A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

DESAFIOS DO TERCEIRO MILÊNIO Quais os desafios mais importantes que nosso mundo enfrentará neste terceiro milênio? Qual a resposta que, como cristãos,

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "DESAFIOS DO TERCEIRO MILÊNIO Quais os desafios mais importantes que nosso mundo enfrentará neste terceiro milênio? Qual a resposta que, como cristãos,"— Transcrição da apresentação:

1

2

3 DESAFIOS DO TERCEIRO MILÊNIO Quais os desafios mais importantes que nosso mundo enfrentará neste terceiro milênio? Qual a resposta que, como cristãos, somos chamados a dar? Para responder a essas perguntas, é importante estarmos atentos ao mundo que nos rodeia. Um rápido olhar sobre ele nos deixa deslumbrados: é marcado por conquistas fantásticas, que elevam o ser humano a alturas jamais imaginadas.

4 A medicina progride continuamente e as indústrias mdernizam-se mais e mais; terras improdutivas transformam-se em verdadeiros jardins e computadores simplificam os trabalhos de escritórios e fábricas. Os acontecimentos, via TV, entram diariamente em nossas casas,transformando nosso país (e mesmo nosso planeta) numa pequena aldeia.

5 Mas, esse mesmo mundo é marcado por manifestações de ódio e egoísmo que nos assustam. O que dizer da insensibilidade dos que agem movidos pela pergunta de Caim: " Sou porventura eu o guarda do meu irmão?" (Gn 4,9).

6 Somente essa insensibilidade nos faz entender como é possível que exista tanta fome, falta de teto, de saúde e de atenção a menores abandonados num país que é invejado por suas riquezas imensas. O que acontece ao nosso redor não será um reflexo (ou resultado?) de nossos pequenos mundos, marcados, também eles, pelo egoísmo e pela indiferença?

7 Em busca de respostas adequadas para esses problemas, sentimo-nos levados a abrir o Evangelho. A resposta de Jesus Cristo para nossos desafios é a mesma de dois mil anos atrás: amar a Deus sobre todas as coisas; amar o próximo como a si mesmo; construir o Reino de justiça, de fraternidade e paz; viver a experiência do amor em comunidade; testemunhar a alegria, porque ele venceu o pecado e a morte.

8 Diante de nossas dificuldades, Jesus não dita receitas, nem nos dá fórmulas mágicas. Também não procura adocicar sua mensagem para conquistar nossa simpatia ou conseguir novos seguidores. Passa em nosso caminho e nos diz: Vem e segue-me! E vai adiante.

9 Onde está Jesus, está Maria Não acredito que alguém possa segui-lo e encontrar uma resposta para seus problemas pessoais e para os da sociedade, sem uma vida de oração. É o contato pessoal, direto e informal com Cristo que possibilita o conhecimento de sua mentalidade, tão diferente da nossa. A oração possibilita conhecer seu Coração e adquirir sua maneira de olhar os acontecimentos e as pessoas.

10 Seria utópico querer segui-lo sem um contato contínuo com sua Palavra. É ela que nos leva a entender o plano de salvação e dá-nos a capacidade de encontrar soluções coerentes com nossa fé. Refletindo sobre o seguimento de Jesus, o povo de Deus cedo descobriu que onde está Jesus, está Maria. Silenciosa e humilde, simples e corajosa, ninguém como ela viveu o ideal evangélico.

11 Não tinha projetos paralelos nem procurou jamais sua própria vontade. Ouviu também o Vem e segue-me! Ouviu e seguiu. Antes havia se apresentado como serva, a serva do Senhor. O desejo de ser coerente como chamado que recebeu levou-a, um dia, ao alto do Calvário. Como recompensa por sua fidelidade, ganhou uma multidão de filhos. Deveria, dali em diante, formá-los segundo o Coração de Jesus, que conhecia tão bem.

12 E seus filhos foram descobrindo que é mais fácil e seguro seguir Jesus sob a proteção de uma mãe. Mesmo porque os caminhos do Senhor são estreitos e pedregosos; " Estreita é a porta e apertado o caminho da vida e raros são os que o encontram!" ( Mt 7,14).

13 Por mais que sonhemos com milagres que dispensem nossos esforços, a proposta de Jesus exige de nós conversão, compromisso e disponibilidade. Seguindo-o, descobriremos que não há seguimento sem desapego; não há vida sem morte; não há alegria sem o dom de si próprio; não há vitória sem luta; não há cristianismo sem alegria. Dessas coisas Maria Santíssima entende muito bem. Entende e ensina, porque continua sendo mãe e mestra.

14 Fonte: Murilo S.R. Krieger – Música – Ave Maria Bach – Imagens – Google – Formatação – Altair Castro 25/08/2012


Carregar ppt "DESAFIOS DO TERCEIRO MILÊNIO Quais os desafios mais importantes que nosso mundo enfrentará neste terceiro milênio? Qual a resposta que, como cristãos,"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google