A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

REGIONAL SANTA CATARINA ANÁLISE CRÍTICA E PLANO DE AÇÃO DE SSMA 2013.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "REGIONAL SANTA CATARINA ANÁLISE CRÍTICA E PLANO DE AÇÃO DE SSMA 2013."— Transcrição da apresentação:

1 REGIONAL SANTA CATARINA ANÁLISE CRÍTICA E PLANO DE AÇÃO DE SSMA 2013

2 REGIONAL SANTA CATARINA Aproximando vidas através de um universo de sabores.

3 REGIONAL SC | ESTRUTURA Filiais de Grãos Xanxerê Abelardo Luz Campo Erê Lácteos Concórdia Planalto Alegre São Miguel d Oeste Campos Novos Unidades Capinzal Campos Novos Chapecó Concórdia Herval DOeste Catanduvas Videira Faxinal dos Guedes

4 Gestão em SSMA – Vídeo Indicadores de SSMA Estrutura de Comitês e GTs da Regional Plano de Ação e ARP - Túneis e Elevadores Programa de POP / IPS e Pirâmides Avaliação do processo de SSMA Avaliação dos DRs Eventos e Boas Práticas de SSMA Pontos Fortes, Dificuldades e Plano Tático de SSMA Encerramento - Vídeo de SSMA.

5 ANÁLISE DE MELHORIA CONTÍNUA EM SSMA PROJETOS SSMA NA REGIONAL SC EM 2013

6 2006 Início Processo SSMA com o diagnóstico 2008 Início do projeto SSMA Início do projeto 2011 – 2013, e o projeto transporte e distribuição unidade piloto de Videira Inicio do projeto da unidade de CNO( Interno) 2015 BRF 2015) BRF TF: 0, TF: 0, Taxa de Freq: 1, Taxa de Freq: 1, TF: 1, TF: 1,56 TF: 9,55 TF: 6,10 TF: 0,51 TF: 0, TF: 0, TF: 0,52 EVOLUÇÃO SSMA NA REGIONAL SC

7 SISTEMA DE GOVERNANÇA PROJETO SSMA REGIONAL SC Comitê SSMA Regional SC Comitê Operacional Proj. Inicial / Expansão / Transportes e distribuição Videira/Campos Novos Comitê SSMA Chapecó COU - CPO Reuniões GTs - CPO Comitê Operacional Projeto. 11/13 Comitê SSMA Herval d Oeste Comitê SSMA Herval d Oeste Comitê SSMA Videira Comitê SSMA Videira COU - VDA Comitê SSMA Capinzal Comitê SSMA Capinzal Reuniões GTs - VDA COU - HDO Reuniões GTs - HDO COU - CPZ Reuniões GTs - CPZ Comitê SSMA Rações Comitê SSMA Rações COU - Rações Reuniões GTs - Rações Comitê SSMA Agropecuária Comitê SSMA Agropecuária COU - Agropecuária Reuniões GTs - Agropecuária Comitê SSMA Concórdia COU - CNC Reuniões GTs - CNC Comitê SSMA Faxinal Dos Guedes COU - FHS Reuniões GTs - FHS Comitê SSMA Campos Novos COU - CNO Reuniões GTs - CNO

8 Nº DE PARTICIPANTES NO SISTEMA DE GOVERNANÇA DE SSMA – REGIONAL SC Base: Março/2013

9 Gestão em SSMA – Vídeo Indicadores de SSMA Estrutura de Comitês e GTs da Regional Plano de Ação e ARP - Túneis e Elevadores Programa de POP / IPS e Pirâmides Avaliação do processo de SSMA Avaliação dos DRs Eventos e Boas Práticas de SSMA Pontos Fortes, Dificuldades e Plano Tático de SSMA Encerramento - Vídeo de SSMA.

10 INDICADORES DE SSMA ACOMPANHADOS SEMANALMENTE PELA EQUIPES NAS UNIDADES ANÁLISE DE MELHORIA CONTÍNUA EM SSMA

11 Nº DE ACIDENTES COM AFASTAMENTO TÍPICO / TRAJETO / DO * Linha tracejada: Se refere ao nº de acidentes das Unidades do Projeto Inicial. * Base: Março/2013

12 Nº DE ACIDENTES SEM AFASTAMENTO TÍPICO / TRAJETO / DO * Linha tracejada: Se refere ao nº de acidentes das Unidades do Projeto Inicial. * Base: Março/2013

13 TAXA DE FREQUÊNCIA – ACIDENTES COM AFASTAMENTO TÍPICO / TRAJETO / DO e PROJEÇÃO 2020 VMA – TF : 0,60 Base: Março/2013

14 TAXA DE GRAVIDADE – COM AFASTAMENTO NBR – 2008 / 2012 VMA – TG : 0,61 Base: Março/2013

15 INDICADORES SSMA 2013

16 Mês de Março 2013 Informativo de acidentes semanal com o fechamento do mês (Típico, DO e Trajeto) – (período de 01/03 a 31/03). ACAs – zero ASAs – (18 Típicos / 2 DO / 1 Trajeto), sendo: 5 Típico, 1 Trajeto Concórdia / 6 Típico Chapecó / 3 Típico Videira / 1 DO Capinzal / 1 Típico Herval d Oeste / 1 Típico Campos Novos / 1 Típico Faxinal dos Guedes 1 Típico, 1 DO Agrop.) Informativo repassado semanalmente a toda a regional pela coordenação de SSMA a toda as lideranças e profissionais de SSMA, acompanhando a evolução, com fechamento do mês. INDICADORES SSMA 2013

17 HORAS DE TREINAMENTOS EM SSMA REGIONAL SC EM 2013 Obs. Nas unidades de Concordia/Chapecó/Campos Novos e Faxinal dos Guedes, estamos realizando treinamento do POP para todos os funcionários, carga horária de 6 horas. Base: Março/2013

18 Base: Acumulativo Março/2013 INDICADORES SSMA 2013

19 Auditorias Março 2013 Reg. SC Planejamento de implementação Verificação em campo Nível de atendimento AST 95%92,2%Bom PET 95%89,5%Bom Bloqueio78%87,5Bom NÍVEL DE ATENDIMENTO (%) 0 a 19 %20 a 40 %41 a 70 %71 a 85 %86 a 94 %95 a 100 % PONTUAÇÃO – NOTAS NO QUADRO RUIM INSATIS- FATÓRIO FRACOREGULARBOMEXCELENTE Legenda cfe tabela corporativa: REALIZAÇÕES DE AUDITORIAS MENSAIS: PET – AST E BLOQUEIO DE ENERGIA Obs. Resultado condensado da regional, sendo realizado pelas equipes de SST nas unidades

20 Nº DE PETs e ASTs EMITIDAS Relação de Emissão de PETs e ASTs Regional SC Período: Acumulado de jan a mar/13 Unidade Nº de PETs EmitidasNº de ASTs Emitidas Chapecó Faxinal dos Guedes2115 Concórdia Herval d'Oeste21911 Capinzal Videira Campos Novos46570 Agropecuária/Rações Total

21 DSSMA - CONSOLIDADO REGIONAL SC DSSMA 2013 Obs. Cfe a NO, a meta mínima uma vez por semana, sendo que muitas equipes mais que uma e em outras equipes sendo realizada diariamente Base: 31/Março/2013

22 COMUNICAÇÕES SEMANAIS DE SAÚDE

23 Gestão em SSMA – Vídeo Indicadores de SSMA Estrutura de Comitês e GTs da Regional Plano de Ação e ARP - Túneis e Elevadores Programa de POP / IPS e Pirâmides Avaliação do processo de SSMA Avaliação dos DRs Eventos e Boas Práticas de SSMA Pontos Fortes, Dificuldades e Plano Tático de SSMA Encerramento - Vídeo de SSMA.

24 REUNIÕES MENSAIS DE SSMA: REGIONAL, COR E UNIDADES Exemplo de uma pauta que é apresentada pelo gerente da unidade, sendo que todas seguem esse padrão com suas principais atividades de SSMA realizada no mês.

25 PAUTA TÍPICA DE SSMA REUNIÃO DE SSMA REGIONAL SC Data12 de abril 2013 LocalEscritório Regional Videira - Sala Reuniões 3º andar ParticipantesDiretor Regional, Gerentes Industriais e Regionais, Facilitadores Regionais, Gerentes Agropecuária Regional Secretário(a) Convidado(a)s:Antonio - Dupont CoordenadorVanderlei Barbieri/Cristian Compromisso AGENDA ItemAssuntoQuemTempoQuando Reunião Comitê Regional SSMA 1Momento SSMALucineia 2Apresentação de Acidentes com AfastamentoGestores 3Pendências ATA anteriorBarbieri 4Apresentação GT's Regionais 5Desempenho SSMA - IndicadoresCristian 6Desempenho SSMA - Status Mensal do ProjetoToni/Barbieri 7Apresentação Projeto 2011/13 e Transportes (Status implantação)/Campos NovosToni 8Boas Práticas de SSMAGerentes 9Apresentação Gerentes -Gerentes 10Comentários FinaisTodos 11Avaliação da Reunião e ReflexõesTodos

26 AGENDA REUNIÃO SSMA REUNIÃO DE SSMA REGIONAL SC Data12 de abril 2013 LocalEscritório Regional Videira - Sala Reuniões 3º andar Participantes Diretor Regional, Gerentes Industriais e Regionais, Facilitadores Regionais, Gerentes Agropecuária Regional Secretário(a) Convidado(a)s:Antonio - Dupont CoordenadorVanderlei Barbieri/Cristian Compromisso AGENDA ItemAssuntoQuemTempoQuando Reunião Comitê Regional SSMA 1Momento SSMALucineia 2Apresentação de Acidentes com AfastamentoGestores 3Pendências ATA anteriorBarbieri 4Apresentação GT's Regionais 5Desempenho SSMA - IndicadoresCristian 6Desempenho SSMA - Status Mensal do ProjetoToni/Barbieri 7 Apresentação Projeto 2011/13 e Transportes (Status implantação)/Campos Novos Toni 8Boas Práticas de SSMAGerentes 9Apresentação Gerentes -Gerentes 10Comentários FinaisTodos 11Avaliação da Reunião e ReflexõesTodos

27 REUNIÕES MENSAIS E PERIÓDICAS DE GTS REGIONAIS DE SSMA CONSIDERADOS ESTRATÉGICOS PELA EQUIPES Exemplo GT de Saúde e do GT de Bloqueio de Energias.

28 STATUS PARTICIPANTES DO GTSO REGIONAL SC Coordenador Raquelita CantarelliUnidade Videira ComponentesRegional/Unidade Lucineia ValtteGerente RH Regional Vanderlei BarbieriCoordenador SSMA Gilmar DuarteUnidade Videira Silvana PerinazzoUnidade Herval DOeste Angela DacasUnidade Capinzal Gustavo RechUnidade Concórdia Tania LanziottiUnidade Concórdia Fernanda MouraUnidade Videira Mariana OrtegaUnidade Videira Neuza GiottoUnidade Concórdia Juliana FontouraUnidade Campos Novos Alberto ChelliUnidade Capinzal Isabel AmorimUnidade Chapecó Cladir AlvesUnidade Chapecó Pedro EspinosaUnidade Faxinal dos Guedes Francisco RamosUnidade Campos Novos Ronei PronerUnidade Capinzal Rafaela SouzaUnidade Chapecó João ConceiçãoUnidade Herval DOeste

29 GTSO Regional SC jan/12fev/12mar/12abr/12jun/12jul/12ago/12out/12dez/12Fev/13Total Reuniões Planejadas Reuniões Realizadas STATUS PARTICIPANTES DO GTSO REGIONAL SC – REUNIÕES REALIZADAS

30 TRABALHOS DESENVOLVIDOS PELO GTSO Alinhamento dos programas legais: PCMSO, PPRA, PCA, PPR e PE; Alinhamento dos Programas e Campanhas de Saúde; Treinamento PCA para lideranças; Padronização dos indicadores de saúde e segurança nas Unidades; Padronização das AETs ( modelo e quantidade realizada); Avaliação periódica dos EPIs e encaminhamento dos resultados à Área Corporativa; Avaliação e validação do Sistema SAP Saúde e Segurança; Trabalho focado na redução de funcionários afastados Regional SC

31 Nº DE FUNCIONÁRIOS AFASTADOS REGIONAL SC – 2012/2013

32 Boas Práticas Apresentadas: Rotina de Administração de Medicação Ambulatório Interno / Capinzal; Rotina de Aplicação do Protocolo de Alterações Biomecânicas / Concórdia; Visitas Domiciliares a funcionários afastados / Videira; Redução do Absenteísmo / Concórdia; Acompanhamento de doenças mentais e comportamentais / Videira; Atendimento de saúde em situações de contato com produto químico / Videira; Programa de Reforço Muscular / Chapecó; Circuito Mix – Academia Unidade Herval dOeste; TRABALHOS DESENVOLVIDOS PELO GTSO

33 Ação Social (comunidade/conforme demanda) Caminhada e Corrida 5 KM (comunidade/conforme demanda) Vacinação contra a gripe (funcionários/anual). Programa BRF Sorridente (funcionários/anual). Programa de prevenção DST/AIDS(funcionários/anual). TRABALHOS DESENVOLVIDOS PELO GTSO

34 Programa Novo Ser (gestantes/mensal). Programa Viva Saúde (hipertensos e diabéticos/semestral). Momento Saúde (informativo/mensal). Hora da Mulher (semestral). Saúde do Homem (semestral). TRABALHOS DESENVOLVIDOS PELO GT NOS ÚLTIMOS 6 MESES

35 CONSIDERAÇÕES E ANÁLISE DO GTSO REGIONAL SC :: As atividades do Grupo de Trabalho de Saúde Ocupacional da Regional Santa Catarina tem aproximado as equipes multidisciplinares de saúde e segurança definindo rotinas e proporcionando um maior embasamento nas questões tratadas tornando o trabalho mais eficaz. :: Também o apoio e compromisso da alta administração tem proporcionado um maior resultado através das definições de diretrizes da Empresa BRF.

36 Gestão em SSMA – Vídeo Indicadores de SSMA Estrutura de Comitês e GTs da Regional Plano de Ação e ARP - Túneis e Elevadores Programa de POP / IPS e Pirâmides Avaliação do processo de SSMA Avaliação dos DRs Eventos e Boas Práticas de SSMA Pontos Fortes, Dificuldades e Plano Tático de SSMA Encerramento - Vídeo de SSMA.

37 STATUS DOS PLANOS DE AÇÕES DAS ATIVIDADES

38 STATUS DOS PLANOS DE AÇÃO PROJETOS SSMA REGIONAL SC

39 STATUS DAS AÇÕES EM ATRASO CONCLUSÃO: Das 298 ações em atraso: ações ou (78,1%) se referem a investimentos, as quais estão sendo tratadas via plano de investimentos das Unidades da Regional SC; - 67 ações ou (21,9%) se referem a outros fatores como treinamentos, entre outros, as quais as Unidades estão tratando para que estas ações sejam executadas e acompanhadas no COR, Comitês de SSMA das Unidades e GTs. - GRAFICO BARRA

40 ANÁLISE DE RISCOS DE PROCESSO - Consolidado Período: até 31/03/2013Regional: SC Total ARPs Planejadas no período ARPs Realizadas no período ARPs Atrasadas no período Total de Recomen dações Geradas Ações Realizada s até o período Ações Pendentes Observações Serem Concluídas até Mar de 2013 Ações no Prazo Ações Atrasadas Regional - SC Aguardando liberação de investimento. STATUS ANÁLISE DE RISCOS DE PROCESSO – ARP - REGIONAL SC Temos 54 ações em atraso: Capinzal – 4 ações em atraso área de empanados, aguardando liberação de investimento ( R$70.000,00; 2 ações do ETE, devido a suspensão de investimento, (R$ ,00)3 ações atrasadas na fabrica de sub-produtos, devido a investimento,(R$ ,00) Rações Videira – 2 ações em atrasos em amônia investimento ( R$ ,00) Rações Catanduvas – 20 ações atrasadas na geração de vapor, aguardando investimento (R$ ,00 ; 7 ações processo de distribuição de energias ( R$ ,00 Agropecuária – 13 ações rfe GLP ( Tubulações e válvulas) aguardando investimento (R$ , ações distribuições de energias, eliminação de emergências, devido a investimento (Valor de ( ,00) Acumulado até: 31/03/2013

41 Entradas no Túneis Regional SC | dez_12 a fev_2013

42

43 Situação Elevadores - Regional SC - Jan - Mar/2013 Incluso dados de Faxinal dos Guedes Jan fev

44 Gestão em SSMA – Vídeo Indicadores de SSMA Estrutura de Comitês e GTs da Regional Plano de Ação e ARP - Túneis e Elevadores Programa de POP / IPS e Pirâmides Avaliação do processo de SSMA Avaliação dos DRs Eventos e Boas Práticas de SSMA Pontos Fortes, Dificuldades e Plano Tático de SSMA Encerramento - Vídeo de SSMA.

45 PROGRAMA DE OBSERVAÇÃO E PREVENÇÃO Nº DE OBSERVADORES DA REGIONAL SC POP: 703 E IPS: 68

46 POP - PROGRAMA DE OBSERVAÇÃO E PREVENÇÃO * A partir do mês de junho/2012 estão inclusos os dados das Unidades do Projeto 2011/2013 – CPO/CNC/FHS. *

47 47 IPS - ÍNDICE DE PRATICAS SEGURAS Média Regional - SC jan/12fev/12mar/12abr/12mai/12jun/12jul/12ago/12set/12out/12nov/12dez/12jan/13fev/13mar/13TOTAL/12TOTAL/13 Observações realizadas X previstas ( % ) 100 Desvios Observados

48 ADMINISTRAÇÃO DOS DESVIOS CRÍTICOS POP + IPS jan/12fev/12mar/12abr/12mai/12jun/12jul/12ago/12set/12out/12nov/12dez/12jan/13fev/13mar/13Total/12Total/13 Nº de Desvios Críticos Nº de Desvios Críticos investigados Nº de desvios críticos pendentes de investigação

49 DESVIOS COMPORTAMENTAIS ACIDENTE GRAVE OU FATAL PIRÂMIDE DE PERDAS - Março/ (POP IPS 1.735) * * 1 * 300 * 30 * COM AFASTAMENTO Típico 2 Trajeto DO 1 SEM AFASTAMENTO Típico 20 Primeiros Socorros 79 Tratamento Médico Trabalho Restrito Trajeto e DO 2 INCIDENTE 261 Alta Gravidade Baixa gravidade * PROBABILIDADE

50 DESVIOS COMPORTAMENTAIS ACIDENTE GRAVE OU FATAL (POP IPS 3700) * * 1 * 300 * 30 * COM AFASTAMENTO Típico 4 Trajeto DO 1 SEM AFASTAMENTO Típico 39 Primeiros Socorros 157 Tratamento Médico Trabalho Restrito Trajeto e DO 2 INCIDENTE Alta Gravidade Baixa gravidade PIRÂMIDE DE PERDAS - Acumulado/2013 * PROBABILIDADE

51 PIRÂMIDE DE PERDAS GERAL DESDE O INÍCIO DO POP ( 2009 / 2010 / 2011 / – REGIONAL – SC) * PROBABILIDADE (POP + IPS) * * 1 * 300 * 30 * Base: Dezembro/2012 DESVIOS COMPORTAMENTAIS ACIDENTE GRAVE OU FATAL COM AFASTAMENTO Típico Trajeto DO SEM AFASTAMENTO Típico Primeiros Socorros Tratamento Médico Trabalho Restrito Trajeto e DO INCIDENTE Alta Gravidade Baixa gravidade

52 Gestão em SSMA – Vídeo Indicadores de SSMA Estrutura de Comitês e GTs da Regional Plano de Ação e ARP - Túneis e Elevadores Programa de POP / IPS e Pirâmides Avaliação do processo de SSMA Avaliação dos DRs Eventos e Boas Práticas de SSMA Pontos Fortes, Dificuldades e Plano Tático de SSMA Encerramento - Vídeo de SSMA.

53 EQUIPE DE CLIMA ORGANIZACIONAL - REGIONAL SC/2013 AVALIAÇÃO DO PROCESSO SSMA ACOMPANHAMENTO PERÍODO DE EXPERIÊNCIA E ENTREVISTA DE DESLIGAMENTO

54 ENTREVISTA DE ACOMPANHAMENTO NO PERÍODO DE EXPERIÊNCIA 97%

55 ENTREVISTA DE DESLIGAMENTO 97%

56 96% INDICADORES DO PROCESSO DE SSMA

57 96%

58 Gestão em SSMA – Vídeo Indicadores de SSMA Estrutura de Comitês e GTs da Regional Plano de Ação e ARP - Túneis e Elevadores Programa de POP / IPS e Pirâmides Avaliação do processo de SSMA Avaliação dos DRs Eventos e Boas Práticas de SSMA Pontos Fortes, Dificuldades e Plano Tático de SSMA Encerramento - Vídeo de SSMA.

59 DRS REGIONAL SC

60 60 INDICE DE PRATICAS SEGURAS Média Regional - SC IPS jan/12fev/12mar/12abr/12mai/12jun/12jul/12ago/12set/12out/12nov/12dez/12jan/13fev/13mar/13TOTAL/12TOTAL/13 Observações realizadas X previstas ( % ) 100 Desvios Observados

61 Gestão em SSMA – Vídeo Indicadores de SSMA Estrutura de Comitês e GTs da Regional Plano de Ação e ARP - Túneis e Elevadores Programa de POP / IPS e Pirâmides Avaliação do processo de SSMA Avaliação dos DRs Eventos e Boas Práticas de SSMA Pontos Fortes, Dificuldades e Plano Tático de SSMA Encerramento - Vídeo de SSMA.

62 PRINCIPAIS EVENTOS EM SSMA REALIZADOS NA REGIONAL SC EM 2013

63 WORKSHOP DE TERCEIROS REGIONAL SC – 04 à 08/03/2013 Foi realizada na Regional SC de 04 à 0 de março a Semana de Workshop para Terceiros, com eventos nas cidades de Chapecó (Chapecó e Faxinal dos Guedes), Concórdia, Videira, Luzerna (Herval dOeste, Campos Novos, Agropecuária e Rações) e Capinzal. Teve a participação de 616 pessoas, público formado por Proprietários e Funcionários de Empresas Terceiras, funcionários das Unidades e convidados do Corporativo. O objetivo desta semana foi o repasse e orientação sobre a Norma Corporativa de Gestão de SSMA e também para a entrega do Manual de SSMA para Terceiros.

64 SIMPÓSIO DE ERGONOMIA EM TODAS AS UNIDADES DE SANTA CATARINA O objetivo do evento foi promover a disseminação das boas práticas em Ergonomia das diferentes áreas/gerências da Unidade Industrial de Videira. Apresentação de Melhorias Ergonômicas realizadas.

65 REUNIÕES DOS GTs REGIONAIS Verificar o andamento das atividades e pa- dronizar ações entre todas as Unidades é o principal objetivo dos GTs de SSMA. Alguns dos GTs da Regional : Qualida- de Assegurada; Integridade mecânica; Pré-partida; Gestão de Mudanças; ARP; Disciplina Operacional; Gestão de Riscos; Bloqueio de Energias; Terceiros; Saúde, entre outros. O resultado dessas reuniões são repas- sadas mensalmente nas Reuniões do Comitê Regional de SSMA.

66 VISITA EQUIPE DE COORDENADORES DE SSMA DA ARGENTINA Na semana de 18/02 à 01/03 recebemos na Regional SC, a Equipe de Coordenadores de SSMA da Argentina e da Coordenação Corporativa do Projeto SSMA, com o objetivo de conhecer as Unidades da Regional e entender o sistema de Gestão de SSMA. Na oportunidade foram trocadas experiências, visitadas as Unidades e também identificadas oportunidades de melhoria, as quais estão sendo tratadas.

67 REUNIÕES DO COMITÊ REGIONAL DE SSMA Reuniões itinerantes nas Unidades da Regional SC com visita às plantas sendo que a última reunião aconteceu no mês de março na Unidade de Concórdia e pode contar com a presença do Sr. Roberto G. Sarli e Antônio Niell, ambos da empresa Dupont. Assuntos tratados mensalmente em relação ao SSMA foi apresentado pela Raquelita- Líder do GT Regional de Saúde como está o andamento dos trabalhos, bem como as boas práticas e os próximos passos.

68 EXEMPLOS DE BOAS PRÁTICAS REGIONAL SC EM 2013

69 Treinamento sobre atividades concluídas do Projeto SSMA Transportes e Distribuição para Gestores, Profissionais de SSMA e Integrantes do COU. PROJETO DE SSMA TRANSPORTES E DISTRIBUIÇÃO: UNIDADE VIDEIRA

70 Treinamento para Usuários do Transporte Coletivo Fretado. Foram realizadas 24 turmas totalizando aproximadamente 500 usuários da Unidade de Videira. PROJETO DE SSMA TRANSPORTES E DISTRIBUIÇÃO: UNIDADE VIDEIRA

71 Boa Prática: Centro de Controle de Emergências. A Unidade de Videira conta com o Centro de Controle para Emergências equipado com EPIs para combate prontos para uso, Máscaras autônomas reserva, mapas e plantas da Unidade, Plano de Emergência conforme norma. Descrição da Boa Prática BOA PRÁTICA UNIDADE DE VIDEIRA

72 Boa Prática: Campanha de Conscientização com Motoristas Transportadores de Suínos A Unidade de Campos Novos desenvolveu uma campanha de conscientização com motoristas transportadores de suínos repassando informações de segurança e saúde, com aplicação do check list em todos os veículos, onde eram verificadas condições de segurança e ainda entregue material educativo de trânsito seguro. Descrição da Boa Prática BOA PRÁTICA UNIDADE DE CAMPOS NOVOS

73 Boa Prática: Instalação de tesoura hidráulica, na tarefa de retirar cabeça. Na situação anterior a retirada da cabeça dos suínos era feita de forma manual necessitando um elevado esforço físico. Na situação atual a tarefa é realizada com o auxílio de uma tesoura hidráulica facilitando o trabalho e reduzindo significativamente o esforço físico. BOA PRÁTICA UNIDADE DE CONCÓRDIA Situação Anterior Situação Atual Descrição da Boa Prática

74 Boa Prática: Instalação de desossadoras automáticas de perna de frangos – Mayekawa. A tarefa de desossa de perna de frangos era realizada manualmente, apresentando um ciclo curto com grande número de ações técnicas. Atualmente a desossa é feita de forma automática por máquinas desossadoras, com eliminação de 6 fases da desossa de perna, redução do esforço físico e satisfação na realização da atividade, onde agora é feito somente o refile da perna de forma manual. BOA PRÁTICA UNIDADE DE CHAPECÓ Situação Anterior Situação Atual Descrição da Boa Prática

75 Boa Prática: Exercício simulado de abandono de área. O exercício simulado de abandono de área foi realizado em conjunto com a guarnição do corpo de bombeiros de Joaçaba e Herval dOeste, com um tempo de resposta excelente, visto que a equipe de apoio do corpo de bombeiros não foi avisada, sendo a resposta a emergência em condições reais. Tempo para o abandono total da fábrica, administrativo e manutenção: três minutos e trinta segundos. BOA PRÁTICA UNIDADE DE HERVAL DOESTE Descrição da Boa Prática

76 Boa Prática: Instalação de linha de vida para colocação e amarração de caixas em caminhão de transferência de aves nas granjas de crescimento. O funcionário sobe pela escada para acessar a parte superior das caixas de aves para colocar e retirar cantoneira de fixação das caixas a uma altura aproximada de 3,5m, sem utilizar cinto de segurança, expondo-se ao risco de queda. Com a instalação da linha de vida a atividade é realizado com segurança, eliminando risco de queda. BOA PRÁTICA UNIDADE DE FAXINAL DOS GUEDES Ponto de fixação da linha da vida Situação Anterior Situação Atual Descrição da Boa Prática

77 Boa Prática: Instalação de paletizadores automáticos no industrializados. A paletização era manual retirando caixas da esteira/mesa e empilhando no palet com esforço físico na movimentação das caixas com altura de 2,10 mts elevando os braços acima da linha dos ombros. Com a automação, o abastecimento das caixas é feito automático até o paletizador. O empilhamento das caixas é automático e por camadas conforme layout de cada produto e a saída do palet cheio do box é feita de forma automática através dos trilhos, eliminando o esforço físico dos funcionários. BOA PRÁTICA UNIDADE DE CAPINZAL Situação Anterior Situação Atual Descrição da Boa Prática

78 Fazia-se necessário utilizar extensão elétrica para alimentar balança durante a atividade de pesagem de ovos. Situação Anterior BOA PRÁTICA INCUBATÓRIO

79 Adequado bateria recarregável para alimentar balança de pesagem de ovos. Situação Atual BOA PRÁTICA INCUBATÓRIO

80 Situação Anterior Para efetuar a leitura do consumo e nível do produto químico (soda líquida), diariamente o operador adentrava ao reservatório, que encontrava-se dentro de uma contenção totalmente fechada, caracterizado por espaço confinado. Sinalização de espaço confinadoAcesso ao espaço confinado BOA PRÁTICA UNIDADE DE RAÇÕES E PROTEÍNAS

81 Situação Atual Solução: Retirada da cobertura do tanque, confeccionado corrimão e rodapé, realizado cobertura superior para proteção contra água da chuva. Desta forma foi descaracterizado a condição de espaço confinado. Espaço confinado eliminado Acesso ao tanqueTanque de soda

82 Gestão em SSMA – Vídeo Indicadores de SSMA Estrutura de Comitês e GTs da Regional Plano de Ação e ARP - Túneis e Elevadores Programa de POP / IPS e Pirâmides Avaliação do processo de SSMA Avaliação dos DRs Eventos e Boas Práticas de SSMA Pontos Fortes, Dificuldades e Plano Tático de SSMA Encerramento - Vídeo de SSMA.

83 PONTOS FORTES REGIONAL SC EM 2012

84 Gerais: - Envolvimento e patrocínio das lideranças; - Envolvimento das áreas de Segurança e Saúde nos novos projetos; - Gerenciamento dos planos de ação de todas as ferramentas do SSMA; - Treinamentos em SSMA para todos os níveis; - Aperfeiçoamento técnico dos profissionais de SSMA; -Aumento da percepção de riscos pelos gestores e conhecimento das ferramentas do processo de SSMA; - Implantação do SSMA em Campos Novos sem auxílio da consultoria externa; - Troca de conhecimento / auxílio mútuo entre as unidades da Regional (alinhamento em SSMA). -- Disseminação dos alertas de segurança. PONTOS FORTES - PROJETOS SSMA REGIONAL SC

85 POP/IPS: - Participação atuante de todos os coordenadores de GT do POP das unidades; - Extratificação e análise crítica dos indicadores; - Controle efetivo de metas individuais; - Facilitadores internos capacitados para ministrar treinamentos de comp. seguro. - IPS visão técnica PONTOS FORTE PROJETOS SSMA REGIONAL SC

86 PET: - Análise detalhada das PETs emitidas com emissão de relatório com os problemas encontrados para melhoria contínua; - Controle de riscos em atividades críticas; - Análise de risco por parte do gestor das atividades críticas a serem realizadas; - Espaços Confinados: - Estudos para eliminação ou redução de atividades em espaços confinados nas unidades. PONTOS FORTES PROJETOS SSMA REGIONAL SC

87 Saúde: - GT Regional atuante e alinhado com as diretrizes corporativas; - Estruturação de sub-GTs (Segurança, Enfermagem, Medicina, Ergonomia e Fonoaudiologia) com participação de todas as Unidades da Regional; SSMA fora do Trabalho: - Campanhas de trânsito (divulgação externa, palestras com parceiros externos, participações em eventos da cidade, ações em escolas e bairros). Terceiros: - GT Regional de Terceiros estruturado com envolvimento de todas as Unidades da Regional. PONTOS FORTES PROJETOS SSMA REGIONAL SC

88 Projeto SSMA Transporte e Distribuição – Piloto Unidade Videira: - Boa Prática Transporte Coletivo; PONTOS FORTES PROJETOS SSMA REGIONAL SC

89 OPORTUNIDADES DE MELHORIAS REGIONAL SC - PLANO 2013

90 - Aprimorar a Cultura e Disciplina Operacional em SSMA; - Gestão de Terceiros – qualificação deficiente e inserção de empresas / funcionários terceiros nos conceitos de SSMA, são itens a serem tratados através de ajustes a níveis contratuais; - Adequação da NR 12 (máquinas e equipamentos); - NR10 - Gestão dos indicadores contidos nas normas de SSMA; - Gestão de mudanças, Qualidade assegurada, Integridade mecânica e Revisão de pré-partida; - Programa de Gestão de Riscos (PGR); - Programa Análise de Risco de Processo (ARP). OPORTUNIDADES DE MELHORIAS - REGIONAL SC

91 - Bloqueio de energias conforme norma BRF; - Adequação das instalações de combate a incêndio e luzes de emergência das Unidades, incluindo rotas de fuga e saídas de emergência; - Eliminar ou adequar elevadores conforme norma BRF. OPORTUNIDADES DE MELHORIAS - REGIONAL SC

92 :: Projeto SSMA Transporte e Distribuição - Investigações de Acidentes - Realização Check – List - Assegurar a implementação do POP Rodoviário e Patrulha de Segurança OPORTUNIDADES DE MELHORIAS - REGIONAL SC

93 DIFICULDADES / PONTOS DE ATENÇÃO REGIONAL SC

94 - Administração das particularidades da agropecuária na implantação das normas de SSMA (distância entre unidades, dificuldades de atendimento pelos profissionais, nº de GTs x nº de profissionais); - Atualização da Matriz de Competências para a implementação / continuidade de algumas atividades (procedimento, treinamentos, VCT e disciplina operacional); - Dificuldade no controle de treinamentos devido à ausência de um sistema adequado para gerar as informações de gerenciamento. Hoje os controles são realizados manualmente; - Publicação de legislações (novas/atualizações) e a definição das diretrizes corporativas (ex. NR 12 e NR 35); - Adequar as Unidades as normas de SSMA da BRF (demanda de investimentos).

95 DESCARRILADORES NA CULTURA DE SSMA 95 Treinamento Comportamento Seguro e falta OMGR e LSUP/STOP – não realizado/demorado PROJETOS SSMA 2008/ / /2013 Campos Novos Trans. e Distrib. PROJETOS SSMA 2008/ / /2013 Campos Novos Trans. e Distrib. 2011/2015 Não uso ou desativação parcial do Sistema de Governança SSMA Não conhecimento da Gestão SSMA Falta de suporte no Projeto Expansão SSMA Não utilização PET/AST/Bloqueio Não aplicação metodologia POP Falta de Auditoria 1 o /2 o /3 o níveis Falha de Comunicação Atividades não implementadas Falta de monitoramento Planos de Ação Falta de patrocínio da Liderança Falta Investigação Falta de monitoramento pendências Analises Críticas Profissionais SST Guardiões Metodologia Falta ARP SSMA=Meio Ambiente/BRF Coordenadores SSMA x Extras eventos materiais/eventos ambientais/eventos terceiros Falta de PERENIZAÇÃO PET/ARP/DSSMA/Gestão SSMA Terceiros….. Falta de Disciplina Operacional

96 REGIONAL SANTA CATARINA PLANO TÁTICO EM SSMA Diretoria de Operações

97 STATUS PLANO TÁTICO 2013

98 PLANO TÁTICO SSMA REGIONAL SC Taxa Frequência (%) Real 20120,65 Meta 20130,60 Nº Acidentes Real 2012Nº 28 Meta 2013Nº 26 Horas Trabalhadas Real SSMA UPAçãoComoQuandoResponsávelStatus SC Garantir a implementação das atividades abaixo em todas as Unidades da Regional: - Qualidade Assegurada; - Integridade mecânica; - Pré-partida; - Gestão de Mudanças; - ARP; ( Análise de Riscos de Processos) - Disciplina Operacional; - Gestão de Riscos; - Bloqueio de Energias; -Terceiros. -Higienização; -Inspeções técnicas; -Matriz de Competência; -VCT ( Verificação do Ciclo de Trabalho 1 - Criando e/ou reestruturando GTs Regionais através do COR; 2 – Apresentando o status de cada GT em reuniões do Comitê de SSMA da Unidade, COR e Comitê Regional de SSMA conforme cronograma; 3 – Prazo para rodar cronograma; 1 – 04/03/13 2 – 01/04/13 3 – 01/04/13 1 – Coordenador Regional de SSMA 2- Coordenadores Regional de cada GT Andamento

99 Taxa Frequência (%) Real 20120,65 Meta 20130,60 Nº Acidentes Real 2012Nº 28 Meta 2013Nº 26 Horas Trabalhadas Real SSMA UPAçãoComoQuandoResponsávelStatus SC Realizar o III Seminário Regional de SSMA. Organizando o evento na unidade de Chapecó iniciando reuniões com a Comissão Organizadora junho de /09/2013 Coordenador de SSMA Projeto 2011/2013 No Prazo SC Realizar a gestão dos indicadores contido nas normas de SSMA. Criando painel de indicadores padrão na Regional para o acompanhamento. 15/03/2013 Coordenação do Projeto Regional SC OK SC Assegurar a disseminação de Boas Práticas em SSMA entre as Unidades da Regional. 1- Enviando boas práticas mensalmente para a comunicação Regional (Marceli Hechler). 2 - Criando informativo Regional de Boas Práticas e disseminando para todos os usuários da Regional. 31/03/ – Comunicação da Unidade 2 - Assessoria de Comunicação Social e Coordenador de SSMA Projeto 2011/2013 Andamento PLANO TÁTICO SSMA REGIONAL SC

100 Taxa Frequência (%) Real 20120,65 Meta 20130,60 Nº Acidentes Real 2012Nº 28 Meta 2013Nº 26 SSMA UPUP AçãoComoQuandoResponsávelStatus SC Ampliar a cultura de segurança para prestadores de serviço e transportadores. 1 – Implantando / aprimorando a norma de Gestão para Terceiros. 2 - Realizando o Workshop para terceiros para todas as Unidades. 3 – Validando a data de início do roll out do Projeto SSMA Transporte e Distribuição nas demais unidades e alinhando com o Corporativo os recursos necessários para a implementação do projeto. 1 – 02/01/13 2 – 04 a 08/03/13 3 – 15/04/13 1 – Gerentes de Unidade 2 – Coordenador regional do GT de terceiros. 3 – Diretor Regional/Projeto SSMA 1 – Andamento 2 – OK 3 - No prazo SC Avaliar a implementação do Sistema de Gestão em SSMA da Regional. 1 – Realizando auditorias de 01º nível nas Unidades do Projeto Inicial 2008/2011 e Projeto 2010/2012; 2 - Realizando auditorias de 02º nível (cruzada) em todas as Unidades da Regional. 3 - Realizar encontro dos Profissionais de SSMA associados a mini-diagnósticos entre as unidades da regional. 1 – Até 30/10/ Até 15/12/13 3 – 30/11/13 1 – Gerentes de Unidade 2- Eng. Segurança 3 – Gerente de RH da regional 1 - No prazo 2 – No prazo 3 – No prazo Horas Trabalhadas Real PLANO TÁTICO SSMA REGIONAL SC

101 Taxa Frequência (%) Real 20120,65 Meta 20130,60 Nº Acidentes Real 2012Nº 28 Meta 2013Nº 26 SSMA UPAçãoComoQuandoResponsávelStatus SC Internalizar os papéis e responsabilidades em SSMA (Lideranças e Profissionais de SSMA) e o conceito de Dono de Área. Realizando café com o Diretor/Gerentes e as lideranças e profissionais de SSMA de cada unidade repassando a norma de Atribuições e Responsabilidades, reforçando o conceito de dono de área. 31/05/2013 Diretor Regional/Gerente de RH da regional e Gerentes Unidades No Prazo SC Intensificar esforços para aumentar o relato e investigação dos incidentes (incluindo incidentes de processo), ex.: princípio de incêndios, vazamentos de amônia, etc, para que os mesmos sejam devidamente tratados. Aplicando a ferramenta de coleta de incidentes em todas as Unidades da Regional SC e garantindo que os incidentes reportados sejam tratados e divulgados. 01/02/2013 Gerentes de Unidade e membros do COR das unidades/ Consultores internos SSMA Andamento SC Sensibilizar a área de suprimentos em relação ao SSMA. Buscando o alinhamento da área de suprimentos com as necessidades locais devidamente alinhado com o Sistema de Gestão de SSMA. 15/04/2013 Gerente de ADM/Controles da regional No prazo Horas Trabalhadas Real PLANO TÁTICO SSMA REGIONAL SC

102 Taxa Frequência (%) Real 20120,65 Meta 20130,60 Nº Acidentes Real 2012Nº 28 Meta 2013Nº 26 SSMA UPUP AçãoComoQuandoResponsávelStatus SC Acompanhar e interpretar a legislação vigente e as mudanças da mesma (ex. NR 12, NR Frigoríficos). Alinhando a interpretação da legislação nos grupos técnicos da regional. A partir de 01/02/2013 Coordenador de cada sub GT técnico (Engenheiros, Médicos, Enfermeiros e Ergonomistas) Pendente SC Acompanhar as atividades de Risco de alto potencial (Bloqueio de energias, Trabalhos em altura, Amônia, Trabalhos em Ambiente Confinado, NR-10, NR-12 e de Higienização). Implementando e monitorando os planos de ação aprovados, principalmente aqueles que requerem recursos de curto prazo em função do nível de exposição, auditando sua aplicação. A partir de 01/02/2013 Gerentes de Unidade / membros do COR/Consultores internos de SSMA Andamento SC Concluir implementação do Projeto de SSMA nas unidades de Concórdia – Chapecó, Faxinal e Campos Novos. Realizando a implementação de todas as atividades nas unidades. Até 30/11/2013 Gerentes de Unidade e Coordenador de SSMA No prazo Horas Trabalhadas Real PLANO TÁTICO SSMA REGIONAL SC

103 Taxa Frequência (%) Real 20120,65 Meta 20130,60 Nº Acidentes Real 2012Nº 28 Meta 2013Nº 26 SSMA UPAçãoComoQuandoResponsávelStatus SC Acompanhar o atendimento as recomendações geradas referente a investigação de: - Acidentes; - Incidentes; - Desvios críticos; - Alertas de segurança. Realizando acompanhamento e check mensal das recomendações geradas nas investigações nas reuniões dos Comitês de SSMA das Unidades. 01/02/2013 Gerentes de Unidade/Membros do COR/Consultores internos de SSMA Acidentes OK, as demais estão Pendente SC Captar recursos para adequações em SSMA principalmente relacionadas aos Riscos de Alto Potencial. Levando para o Comitê Geral de SSMA os pontos críticos que precisam de investimentos de curto prazo. 29/01/2013 Diretor regional/Gerentes unidade Andamento SC Promover educação continuada para equipe de SST. Realizando cursos com temas específicos para atualização dos profissionais. 30/06/2013 Gerente de RH da regional /Coordenadores de SSMA No prazo Horas Trabalhadas Real PLANO TÁTICO SSMA REGIONAL SC

104 Taxa Frequência (%) Real 20120,65 Meta 20130,60 Nº Acidentes Real 2012Nº 28 Meta 2013Nº 26 SSMA UPAçãoComoQuandoResponsável SC Promover campanhas de conscientização sobre utilização de cinto de segurança, uso consciente de motos e campanhas voltadas a temas específicos, relacionados com acidentes, incidentes e desvios sistêmicos e registros de SSMA fora do trabalho. 1 – Realizando palestras de segurança para motociclistas e conscientização em geral relacionado ao uso de cinto de segurança; 2 – A partir da estratificação dos indicadores de acidentes, incidentes e desvios, focando nos temas de maior incidência. Ao longo do ano de 2013 Gerentes de Unidade/Membros do COR/Consultores internos de SSMA Andamento SC Avaliar condições de riscos das Unidades. Durante visitas itinerantes nos processos das Unidades da Regional. Conforme agenda de reuniões do Comitê Regional de SSMA Diretor/ Gerentes de Unidades/coordenador de SSMA OK SC Garantir a abertura de PET para intervenção em equipamentos em movimento. Cumprindo com a Regra de Ouro Nº 02. Imediato Gerentes de Unidade/Membros do COR/Consultores internos de SSMA Andamento Horas Trabalhadas Real PLANO TÁTICO SSMA REGIONAL SC

105 Taxa Frequência (%) Real 20120,65 Meta 20130,61 Nº Acidentes Real 2012Nº 28 Meta 2013Nº 26 SSMA UPAçãoComoQuandoResponsávelStatus SC Realizar treinamento em cascata para novas Lideranças em SSMA. 1 – Repassando o treinamento de Comportamento Seguro; 2 – Sensibilizando a nova liderança em SSMA pelo Superior Imediato. A partir de 01/02/ – Facilitadores Capacitados da Regional 2 – Diretor/Gerentes de Unidades/Coordenadores de SSMA Andamento SC Realizar todas as ARPs priorizadas de acordo com cada Unidade da Regional SC. 1 - Cumprindo com o cronograma e os prazos do programa de ARP para 10 anos estabelecido por cada Unidade; 2 – Liberando recursos para atendimento as análises de ARP planejadas. 1 – Imediato 2 - Imediato 1 – Líder do Comitê de ARP da Unidade; 2 – Gerentes de Unidade/Membros do COR/Consultores internos de SSMA Pendente SC Realizar curso de direção defensiva para todos os funcionários que dirigem carros da BRF ou a serviço dessa. Contratando cursos de direção defensiva e convocando os condutores para participação. Ao longo do ano de 2013 Gerente de RH da regionalNo prazo Horas Trabalhadas Real PLANO TÁTICO SSMA REGIONAL SC

106 Taxa Frequência (%) Real 20120,65 Meta 20130,60 Nº Acidentes Real 2012Nº 28 Meta 2013Nº 26 SSMA UPAçãoComoQuandoResponsávelStatus SC Aplicar a ferramenta de pré- partida nos seguintes casos: - Antes da partida de todos os novos projetos; - Em mudanças significativas de instalações; - Após acidentes graves; - Em reativação de instalações paradas por longo tempo. Aplicando a ferramenta de pré- partida conforme padrão BRF, IT Nas Unidades do Projeto Inicial 2008/2011 e Expansão 2010/2012, imediato - Nas Unidades do Projeto 2011/2013 a partir de janeiro de 2014 Gerentes de Unidade/Membros do COR/Consultores internos de SSMA Andamento SC Aplicar a ferramenta de Gestão de Mudanças. Aplicando a ferramenta de gestão de mudanças conforme padrão BRF, NO A partir de abril de 2013 (todas Unidades). Gerentes de Unidade/Membros do COR/Consultores internos de SSMA Atrasado Horas Trabalhadas Real PLANO TÁTICO SSMA REGIONAL SC

107 DISCIPLINA OPERACIONAL DISCIPLINAOPERACIONAL FAZEM CERTO Todos Todos Todo o Tempo FAZEM CERTO EXCELÊNCIAOPERACIONAL

108 DISCIPLINA OPERACIONAL, EVOLUÇÃO PARA A EXCELÊNCIA OPERACIONAL

109 SSMA FORA DO TRABALHO TODOS FAZENDO CERTO, TODO O TEMPO…

110 Principais Ações do Mês TODOS FAZENDO CERTO, TODO O TEMPO…

111

112

113

114

115 Check up nos veículos Dicas de Direção Defensiva TODOS FAZENDO CERTO, TODO O TEMPO…

116

117

118

119 REGIONAL SANTA CATARINA

120 OBRIGADO!


Carregar ppt "REGIONAL SANTA CATARINA ANÁLISE CRÍTICA E PLANO DE AÇÃO DE SSMA 2013."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google