A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

06 de Julho de 2012. ÍNDICE GERAL Visão Global Mercado Brasileiro Tendência e Evolução 1.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "06 de Julho de 2012. ÍNDICE GERAL Visão Global Mercado Brasileiro Tendência e Evolução 1."— Transcrição da apresentação:

1 06 de Julho de 2012

2 ÍNDICE GERAL Visão Global Mercado Brasileiro Tendência e Evolução 1

3 VISÃO GLOBAL 2 MOVIMENTAÇÃO DE PESSOAS E DE MERCADORIAS EXIGE OPERAÇÕES LOGÍSTICAS OPERAÇÕES LOGÍSTICAS

4 3 Impulsiona investimentos para aumentar e melhorar a infra estrutura logística Impulsiona investimentos para aumentar e melhorar a infra estrutura logística VISÃO GLOBAL Que, por sua vez

5 VISÃO GLOBAL 4 Esses Investimentos Portos, Terminais Marítimos, Estradas, Ferrovias, Telecomunicações, TI e Aperfeiçoamento da Legislação Esses Investimentos Portos, Terminais Marítimos, Estradas, Ferrovias, Telecomunicações, TI e Aperfeiçoamento da Legislação Proporcionam melhores condições para essas movimentações E, PORTANTO, SÃO CRIADAS AS BASES PARA OPERAÇÕES LOGÍSTICAS

6 VISÃO GLOBAL 5 Produção Global; Competição em escala mundial; Crescimento do comércio eletrônico; Emergência de novos mercados. Aumento e Melhoria das estruturas operacionais, auxiliam e facilitam o comércio doméstico e internacional

7 VISÃO GLOBAL 6 GLOBALIZAÇÃO ACIRRA COMPETIÇÃO ENTRE PAÍSES E EMPRESAS POR TODO O MUNDO

8 7 COLOCA-SE A LOGÍSTICA NO TOPO DAS DISCUSSÕES GOVERNAMENTAIS E EMPRESARIAIS EXIGINDO MAIOR EFICIÊNCIA E MENORES CUSTOS DAS OPERAÇÕES LOGÍSTICAS EXIGINDO MAIOR EFICIÊNCIA E MENORES CUSTOS DAS OPERAÇÕES LOGÍSTICAS VISÃO GLOBAL

9 8 ? ? ? ? ? ? Simultaneamente surge a pergunta: como diferenciar meu produto? Simultaneamente surge a pergunta: como diferenciar meu produto? Se cada vez mais os produtos são iguais e contam com qualidade, tecnologia, preços, publicidade e marketing similares! VISÃO GLOBAL

10 9 Também através da Logística: Produto disponível no momento, no local e na quantidade certas! Também através da Logística: Produto disponível no momento, no local e na quantidade certas! VISÃO GLOBAL

11 10 Aumenta força de marketing (alcança novos mercados); Agrega valor à empresa e ao produto; Diferencia produto no mercado; Gera satisfação e baixa preço ao consumidor; Aumenta eficiência e produtividade operacionais; Integra as atividades entre clientes e fornecedores (supply chain). Aqui, a logística se torna palavra-chave no desenvolvimento e no sucesso econômico, pois: VISÃO GLOBAL

12 11 Logística: prioridade econômica e empresarial Portanto, três forças tem atuado ao mesmo tempo à favor da Logística: Maiores volumes e maiores distâncias Esforços para melhorias na infra estrutura logística Convicção de que a logística é uma das chaves dos sucessos econômico e empresarial

13 Em um PIB mundial estimado em US$ 63 trilhões, calcula-se que são gastos 11,11 % em logística! (US$ 7 trilhões) 12 Fonte: Armstrong & Associates – May, VISÃO GLOBAL Dos quais, terceirizam-se 7,9%, cerca de US$ 551 milhões (mínimo de 3,7% e máximo de 14,2%) Dos quais, terceirizam-se 7,9%, cerca de US$ 551 milhões (mínimo de 3,7% e máximo de 14,2%)

14 ÍNDICE GERAL 13 Visão Global Mercado Brasileiro Tendência e Evolução

15 14 MERCADO BRASILEIRO Incorporação de novos mercados Aumento do poder aquisitivo da população Crescimento da classe média Incorporação de novos mercados Aumento do poder aquisitivo da população Crescimento da classe média Logística cria vantagem competitiva para produtos e empresas Logística é necessária para o crescimento e desenvolvimento econômicos Logística cria vantagem competitiva para produtos e empresas Logística é necessária para o crescimento e desenvolvimento econômicos Criação das Agências Reguladoras PAC1, PAC2 e PNLT Programas de privatização e parcerias público-privada Criação das Agências Reguladoras PAC1, PAC2 e PNLT Programas de privatização e parcerias público-privada Essas três forças também atuaram no Brasil: Maiores volumes e distâncias; Esforços para melhorias na infra estrutura logística; Convicção de que a logística é uma das chaves dos sucessos econômico e empresarial. Essas três forças também atuaram no Brasil: Maiores volumes e distâncias; Esforços para melhorias na infra estrutura logística; Convicção de que a logística é uma das chaves dos sucessos econômico e empresarial.

16 15 MERCADO BRASILEIRO 6ª economia do mundo (PIB de US$ 2,5 trilhões em 2011); 4% de crescimento ao ano, últimos 7 anos (percapita: 2,9% aa); 7º produtor mundial de automóveis (3,4 milhões de unidades); 9º produtor mundial de aço bruto (35,2 milhões de toneladas); Participação no comércio exterior mundial era de 0,993% em 2007 e passa para 1,318% em 2011 (US$ 482 bilhões, sendo Exportação de US$ 256 bilhões e Importação de US$ 226 bilhões) ; 15% de aumento na Taxa de Investimentos (FBCF/PIB) em 11 anos (de 16,8% para 19,3%). Fontes: BC do Brasil, Min. Ind. E Com. e IBGE

17 16 MERCADO BRASILEIRO Fontes: Ministério de Desenvolvimento Social e Combate à Fome do Brasil e IBGE A e B 14% C 36% D e E 50% Participação das classes brasileiras no total da população (2005 e 2011) A e B 22% C 54% D e E 24%

18 17 MERCADO BRASILEIRO Fontes: Ministério de Desenvolvimento Social e Combate à Fome do Brasil e IBGE Crescimento de 41% em 6 anos TOTAIS PAGOS EM SALÁRIOS Em R$ bilhões

19 GASTOS LOGÍSTICOS (US$ 170,2 bilhões em 2010), representam 10,6% do PIB 18 MERCADO BRASILEIRO Fontes: Pesquisa ILOS Dos quais, terceirizam-se entre 8% a 9%

20 Logística e terceirização fazem parte das empresas e custo logístico já é 8,5% da receita líquida das mesmas; 19 MERCADO BRASILEIRO Fontes: Pesquisa ILOS 7,4% 8,3% 8,5%

21 20 MERCADO BRASILEIRO DESAFIOS NACIONAIS Evolução, repercussão e dimensão da crise econômica mundial; Manutenção do crescimento e da estabilidade econômicas; Realização dos Investimentos em Infra Estrutura Logística, via PAC e PNLT (Infraestrutura logística deficiente dificulta competitividade brasileira); Manutenção dos investimentos relativos à Copa do Mundo de 2014, às Olimpíadas de 2016 e ao Pré-Sal.

22 21 MERCADO BRASILEIRO DESAFIOS EMPRESARIAIS Cadeias de abastecimento mais complexas e globais; Disponibilidade de mão de obra treinada e profissionalizada; Vulnerabilidade a ataques terroristas e criminosos comuns; Adoção de práticas de proteção ao meio ambiente e à sustentabilidade; Aumento de custos operacionais e de energia (restrições para movimentações urbanas e petróleo).

23 ÍNDICE GERAL Visão Global Mercado Brasileiro Tendência e Evolução 22

24 Crescimento na movimentação de pessoas e de mercadorias e o uso intensivo das operações logísticas TENDÊNCIA E EVOLUÇÃO 23 Ressaltam problemas antigos e criam outros Pois, linhas mais longas exigirão mais equipamentos de transporte, mais portos, aeroportos e transporte internacional, melhoria do sistema de monitoramento e de gerenciamento de riscos, e criarão maior complexidade (operacional e documental). Pois, linhas mais longas exigirão mais equipamentos de transporte, mais portos, aeroportos e transporte internacional, melhoria do sistema de monitoramento e de gerenciamento de riscos, e criarão maior complexidade (operacional e documental). Prof. Ronald Ballou (Weatherhead School - USA): OS 4 Ds Distância, Demanda, Diversidade e Documentação.

25 24 TENDÊNCIA E EVOLUÇÃO CRESCEM GASTOS LOGÍSTICOS E MAIS OPERAÇÕES SÃO TERCEIRIZADAS EM TODO O MUNDO: Fontes: ILOS, Armstrong, Michigan University

26 25 TENDÊNCIA E EVOLUÇÃO PRINCIPALMENTE POR CAUSA DO: Fontes: ILOS, Armstrong, Michigan University

27 26 TENDÊNCIA E EVOLUÇÃO Em resumo: 1)Logística representa vantagens competitiva e estratégica; 2)Relação das empresas com seus parceiros logísticos é fator de sucesso; 3)Setores que mais terceirizam: automotivo, químico, alta tecnologia, eletrônicos, saúde, higiene pessoal e cosmético; 4)Buscam a terceirização de atividades mais complexas e com relação empresarial mais estratégica; 5)Percebe-se que os serviços logísticos não são operações de commodities

28 27 TENDÊNCIA E EVOLUÇÃO Maior complexidade das operações e do escopo da terceirização Maior o nível de controle do Operador Logístico Serviços Avançados Logística de Ponta Valor Agregado Serviços Básicos Tempo Gerenciador Líder de Logística ou Integrador da Cadeia (4PL) Provedor Líder de Logística (LLP) Operador Logístico Provedor de Serviços Logísticos Fontes: Georgia Institute of Technology, Ernst & Young and Veloce ESTRATÉGICO OPERACIONAL

29 Paulo Roberto Guedes (11) São Paulo - BRASIL


Carregar ppt "06 de Julho de 2012. ÍNDICE GERAL Visão Global Mercado Brasileiro Tendência e Evolução 1."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google