A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

BASES FILOSÓFICAS DA EDUCAÇÃO. BASES FILOSÓFICAS E SOCIOLÓGICAS DA EDUCAÇÃO FORMAS DE CONHECIMENTO Conhecimento Filosófico = razão sabedoria Conhecimento.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "BASES FILOSÓFICAS DA EDUCAÇÃO. BASES FILOSÓFICAS E SOCIOLÓGICAS DA EDUCAÇÃO FORMAS DE CONHECIMENTO Conhecimento Filosófico = razão sabedoria Conhecimento."— Transcrição da apresentação:

1 BASES FILOSÓFICAS DA EDUCAÇÃO

2 BASES FILOSÓFICAS E SOCIOLÓGICAS DA EDUCAÇÃO FORMAS DE CONHECIMENTO Conhecimento Filosófico = razão sabedoria Conhecimento Científico = mensurável Conhecimento senso comum = vivência Conhecimento mítico = sobrenatural deuses Conhecimento religioso = exp. espiritual

3 BASES FILOSÓFICAS DA EDUCAÇÃO CONCEITOS BÁSICOS DE FILOSOFIA FILOSOFIA PENSAR VIVER AGIR CAPACIDADE DE PENSAR O PRÓ- PRIO PENSAMENTO ÉTICA ETHOS GUARIDA HOSP. INCON- DICIONAL PROTEÇÃO CIDADANIA CIVIL CIDADANIA SOCIAL CIDADANIA ECONÔMICA VIRTUDE HÁBITO MODO DE SER CARÁTER DEVER-SER PROCESSO DE HUMANIZAÇÃO

4 CONCEITO DE FILOSOFIA FILOSOFIA: Desenvolvimento da capacidade de pensar o próprio pensamento.

5 OBJETO DA FILOSOFIA FILOSOFIA: A existência humana, o sentido de vida. Toda investigação filosófica veicula uma determinada concepção do que seja existência humana e qual o seu sentido.

6 CONCEITO DE EDUCAÇÃO Processo de humanização vinculada a uma determinada cultura. Processo de desenvolvimento da capacidade física, intelectual e moral da criança e do ser humano em geral, visando à sua melhor integração individual e social.

7 A EDUCAÇÃO COMPREENDE Uma dimensão filosófica de mundo. Uma dimensão social. Uma dimensão política. Uma dimensão religiosa. Uma dimensão da ciência. Uma dimensão tecnológica, etc.

8 LIVRES OU DETERMINADOS? Determinismo biológico Determinismo cultural Como devemos entender o homem diante dessa discussão? Como entender a liberdade?

9 EDUCAÇÃO EDUCAÇÃOXESCOLARIDADE A pobreza é grande educadora... ensina, sobretudo desesperança. A política é grande educadora... ensina, sobretudo ceticismo. A televisão é grande educadora... ensina, sobretudo consumismo (Neil Postman).

10 FILOSOFIA É a própria sabedoria É uma atividade que nos ensina como devemos pensar, como devemos viver e como devemos agir. É o desenvolvimento da capacidade de pensar o próprio pensamento. É um instrumento de investigação e reflexão sobre as ciências.

11 OBJETO DA FILOSOFIA Tem como objeto o homem e sua existência. A algo bem diferente do objeto, da química, da física e da biologia. A existência humana é “objeto” de investigação. A filosofia investiga o SER, o sentido de vida. A educação visa transmitir determinada imagem de ser humano, um tipo bem concreto de existência. Debruçar-se sobre os princípios filosóficos é ver qual a imagem de ser humano veiculada, e, as suas consequências para a educação. A filosofia nos dará os conceitos de compreensão, por isso é um ótimo instrumento de reflexão.

12 CONCEPÇÕES FILOSÓFICAS DE EDUCAÇÃO PEDAGOGIA DA ESSÊNCIA: A essência é algo anterior a cada indivíduo. ë esse conjunto de virtualidades que precisa ser desenvolvido. PEDAGOGIA DA EXISTÊNCIA: Nega a essência humana como algo apriorístico. À medida que vou vivendo vou me definindo. PEDAGOGIA DIALÉTICA: O SER só é inteligível a partir de duas categorias: TOTALIDADE E HISTORICIDADE. Tudo tem a ver com tudo.

13 CONCEPÇÕES FILOSÓFICAS DE EDUCAÇÃO A historicidade é condição para conhecer qualquer ser. “Eu sou eu e minhas circunstâncias” (Ortega y Gasset). “O homem é aquilo que faz” (Hannah Arendt). A educação só terá sentido se colocar a totalidade da cultura no interior da escola como elevação do nível de consciência. Ethos = ninho, lugar a partir do qual vejo o mundo, cuja expressão objetiva deve ser o Estado. O que diferencia um povo é o seu ethos, sua cultura. O homem grego encontra seu valor na polis, o moderno no Estado. É lá que o indivíduo se encontra e se reconhece.

14 QUE HOMEM QUEREMOS PARA NOSSA SOCIEDADE? Qual filosofia de vida levaremos para o dia-a-dia: professores, alunos, cidadãos ou profissionais de biologia? Que fundamentos serão necessários para que nossa ação seja transformadora, emancipadora e conduza à autonomia?

15 QUE TIPO DE HOMEM QUEREMOS? “Falar da educação, de seus problemas e sua importância é falar do homem, de suas aflições, angústias, necessidades, realizações e esperanças. Seja qual for à tendência pedagógica que seguimos ou a escola filosófica que expressamos, sempre carregamos conosco uma determinada concepção de homem.

16 QUE TIPO DE HOMEM QUEREMOS? Daquilo que pensamos do homem, de como o queremos, de como o concebemos, vão determinar nossos procedimentos na educação. Se quisermos o homem livre lutaremos para isso, se concebermos o homem sem liberdade continuaremos com nossas formas massificadoras de fazer educação” (Arnaldo Nogaro).

17 DEVER DA FILOSOFIA À filosofia cabe pensar os problemas colocados por seu tempo. Filosofar é dirigir um outro olhar sobre as coisas, sobre a realidade, a vida; é tentar conhecer através das aparências o que transcende tais aparências;

18 DEVER DA FILOSOFIA Filosofar é exercitar e tomar consciência sobre si mesmo diante da realidade social e histórica que nos envolve. Filosofar é aceitar, reconhecer de pronto que vida é um paradoxo, um enigma, um sinal a ser interpretado, um processo sem sujeito nem fim predeterminado” (Newton Aquiles von Zubem).

19 PRINCIPAIS PROBLEMAS DO NOSSO TEMPO Corrupção Saúde Educação Direitos humanos Fome e Miséria Meio ambiente Individualismo, etc.

20 COMO PENSAR OS PROBLEMAS DO NOSSO TEMPO? A reflexão deve ser crítica no sentido de que não vai pensar dogmaticamente o que deve ser a educação, mas vai, pouco a pouco, refleti-la a partir dos problemas que já existem na ação. O papel da reflexão é de constante revisão, levando em conta a origem mais profunda e as consequências mais longínquas das atividades dos docentes e educadores.

21 COMO PENSAR OS PROBLEMAS DO NOSSO TEMPO? A reflexão é uma qualidade necessária ao pedagogo e ao professor, sobretudo, quando adota uma atitude de busca sempre mais rigorosa, de pesquisa de avaliação, de aperfeiçoamento permanente. É um esforço de autocrítica, das dúvidas e das falsas justificações e representações.

22 COMO PENSAR OS PROBLEMAS DO NOSSO TEMPO? A reflexão é ao mesmo tempo crítica, dialética e inovadora. Todo educador está imbuído de princípios e idéias norteadoras de sua ação. É preciso fazer uma análise de nossa práxis, seja consciente ou inconsciente. Alimentamos, agimos e praticamos ideologias, em determinados momentos, sem nem saber o que fazemos ou simplesmente desconhecemos sua origem.


Carregar ppt "BASES FILOSÓFICAS DA EDUCAÇÃO. BASES FILOSÓFICAS E SOCIOLÓGICAS DA EDUCAÇÃO FORMAS DE CONHECIMENTO Conhecimento Filosófico = razão sabedoria Conhecimento."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google