A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Esporte e Lazer da Cidade de Tangará da Serra: uma análise da percepção de adolescentes a partir dos diferenciais de raça/cor e gênero.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Esporte e Lazer da Cidade de Tangará da Serra: uma análise da percepção de adolescentes a partir dos diferenciais de raça/cor e gênero."— Transcrição da apresentação:

1 Esporte e Lazer da Cidade de Tangará da Serra: uma análise da percepção de adolescentes a partir dos diferenciais de raça/cor e gênero.

2 O objetivo principal é verificar a percepção de adolescentes sobre o Projeto Esporte e Lazer da Cidade de Tangará da Serra - MT

3 Compreender a dinâmica da participação dos adolescentes nas atividades esportiva. - Estudar as expressões corporais dos adolescentes no decorrer das aulas - Realizar uma contraposição entre o objetivo institucional e o objetivo dos que buscam a participação no projeto (os adolescentes). -Apresentar uma análise diferencial entre as expectativas dos adolescentes negros, brancos, meninas e meninos.

4 Um processo pelo qual mantém-se a presença do observador numa situação social com a finalidade de realizar uma investigação científica. O observador está em relação face-a-face com os observados e, ao participar da vida deles no seu cenário natural, colhe dados (op. cit. p.89). A observação participante. Becker (1999), Cicourel (1975)

5 (HERMANNS, apud GASKELL e BAUER, 2002 p.129). A técnica de entrevista narrativa, apresenta a possilidade de retomar delhates importantes no decorrer da entrevista., apresenta a possibilidade de retomar detalhates importantes no decorrer da entrevista.

6 Bourdieu (2004), que indica que a busca por estratégias para lidar com os campos de forças nos espaços sociais, ocorre de acordo com as regras inscritas no lugar social. No caso do adolescente negro este cria expectativas de acordo com a internalização das regras. Portanto, os campos de escolhas não são determinados nem pela estrutura objetiva, nem pela estrutura subjetiva, mas sim pela percepção das limitações e possibilidades. E, é essa percepção que se pretende discutir nesta pesquisa. Ou seja, até onde vai as expectativas e o poder de jogar contrariando as regras sociais?

7 OBJETIVO ESPECÍFICO Nº 1- COMPREENDER A DINÂMICA DA PARTICIPAÇÃO DOS ADOLESCENTES NAS ATIVIDADES ESPORTIVAS. - Observação dos espaços sociais objetivos: psicina, campo de futebol, quadra poliesportiva. - Categorização dos adolescentes por atividades e horários - Divisão do trabalho de pesquisa entre a equipe. - Observação e anotação sobre a participação dos adolescentes nas atividades. - Definição dos melhores ângulos para as filmagens.

8 Objetivo específico: nº 2- Estudar as expressões corporais dos adolescentes no decorrer das aulas -Filmar as práticas corporais dos adolescentes. -Organizar as imagens de acordo com as práticas corporais - No futebol - Na natação - Na capoeira - No Handebol

9 ORGANIZAR AS IMAGENS DE ACORDO COM OS COMPORTAMENTOS -- De lúdicidade/brincadeira - De alegria - De raiva - De tristeza - De garra/vontade -Analisar os dados da imagens por categorias meninas/meninos -Categorizar práticas corporais de meninas e meninas e suas expressões corporais no decorrer das atividades.

10 OBJETIVO ESPECÍFICO Nº 3- REALIZAR UMA CONTRAPOSIÇÃO ENTRE O OBJETIVO INSTITUCIONAL E O OBJETIVO DOS QUE BUSCAM A PARTICIPAÇÃO NO PROJETO (OS ADOLESCENTES). - Estudar o projeto do Ministério do Esporte em sua versão de implantação, fazendo uma análise do processo. - Destacar os objetivos do projeto Esporte e Lazer da Cidade de Tangará da Serra - Realizar entrevista narrativa para entender os objetivos dos adolescentes. - Fazer um estudo e analisar as diferenças entre os objetivos do projeto institucional e os objetivos dos adolescentes. - - Constatar as dissonancias e consonancias dos objetivos dos que buscam e dos objetivos do projeto.

11 OBJETIVO ESPECÍFICO Nº 4- APRESENTAR UMA ANÁLISE DIFERENCIAL ENTRE AS EXPECTATIVAS DOS ADOLESCENTES NEGROS, BRANCOS, MENINAS E MENINOS. - Identificar os atores sociais para entrevista narrativa - Realizar as entrevistas. - Categorizar as expectativas - Analisar as expectativas de acordo com as categorias, adolescentes negros, brancos, meninas e meninos. - À luz de teóricos analisar e entender o porquê de determinadas expectativas.

12 Sistematizar os dados de acordo com os objetivos específicos buscando estudar a percepção. Para alcançar este objetivo geral faz-se uma ligação entre as declarações espontâneas, expressões Corporais como gestos lúdicos, formas de simbolização, ação espontânea no decorrer das atividades e as histórias narradas pelos adolescentes.

13 BECKER, Howard S. Métodos de pesquisa em Ciências Sociais. São Paulo: Editora Hucitec, BOURDIEU, Pierre. A economia das trocas simbólicas. São Paulo: Editora Perspectiva. 5ª edição: ______________ A miséria do mundo. et. al. Petrópolis, RJ : editora Vozes, BRACHT, Valter. Educação Física e aprendizagem social. Porto Alegre: Editora Magister, BRASIL, estatuto do menor e do adolescente Lei Federal 8.069/89 Brasília, DF. Secretaria Especial de Direitos Humanos. CAVALLEIRO, Eliane dos Santos. Do silencio do lar ao silencio escolar: racismo, preconceito e discriminação na educação infantil. São Paulo; Contexto, CESAR, Maria Rita. A invenção da adolescência no discurso psicopedagógico. Tese de Mestrado Unicamp Mimeo. COSTA, Antonio Carlos Gomes da. Pedagogia da presença introdução ao trabalho sócio-educativo junto ao adolescentes em dificuldade. Modus Facondi Publicações LTDA. Porto Alegre. Julho FERREIRA, Ricardo Franklin. Afro-descendente: identidade em construção. São Paulo: EDUC; Rio de Janeiro: Pallas,2000. FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia saberes necessário à pratica educativa. São Paulo. Paz e Terra,


Carregar ppt "Esporte e Lazer da Cidade de Tangará da Serra: uma análise da percepção de adolescentes a partir dos diferenciais de raça/cor e gênero."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google