A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Resumo Arte Conceitual (Conceptual Art) Conceito da Arte (Concept art) Arte Conceitual (Conceptual Art) Conceito da Arte (Concept art). Movimento artístico.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Resumo Arte Conceitual (Conceptual Art) Conceito da Arte (Concept art) Arte Conceitual (Conceptual Art) Conceito da Arte (Concept art). Movimento artístico."— Transcrição da apresentação:

1 Resumo Arte Conceitual (Conceptual Art) Conceito da Arte (Concept art) Arte Conceitual (Conceptual Art) Conceito da Arte (Concept art). Movimento artístico moderno ou contemporâneo que teve o seu início em meados da década de 1960 e defende a superioridade das idéias veiculadas pela obra de arte, deixando os meios usados para a criar em lugar secundário.. Movimento artístico moderno ou contemporâneo que teve o seu início em meados da década de 1960 e defende a superioridade das idéias veiculadas pela obra de arte, deixando os meios usados para a criar em lugar secundário.. Forma de ilustração onde o principal objetivo é transmitir uma representação visual de uma concepção da idéia e/ou de humor para uso em filmes, vídeo games ou histórias em quadrinhos antes que seja posto realizado o produto final.. Forma de ilustração onde o principal objetivo é transmitir uma representação visual de uma concepção da idéia e/ou de humor para uso em filmes, vídeo games ou histórias em quadrinhos antes que seja posto realizado o produto final.. Conceito da Arte é também referido comoDesenvolvimento Visual (Visual Development).. Conceito da Arte é também referido comoDesenvolvimento Visual (Visual Development).

2 Resumo Teoria das Cores Teoria das Cores. As cores que percebemos são produzidas pela existência da luz.. As cores que percebemos são produzidas pela existência da luz.. Devido às suas qualidades intrínsecas, a cor tem a capacidade de captar rapidamente - e sob um domínio emotivo - a atenção do espectador.. Devido às suas qualidades intrínsecas, a cor tem a capacidade de captar rapidamente - e sob um domínio emotivo - a atenção do espectador.. A cor exerce ação tríplice: a de impressionar, a de expressar e a de construir. A cor é vista: impressiona a retina. É sentida: provoca emoção. É construtiva, pois tendo um significado próprio, possui valor de símbolo, podendo assim, construir uma linguagem que comunique uma idéia.. A cor exerce ação tríplice: a de impressionar, a de expressar e a de construir. A cor é vista: impressiona a retina. É sentida: provoca emoção. É construtiva, pois tendo um significado próprio, possui valor de símbolo, podendo assim, construir uma linguagem que comunique uma idéia.

3 Resumo Roteiro de Cores (Color Key) Roteiro de Cores (Color Key) Um roteiro de cores (Color Key) influencía a iluminação do filme traçando um esboço das cores, disposições e períodos do dia. Um roteiro de cores (Color Key) influencía a iluminação do filme traçando um esboço das cores, disposições e períodos do dia.

4 Designer de personagem (Character Designer) Um designer de personagem é um desenhista tradicional que cria desenhos originais de personagens para mídias visuais. Um designer de personagem é um desenhista tradicional que cria desenhos originais de personagens para mídias visuais. A contraparte de um designer de personagem em um filme live action seria o diretor de elenco. A contraparte de um designer de personagem em um filme live action seria o diretor de elenco.

5 Designer de personagem (Character Designer) Como designer de personagem, poderá desenhar em uma de duas maneiras: Como designer de personagem, poderá desenhar em uma de duas maneiras:. Designer de Criação (Blue Sky Designer) que cria muitas variações de um único personagem com pouca orientação a respeito de como ele será no final. A questão é aprender qualquer coisa que ajudará o personagem a transmitir uma sensação de realidade e reforçar os traços da sua personalidade. Tendem a ter estilos distintos e uma dificuldade de trabalhar com outros, não estão preocupados necessariamente com a consistência, e encontram geralmente dificuldade de fazer duas vezes um personagem da mesma maneira.. Designer de Criação (Blue Sky Designer) que cria muitas variações de um único personagem com pouca orientação a respeito de como ele será no final. A questão é aprender qualquer coisa que ajudará o personagem a transmitir uma sensação de realidade e reforçar os traços da sua personalidade. Tendem a ter estilos distintos e uma dificuldade de trabalhar com outros, não estão preocupados necessariamente com a consistência, e encontram geralmente dificuldade de fazer duas vezes um personagem da mesma maneira.

6 Designer de personagem (Character Designer). Aperfeiçoador de Personagem (Character Polishers) usualmente trabalham com os esboços que o disigner de criação realizou, ou eles redefinem um personagem existente. Ele não tem um estilo definido mas orgulha-se da sua habilidade de copiar outros estilos e ter a capacidade de fazer um personagem parecer seu.. Aperfeiçoador de Personagem (Character Polishers) usualmente trabalham com os esboços que o disigner de criação realizou, ou eles redefinem um personagem existente. Ele não tem um estilo definido mas orgulha-se da sua habilidade de copiar outros estilos e ter a capacidade de fazer um personagem parecer seu. Estes artistas são bons em reforçar um desenho existente, em criar linhas gráficas consistentes para o personagem e em pegar um personagem e trazê-lo à vida com poses e expressões. Provavelmente, o diretor de um projeto gostará de parte de três ou quatro desenhos que um designer de criação realiza. Estes artistas são bons em reforçar um desenho existente, em criar linhas gráficas consistentes para o personagem e em pegar um personagem e trazê-lo à vida com poses e expressões. Provavelmente, o diretor de um projeto gostará de parte de três ou quatro desenhos que um designer de criação realiza.

7 Designer de personagem (Character Designer) O diretor pedirá então para um aperfeiçoador refinar o trabalho unindo tudo em um personagem coesivo. Um aperfeiçoador cria expressões adicionais e poses novas para o personagem, chamadas de model sheets. O diretor pedirá então para um aperfeiçoador refinar o trabalho unindo tudo em um personagem coesivo. Um aperfeiçoador cria expressões adicionais e poses novas para o personagem, chamadas de model sheets.

8 Designer de personagem (Character Designer) Antes de desenhar, existem algumas questões que devem ser respondidas: Antes de desenhar, existem algumas questões que devem ser respondidas:. Qual é o papel do personagem no filme?. Qual é o papel do personagem no filme?. Qual é a personalidade do personagem?. Qual é a personalidade do personagem?. Existem momentos no roteiro que afetam o design do personagem?. Existem momentos no roteiro que afetam o design do personagem?

9 Tipos de Personagem (Character Hierarchy) ICÔNICO ICÔNICO Extremamente simples, quase gráfico. Muito estilizado mas não muito expressivo. Geralmente os olhos são esferas, sem pupilas de nenhum tipo. Extremamente simples, quase gráfico. Muito estilizado mas não muito expressivo. Geralmente os olhos são esferas, sem pupilas de nenhum tipo.

10 Tipos de Personagem (Character Hierarchy)

11

12 SIMPLES SIMPLES Geralmente muito estilizado, contudo são mais expressivo nas caraterísticas faciais do que os personagens icônicos. Este estilo é freqüentemente usado nas séries de animação para a televisão e para a internet. Geralmente muito estilizado, contudo são mais expressivo nas caraterísticas faciais do que os personagens icônicos. Este estilo é freqüentemente usado nas séries de animação para a televisão e para a internet.

13 Tipos de Personagem (Character Hierarchy)

14

15 LARGO LARGO Muito mais expressivo do que os primeiros dois estilos; não são pensados para a atuação sutíl mas para tomadas largas (cartoon takes). Personagens deste tipo geralmente têm os olhos e as bocas grandes por causa das expressões extremas necessárias para o humor. Muito mais expressivo do que os primeiros dois estilos; não são pensados para a atuação sutíl mas para tomadas largas (cartoon takes). Personagens deste tipo geralmente têm os olhos e as bocas grandes por causa das expressões extremas necessárias para o humor.

16 Tipos de Personagem (Character Hierarchy)

17

18

19 Personagem Cômico Personagem Cômico Não transporta o humor visual largo do tipo anterior mas pode conseguir seu humor com a sua atuação e o diálogo. A anatomia facial é menos larga também. Não transporta o humor visual largo do tipo anterior mas pode conseguir seu humor com a sua atuação e o diálogo. A anatomia facial é menos larga também. A maioria dos ajudantes da Disney estão neste nível de design. Eles precisam fazer graça, mas precisarão atuar de maneira sútil em algum ponto do filme. A maioria dos ajudantes da Disney estão neste nível de design. Eles precisam fazer graça, mas precisarão atuar de maneira sútil em algum ponto do filme.

20 Tipos de Personagem (Character Hierarchy)

21

22 Protagonista Protagonista Tem um estilo muito realístico em suas expressões faciais, na sua atuação e na anatomia. Tem um estilo muito realístico em suas expressões faciais, na sua atuação e na anatomia. O público precisa se conectar com estes personagens, dessa forma eles devem ser capazes de emocionar como nós fazemos. Para conseguir isto, precisam ter proporções mais realísticas e rostos expressivos. O público precisa se conectar com estes personagens, dessa forma eles devem ser capazes de emocionar como nós fazemos. Para conseguir isto, precisam ter proporções mais realísticas e rostos expressivos.

23 Tipos de Personagem (Character Hierarchy)

24

25 Realista Realista O nível o mais elevado na escala do realismo, muito próximo do hiper- realismo mas ainda com alguma caricatura no design. Os monstro de filmes com fortes efeitos especiais, personagens de história em quadrinhos e os personagens animados dos filmes realizados em computação gráfica caem neste tipo. O nível o mais elevado na escala do realismo, muito próximo do hiper- realismo mas ainda com alguma caricatura no design. Os monstro de filmes com fortes efeitos especiais, personagens de história em quadrinhos e os personagens animados dos filmes realizados em computação gráfica caem neste tipo.

26 Tipos de Personagem (Character Hierarchy)

27

28 Forma, tamanho e variação Forma A cabeça é um círculo ou um quadrado? A forma falará sobre a personalidade do personagem mesmo antes dele expressar uma palavra. Também, saber dividir o seu personagem em formas básicas é chave para recriar o mesmo desing em ângulos e poses diferentes. A cabeça é um círculo ou um quadrado? A forma falará sobre a personalidade do personagem mesmo antes dele expressar uma palavra. Também, saber dividir o seu personagem em formas básicas é chave para recriar o mesmo desing em ângulos e poses diferentes.

29 Forma, tamanho e variação Forma Formas simples criam personagens simples.

30 Forma, tamanho e variação Forma Quando você começa a pensar nos seus personagens, é sempre bom fazer perguntas como: Quantos anos eles têm? Onde viveram ou onde vivem agora? São gênios ou abobalhados? Heróis ou cômicos? Quando você começa a pensar nos seus personagens, é sempre bom fazer perguntas como: Quantos anos eles têm? Onde viveram ou onde vivem agora? São gênios ou abobalhados? Heróis ou cômicos? As formas básicas dar-lhe-ão as sugestões visuais que você precisa para descrever seus personagens. Elas se tornam a fundação para os traços da personalidade do personagem e todo o seu comportamento. As formas básicas dar-lhe-ão as sugestões visuais que você precisa para descrever seus personagens. Elas se tornam a fundação para os traços da personalidade do personagem e todo o seu comportamento.

31 Forma, tamanho e variação Circulos Evoca charme, bons personagens e são usados tipicamente para sugerir tipos bonitos, ternos, amigáveis. Como exemplos temos Papai Noel, ou um afetuoso animalzinho peludo. As mulheres atraentes são desenhadas freqüentemente com muitas curvas e círculos, e os desenhos de bebês são geralmente exagerados nas formas circulares como suas sugestões visuais. Evoca charme, bons personagens e são usados tipicamente para sugerir tipos bonitos, ternos, amigáveis. Como exemplos temos Papai Noel, ou um afetuoso animalzinho peludo. As mulheres atraentes são desenhadas freqüentemente com muitas curvas e círculos, e os desenhos de bebês são geralmente exagerados nas formas circulares como suas sugestões visuais.

32 Forma, tamanho e variação Quadrado Descreve geralmente os personagens que são fechados ou pesados. O design dos super-heróis são desenhados frequentemente em formas quadradas. Descreve geralmente os personagens que são fechados ou pesados. O design dos super-heróis são desenhados frequentemente em formas quadradas.

33 Forma, tamanho e variação Triangular Usado facilmente para caracterizar tipos mais sinistros e mais suspeitos. Formas triangulares representam geralmente o cara mau ou o bandido em quando se desenvolve o design de personagem. Usado facilmente para caracterizar tipos mais sinistros e mais suspeitos. Formas triangulares representam geralmente o cara mau ou o bandido em quando se desenvolve o design de personagem.

34 Forma, tamanho e variação Tamanho Utilizar diversos tamanhos de formas tornam o design do personagem mais interessante e com maior apelo visual. Utilizar diversos tamanhos de formas tornam o design do personagem mais interessante e com maior apelo visual.

35 Forma, tamanho e variação Variação A variação se refere ao espaçamento e variedade dos tamanhos e das formas no projeto. Criar mais variedade no projeto dá vitalidade e impulso que transforma um bom projeto em um grande! A variação se refere ao espaçamento e variedade dos tamanhos e das formas no projeto. Criar mais variedade no projeto dá vitalidade e impulso que transforma um bom projeto em um grande!

36 Forma, tamanho e variação Variação O contraste na linha pode aplicar-se às diferenças na espessura das linhas assim como diferenças no seu comprimento. Em ambos os casos, o contraste da espessura e o do comprimento nas linhas que você desenha raelçam a tensão e o interesse visual a seu desenho. O contraste na linha pode aplicar-se às diferenças na espessura das linhas assim como diferenças no seu comprimento. Em ambos os casos, o contraste da espessura e o do comprimento nas linhas que você desenha raelçam a tensão e o interesse visual a seu desenho. Do mesmo modo, colocar as linhas em ângulos uma com as outras cria tensão e é uma outra maneira de produzir o contraste. Do mesmo modo, colocar as linhas em ângulos uma com as outras cria tensão e é uma outra maneira de produzir o contraste.

37 Forma, tamanho e variação Variação

38 Variação As linhas retas justapostas às curvas podem fazer um desenho mais atraente. Pôr uma linha curva oposta a uma linha reta você produz dinamismo e evita as linhas paralelas, que criam uma percepção estática. As linhas retas justapostas às curvas podem fazer um desenho mais atraente. Pôr uma linha curva oposta a uma linha reta você produz dinamismo e evita as linhas paralelas, que criam uma percepção estática. Usando este princípio é possível dar uma expressão mais natural ao personagem e você evita as formas arredondadas que resultam quando as linhas curvas saem de outras linhas curvas. Usando este princípio é possível dar uma expressão mais natural ao personagem e você evita as formas arredondadas que resultam quando as linhas curvas saem de outras linhas curvas.

39 Forma, tamanho e variação Variação

40 Variação

41 Variação

42 Variação Formas recorrentes no âmbito da concepção podem ajudar a criar um tema. Os diferentes tamanhos das linhas recorrentes acrescentam variedade, tal como a presença de outras formas diferentes entre aqueles que se repetem. Formas recorrentes no âmbito da concepção podem ajudar a criar um tema. Os diferentes tamanhos das linhas recorrentes acrescentam variedade, tal como a presença de outras formas diferentes entre aqueles que se repetem.

43 Forma, tamanho e variação Variação O espaço negativo - os espaços ou as áreas entre as formas que você está criando, ajudarão a definir visualmente o seu personagem. Também, a variedade de formas negativas e sua interação umas com as outras, bem como com as formas positivas (áreas brancas), fazem silhuetas mais acentuadas e interessantes. O espaço negativo - os espaços ou as áreas entre as formas que você está criando, ajudarão a definir visualmente o seu personagem. Também, a variedade de formas negativas e sua interação umas com as outras, bem como com as formas positivas (áreas brancas), fazem silhuetas mais acentuadas e interessantes.

44 Forma, tamanho e variação Variação

45 Carta de construção do personagem (Model Sheets) Model sheets são páginas simples que mostram um personagem em várias poses, com diferentes expressões e visto de vários ângulos. Model sheets são páginas simples que mostram um personagem em várias poses, com diferentes expressões e visto de vários ângulos. Do mesmo modo uma turnaround sheet mostra o personagem em uma única pose através de diferentes vistas, assim o artista sabe de que forma ele(a) e sua roupa funcionam em todos os ângulos. Do mesmo modo uma turnaround sheet mostra o personagem em uma única pose através de diferentes vistas, assim o artista sabe de que forma ele(a) e sua roupa funcionam em todos os ângulos. Uma expressions sheet mostra como o rosto do personagem muda em cada alteração de emoção ou humor. Uma expressions sheet mostra como o rosto do personagem muda em cada alteração de emoção ou humor.

46 Carta de construção do personagem (Model Sheets)

47

48

49

50

51

52

53

54

55

56 Roupas

57 Roupas

58 Paleta de cores (Color Models)

59

60

61

62


Carregar ppt "Resumo Arte Conceitual (Conceptual Art) Conceito da Arte (Concept art) Arte Conceitual (Conceptual Art) Conceito da Arte (Concept art). Movimento artístico."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google