A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Abril de 2009 Marcos Breder Empreendedorismo aplicado ao Design. Ensaio metodológico em prol de um design(er) proativo. Empreendedorismo aplicado ao Design.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Abril de 2009 Marcos Breder Empreendedorismo aplicado ao Design. Ensaio metodológico em prol de um design(er) proativo. Empreendedorismo aplicado ao Design."— Transcrição da apresentação:

1 abril de 2009 Marcos Breder Empreendedorismo aplicado ao Design. Ensaio metodológico em prol de um design(er) proativo. Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

2 1. Introdução Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

3 por onde começamos? Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

4 vem sendo impossível fingir que o mundo e as coisas do mundo não estão muito diferentes, estranhas, novas. Design: tempo e lugar. Cristine Nogueira. Design Método, Rio de Janeiro: Ed. Puc Rio; Teresópolis: Novas Idéias, Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

5 A B

6 Relação Design x Competitividade The Global Competitiveness Report, apud Panorama Internacional de Políticas de Promoção e Incentivo ao Design, setembro de Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

7 quinze anos atrás as empresas competiam pelo preço, agora competem pela qualidade, amanhã será pelo design Relatório British Design Council, High-level skills for higher value, 2007 Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

8 2. Contexto Brasileiro Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

9 A pratica (do design) é muitas vezes um fator que gera desconforto para a maioria dos profissionais que se inicia nessa atividade MORAES[i], 2008 [i] Limites Do Design: Dijon De Moraes. São Paulo : Studio Nobel, ª Edição revisada, 2008.[i] Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

10 as atividades inovadoras (brasileiras) são fortemente marcadas pelos elevados dispêndios na aquisição de máquinas e equipamentos, pelos baixos níveis de investimento e de recursos humanos em P&D KOELLER[i], 2005 [i] Inovações, padrões tecnológicos e desempenho das firmas industriais brasileiras. Brasília: IPEA, /02/2009[i] Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

11 dominado pelo processo tecnológico típico de economias eminentemente imitadoras, nas quais a mudança técnica restringe-se basicamente à absorção e ao aperfeiçoamento de inovações geradas fora do país KOELLER[i], 2005 [i] Inovações, padrões tecnológicos e desempenho das firmas industriais brasileiras. Brasília: IPEA, /02/2009[i] Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

12 importamos tecnologia exportamos commodities Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

13 Mesmo em alta tecnologia, Brasil se diferencia pelo preço Padrões tecnológicos e de comércio exterior das firmas brasileiras Não se procura diferenciar um produto para cobrar um preço superior por ele, mas sim obter ganhos de produtividade para que possam baratear os custos. Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

14 60% das exportações mundiais = alto valor agregado Relatório British Design Council, High-level skills for higher value, 2007 Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

15 3. Metodologia clássica x design como inovação Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

16 A educação em design no Brasil não pode, de modo algum, continuar a trilhar os caminhos atuais, quando são multiplicados a uma quantidade absurda de profissionais, todos eles direcionados ao mesmo enquadramento no mercado. LEITE[i], 2006 [i] Tudo pelo social. João de Souza Leite. Design Método, Rio de Janeiro: Ed. Puc Rio; Teresópolis: Novas Idéias, 2006.[i] Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

17 Munari, B., 1997 Design & Comunicação Visual: Contribuição para uma metodologia didática, SÃo Paulo: Martin Fontes, 1997 Metodologia Clássica em Design Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

18 Na acepção comum, defini-se design industrial como a produção de objetos reproduzíveis industrialmente. Essa definição extremamente linear constitui um erro histórico no debate sobre design; Andrea Branzi (APUD MORAES[i]): [i] Limites Do Design: Dijon De Moraes. São Paulo : Studio Nobel, ª Edição revisada, 2008.[i] Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

19 ver essa atividade de projetação como um processo que transforma os objetos existentes em qualquer coisa que possa ser reproduzida em dez mil, um milhão de cópias, subtende a confusão entre o fim e o meio do design. O design está no centro de um grande problema geral, em que a indústria é um instrumento, um segmento à disposição, mas não é o único parâmetro de referência. Andrea Branzi (APUD MORAES[i]): [i] Limites Do Design: Dijon De Moraes. São Paulo : Studio Nobel, ª Edição revisada, 2008.[i] Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

20 Eleven lessons: managing design in eleven global brands. A study of the design process. Design Council, 2008 Metodologia Duplo Diamante Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

21 inovação&design Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

22 Design não é apenas um acabamento final, estilo ou ergonomia, mas parte do próprio processo de inovação. Design Council Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

23 Estudo SEE DESIGN. 13/12/2007. Diagrama design como centro estratégico Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

24 Diagrama Escada do Design The design difference, Centre for Design Innovation, 2007 Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

25 mas o que é inovação? Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

26 inovação não é algo que só ocorra em indústrias hi-tech, estende-separa a economia como um todo. CASSIOLATO, 2008[i], [i] Novas institucionalidades: Sistemas produtivos inovadores e as novas formas de gestão do território. José Eduardo Cassiolato, sao_paulo24-novembro.pdf. 02/04/2009[i] Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

27 ALVES[i], 2005 [i] Inovações, padrões tecnológicos e desempenho das firmas industriais brasileiras. Brasília: IPEA, /02/2009[i] Inovação = +30% (exportações) Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

28 Bom design é uma atitude renascente que combina tecnologia, ciência cognitiva, necessidades humanas e beleza para produzir algo que o mundo não sabia o que estava perdendo [i][i] Paola Antonelli, Curator of Architecture and Design, Museum of Modern Art, New York Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

29 "(ser reconhecido por produtos diferenciados) passa pela inovação, pela tecnologia, pela criação de valor. Precisamos de produtos e serviços que transmitam emoção Luiz Fernando Furlan Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

30 {}][()

31

32

33

34

35 Fonte: Google analytics, 14 a 24 de janeiro de Estudo de Caso luva Clicking Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

36

37 4. Por uma nova abordagem metodológica Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

38 teriam os designers de hoje as mesmas orientações projetuais? E os consumidores, teriam as mesmas necessidades? As indústrias teriam as mesmas expectativas de venda e consumo? MORAES[i] [i] Limites Do Design: Dijon De Moraes. São Paulo : Studio Nobel, ª Edição revisada, 2008.[i] Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

39 (...) qual será a trajetória futura dos nossos estudantes? Será marcada pela apreensão restrita do mercado como lhes é facultado em nossas escolas e faculdades? LEITE[i], 2006 [i] Tudo pelo social. João de Souza Leite. Design Método, Rio de Janeiro: Ed. Puc Rio; Teresópolis: Novas Idéias, 2006.[i] Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

40 por que continuar a propor, como tema de projeto, projetos com perfil de cliente tradicional? NOGUEIRA[i], 2006 [i] Design: tempo e lugar. Cristine Nogueira. Design Método, Rio de Janeiro: Ed. Puc Rio; Teresópolis: Novas Idéias, 2006.[i] Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

41 se queremos formar um indivíduo proativo e empreendedor em nossas salas de aula, precisamos lhe passar uma postura analítica COELHO[i], 2006 [i] Por uma metodologia de idéias. Luiz Antonio L. Coelho. Design Método, Rio de Janeiro: Ed. Puc Rio; Teresópolis: Novas Idéias, 2006.[i] Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

42 5.0 Ensaio metodológico empreendedorismo aplicado ao design Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

43 Escopo metodológico Fonte: Próprio autor. Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

44 OBSERVAR LARICA[i], 2006 [i] Formigueiros virtuais. Neville Jordan Larica. Design Método, Rio de Janeiro: Ed. Puc Rio; Teresópolis: Novas Idéias, 2006.[i] A orientação deve ser dada ao aluno-designer no sentido de que ele descubra as suas idéias a partir da pratica da observação e da percepção das oportunidades. Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

45 OBSERVAR –conteúdo Contexto nacional baseado em commodities; Oportunidades do comércio mundial baseado em marcas; Oportunidades com a internet; Poder do indivíduo na era da internet 2.0; Casos de sucesso (de ex alunos que chegaram lá e outros); Diferenças na nova metodologia; Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

46 PENSAR LARICA[i], 2006 [i] Formigueiros virtuais. Neville Jordan Larica. Design Método, Rio de Janeiro: Ed. Puc Rio; Teresópolis: Novas Idéias, 2006.[i] o ambiente próprio de cada aluno é a sua interface com a escola. Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

47 PENSAR –conteúdo Construção de um motivo de investigação; Incentivo à visão pessoal do aluno; Utilização de ferramentas de mapeamento do público alvo; Busca pelo projeto através da definição conceitual; Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

48 PENSAR Proposta de Interseção Fonte: Próprio autor. Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

49 REALIZAR COELHO[i], 2006 [i] Por uma metodologia de idéias. Luiz Antonio L. Coelho. Design Método, Rio de Janeiro: Ed. Puc Rio; Teresópolis: Novas Idéias, 2006.[i] Em geral, o projeto termina com um protótipo, que se torna o fim em si sem que o aluno possa vislumbrar que o produto que acabou de criar possui outros desdobramentos e dimensões que se apagam na passagem do modo de projetar como receita. Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

50 REALIZAR –conteúdo Sedimentação dos objetivos da nova metodologia; Modelo x protótipo (produto de verdade); Incentivo às habilidade e círculo de relação; Administração de prazos e imprevistos; Apresentação do projeto (fotos e versão gráfica); Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

51 RESULTADOS Alunos turma Núcleo de Projetos D. Amostra dos resultados Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

52 Documento completo Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

53 Conclusões Promove uma maior interação entre jovens e o mercado; Não é uma metodologia excludente às demais; Incentivo às habilidade do aluno; Promove o portfólio do aluno/ futuro profissional; Promove a visibilidade do aluno e de seus trabalhos; Incentivo à visão de mundo do próprio discente; Desperta olhar curioso, promove postura empreendedora; Cronograma restrito, dificuldades dos infreqüentes; Design(er) Proativo, Metodologia do Futuro Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

54 Mais do que novas fábricas, o que se necessita mesmo são Laboratórios de Design, onde novas idéias e novas estéticas sejam produzidas. Se existe crise, trata-se de uma crise de idéias, e se é mais criativo quanto mais futuro se consegue projetar. O futuro chega graças à experimentação e iniciativas de vanguarda, e a criatividade é o recurso mais fecundo com que o homem conta para superar dificuldades e construir o progresso Domenico De Masi Mais do que novas fábricas, o que se necessita mesmo são Laboratórios de Design, onde novas idéias e novas estéticas sejam produzidas. Se existe crise, trata-se de uma crise de idéias, e se é mais criativo quanto mais futuro se consegue projetar. O futuro chega graças à experimentação e iniciativas de vanguarda, e a criatividade é o recurso mais fecundo com que o homem conta para superar dificuldades e construir o progresso Domenico De Masi Mais do que novas fábricas, o que se necessita mesmo são Laboratórios de Design, onde novas idéias e novas estéticas sejam produzidas. Se existe crise, trata-se de uma crise de idéias, e se é mais criativo quanto mais futuro se consegue projetar. O futuro chega graças à experimentação e iniciativas de vanguarda, e a criatividade é o recurso mais fecundo com que o homem conta para superar dificuldades e construir o progresso Domenico De Masi Mais do que novas fábricas, o que se necessita mesmo são Laboratórios de Design, onde novas idéias e novas estéticas sejam produzidas. Se existe crise, trata-se de uma crise de idéias, e se é mais criativo quanto mais futuro se consegue projetar. O futuro chega graças à experimentação e iniciativas de vanguarda, e a criatividade é o recurso mais fecundo com que o homem conta para superar dificuldades e construir o progresso Domenico De Masi Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder

55 Obrigado! dúvidas, sugestões, comentários... agora ou por Empreendedorismo aplicado ao Design. Marcos Breder


Carregar ppt "Abril de 2009 Marcos Breder Empreendedorismo aplicado ao Design. Ensaio metodológico em prol de um design(er) proativo. Empreendedorismo aplicado ao Design."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google