Atividade, instituição e ordem Ordem: econômica (meios de produção e comunicação), militar (meios de destruição) e política (meios de administração)

15 Temas a serem discutidos A mudança do poder e das organizações As mudanças das organizações como relações sociais e de poder Pano de fundo: A transformação das organizações burocráticas em organizações flexíveis A cultura e a mudança cultural nas organizações, na sociedade e nas pessoas.

16 Ciências sociais Perspectiva crítica – K. Marx – as mudanças como contradição – entre relações sociais de produção e forças produtivas / estrutura e superestrutura / trabalho e capital Perspectiva de Weber – compreender as mudanças através da ação individual / da cultura e dos valores / Perspectiva de Durkheim – as mudanças impulsionadas pela integração e aperfeiçoamento das instituições


Carregar ppt "A questão das mudanças nas organizações Prof. Dr. Arnaldo Nogueira Ciências Sociais II Poder e cultura nas organizações."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google