A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Panorama sobre as Bibliotecas Escolares e Públicas e a atuação dos profissionais: Técnico em Biblioteconomia Profª Drª Lizandra Brasil Estabel – CRB 10/1405.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Panorama sobre as Bibliotecas Escolares e Públicas e a atuação dos profissionais: Técnico em Biblioteconomia Profª Drª Lizandra Brasil Estabel – CRB 10/1405."— Transcrição da apresentação:

1 Panorama sobre as Bibliotecas Escolares e Públicas e a atuação dos profissionais: Técnico em Biblioteconomia Profª Drª Lizandra Brasil Estabel – CRB 10/1405 Três Coroas 2013

2 O conceito da biblioteca escolar mudou, antes, vista como local de silêncio, quase um templo sagrado, hoje a biblioteca pulsa vida, descoberta, alegria, prazer. Imaginar uma biblioteca sem o burburinho de seus leitores, repletos de sonhos, expectativas, desejos é pensar em biblioteca como depósito, mausoléu. (MORO; ESTABEL, 2003).

3 A biblioteca escolar promove serviços de apoio à aprendizagem e livros aos membros da comunidade escolar, oferecendo-lhes a possibilidade de se tornarem pensadores críticos e efetivos usuários da informação, em todos os formatos e meios. (Manifesto IFLA/UNESCO).

4 É essencial a qualquer tipo de estratégia de longo prazo no que respeita a competências à leitura e escrita, à educação e informação e ao desenvolvimento econômico, social e cultural. A responsabilidade sobre a biblioteca escolar cabe às autoridades locais, regionais e nacionais, portanto deve essa agência ser apoiada por política e legislação específicas. É parte integral do processo educativo.

5 apoiar e intensificar a consecução dos objetivos educacionais definidos na missão e no currículo da escola; desenvolver e manter nas crianças o hábito e o prazer da leitura e da aprendizagem, bem como o uso dos recursos da biblioteca ao longo da vida; oferecer oportunidades de vivências destinadas à produção e uso da informação voltada ao conhecimento, à compreensão, imaginação e ao entretenimento;

6 organizar atividades que incentivem a tomada de consciência cultural e social, bem como de sensibilidade; proclamar o conceito de que a liberdade intelectual e o acesso à informação são pontos fundamentais à formação de cidadania responsável e ao exercício da democracia; promover leitura, recursos e serviços da biblioteca escolar junto à comunidade escolar e ao seu derredor.

7 É o centro local de informação, tornando prontamente acessíveis aos seus utilizadores o conhecimento e a informação de todos os gêneros. (Manifesto IFLA/UNESCO).

8 Criar e fortalecer o prazer da leitura nas crianças, desde a primeira infância; Apoiar a educação individual e a auto- formação, assim como a educação formal a todos os níveis; Estimular a imaginação e criatividade das crianças e dos jovens; Fomentar o diálogo inter-cultural e a diversidade cultural;

9 Apoiar a tradição oral; Assegurar o acesso dos cidadãos a todos os tipos de informação da comunidade local; Apoiar, participar e, se necessário, criar programas e atividades de alfabetização para os diferentes grupos etários.

10 A construção conjunta: bibliotecário, técnico em biblioteconomia, professor e usuários transformam-se em protagonistas ativos do processo de aprendizagem e novos saberes tornando-se sujeitos autônomos na busca, no acesso, no uso e na produção da informação e no exercício pleno da cidadania.

11 Instituição Pública: Técnico em Biblioteconomia: IFRS- Câmpus Porto Alegre (modalidade presencial e em EAD). Instituição Privada: Escola Técnica Cristo Redentor

12 Técnico em Biblioteconomia Profissional de nível pós-médio (técnico) capacitado e habilitado para atuar como assistente junto aos Bibliotecários (bacharéis em Biblioteconomia), no âmbito das empresas e/ou instituições públicas e/ou privadas. Áreas de atuação Bibliotecas públicas, escolares, universitárias, especializadas, centros de pesquisa e documentação, empresas privadas ou estatais, sindicatos, associações, Organizações Não Governamentais (ONGs), escritórios de profissionais liberais.

13 Técnico em Biblioteconomia: perfil profissiográfico 1 Denominação do Profissional: Técnico com Biblioteconomia 2 Qualificação Profissional: Nível de Escolaridade Pós-Médio

14 Técnico em Biblioteconomia: perfil profissiográfico 3 Atribuições Realizar atividades técnico administrativas de auxílio à organização, tratamento, disseminação, preservação, conservação e recuperação das unidades de acervo; Executar procedimentos relacionados com a alimentação de sistemas informatizados de recuperação de informações; Recepcionar/atender pessoas; Assessorar o planejamento e a execução de reuniões e/ou eventos;

15 Participar de atividades de incentivo à leitura e formação de leitores; Atuar no processo de acessibilidade e a inclusão social e digital de Pessoas com Deficiência; Participar da realização de atividades de pesquisa e de extensão; Realizar suas atividades, buscando a qualidade do desenvolvimento de recursos e serviços biblioteconômicos. Técnico em Biblioteconomia: perfil profissiográfico

16 CLASSIFICAÇÃO BRASILEIRA DE OCUPAÇÕES Técnico em Biblioteconomia Tratador de documentos (Biblioteconomia), Técnico de biblioteca, Técnico de documentação e informação, Técnico em documentação Descrição Sumária Atuam no tratamento, recuperação e disseminação da informação e executam atividades especializadas e administrativas relacionadas à rotina de unidades ou centros de documentação ou informação, quer no atendimento ao usuário, quer na administração do acervo, ou na manutenção de bancos de dados. Participam da gestão administrativa, elaboração e realização de projetos de extensão cultural. Colaboram no controle e na conservação de equipamentos. Participam de treinamentos e programas de atualização. Técnico em Biblioteconomia...

17 FUNÇÃO: TÉCNICO EM BIBLIOTECONOMIA: Governo do Estado do Paraná: PREFEITURA DE ESTEIO/RS : Concurso e Nomeação vagas/ Outras Prefeituras: Registro/SP; Santos/SP; Aracruz/ES; Sampaio/TO; Montes Claros/MG, Fernando de Noronha/PE; Nova Friburgo/RJ, Macaé/RJ, entre outras. Ministério Público de Goiás. Universidades: UNESP, UNICAMP, UNIOESTE. Técnico em Biblioteconomia...

18 Bibliotecas Escolares (Rede de Escolas da Prefeitura de Esteio/RS, Rede Marista, Escola Santa Cecília, Rede Unificado, entre outras); Universitárias (FEEVALE, Centro Universitário Ritter dos Reis, FAPA, PUCRS, Unisinos, entre outras); Centro de Pesquisa (Centro Luís Guedes, no HCPA, Fundação Serdil/Saint Pastous); SENAC; Museu (Museu de História da Medicina); Bibliotecas Especializadas (escritórios de advocacia, RBS, entre outras); entre outros... Atuação Profissional

19 Como autônomo: Preservação e Recuperação de Acervos; Contação de Histórias. No ano de 2010 foi realizado Concurso Público para Prefeitura Municipal de Esteio/RS para o cargo de Técnico em Biblioteconomia, 18 vagas, sendo que 15 dos classificados são oriundos do IFRS - Câmpus Porto Alegre. Atuação Profissional

20 LEI Nº 9.674, DE 25 DE JUNHO DE 1998 Dispõe sobre o exercício da profissão de Bibliotecário e determina outras providências. Art. 33. (VETADO) § 3o As Bibliotecas Públicas localizadas em Municípios com até dez mil habitantes e cujo acervo não ultrapasse a duzentos exemplares catalogados poderão funcionar sob a supervisão de um Técnico em Biblioteconomia, devidamente registrado perante o Conselho e, neste caso, deverão comunicar ao respectivo Conselho Regional de Biblioteconomia a criação, o funcionamento e a responsabilidade técnica da Biblioteca, para fins de anotação e controle, sendo isentas de qualquer taxa ou contribuição.

21 Nosso Estado é pioneiro e modelo no âmbito de bibliotecas escolares e de bibliotecas públicas com a implantação do Sistema Estadual de Bibliotecas Escolares (SEBE) e do Sistema Estadual de Bibliotecas Públicas (SEBP). Constituição Estadual (Art. 218 e Art.208).

22 Espaços de aprendizagem e de ação cultural. Programas estaduais e municipais do livro e da leitura. Acervos atualizados e que atendam à bibliodiversidade e a inclusão. Tecnologias de Informação e de Comunicação (TICs).

23 Tecnologias Acessíveis (TAs). Acessibilidade ao espaço físico e à informação para TODOS. Serviço de Referência e Informação que atenda às necessidades da comunidade. Profissionais qualificados e habilitados em cumprimento à legislação vigente. Concurso público para provimento de cargos nas bibliotecas.

24 Programas de formação continuada aos profissionais que atuam nas bibliotecas escolares e bibliotecas públicas. Parcerias com as Instituições de formação de profissionais especializados. Formação de mediadores de leitura na escola e na biblioteca pública. Continuidade da realização dos Fóruns no âmbito do Estado.

25 FRENTE PARLAMENTAR EM DEFESA DA BIBLIOTECA PÚBLICA Lançada no dia 4 de outubro de 2011, na Câmara dos Deputados, presidida pelo Deputado Federal José Stédile e 200 deputados que apoiaram a iniciativa. Objetivo: discutir o papel estratégico da biblioteca pública na formação intelectual do cidadão. Além disso, busca ações de previsão orçamentária e produção de legislação para a implantação de novas bibliotecas, melhoria e modernização das que já existem, qualificação e capacitação dos profissionais que atuam em bibliotecas e defesa do direito do cidadão de acesso à leitura. Mobilização pelas Bibliotecas Públicas

26 FRENTE PARLAMENTAR EM DEFESA DA BIBLIOTECA PÚBLICA Dia 27 de fevereiro de 2013, reunião com a ministra da Cultura, Marta Suplicy. Entre as propostas, a ministra salientou que o MINC vai orientar às prefeituras brasileiras da necessidade de contratarem bibliotecários e técnicos em biblioteconomia para coordenar e atuar na rede de bibliotecas públicas, escolares e comunitárias. Mobilização pelas Bibliotecas Públicas

27 Realização de 35 Reuniões do Fórum Gaúcho pela Melhorias das Bibliotecas Escolares e Públicas. Realização de 2 Fóruns Nacionais pela Melhoria das Bibliotecas Escolares, no RS. Mobilização pelas Bibliotecas Escolares

28 Criação da Comissão Brasileira de Bibliotecas Escolares, no âmbito do FEBAB: Profª Drª Lizandra Brasil Estabel (IFRS-POA) Profª Drª Bernadete Campello (UFMG) Prof Dr Cláudio Marcondes (USP de Ribeirão Preto) Bibliotecária Katharina Berg- Diretora para a América Latina e Caribe da International Association of School Librarianship (IASL) Bibliotecária Carla Floriana Martins- Coordenadora da Rede Marista de Bibliotecas Escolares Centro-Norte Realização do Seminário Biblioteca Escolar, XXV CONGRESSO BRASILEIRO DE BIBLIOTECONOMIA, DOCUMENTAÇÃO E CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO, em Florianópolis, entre os dias 7 e 10 de julho de Mobilização pelas Bibliotecas Escolares

29 Abertas e acessíveis para TODOS!

30 Contação de História Técnico em Biblioteconomia... Sala de Aula

31 Técnico em Biblioteconomia... Laboratório de Recuperação de Acervo

32

33 Saída de campo: viagens para participar de Fóruns e Seminários Fórum Bi-Nacional Brasil Uruguai pela Melhoria das Bibliotecas Escolares: Santana do Livramento/2011

34 IFRS - Seminário Livro e Leitura 20 abril 2010

35 Fórum Nacional pela Melhoria das Bibliotecas Escolares-2011

36 BIBLIOENCONTRO

37 Biblioteca do IFRS- Câmpus Porto Alegre

38 INTERNATIONAL FEDERATION OF LIBRARY ASSOCIATIONS AND INSTITUTIONS. School Library Manifesto. Disponível em:. Acesso em: 12 mar FEDERAÇÃO BRASILEIRA DE ASSOCIAÇÕES DE BIBLIOTECÁRIOS. Modelo Flexível para um Sistema Nacional de Bibliotecas Escolares. Brasília: Comissão Brasileira de Bibliotecas Públicas e Escolares/FEBAB, P MORO, Eliane L. da Silva; ESTABEL, Lizandra Brasil. O Encantamento da Leitura e a Magia da Biblioteca Escolar. Educação em Revista, v. 7, n.40, out ____________. O Processo da Leitura na Família, na Escola e na Biblioteca através das Tecnologias de Informação e de Comunicação e a Inclusão Social das Pessoas com Necessidades Educacionais Especiais. Disponível em: pdf? pdf? RIO GRANDE DO SUL. Constituição do Estado do Rio Grande do Sul. Disponível em:. Acesso em: 12 mar RIO GRANDE DO SUL. Lei nº 8.744, de 09 de novembro de Disponível em: Acesso em: 12 mar

39 Profª Drª Lizandra Brasil Estabel – OBRIGADA!


Carregar ppt "Panorama sobre as Bibliotecas Escolares e Públicas e a atuação dos profissionais: Técnico em Biblioteconomia Profª Drª Lizandra Brasil Estabel – CRB 10/1405."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google